skip to Main Content
11 de abril de 2021 | 12:49 pm

ALMADINA E ITAPÉ APLICARAM 90% DA PRIMEIRA DOSE DAS VACINAS CONTRA A COVID-19

ALMADINA E ITAPÉ APLICARAM 90% DA PRIMEIRA DOSE DAS VACINAS CONTRA A COVID-19
Tempo de leitura: 2 minutos

Dos 417 municípios baianos, 27 já aplicaram mais de 90% das vacinas contra o novo coronavírus distribuídas pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab. Entre as localidades no topo do ranking dos que mais aplicaram a primeira dose dos imunizantes contra a doença estão Almadina e Itapé.

A lista inclui ainda Apuarema, Itagi, Itaguaçu da Bahia, Itanagra, Jaborandi, Maiquinique, Riacho de Santana, Sapeaçu, Teofilândia, Várzea da Roça, Jitaúna, Contendas do Sincorá, Bom Jesus da Lapa, Igaporã, Mairi, Bom Jesus da Serra, Presidente Dutra, Catolândia, Queimadas, Morro do Chapéu, Serra Dourada, Ipupiara, América Dourada, Canápolis e Itapebi.

De acordo com a Sesab, a vacinação está lenta nos dois municípios mais populosos do sul da Bahia. Em Itabuna, o percentual de imunizados chega a 29,6% (1.191) e em Ilhéus atinge 33,8% (2.204). O primeiro município recebeu 4.017 doses das duas vacinas (Astrazeneca e CoronaVac). O segundo foi beneficiado com 7.107 doses. O total de 117.734 pessoas em todo o estado já haviam sido vacinadas até o início da tarde de hoje. Acesse os dados aqui.

CASOS DE COVID-19 NA BAHIA

A Bahia, nas últimas 24 horas, registrou 3.970 casos de Covid-19. Dos 574.062 casos confirmados desde o início da pandemia, 553.011 já são considerados curados e 11.099 casos encontram-se ativos.

Os casos de Covid-19 ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (21,97%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes são Ibirataia (11.513,85), Itororó (9.773,33), Itabuna (8.998,09), Muniz Ferreira (8.973,32) e Conceição do Coité (8.857,26).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 962.673 casos descartados e 135.994 em investigação. número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 9.952, representando uma letalidade de 1,73%. O percentual de casos de mortes com comorbidade foi de 70,80%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (73,99%).

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top