MARÃO DIZ QUE VOLTA DE SOANE AO GOVERNO “É MUITO PROVÁVEL” E DÁ PISTA DE SECRETARIA

O prefeito Mário Alexandre e a primeira-dama Soane Galvão: parceria política nos planos da família
Tempo de leitura: 2 minutos

O prefeito Mário Alexandre, Marão (PSD), cozinha a reforma administrativa do seu segundo mandato em banho-maria. Já aprovado pela Câmara de Vereadores de Ilhéus, o Projeto de Lei nº 039/2021 ainda não foi sancionado. Se pairam dúvidas sobre as mudanças por vir, a volta da primeira-dama Soane Galvão ao governo “é muito provável”, segundo o próprio prefeito, que conversou com o PIMENTA no início da tarde desta quinta-feira (6), no intervalo entre uma correria e outra da visita do governador Rui Costa (PT) ao município.

O nome da primeira-dama “é uma das grandes alternativas” para a composição do novo time de secretários, porque “ela já provou o que pode fazer na Secretaria de Desenvolvimento Social”, disse o prefeito, referindo-se ao período em que Soane dirigiu a pasta, em 2017. “Inclusive, amanhã vou receber um ônibus por reconhecimento do Ministério da Cidadania pelos avanços da assistência social, o que começou através de Soane”, informou Mário Alexandre.

Quando o prefeito já se afastava para acompanhar o governador, perguntamos se a primeira-dama ocupará a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação, que será transformada numa superpasta com a reforma administrativa. “É, quem sabe? É o investimento que nós temos. Ilhéus hoje está no boom do investimento e ela é capaz de articular com todas as empresas que têm interesse em investir na cidade”, sinalizou Marão.

A possibilidade de Soane Galvão assumir a pasta de Desenvolvimento Econômico foi levantada ao site por duas fontes que acompanham de perto as movimentações no governo.

Ao PIMENTA, a primeira-dama, que também acompanhou a comitiva do governador da Bahia em Ilhéus, disse que o martelo para sua volta ao governo municipal ainda não está batido. “Mas, se ele [o prefeito] ordenar, com certeza estarei aqui para contribuir para o desenvolvimento da nossa região”.

Perguntamos se ela já tem uma legenda em vista para se filiar, considerando que seu nome é cotado para disputar vaga na Assembleia Legislativa da Bahia em 2022. “Não, porque o projeto ainda não está firmado, mas certamente escolheremos um [partido] bem viável”, respondeu Soane Galvão.

IDOSA COMEÇA A RECUPERAR MOVIMENTOS APÓS PROCEDIMENTO INÉDITO NA BAHIA

Idosa foi submetida a procedimento inédito na Bahia
Tempo de leitura: 2 minutos

Quando dona Josefina Maria de Oliveira Santana deu entrada no Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), em novembro do ano passado, as chances dela de não resistir a um acidente vascular cerebral isquêmico (AVCI) variavam entre 80 e 90%. Isso porque, com 75 anos de idade e uma lesão muito grande, a aposentada não era candidata a nenhum tratamento que pudesse lhe favorecer.

Mas, graças a uma iniciativa recém-chegada à instituição, dona Josefina não apenas sobreviveu como melhorou a mobilidade após a doença. Ela foi a primeira pessoa a participar do projeto de abordagem neurocirúrgica para pacientes com acidente vascular encefálico (AVE) – como também é conhecido o AVC – na Bahia. Foi a chance de que precisava para continuar entre os seus.

Passados seis meses da cirurgia, o filho José de Oliveira comemora os resultados. “Minha mãe está bem e eu fico muito agradecido pelo cuidado que ela recebeu no Hospital Roberto Santos. Hoje, mexe a perna direita, dá uns passinhos e, com meu auxílio, consegue até ficar em pé. Ela, que não se movimentava nem falava, já se esforça para caminhar e pronuncia palavras como ‘mamãe’, ‘Maria’, ‘meu Deus’ e ‘Ave Maria’”.

O tratamento oferecido a dona Josefina pode ser considerado revolucionário, pois é o último recurso para ajudar pessoas acometidas pela doença que, conforme dados do Ministério da Saúde, é a segunda maior causa de morte no país.

Para fundamentar essa tese, um estudo desenvolvido no HGRS e publicado em janeiro, na revista médica World Neurosurgery, concluiu que a trombectomia mecânica – como é chamado o procedimento cirúrgico para desobstruir o vaso sanguíneo no cérebro – é factível para o resgate funcional de vítimas de AVE, promovendo a reativação de aéreas hipovascularizadas (a chamada zona de penumbra – um cérebro inativo funcionalmente, mas ainda viável).

JANELA TERAPÊUTICA

Coordenador do serviço de neurocirurgia do Hospital Geral Roberto Santos, o neurocirurgião Leonardo Avellar explica que a meta de qualquer tratamento para AVC é alcançar a recanalização a tempo para permitir a recuperação do tecido cerebral.

Então, para a maior parte dos casos, é preciso agir dentro da famosa janela terapêutica, que, tradicionalmente, contempla até quatro horas e meia do início dos sintomas. Com a trombectomia cirúrgica, essa janela é mais ampla, chegando, em alguns casos, a mais de 24 horas.

“Quando se fala em acidente vascular cerebral isquêmico, a maioria dos hospitais recorre ao tratamento clínico, ou seja, o tratamento para não piorar o quadro. No entanto, ele não possui tanta capacidade de reverter algo que já aconteceu”, conta Avellar.

De acordo com ele, a abordagem neurocirúrgica é vantajosa para esses casos porque amplia a janela de tratamento, é eficaz para reversão de déficits neurológicos, indicada para grandes AVCs e apresenta excelente custo-benefício.

O neurocirurgião explica que na tomografia realizada após um mês da cirurgia de Josefina, pôde observar força grau 2. ” Isso significa que ela consegue andar com apoio; afasia motora, que significa que ela entende parcialmente e pode ter uma vida social razoável, e ganho em tônus postural, conquistado com o auxílio da fisioterapia. É um resultado positivo para o tratamento de um AVC agudo”, avalia.

RUI EVITA PERGUNTA SOBRE BR-415 E GUARDA “SURPRESA” PARA ITABUNA

O governador Rui Costa em visita a Ilhéus nesta quinta-feira (5), acompanhado pelo prefeito Mário Alexandre (PSD), a primeira-dama de Ilhéus, Soane Galvão, o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT) e oficiais da Polícia Militar || Foto Clodoaldo Ribeiro
Tempo de leitura: < 1 minuto

Há quem já tenha perdido as contas das vezes em que o Governo do Estado anunciou que tiraria a duplicação da BR-415 do papel. O governador Rui Costa (PT) ainda estava no seu primeiro mandato, em outubro de 2017, quando chamou de “pessimismo” a desconfiança sobre a viabilidade do empreendimento.

Naquela época, falava com o respaldo de duas obras do seu governo no Sul da Bahia, o Hospital Costa do Cacau, em Ilhéus, e a barragem de Itapé. “Esse pessimismo que existia na região, depois de Rui Costa, ficou para trás. Não é mais projeto, não é mais power point”, disse Rui – relembre aqui

Quase quatro anos após o anúncio de que a obra da duplicação começaria em fevereiro de 2018, nesta quinta-feira (6), durante visita a Ilhéus, o governador evitou pergunta sobre a rodovia. Num tom bem-humorado, disse apenas que vai abordar o assunto nesta sexta-feira (7), em Itabuna. “Da BR eu dou notícia amanhã, é a surpresa de amanhã. Cada surpresa um dia, senão amanhã vocês não vão me encontrar”. A tirada arrancou sorrisos das pessoas em volta.

Após a inauguração da Ponte Jorge Amado e a duplicação de trecho da BA-001 (veja aqui), Rui tem mais duas obras de impacto no currículo para reivindicar a confiança da população sulbaiana na sua palavra, especialmente se a “surpresa” desta sexta-feira estiver à altura dos grandes (e antigos) planos para a rodovia que liga Ilhéus a Itabuna.

STJ MANTÉM AFASTAMENTO DE DESEMBARGADORA DO TJ-BA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) prorrogou por mais um ano o afastamento da desembargadora Sandra Inês Rusciolelli Azevedo, do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA). Ela é investigada na Operação Faroeste por envolvimento no esquema de venda de sentenças judiciais.

A decisão foi proferida de forma unânime pela Corte Especial do STJ, na quarta-feira (5). Ela é contada a partir do dia 23 de março de 2021, quando venceu a primeira determinação. Essa decisão inicial foi dada em maio de 2020, de forma monocrática pelo ministro Og Fernandes, que é relator do processo.

Além de afastada, Sandra Inês está presa desde março de 2020, em uma das fases da Operação Faroeste. Ela é investigada pela suspeita de ter recebido propina de R$ 250 mil, para dar parecer favorável a uma empresa em um processo judicial.

Na decisão, Fernandes, afirmou que ela recebia o dinheiro por meio do filho. O ministro teve acesso a diálogos gravados, que mostravam o envolvimento da desembargadora Sandra Inês com a organização criminosa e com a venda das sentenças.

Sandra Inês foi exonerada do cargo de supervisora do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec) do TJ-BA em abril de 2020.

Outros desembargadores, também investigados na Operação Faroeste, já haviam sido afastados e também tiveram prorrogação desse afastamento: Gesivaldo Nascimento Britto, José Olegário Monção Caldas, Maria da Graça Osório Pimentel Leal e Maria do Socorro Barreto Santiago e os juízes Sérgio Humberto de Quadros Sampaio e Marivalda Almeida Coutinho. Com informações do G1Bahia.

NENHUM GOVERNO INVESTIU TANTO NO SUL DA BAHIA, DIZ RUI EM ILHÉUS

Governador faz entrega oficial da duplicação da BA-001 na Zona Sul de Ilhéus e autoriza construção de escola na Barra de Taípe
Tempo de leitura: 2 minutos

Nesta quinta-feira (6), em visita a Ilhéus, o governador Rui Costa (PT) disse que sua gestão entrará para a história como a que mais investiu no Sul da Bahia. “Eu tenho muito orgulho de finalizar o ano que vem o meu governo e poder encher o peito, abraçar o povo da região sul e dizer: na história da Bahia, nunca houve governo que investisse tanto nessa região como o nosso, em várias áreas, saúde, infraestrutura”, disse o petista, que atendeu a imprensa no Colégio da Polícia Militar Rômulo Galvão, no bairro Pontal.

O sol das 12 horas, a aglomeração inevitável para uma comitiva política e a pandemia contribuíram para que a entrevista ocorresse à sombra de uma árvore, no pátio da escola, ao ar livre. Na mira dos celulares e câmeras, Rui afirmou que a duplicação do trecho de 5,4 quilômetros da BA-001 coroa o pacote de investimentos na Zona Sul de Ilhéus. “E não podia ser diferente, com uma ponte bonita dessa, que é um novo cartão postal da cidade e da região”, acrescentou, citando a Ponte Jorge Amado e suas vias de acesso. Conforme a Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinfra), a duplicação da rodovia custou R$ 10,5 milhões.

Lembrados pelo governador, equipamentos de saúde também estão na lista de obras do Estado na cidade, a exemplo do Hospital Materno-Infantil, com previsão de entrega para o próximo mês, e do Hospital Costa do Cacau.

ZONA NORTE

Depois de destacar a presença do seu governo na Zona Sul, Rui anunciou que voltará suas atenções para a Zona Norte da cidade, onde o avanço do mar causa estragos sociais, econômicos e ambientais. “Hoje, aproveitei para olhar a Zona Norte, que precisa também de uma requalificação. Então, eu já anuncio aqui a minha determinação para o secretário da Seinfra, Marcus Cavalcanti, que nós vamos requalificar também a Zona Norte. Isso tudo para devolver a Ilhéus esse prestígio”.

ESCOLA NA BARRA DE TAÍPE

Mais cedo, por volta das 10h30, Rui Costa foi ao antigo Centro Social Urbano (CSU), na Barra de Taípe, onde assinou ordem de serviço para a construção de uma escola com investimento de R$ 18,5 milhões. O prédio vai ter 25 salas de aula, auditório, biblioteca, laboratórios, sala multifuncional, campo de futebol society e quadra poliesportiva, além da copa e áreas reservadas a professores e gestores.

UNIDADES DA POLÍCIA MILITAR

A agenda corrida do governador incluiu visitas a unidades da Polícia Militar em Ilhéus. “Nós estamos visitando para requalificar esses espaços. No batalhão, vamos colocar grama sintética, pista de cooper, cobrir a quadra”, afirmou.

O governador visitou, ainda, o 2º Batalhão da Polícia Militar. “Eu tive a grata surpresa de saber que aquele batalhão foi edificado ainda em 1800, e nós vamos fazer investimentos ali, inclusive a construção de um auditório que o comandante pediu para que possa servir de treinamento para a unidade”, garantiu.

“NÃO HÁ GOVERNADOR QUE TRABALHOU TANTO NO SUL DA BAHIA COMO RUI”, DIZ ROSEMBERG

Tempo de leitura: 2 minutos

Rosemberg (à esq.) com o governador Rui Costa em Ilhéus, no sul da Bahia

O líder do Governo na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), deputado Rosemberg Pinto (PT), acompanhou, nesta quinta-feira (6), o governador Rui Costa (PT), em Ilhéus, durante a entrega da obra de duplicação da BA-001, na Orla Sul, e a assinatura da ordem de serviço para construção de uma escola de tempo integral. Rosemberg também afirmou que “não há um governador que trabalhou tanto pela nossa região [quanto Rui Costa]”.

Na sexta (7), Rosemberg acompanha o líder baiano na entrega do Semi-Anel Rodoviário de Itabuna, obra solicitada pelo parlamentar baiano. A duplicação do trecho de 5,4 quilômetros da BA-001, entregue hoje em Ilhéus, recebeu R$ 10,5 milhões em investimentos do governo da Bahia. “É um equipamento maravilhoso que melhora a trafegabilidade e requalifica esta saída sul para quem sai de Ilhéus sentido Olivença, Canavieiras. É o governador Rui Costa fazendo mais e melhor pelo Litoral Sul”, celebrou Rosemberg.

NOVA ESCOLA

O novo colégio receberá cerca de R$ 18,5 milhões para construção de 25 salas de aula, auditório para 175 lugares com camarins e área técnica, biblioteca, secretaria, diretoria, coordenação pedagógica, sala de professores, de multimídia, laboratórios de línguas, de informática, dois laboratórios de ciências, sala multifuncional, sala de dança e vivências corporais, copa e sanitários, além de quadra poliesportiva coberta com arquibancada e campo de futebol society.

Leia Mais

AUGUSTO FAZ BALANÇO E AFIRMA TER OBTIDO R$ 18 MILHÕES EM EMENDAS EM BRASÍLIA

Augusto manteve audiências com Paulo Magalhães, ministra Flávia Arruda e Marcelo da Ponte, do FNDE, em Brasília
Tempo de leitura: 2 minutos

O prefeito de Itabuna Augusto Castro (PSD) fez, há pouco, um balanço de sua viagem à Brasília e disse ter obtido R$ 18 milhões em emendas para obras de urbanização, ampliação e reforma de unidades de saúde e assegurado investimentos para a educação e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Ele também afirmou, por meio de sua assessoria, que obteve recursos para a área da alta complexidade da saúde, além de custeio para a Pasta:

– Foi uma semana muito produtiva, na companhia do nosso secretário de Infraestrutura e Urbanismo, Almir Melo, fomos recebidos pela ministra-chefe da Secretaria de Governo da Presidência, Flávia Arruda, e pelo presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Marcelo Lopes Ponte, que acolheram os projetos que apresentamos e foram muito receptivos aos nossos pleitos para Itabuna – afirmou Castro.

AUDIÊNCIA COM MINISTRA E PRESIDENTE DO FNDE

Na audiência com a ministra Flávia Arruda, o prefeito de Itabuna apresentou diversos projetos estruturante. A chefe da Secretaria Geral da Presidência se comprometeu, segundo Augusto, a não apenas encaminhar as reivindicações de Itabuna, como também acompanhar as solicitações em outros ministérios. Já no encontro com Marcelo Ponte, presidente do FNDE, foram assegurados a construção de novas escolas e outros investimentos para os alunos de Itabuna.

“A liberação das emendas parlamentares e o encaminhamento dos projetos que apresentamos passa pela Secretaria Geral da Presidência. Por isso, a importância de uma boa relação com a ministra Flávia Arruda. Com o presidente do FNDE, conseguimos assegurar a construção de duas creches e três escolas. Sendo uma com seis salas, outra com duas salas para a zona rural e uma de grande porte com 12 salas e quadra de esportes na área urbana”, garantiu Augusto Castro.

Também junto ao FNDE, o prefeito de Itabuna viabilizou recursos para a aquisição de mobiliários novos para as escolas do município, livros didáticos e ônibus para o programa de Transporte Escolar. O senador Otto Alencar e o deputado federal Paulo Magalhães foram alguns dos parlamentares baianos que alocaram recursos de emendas para o município de Itabuna.

AMANDA OLIVEIRA LANÇA “A MONTAGEM E SUA CONSTRUÇÃO DE SENTIDOS NO VIDEOCLIPE” PELA EDITUS

Amanda Oliveira lança obra que analisa impacto no videoclipe na indústria da música || Foto Divulgação
Tempo de leitura: 2 minutos

A montagem e sua construção de sentidos no videoclipe está entre as 14 obras lançadas pela Editus, a Editora da Universidade Estadual de Santa Cruz, neste primeiro semestre de 2021. A obra da comunicóloga e jornalista Amanda Oliveira resulta de trabalho de conclusão de curso. A escritora fez Comunicação Social, com Especialização em Rádio e TV na Uesc (Ilhéus). Pela sua qualidade, a monografia recebeu recomendação de publicação.

Uma aula aberta, virtual, marcou o lançamento d’A montagem e sua construção de sentidos, na última segunda (3). A aula foi ministrada pelo professor e teórico Thiago Soares, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), que está presente na mais nova publicação da Editus.

Na sua primeira obra, Amanda, que hoje trabalha na produção de vídeos promocionais e institucionais da TV Santa Cruz, afiliada da Rede Globo no sul da Bahia, destrincha os recursos técnicos, linguísticos e narrativos presentes na construção de videoclipes. Utiliza, para o trabalho, clipes das cantoras e ícones pops mundiais Beyoncé e Lady Gaga.

Lançamento teve aula aberta do professor Thiago Soares, da UFPE

LINGUAGEM ACESSÍVEL

A obra apresenta texto acessível, de fácil compreensão para quem não é da área da comunicação, mas tem interesse em saber mais sobre o processo de produção e os recursos utilizados em videoclipes. Amanda reforça, com A montagem e sua construção de sentidos, que “o hibridismo de montagem tem a capacidade de potencializar o sentido das canções no videoclipe do cenário pop mundial”.

O hibridismo ocorre com o videoclipe agregando conceitos televisuais, cinematográficos e publicitários, com imagem e som. “O videoclipe deixa de ser apenas um vídeo de divulgação de uma canção/álbum para ser um porta-voz de discursos, incluindo discursos ideológicos, que ganham espaço na sociedade por chamar atenção com seu  viés, criativo, metafórico e complexo”, observa Amanda Oliveira na obra, que está disponível no site da Editus (clique aqui) e também pode ser adquirida pelo email amandaolv10@gmail.com. O exemplar custa R$ 30,00.

BAHIA RECEBE MAIS 224,2 MIL DOSES DA VACINA ASTRAZENECA

Bahia recebe novo lote de vacinas da Astrazeneca || Foto Divulgação
Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma nova remessa com 244.200 vacinas contra a Covid-19 chegou nesta quinta-feira (8) à Bahia. Todas as doses são da Astrazeneca/Oxford. O voo trazendo os imunizantes pousou no aeroporto de Salvador por volta das 9h45min. Todo o carregamento será encaminhado para Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi) da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), de onde deve ser expedido para os municípios.

O envio será feito no sábado, quando uma remessa de vacinas Coronavac deve chegar. Desta forma, será necessária apenas uma operação logística de distribuição. Como ocorreu uma entrega na última segunda, os municípios ainda possuem estoque da primeira dose da AstraZeneca. Caso os municípios terminem as doses antes do envio no próximo sábado (8), a Sesab fará o despacho antecipado por via terrestre. Os Núcleos Regionais de Saúde estão monitorando a realidade de cada localidade.

Com o novo lote, a Bahia totaliza 4.924.860 doses de vacinas recebidas desde o dia 18 de janeiro, data de chegada da primeira remessa. Esta nova remessa dará possibilidade de que continue sendo imunizado os públicos de grupos prioritários do plano de vacinação contra a Covid-19.

SUPLENTE PLANEJOU E TENTOU MATAR VEREADORA EM ITAPEBI, DIZ DELEGADO REGIONAL

Cristiano Pereira encomendou a morte da vereadora Veronice Romana, segundo polícia
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Civil concluiu o inquérito policial que investiga a tentativa de homicídio sofrida por uma vereadora do município de Itapebi em fevereiro. A investigação constatou que o crime se deu porque o suplente de Veronice Romanda, Cristiano Pereira, queria ocupar o lugar da vítima. Ele segue foragido da Justiça. Já o seu sobrinho, um dos autores do crime, foi preso.

“O tio, que buscava o cargo, foi o mandante do crime. Já o sobrinho tentou executar a vereadora na porta de casa. Também localizamos o carro usado: ele foi comprado em Porto Seguro nove dias antes do crime e abandonado na zona rural de Santa Maria Eterna”, relatou o coordenador da 23ª Coorpin, delegado Moisés Damasceno.

Carro usado no crime contra vereadora foi comprado pelo suplente

Ainda segundo o delegado, o carro custou R$ 4.400, pagos através de transferência bancária por Cristiano. “Pelo estado de conservação do veículo e por seu valor, conclui-se que, desde o início, sua aquisição tinha como único propósito a utilização no referido crime. Os dois investigados foram indiciados. E foi representada pela conversão da prisão temporária em prisão preventiva”, explicou.

PARADEIRO DO SUPLENTE

As denúncias são fundamentais para a localização do mandante do crime. “Quem tiver informações pode denunciar, sem precisar se identificar, pelo Disque Denúncia da SSP, no 3235-0000, ou no 181, para quem estiver no interior”, finalizou o delegado.

PF INVESTIGA VENDA DE DADOS SIGILOSOS DE CLIENTES DA CAIXA ECONÔMICA

Polícia Federal investiga venda de dados de clientes da Caixa
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta manhã (6) a Operação Data Venditionis, para investigar a venda de dados sigilosos de clientes da Caixa. Um funcionário é suspeito de comercializar informações sobre empréstimos consignados para uma financeira de Porto Alegre.

A PF estima que 127 clientes no Rio Grande do Sul e nos estados do Amazonas, de Santa Catarina e do Paraná tiveram os dados violados. A investigação começou em janeiro deste ano, com base em denúncia feita à Ouvidoria da Polícia Federal.

As diligências realizadas indicam que “contratos de empréstimo eram transferidos para a financeira a partir das informações fornecidas pelo servidor. Com a prática, há prejuízo à Caixa, com redução da carteira de crédito e a consequente perda de faturamento, e aos clientes que tiveram suas informações pessoais compartilhadas”.

Policiais federais cumprem três mandados de busca e apreensão, em Porto Alegre. Os crimes investigados são violação de sigilo funcional e corrupção ativa e passiva.

EMASA APONTA DIFICULDADES NA COMPRA DE PRODUTOS E INSUMOS COM ALTAS DE PREÇOS NA PANDEMIA

Raymundo Filho e Ruy Júnior avaliam impactos da crise econômica nos preços de produtos e insumos
Tempo de leitura: 2 minutos

A instabilidade econômica pela qual o Brasil passa, agravada pela pandemia do novo coronavírus, tem afetado setores da indústria, comércio e prestação de serviços. Na maioria dos casos, há aumento de preços consideráveis de matéria prima, principalmente na cadeia de suprimentos das indústrias. Esse conjunto de fatores econômicos tem gerado muitas dificuldades para a Emasa para adquirir produtos e insumos essenciais para suas atividades de coleta, tratamento e distribuição de água, segundo a presidência da empresa.

O presidente da Comissão Permanente de Licitação da Emasa, o advogado Ruy Corrêa Júnior, fala do impacto dos sucessivos aumentos nos combustíveis e da alta do dólar. Houve um aumento nos preços finais e escassez dos principais insumos na pandemia, observa Ruy. No início da pandemia, a indústria como um todo praticamente parou a produção.

“Diante de tal situação, em vários momentos alguns fornecedores pediram a rescisão contratual por não conseguir atender aos pedidos. Em outros casos, foi concedido reequilíbrio aos contratos, visando reestabelecer o pactuado”, afirma o presidente da Comissão de Licitação da Emasa.

REAJUSTES SEMANAIS

Diante da instabilidade econômica e as sucessivas altas no preço dos combustíveis, destaca Ruy, a Emasa tem tido dificuldade em cotar seus derivados, pois os valores têm sido reajustados quase todas as semanas.

Segundo levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI), no mês de fevereiro 73% das empresas tinham problemas para conseguir insumos e matéria-prima em 26 setores pesquisados. O Índice Geral de Preços ao Mercado (IGP-M) acumula alta de 31,1% em 12 meses até março nos preços no atacado. Para os produtos equivale a 60% do indicador de inflação, resultado em aumento de preço de 42,57% no mesmo período.

Um exemplo demonstrado pelo presidente da Comissão de Licitação da Emasa diz respeito ao cimento. “Foi concedido reequilíbrio econômico ao contrato. Entretanto, diante dos sucessivos aumentos, o fornecedor requereu a rescisão contratual por não conseguir atender as necessidades da empresa”, cita Correa Júnior.

Emasa aponta dificuldades na aquisição de produtos e insumos na pandemia

AO GESTOR PÚBLICO, EQUILÍBRIO

Para o presidente da Emasa, Raymundo Mendes Filho, o atual momento econômico do país requer muito equilíbrio do administrador do setor público. “Não só o Brasil, mas também a economia mundial, está sofrendo com os efeitos econômicos provocados pela pandemia”, frisa.

Segundo ele, em tempos normais quando um determinado produto tinha alta fora do comum, o mercado internacional ajudava a equilibrar por meio da importação. “Com a Covid-19, a indústria de todo o mundo enfrenta problemas de desabastecimento”, atesta.

MOMENTO DELICADO

Raymundo lembra que a Emasa tem papel social importante e, mesmo diante da instabilidade na economia nacional, a empresa vai fazer o possível para manter a qualidade dos seus serviços. “Mesmo sendo uma empresa de economia mista, o maior acionista da Emasa é o município de Itabuna. Reconhecemos o momento delicado, porém o papel social da empresa é prioridade. Juntos vamos enfrentar esse momento”, explica.

O presidente da Emasa ressalta que “a boa articulação política do prefeito Augusto Castro em buscar recursos externos para investir em projetos estruturantes, visando atender às demandas no saneamento básico da cidade, é um fator preponderante e traz boas expectativas para os itabunenses”.

MULHERES SÃO PRESAS COM 10,5 QUILOS DE COCAÍNA EM VITÓRIA DA CONQUISTA

Cocaína apreendida em Conquista é avaliada em R$ 500 mil, segundo a SSP-BA
Tempo de leitura: < 1 minuto

Três mulheres foram capturadas com carga de cocaína avaliada em meio milhão de reais pelo Esquadrão de Motociclistas Falcão. Os flagrantes aconteceram, na quarta-feira (5), nos bairros de Vila Serrana, Patagônia e Khadija, em Vitória da Conquista.

De acordo com o comandante do Esquadrão Falcão, major Carlos Élder Coelho de Abreu, a ação foi iniciada na Vila Serrana e encerrada no Khadija. “Os policiais abordaram uma mulher suspeita e, no carro ocupado por ela, encontraram um tablete de cocaína”, contou o oficial.

A suspeita revelou um imóvel situado no bairro de Patagônia, onde teria adquirido o material. Durante a revista na casa indicada foram apreendidos, com outra mulher, mais seis tabletes da droga. A dupla levou os PMs até outra residência, no Khadija, onde uma terceira mulher guardava mais dois tabletes da droga, totalizando 10,5 quilos de cocaína.

Segundo o oficial da PM, na ação foram apreendidos nove tabletes de cocaína avaliados em R$ 500 mil. Também foram achados dois celulares e R$ 263. As três suspeitas já tinham envolvimento com o tráfico de entorpecentes na região e acabaram conduzidas para o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) de Vitória da Conquista.

MINISTRO DA SAÚDE E PRESIDENTE DA ANVISA DEPÕEM NA CPI DA PANDEMIA HOJE (6)

Queiroga depõe na CPI da Pandemia nesta quinta || Foto Marcello Casal Jr/ABr
Tempo de leitura: < 1 minuto

Após os depoimentos dos dois primeiros ministros da Saúde do governo do presidente Jair Bolsonaro, a CPI da Pandemia recebe nesta quinta-feira (6) o atual titular da pasta, Marcelo Queiroga, às 10h, e o diretor-presidente da Agência de Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, às 14h.

Marcelo Queiroga está à frente do Ministério da Saúde desde 23 de março deste ano. O médico cardiologista assumiu o cargo com o desafio de chefiar a pasta no pior momento da pandemia no país, quando se somavam cerca de 300 mil mortes no Brasil.

O ministro é fortemente cobrado pela vacinação em massa da população. Há poucos dias, em 26 de abril, Queiroga participou de audiência pública da Comissão Temporária da Covid-19 (CTCOVID19).

À época, Queiroga afirmou que o governo não reduziu suas metas iniciais de imunização, apenas retirou do cronograma vacinas que ainda não foram aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), como a indiana Covaxin, que inicialmente teria previsão de 20 milhões de doses em calendário do Ministério da Saúde.

Quatro requerimentos de convocação, de autoria do relator da CPI, Renan Calheiros (MDB-AL), do vice-presidente, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), e dos senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Eduardo Girão foram aprovados pelo colegiado para o testemunho do atual titular da Saúde.

TRAGÉDIA

Para Randolfe, a constante troca de ministros da Saúde em meio à pandemia é, por si só, um enorme problema para a gestão do ministério. “Só foi possível chegar a essa situação catastrófica por conta dos inúmeros e sucessivos erros e omissões do governo no enfrentamento da pandemia da covid-19 no Brasil. O senhor Marcelo Queiroga pode ajudar esta comissão parlamentar de inquérito a elucidar se o Brasil segue no mesmo caminho de erros nesta tragédia que vivemos”, expôs o parlamentar em entrevista à Agência Senado.

COVID-19: SESAB NÃO RECOMENDA VIAJAR PARA ITABUNA, ILHÉUS E PORTO POR CAUSA DE VARIANTES

Órgão da Sesab não recomenda viajar para Porto Seguro e outros 31 municípios baianos
Tempo de leitura: < 1 minuto

Documento da Superintendência de Vigilância e Proteção à Saúde, órgão da Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), não recomenda viajar para 32 municípios baianos – dentre eles Itabuna, Ilhéus e Porto Seguro – por causa da confirmação de casos de infecção por covid-19 por variantes originárias de Manaus e do Reino Unido, consideradas mais agressivas. A revelação do documento foi feita pelo Política Livre, de Salvador.

A variante P.1, descoberta em Manaus (AM), foi detectada em Amargosa, Anguera, Brumado, Camaçari, Cipó, Conceição do Jacuípe, Cruz das Almas, Dias D’Ávila, Feira de Santana, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Itabuna, João Dourado, Juazeiro, Lauro de Freitas, Luis Eduardo Magalhães, Mutuípe, Porto Seguro, Retirolândia, Riachão do Jacuípe, Salvador, Santa Luz, Santo Antonio de Jesus, São Gonçalo dos Campos, São Sebastião do Passé, Serra Preta, Serrinha e Tanhaçu.

A variante B.1.1.7, descoberta inicialmente no Reino Unido, foi identificada em pacientes em Ilhéus, Itapetinga, Lauro de Freitas, Prado e Salvador. “As variantes identificadas demandam especial atenção do Poder Público e da população em razão de mutações capazes de acarretar maior transmissibilidade e maior gravidade do caso clínico”, diz o comunicado assinado por Talita Moreira Urpia, coordenadora do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS-BA).