skip to Main Content
6 de junho de 2020 | 11:16 pm

A SOLIDARIEDADE DO MAJOR

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os grevistas da PM que estão aquartelados no 15º Batalhão, de Itabuna, receberam um importante apoio moral. Quem esteve por lá para lhes prestar solidariedade foi o Major Fábio Ferreira (ainda conhecido como Capitão Fábio), nomeado recentemente para o cargo de diretor do Conjunto Penal da cidade.
Apesar do posto ocupado por nomeação do governador, Ferreira pensa que o mais importante é estar bem com a tropa.

TIROTEIO E MORTE NO CENTRO DE ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Corpo de um dos assaltantes mortos na tentativa de assalto (foto Agora na Rede)

Dois assaltantes tentaram aproveitar a greve da Polícia Militar para garantir a feira às custas do alheio, em um posto de combustíveis que funciona bem no centro de Ilhéus. Segundo o site Agora na Rede, o fato ocorreu na noite desta terça-feira, 7, no Posto Ello (antigo Posto Renascer).
Rafael da Silva Brito e outro elemento não identificado chegaram ao local de moto e anunciaram o assalto, já disparando alguns tiros. O que eles não esperavam é que no posto houvesse um policial à paisana fazendo a segurança.
Houve reação ao assalto e troca de tiros, o que provocou corre-corre nas imediações. Clientes correram risco de ser atingidos, mas realmente só quem perdeu a vida foram os dois assaltantes, cujos corpos foram levados para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna.
A família de Rafael Brito alega que ele era apenas um mototaxista.

RÁPIDO NO GATILHO…

Tempo de leitura: < 1 minuto

O deputado federal baiano Maurício Trindade (PR) aproveitou a ocasião e ainda ontem apresentou um requerimento “especial” à presidência da Câmara Federal: a votação imediata da PEC 300/08.
A proposta é tudo o que a presidenta Dilma Rousseff não quer por agora – e leva desespero aos governos estaduais -, mas é o sonho dos policiais militares.
A PEC 300 cria o piso nacional e equipara os salários de policiais civis, militares e bombeiros aos pagos aos colegas do Distrito Federal, hoje acima de R$ 4 mil.
Em tempo: Trindade é da base aliada de Dilma e faz mimos a Wagner, mas sonha comandar a prefeitura de Salvador. É pré-candidato.

SITE DA PEC 300 ANUNCIA PARALISAÇÕES DA PM NO RJ, ES E PR

Tempo de leitura: 1 minuto

Site traz a sequência de paralisações: BA, RJ, ES e PR.

Os governos federal e estadual apontam a paralisação na polícia militar baiana como parte de movimento nacional pela aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que institui o piso nacional para os policiais, a PEC 300. Para o governo baiano, um dos indícios dessa articulação nacional é o site PEC 300.
O site (www.pec300.com) conclama policiais à greve nacional imediata e traz dominós enfileirados. A primeira pedra do jogo de dominó é simbolizada pela Bahia, já em queda. Pela sequência trazida no site, as próximas greves de policiais militares devem acontecer no Rio de Janeiro, Espírito Santo e Paraná. A página é assinada por um soldado que se identifica como Fernando Almanca. Ainda ontem, policiais do Distrito Federal participaram de manifestações em apoio aos PMs baianos.
A greve na polícia militar chegou ao nono dia nesta quarta (8). A adesão é superior a 40% em todo o estado. As principais cidades sulbaianas, Ilhéus e Itabuna, tiveram adesão total à greve. Ilhéus puxou o movimento grevista na terça (31) à noite. Já os policiais de Itabuna aderiram, oficialmente, na última quinta (relembre aqui e aqui).
Os policiais cobram, dentre outras reivindicações, o pagamento da Gratificação por Atividade Policial (GAP), nível IV, já a partir de março. O governo acena com pagamento escalonado, a partir de novembro deste ano. Este foi o entrave nas negociações de ontem.
 

TAXISTA SOBREVIVE APÓS SOFRER SEQUESTRO E DOIS TIROS NA CABEÇA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O taxista Ezequiel de Jesus Dattoli, 26, pode se considerar renascido. Por volta de 1h desta quarta (8), o profissional sofreu sequestro-relâmpago, levou dois tiros na cabeça e conseguiu sobreviver. Os bandidos solicitaram corrida na estação rodoviária, no centro comercial.
Os assaltantes levaram o carro Fiat Uno Way, placa JSH-6795, documento, dinheiro e celular da vítima. Ezequiel conta que os bandidos pediram corrida da rodoviária para o bairro de Fátima e mudaram a rota ao pedir que seguisse pela avenida Bionor Rebouças, Antique.
O taxista foi rendido na avenida e obrigado a tomar a  ponte do São Roque e seguir até o semianel rodoviário. Logo após o condomínio Pedro Fontes, a dupla anunciou o assalto, fazendo-o passar para o banco traseiro, sob a mira de revólver. “Você perdeu”, anunciavam à vítima.
Os assaltantes seguiram até a estrada de Mutuns, onde pararam o veículo e mandaram a vítima deitar e levantar os braços. Dois tiros foram disparados em seguida, acertando a cabeça da vítima. A dupla fugiu pensando ter matado a vítima, que conseguiu caminhar até o semianel e ser socorrido e levado ao Hospital de Base. Ele passou por cirurgia para extração de uma das balas.

FEIRANTES NÃO QUEREM IR PARA GALPÕES

Tempo de leitura: 2 minutos

Em reunião com vereador, feirantes se dizem descontentes com proposta de mudança

A Feira do São Caetano não é um dos lugares mais limpos e agradáveis para se fazer compras, mas ainda assim os feirantes que atuam naquele local não aceitam a proposta da Prefeitura de Itabuna, que pretende transferi-los para os antigos galpões da Kildare, no prolongamento da Avenida Manoel Chaves.
Na noite de ontem (7), cerca de 100 feirantes participaram de uma reunião com o vereador Wenceslau Júnior (PCdoB) e manifestaram seu descontentamento. Eles temem que a mudança para os galpões signifique a perda da freguesia e a feira se torne inviável, citando experiências negativas como as dos bairros Conceição e da Mangabinha.
A Prefeitura comprou uma briga com a família Kaufmman, que não aceitava a desapropriação dos galpões, e ganhou a parada. Já deu até nome ao que seria a futura feira do São Caetano: “Mercadão de Itabuna”. Mas se esqueceu de combinar com a parte mais interessada.
Na reunião de ontem, foi formada uma comissão que tentará marcar uma audiência com o prefeito. O grupo pretende reivindicar a limpeza do canal que corta o São Caetano e passa no meio da feira, melhoria dos acessos, organização da coleta de lixo, lavagem periódica da feira, padronização das barracas e melhoria em setores como o que se dedica à comercialização de carne.
Resumindo, os feirantes querem continuar onde estão, porém com melhores condições. Mudar, nem pensar!

ADEUS, WANDO!

Tempo de leitura: < 1 minuto


O cantor Wando morreu na manhã desta quarta-feira, 8, aos 66 anos, vítima de parada cardiorrespiratória.

REVÉS NAS NEGOCIAÇÕES E GREVE DOS OFICIAIS

Tempo de leitura: < 1 minuto

A terça (7) começou com a esperança – alimentada pelo governo – de que a greve da PM baiana chegaria ao fim. As negociações avançaram, mas houve impasse num ponto crucial: a concessão da Gratificação por Atividade Policial (GAP), nível 4. O governo prometeu começar a pagar em novembro. Os policiais cobram pagamento da GAP 4 a partir de março.
Para fechar o dia “no vermelho”, o governo recebeu informação indigesta: aos soldados em greve, juntaram-se os oficiais. 

PADRE NILDEMAR É EXCOMUNGADO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O padre Nildemar Andrade, que teve destacada atuação em Ilhéus e passou depois pelas paróquias de Ipiaú e Ubaitaba, recebeu punição máxima da Igreja Católica, a excomunhão. De acordo com um comunicado assinado pelo bispo diocesano de Ilhéus, D. Mauro Montagnoli, Nildemar foi excomungado porque se filiou a uma corrente da Igreja Anglicana.
Em abril de 2011, o agora ex-padre já havia sido punido, com a suspensão das funções clericais. Em sua passagem pela paróquia de Ipiaú, Nildemar Andrade foi alvo de suspeitas relacionadas à gestão dos recursos da igreja. Três anos antes, ele pretendeu disputar a Prefeitura de Ilhéus, mas acabou candidato a vereador pelo PSL.
A carta que oficializa a excomunhão informa que “quem participa das celebrações promovidas por Nildemar está impedido de receber os sacramentos, ser padrinho ou madrinha de batismo, crisma ou matrimônio, e de exercer qualquer ofício ligado à Sagrada Comunhão ou da Palavra de Deus e de coordenar qualquer ação, movimento ou pastoral da Igreja Católica”.

Back To Top