skip to Main Content
24 de fevereiro de 2020 | 03:10 am

MEC LIBERA SÓ R$ 10 MILHÕES PARA A UFSB E OBRAS CONTINUAM PARALISADAS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Obras do campus da UFSB permanecem paralisadas por falta de recursos || Foto Divulgação

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) obteve a liberação de cerca de R$ 10 milhões dos recursos que estavam bloqueados pelo Ministério da Educação (MEC). Desse total, R$ 4 milhões são referentes a verbas de custeio e R$ 6 milhões a investimentos, como obras de reforma e ampliação dos campi em Porto Seguro e em Teixeira de Freitas e a construção do campus de Itabuna, numa área cedida pela Ceplac para abrigar a reitoria, o Instituto de Humanidades, Artes e Ciência e centros de Formação em Tecnociência e Inovação e Agroflorestais.

De acordo com a reitora da UFSB, Joana Angélica Guimarães, os R$ 6 milhões serão destinados a pagamento de obras já realizadas nos três campi e que os trabalhos continuarão paralisados até a liberação de novos recursos. Segundo a reitora afirmou ao Blog do Thame, a universidade ainda espera receber mais R$ 5 milhões, o que permitiria o reinício das obras. A estrutura corre o risco de deteriorar caso não seja finalizada nos próximos meses.

Joana Angélica disse que tem feito gestões junto ao MEC e à bancada baiana no Congresso Nacional para agilizar a obtenção de mais recursos. As verbas já liberadas garantem o funcionamento da UFSB em Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas até o final de 2019, mas não a retomada das obras.

FORÇA-TAREFA RETIRA MAIS DE 10 TONELADAS DE ÓLEO DAS PRAIAS DE ILHÉUS

Tempo de leitura: 2 minutos

Marinha, Bombeiros, agentes de limpeza e voluntários trabalham na limpeza das praias

Ilhéus já retirou, desde a última sexta, mais de 10 toneladas de praias do Centro e dos litorais norte e sul, conforme balanço feito pelo comitê que reúne voluntários, Prefeitura, Marinha e Corpo de Bombeiros. A maior quantidade foi removida hoje (29), quando a lama tóxica atingiu as praias da Soares Lopes (Avenida), no centro da cidade, de Ponta da Tulha, Ponta do Ramo e São Domingos, no litoral norte (reveja aqui).

As manchas de petróleo atingem 19 municípios baianos, de acordo com levantamento feito pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema). No sul e baixo-sul do estado, praias de Morro de São Paulo e Ilha de Boipeba, no município de Cairu, Maraú, Ituberá, Una e Canavieiras, além de Ilhéus, foram manchas pelo petróleo.

Maior município do interior do Estado atingido pelas manchas de petróleo, Ilhéus tem cerca de 700 pessoas envolvidas na retirada do óleo das praias, sendo 490 delas voluntárias, segundo afirmou ao PIMENTA o secretário de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo, Jerbson Moraes.

ZONA SUL

Nesta manhã, a maior parte dos voluntários atuou na limpeza de praias do litoral norte. A primeira região afetada pelo óleo foi a Praia do Norte, na última sexta (25), a menos de 2 quilômetros de Juerana, tradicional vila de pescadores no litoral norte ilheense. Após este registro, praias do sul também foram afetadas no sábado e no domingo (26 e 27), porém em menor quantidade.

RUI É O GOVERNADOR MAIS BEM AVALIADO PELOS LÍDERES DO CONGRESSO, DIZ PESQUISA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Rui Costa, da Bahia, é o governador mais bem avaliado entre líderes do Congresso || Foto Divulgação

Rui Costa é o governador mais bem avaliado pelos líderes do Congresso Nacional, revela a pesquisa Painel no Poder, feita pelo site Congresso em Foco, em parceria com a Inn Press Oficina. O resultado do levantamento foi divulgado nesta terça (29).

Na segunda e na terceira colocação, aparecem, respectivamente, os chefes do executivo do Espírito Santo, Renato Casagrande; e do Maranhão, Flávio Dino. Rui alcançou nota 3,6, na média ponderada de 1 a 5. Depois dos três primeiros colocados, vêm os governadores do Ceará, Camilo Santana; do Piauí, Wellington Dias; e de Pernambuco, Paulo Câmara. A pesquisa foi feita no período de 16 a 27 setembro.

Realizada com metodologia científica, a Painel do Poder é uma ferramenta para estudos legislativos, que usa a técnica de pesquisa por painel, feita a cada três meses. Ela contempla investigações tanto quantitativas como qualitativas, tomando por base uma amostra de líderes de aproximadamente 100 parlamentares.

Desta vez, foram ouvidas 79 lideranças, mas oito entrevistas foram inteiramente descartadas para que a amostra considerada ficasse mais próximo da correlação real de forças do Congresso em termos de região, atitude em relação ao governo e expressão partidária.

CONFERÊNCIA REGIONAL EM ILHÉUS DEFINE AÇÕES DE CIÊNCIA E ELEGE DELEGADOS

Tempo de leitura: 2 minutos

Conferência Regional de Ciência é realizada em Ilhéus

A Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) realizou, nesta terça-feira (29), na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), na rodovia Ilhéus-Itabuna, a etapa regional Litoral Sul das Conferências Macroterritoriais de Ciência, Tecnologia e Inovação.

O evento, que acontece até dia 31 em outras 10 cidades baianas, tem o objetivo de identificar as principais demandas e elaborar a nova política estadual do setor, considerado estratégico para o desenvolvimento regional. Além disso, a conferência elege os 20 delegados de cada região que participarão da IV Conferência de CT&I, nos dias 5 e 6 de dezembro, em Salvador.

Os 20 delegados escolhidos em cada macroterritório ficarão responsáveis por apresentar as demandas das regiões, representando os segmentos empresarial, Institutos de Ciência e Tecnologia, (universidades, centros de pesquisa), poder público, sociedade civil organizada e entidades de representação setorial, como, por exemplo, Fieb, Sebrae, Ibametro, dentre outros.

Leia Mais

CACAU FINO DO SUL DA BAHIA CONCORRE A PRÊMIO NA FRANÇA NESTA QUARTA-FEIRA

Tempo de leitura: 2 minutos

cacau do sul da Bahia concorre a prêmio na França|| Foto Divulgação

Duas amostras de cacau produzido no Brasil, uma da Bahia e outra do Pará, estão entre as 50 finalistas do Programa Cacau de Excelência (CoEx 2019), que premia as melhoras amêndoas entre os países produtores de cacau do mundo. A premiação será nesta quarta-feira (30), durante o Salão do Chocolate, em Paris, na França. O evento será realizado até o próximo dia 3.

O representante baiano é o produtor João Dias Tavares, que é dono de uma fazenda em Uruçuca e já viveu a experiência de ganhar, por mais de uma vez, o prêmio pela produção de cacau fino. Há 10 anos, Tavares foi o primeiro produtor de cacau brasileiro a receber o prêmio pela qualidade das amêndoas.

João Tavares é um craque no campo quando o assunto é produção de amêndoas de alta qualidade. Ele ganhou duas edições da CoEx, por dois anos consecutivos, em 2010 e 2011. As amêndoas são produzidas na Fazenda Leolinda, de cerca 700 hectares, no município de Uruçuca, no sul da Bahia.

João Tavares ao lado do empresário belga Pierre Marcolini

PROCESSO DE SELEÇÃO

A seleção das amostras brasileiras foi feita pela Comissão do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em parceria com o Centro de Inovação do Cacau (CIC).

Inicialmente, foram apresentadas oito amostras dos maiores produtores de cacau do Brasil (cinco da Bahia, duas do Pará e uma do Espírito Santo). Já em Paris, foram selecionadas duas para concorrer à premiação final. A outra finalista brasileira é a produtora Elcy Gutzeit, do Pará.

O CoEx tem como objetivo reconhecer e valorizar o trabalho dos produtores de cacau de alta qualidade, valorizando a diversidade de sabores de diferentes origens. O prêmio promove ainda a educação ao longo da cadeia de valor do cacau no sentido de estimular a produção de alta qualidade e a preservação dos sabores resultantes da diversidade genética.

O CoEx visa também facilitar a comunicação e construir elos entre produtores de cacau, cadeias de abastecimento e oportunidade de mercado.Os finalistas brasileiros já estão entre as 50 melhores amostras do mundo.

KALUNGA PREVÊ FATURAR R$ 1 MILHÃO POR MÊS EM LOJA NO SHOPPING JEQUITIBÁ

Tempo de leitura: 2 minutos

Kalunga vai inaugurar em Itabuna a quinta loja na Bahia || Foto Reprodução

A Kalunga inaugura sua quinta loja na Bahia, desta vez no município de Itabuna. A partir desta sexta-feira (1º), os frequentadores do Shopping Jequitibá, um dos principais polos de negócios da região, podem conhecer as novidades do novo estabelecimento.

A loja em Itabuna funcionará em espaço de 500 metros quadrados. Por Itabuna ser caracterizado como polo universitário regional, os estudantes e demais clientes poderão encontrar um mix de mais de 11 mil produtos da maior varejista do segmento de papelaria, material escolar, suprimentos para escritório e informática do país.

Quando o novo estabelecimento atingir o nível de maturação, a Kalunga estima faturamento entre R$ 800 mil e R$ 1 milhão por mês. “A abertura de mais uma loja na Bahia reforça a liderança nacional da rede em seu segmento, além de confirmar a importância da região para a conquista de melhores resultados”.

A rede possui mais de 200 lojas em todo o país e espera chegar a 250 unidades em 2020. Além das cinco lojas na Bahia, a Kalunga está presente em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, Bahia, Ceará, Pernambuco, Goiás, Rio Grande do Norte, Sergipe, Paraíba, Alagoas, Rondônia, Mato Grosso, Maranhão, Pará e Piauí e no Distrito Federal.

EXPANSÃO DO SHOPPING JEQUITIBÁ

Já nesta quinta (31), o Shopping Jequitibá promove evento para convidados para a inauguração da segunda expansão do centro de compras onde funcionará a Kalunga. Cerca de R$ 25 milhões estão sendo investidos pelo Jequitibá para abrigar novas lojas e serviços, além das salas de projeção da Cinemark, previsto para inaugurar até dezembro.

QUATRO CANDIDATOS CONCORREM À REITORIA DA UESC; ELEIÇÃO SERÁ EM NOVEMBRO

Tempo de leitura: 2 minutos

Bahia, Guilhardes, Alessandro e Marinho disputam a reitoria da Uesc

Quatro chapas vão concorrer aos cargos de reitor e vice da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), após homologação na manhã desta terça-feira (29) pela Comissão Eleitoral. Também foi definido o número de cada uma das chapas concorrentes.

A Chapa 1 será formada por Alessandro Santana para reitor e Maurício Moreau a vice. A Chapa 2 terá Cristiano Bahia como candidato a reitor e George Albuquerque na vice. O professor Guilhardes Júnior, como candidato a reitor e Agna Menezes como vice formam a Chapa 3. Pedro Marinho e Ronan Corrêa são candidatos a reitor e vice, respectivamente, pela Chapa 4.

A campanha eleitoral no campus da Uesc começará na próxima segunda (4) e vai até o dia 22. O colegiado eleitoral escolherá reitor e vice no dia 26 de novembro, quando haverá a apuração e divulgação do resultado. Com R$ 279 milhões para 2019, a Uesc possui o terceiro maior orçamento público do sul da Bahia, perdendo apenas para as prefeituras de Itabuna e de Ilhéus.

Leia Mais

FEIRA POPULAR DO LIVRO SERÁ ABERTA NA SEXTA (1º), NA PRAÇA CAMACAN

Tempo de leitura: < 1 minuto

Ari Rodrigues, da FICC: obras literárias a preços acessíveis

O município de Itabuna receberá, a partir desta sexta-feira (1º), a 2ª Feira Popular do Livro, um projeto de incentivo a cultura, ao conhecimento e a leitura com oferta de cerca de 3 mil obras catalogadas. Os exemplares serão vendidos por valores acessíveis, com descontos que variam de 50% a 80% em relação ao preço de mercado, segundo a organização.

O projeto conta com apoio da Prefeitura de Itabuna, por meio da Diretoria de Turismo da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (Ficc). A Feira Popular do Livre ficará até o dia 20 de novembro na Praça Camacan, no Centro da Cidade, das 10h às 21h.

Segundo o diretor de Turismo da Ficc, Ari Rodrigues, a Feira Popular do Livro é uma oportunidade para a população do município adquirir grandes obrar e se aproximar da cultura literária. Ele revelou, ainda, que o período do evento poderá ser prorrogado.

Os visitantes encontrarão obras da literatura brasileira e estrangeira, biografias, títulos de filosofia e psicologia, história, autoajuda, empreendedorismo, além de livros voltados para estudantes dos cursos de inglês e desenho, de culinária, histórias em quadrinhos e os mais variados best sellers.

ILHÉUS: MANCHAS DE ÓLEO ATINGEM PRAIAS DA SOARES LOPES E DA ZONA NORTE

Tempo de leitura: 2 minutos

Grande quantidade de óleo é retirada da Soares Lopes, em Ilhéus || Foto Divulgação

Após recolher quase duas toneladas de óleo na sexta e no final de semana, Ilhéus volta a registrar novas manchas em praias da região central e da zona norte nesta manhã de terça-feira (29). Equipes da Defesa Civil de Ilhéus e da limpeza pública, do Corpo de Bombeiros e da Marinha, além de voluntários, fazem a remoção de manchas na Praia da Avenida, na Soares Lopes, uma das regiões que mais atraem turistas no município.

Grandes quantidades de óleo foram registradas, além da Soares Lopes, na Ponta do Ramo e na Ponta da Tulha, no litoral norte, além da Praia do Sargi, que fica no limite dos municípios de Ilhéus e de Uruçuca. Há pouco, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo de Ilhéus, Jerbson Moraes, disse ao PIMENTA que as equipes e voluntários estavam finalizando a limpeza da Avenida Soares Lopes e também trabalhando na zona norte.

A previsão é de que o trabalho também no litoral norte seja concluído nas próximas horas. A ação no município envolve cerca de 700 pessoas, dos quais 490 voluntários cadastrados, mais 100 funcionários do município, 60 homens da Marinha e outros 60 do Corpo de Bombeiros.

Com batalhão de servidores municipais, estaduais e federais e voluntários, Ilhéus tem conseguido concluir o trabalho de remoção das manchas ainda no mesmo dia do registro. “A gente conseguiu fazer trabalho antecipado, pois vimos as coisas acontecendo [em outras localidades] e conseguimos união [com Marinha, Bombeiros e voluntários]. Quando a mancha chegou já na sexta, a gente já estava um pouco preparado. De quinta para cá, evoluímos muito no modo de trabalhar”, disse Jerbson ao PIMENTA ao comentar a agilidade das equipes, Marinha, Bombeiros e voluntários.

MANGUEZAIS NÃO FORAM AFETADOS

Questionado se estuários marinhos foram afetados até aqui, o secretário disse que não houve registro. Marinha, Bombeiros, Prefeitura e Voluntários criaram um comando único e as ações têm sido rápidas para a remoção, o que impede o avanço da mancha para manguezais.

“Pelo menos, até agora, a gente consegue limpar rápido. Mas é muito risco [de atingir os manguezais]. Temos a Baía do Pontal, por exemplo, que é grande. Aí é outra técnica de retirada [do óleo]. Se houver quantidade maior [de óleo], tem que melhorar, aperfeiçoar o trabalho”. O registro de mancha na Soares Lopes soou o alarme para a possibilidade de invasão da mancha na Baía do Pontal, onde desembocam três rios, o Cachoeira, dentre eles.

O primeiro registro de manchas de óleo em Ilhéus ocorreu na sexta-feira (25), quando grande quantidade foi retirada da Praia do Norte, a 7,5 quilômetros do centro da cidade e a 1,5 quilômetro de Juerana, vila de pescadores com quase mil habitantes. No sul da Bahia, os municípios mais afetados pelas manchas até agora foram Ilhéus e Una, além de Canavieiras.

 

PREPARADÃO UNIVERSIA DO ENEM SERÁ TRANSMITIDO AO VIVO PELA TVE

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Universia realiza nesta quarta-feira (30), no Estádio do Ibirapuera em São Paulo, a 2ª edição do Preparadão Universia, maior festival sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do País. O evento terá transmissão ao vivo da TVE, de 9h30 às 13h e de 14h às 16h30.

A emissora pública que exibe diariamente o programa Hora do Enem, às 7h e às 18h, também vai exibir um dos maiores eventos de educação do Brasil. Profissionais consagrados como professor Nelson, de língua portuguesa, Paulo Jubilut, de Biologia e os físicos Daniel Angelo, Gerson Julião e Wilson Namen do Ciência em Show, farão parte do aulão.

O evento traz dicas para o Enem, vestibulares e carreira, e conta com momentos de descompressão e diversão para os participantes. Youtubers e influenciadores digitais como Rafael Cortez e Aline Wirley animarão o ginásio.

Back To Top