skip to Main Content
25 de setembro de 2020 | 08:46 pm

ILHÉUS: JUSTIÇA CONCEDE PRISÃO DOMICILIAR PARA ACUSADO DE ESQUEMA DE CORRUPÇÃO

Tempo de leitura: 2 minutos

Justiça concede prisão domiciliar a empresário

A titular da 1ª Vara Criminal de Ilhéus, Emanuele Vita Leite, aceitou um pedido da defesa para que o empresário Aedo Laranjeira aguarde o andamento do processo em prisão domiciliar. Ele é sócio da SCM Serviços de Consultoria Contábil, uma das empresas suspeitas de envolvimento no esquema de corrupção que teria desviado milhões de reais da Câmara de Ilhéus.

A medida foi concedida porque Aedo Laranjeira faz tratamento contra um câncer de próstata. O advogado de Laranjeira alegou que as condições do presídio Ariston Cardoso iriam debilitar ainda mais a saúde do empresário. Ele foi preso na quarta-feira (15). A decisão da juíza recebeu parecer favorável do promotor de justiça Frank Ferrari, que conduz as investigações.

Para conceder o benefício da prisão domiciliar, a magistrada impôs uma série de exigências. O acusado terá que prestar mensalmente informações sobre seu estado clínico, instruindo-o com relatório médico e exames atualizados; não pode manter contado com as testemunhas do caso e/ou investigados, à exceção de seu filho, Cleomir Primo Santana.

PROIBIDO DE IR À CÂMARA

De acordo com a decisão judicial, Aedo Laranjeira não pode ir à Câmara de Ilhéus enquanto perdurar o processo; não deve participar de qualquer tipo de negociação e contrato licitatório envolvendo entes e órgãos públicos, tanto na esfera municipal, estadual, como Federal. Ele também está proibido ausentar-se de seu domicílio para finalidades distintas do seu tratamento

Além disso, deve-se manter recolhido à residência no perdido das 18 às 6 horas, salvo para exames e/ou consultas;e permanecer na residência nos domingos e feriados em tempo integral, durante o tempo determinado para a prisão domiciliar, a menos que haja autorização para alteração do horário de recolhimento. Da Redação do PIMENTA com informações do Blog do Gusmão.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top