skip to Main Content
20 de junho de 2021 | 09:21 pm

PICAPE INVADE CALÇADA, ATROPELA E MATA CRIANÇA DE 4 ANOS EM PAU BRASIL

PICAPE INVADE CALÇADA, ATROPELA E MATA CRIANÇA DE 4 ANOS EM PAU BRASIL
Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma tragédia ocorreu na noite desta quinta-feira de Corpus Christi em Pau Brasil, no sul da Bahia. O pequeno Enzo Gabriel, de apenas 4 anos, morreu atropelado ao ser atingido por uma caminhonete Toyota Hilux em cima da calçada de uma residência de amigos, onde estava com os pais.

A caminhonete era dirigida por uma mulher que não possuía habilitação, de acordo com testemunhas. A mulher, ainda segundo relatos, estava aprendendo a dirigir e era orientada por um homem, supostamente dono do veículo. Os dois fugiram sem prestar socorro ao pequeno Enzo Gabriel, mas teriam sido alcançados pela polícia. Teriam alegado que os moradores não permitiram dar assistência à vítima.

O menino chegou a ser levado nos braços ao hospital municipal de Pau Brasil, mas não resistiu aos ferimentos graves causados pelo atropelamento. Além da criança ser atropelada, a caminhonete atingiu um imóvel.

No município, o clima é de revolta. Os familiares de Enzo aguardam liberação do corpo, que está no Departamento de Polícia Técnica(DPT), no Complexo Policial de Itabuna. O velório e sepultamento deverá ocorrer ainda nesta sexta-feira (4), em Pau Brasil, onde a criança residia. Atualizado às 9h15min.

Esta publicação possui 2 comentários
  1. O município também tem sua parcela de culpa, por não fazer fiscalização de rotina, vai ver quando teve fiscalização nessa cidade??? a circulação de veículos assim como sua fiscalização é de responsabilidade publica, quem esta no poder atualmente deve ter sim sua parcela de culpa por omissão no dever de mandar fiscalizar. não podemos incentivar a violência, até porque acidentes acontecem, porem quando a pessoa TOMA CACHAÇA E PEGA EM UM VOLANTE PRA DIRIGIR , (ainda mais uma picape de 3 toneladas) se acontece algo, não é mais acidente e sim assassinato, a lei é bem clara, quando a pessoa dirige sob efeito de álcool ela assume o risco de matar, por isso, se a lei nao funcionar, merecia uma surra bem dada nos dois, até esfolar a bunda, e se esboçasse alguma ameaça, the end nos dois. é assim que a lei funciona.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top