skip to Main Content
24 de maio de 2020 | 06:53 pm

EM ILHÉUS, COMUNIDADE DE BANCO DO PEDRO SOFRE COM “PAREDÕES” E BARES LOTADOS

EM ILHÉUS, COMUNIDADE DE BANCO DO PEDRO SOFRE COM “PAREDÕES” E BARES LOTADOS
Tempo de leitura: < 1 minuto

Do ValiNada

Na contramão do isolamento social e sem a devida fiscalização pela Polícia Militar e pelo Gabinete de Crise da Prefeitura de Ilhéus, a comunidade de Banco no Pedro assiste apreensiva às disputas de “Paredões”, diariamente. E teme pelo avanço do novo coronavírus na pacata localidade.

Os paredões são promovidos por pessoas oriundas de Itabuna e de outras localidades, que vão para uma área conhecida como “baia”. Com cavalos e carros e seus paredões, fazem dos decretos verdadeiros feriados. Bares, botecos ficam lotados em tempos de covid-19.

Moradores relataram que na semana passada e ontem a noite, foram ouvidos tiros no local. Cobram atitude por parte do prefeito Mário Alexandre e do seu Gabinete, constituído e nominado de Gabinete de Crise.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top