skip to Main Content
8 de maio de 2021 | 10:02 pm

PM DO SUL DA BAHIA SURTA, FAZ DISPAROS NO FAROL DA BARRA E É BALEADO PELO BOPE

PM DO SUL DA BAHIA SURTA, FAZ DISPAROS NO FAROL DA BARRA E É BALEADO PELO BOPE
Tempo de leitura: < 1 minuto

O soldado Wesley Soares Góes, lotado na 72ª Companhia Independente de Policia Militar em Itacaré, invadiu o gramado em frente ao Farol da Barra, em Salvador, desceu do veículo e fez vários disparos para cima, na tarde deste domingo (28), conforme relatos de testemunhas ao PIMENTA. O incidente ocorreu ao longo da tarde e foi confirmado pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

De acordo com a SSP-BA, o soldado da PM sofreu surto psicótico. Depois de várias horas de negociação, o soldado não cedeu e acabou baleado, no início da noite. Ele foi imobilizado depois de ações de equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Superintendência de Inteligência (SI) e CPR-Atlântico da Polícia Militar.

Equipes conseguiram imobilizar o soldado no início da noite

O policial militar foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para o Hospital Geral do Estado. O estado de saúde do militar ainda não foi divulgado.

Segundo relatos de testemunhas, o soldado teria feito os primeiros disparos na Avenida Sete de Setembro. O PM estava em um veículo Renault Duster e foi perseguido por policiais militares. Ao chegar ao Farol da Bahia, o soldado fez novos disparos, como mostram vídeos publicados nas redes sociais. Um especialista em gerenciamento de crise chegou ao local, mas não conseguiu acalmar o PM.

Esta publicação possui 5 comentários
  1. Triste é o despreparo da Polícia. Tantos tiros para imobilizar, tiros a ponto de colocar a vida do colega com problemas psicológicos em risco. Entendo a necessidade de imobilizá-lo, para evitar maiores perdas, mas não precisava tantos tiros. Tiros de fuzil para imobilizar seu colega, Polícia da Bahia?

  2. A Ação dos Policiais Militares da Bahia, mostra o quanto eles estão despreparados. Se matam para conter um irmão de farda, que não é nenhum bandido, sofreu apenas um surto, o que não farão com a população do próprio Estado?

  3. Tomou tiro pq surtou e estava armado também, Como mobilizar alguém surtado é ainda armado ou seja quem tenta isso vai tomar tiro.. então ele levou tiro primeiro antes de feri alguém ..agiram bem

  4. Se fosse um bandido, teria todas as regalias por ele requisitado… teria impressa,mãe, esposa etc… como era um cidadão de bem ,ñ teve tempo nem de acalmar;5:00hs foi o tempo máximo para a morte.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top