skip to Main Content
27 de fevereiro de 2020 | 01:39 am

HOSPITAL COSTA DO CACAU ADOTA ALTA TECNOLOGIA PARA DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DE DOENÇAS DO CORAÇÃO

Tempo de leitura: 2 minutos

Costa do Cacau: alta tecnologia para tratamento de doenças cardíacas

Maior unidade hospitalar pública do interior da Bahia em número de estudos hemodinâmicos (cateterismos cardíacos), o Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, avança ao utilizar alta tecnologia para o diagnóstico e tratamento das doenças do coração.

Na última quarta-feira (12), o HRCC atingiu mais um marco em sua oferta de serviços em saúde, com a realização da primeira Ecocardiografia Transesofágica, procedimento inédito em instituição pública do interior baiano. Esse método diagnóstico é muito bem estabelecido nas diversas nas diversas doenças cardíacas, obtendo imagens do coração por meio de transdutor presente na extremidade de uma sonda introduzida dentro do esôfago.

De acordo com Almir Gonçalves, diretor assistencial do HRCC, essa técnica é indicada para visualizar a anatomia cardíaca e suas malformações, diagnóstico de fontes de embolia pulmonar e sistêmica, presença de trombos intracavitários pré-cardioversão. “Proporciona melhor detalhamento anatômico e funcional das valvas cardíacas e de próteses valvares, diagnóstico e avaliação de complicações de endocardite e doenças da aorta”, complementou.

O diretor assistencial destacou que devido ao investimento do governo do estado em saúde pública de qualidade, em breve, será implementada, no HRCC, a modalidade transtorácica e transesofágica, a ecocardiografia sob estresse, tridimensional e strain. “Conquistas como estas, realizadas no interior, ratificam que estamos no caminho certo e nos impulsiona na busca cotidiana de melhorias, com o intuito de atender cada vez mais e melhor os nossos pacientes”, concluiu.

EQUIPE

Participaram do procedimento realizado Levi Ramos, coordenador do serviço de anestesiologia; Almir Gonçalves, cardiologista coordenador da UTI 3, direcionada aos cuidados de pacientes cardiopatas e responsável pelo serviço de ecocardiografia; Roland Lavigne médico intensivista; e a enfermeira Soraya Rios.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top