skip to Main Content
1 de março de 2021 | 10:47 am

FERNANDO FALA DE ESTRATÉGIAS PARA RETA FINAL E CRITICA PESQUISA SEM REGISTRO

FERNANDO FALA DE ESTRATÉGIAS PARA RETA FINAL E CRITICA PESQUISA SEM REGISTRO
Tempo de leitura: < 1 minuto

Fernando Gomes, sentado, conversa durante visitas a bairros

A decisão da Justiça Eleitoral em Itabuna pela suspensão de comícios, passeatas e carretas foi analisada pelo prefeito Fernando Gomes (PTC) “positivamente”. O prefeito concorre à reeleição e já havia optado por suspender carreatas e caminhadas por causa do avanço da covid-19 no município. Agora, mantém as visitas aos bairros e grava programas eleitorais.

Fernando, neste final de semana, aproveitou para criticar a divulgação de pesquisas, nas redes sociais, sem registro no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). Na semana passada, ganharam as mídias digitais (redes sociais e Whatsapp) duas versões de uma mesma pesquisa, sem registro, que lhe eram desfavoráveis. “Eleição e mineração só depois da apuração. Sempre acreditei na força do voto e no trabalho que conduz à realização de grandes obras”, disse.

OBRAS

Prefeito no quinto mandato e tentando mais quatro anos à frente do Centro Administrativo Firmino Alves, Fernando decidiu por mostrar obras realizadas nos mais de 20 anos de poder e prometeu asfaltar todos os bairros de Itabuna. Os adversários, a exemplo de Mangabeira, vêm criticando a qualidade da pavimentação asfáltica, associando-a ao mais popular composto antiácido e analgésico, o Sonrisal, efervescente que dissolve no contato com a água.

Para assegurar a promessa de asfaltamento de 100% dos bairros, Fernando diz que o município está adquirindo usina de asfalto. Ele ainda enumera outras promessas, como a construção de nova ponte e segunda passarela sobre o Rio Cachoeira, além de fortalecer o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães.

Conforme a assessoria do candidato, a estratégia de Fernando na reta final também prevê a divulgação de apoios da comunidade e de parlamentares, sem também descartar a inclusão de líderes religiosos. A recuperação da economia itabunense também é citada.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top