skip to Main Content
18 de fevereiro de 2020 | 09:39 pm

AÇOUGUEIRO DE VITÓRIA DA CONQUISTA É ACUSADO DE ENVOLVIMENTO EM FURTO DE GADO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Açougueiro é preso acusado de comprar gado furtado

Equipes do Departamento de Polícia do Interior (Depin) prenderam, na sexta-feira (17), envolvidos no furto de 21 cabeças de gado da raça Nelore, avaliados em R$ 60 mil.Os animais foram levados pelos bandidos, da  zona rural de Itapetinga, no sudoeste da Bahia, na última quarta-feira (15).

De acordo com o coordenador regional da 21ª Coorpin de Itapetinga, delegado Roberto Júnior, o gado foi levado para um frigorífico em Vitória da Conquista, onde foi abatido e teria sua carne comercializada naquela região. A polícia identificou dois autores do furto, bem como um caminhoneiro que transportou o gado até Conquista e o dono de um açougue que comprou o gado furtado.

As investigações conduzidas em conjunto com a 10ª Coorpin/Conquista e DT/Itapetinga, revelaram que o açougueiro falsificou um documento para justificar a origem dos animais e conseguir abatê-los em um frigorífico de Conquista. A polícia não divulgou os nomes dos envolvidos nos crimes.

Ele e o caminhoneiro vão responder por falsidade ideológica e receptação. Outros três criminosos participaram do furto e são procurados.A carne recuperada durante a ação policial foi restituída ao proprietário dos animais.

Back To Top