skip to Main Content
4 de abril de 2020 | 11:29 am

APÓS DERROTA JUDICIAL, TEL ADOTA TELETRABALHO NA UNIDADE DE ITABUNA

APÓS DERROTA JUDICIAL, TEL ADOTA TELETRABALHO NA UNIDADE DE ITABUNA
Tempo de leitura: < 1 minuto

A filial da Tel em Itabuna decidiu adotar o teletrabalho após sofrer derrota judicial ao tentar obter liminar que permitisse abrir a unidade de telemarketing no sul da Bahia. Hoje, os funcionários estão sendo comunicados que irão trabalhar em casa (teletrabalho). Os equipamentos estão sendo entregues aos funcionários em suas residências.

A Tel resistia a cumprir decreto do prefeito em exercício de Itabuna, Fernando Vita, que proibiu a abertura de empresas de vários segmentos na guerra contra o coronavírus. Na manhã de sábado, homens da Guarda Municipal foram até o local e fecharam a empresa.

Logo depois a Tel entrou com ação judicial para tentar reverter o fechamento temporário no período de isolamento social determinado em decreto municipal. O juiz da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Itabuna, Ulisses Maynard Salgado, indeferiu o pedido, observando que a medida é excepcional e as autoridades em saúde fazem estimativa de pico de casos de coronavírus em prazo de duas semanas, razão pela qual a medida do município é necessária. A empresa adotou o teletrabalho, como também já havia sugerido o Ministério Público do Trabalho (MPT) a empresas do sul da Bahia.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top