SESAB LIBERA HELICÓPTERO PARA APLICAR FUMACÊ EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Exclusivo
Os mais de dois mil casos notificados levaram o governo do estado a praticamente assumir o controle das ações de combate à dengue em Itabuna. O governador Jaques Wagner determinou ao secretário estadual de saúde, Jorge Solla, a utilização de todos os recursos possíveis para atender o município.
Hoje à tarde, Solla recebeu o deputado federal Roberto Brito (PP) e o secretário de saúde de Itabuna, Antônio Vieira, em audiência. Os três são médicos e discutiram saídas para o caos nos hospitais locais que vitima principalmente crianças.
Na audiência solicitada por Roberto Brito, Solla anunciou a liberação de um helicóptero para aplicação de inseticida contra o mosquito Aedes aegypti. A dengue hemorrágica, forma mais agressiva da doença, matou duas crianças e uma professora em Itabuna só neste ano. O número de casos notificados ultrapassa o registrado em todo o ano de 2008.

Carro-fumacê

Apesar da crise anunciada, o município demorou muito a reagir e até 10 dias atrás o secretário Antônio Vieira resistia a admitir que Itabuna vivia um quadro epidêmico de dengue. No dia 18, o prefeito Capitão Azevedo (DEM) decretou estado de emergência no município devido à dengue.
Além de liberação de um helicóptero, a Sesab garantiu seis carros para a aplicação do fumacê por via terrestre, sendo que um deles fica na reserva. O estado também liberou equipamentos para exames de diagnóstico e dinheiro para ações preventivas, de acordo com Antônio Vieira.
Mais informações em instantes.

FÁBRICA FECHA AS PORTAS EM CAMAÇARI

Tempo de leitura: < 1 minuto

Do blog Boca Maldita
A crise mundial continua atingindo o setor industrial da Bahia. O Sindicato das Indústrias Metalúrgicas informou que uma fábrica de eletrodomésticos no Pólo Petroquímico de Camaçari, na região metropolitana de Salvador, vai fechar as portas.
Com a medida, cerca de 370 funcionários devem perder o emprego. Há dez dias os funcionários da área de produção da fábrica estão em férias coletivas. De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos 1.500 trabalhadores do setor já perderam o emprego na Bahia desde o início da crise, no ano passado.

A CAIXINHA DE OLYNTHO

Tempo de leitura: < 1 minuto

drolynthoO prefeito de Potiraguá, dizem assessores, decidiu economizar ao máximo. Não que o município tenha sido atingido de forma tão drástica pela crise econômica. Dr. Olyntho Moreira (PP), na versão destes mesmos assessores, quer guardar agora para ter o que investir depois em obras, lá para meados de 2009.
O mês de junho demora a chegar e servidores reclamam que falta tudo por conta dessa economia. Assessores são contra a caixinha e alegam que a situação encontrada no município não permite este ‘luxo’.
Para completar, o prefeito usa mão-de-ferro e concentra tudo em suas mãos, tirando a liberdade de secretários. Alguns deles até pensam em abandonar o barco.
Quem critica, no entanto, reconhece que Olyntho é bom administrador, mas faltaria habilidade política na tomada de decisões…

ESSE CHIADO QUE NÃO PARA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A direção da Rádio Nacional de Itabuna está para arrancar os cabelos porque seus transmissores insistem em não funcionar direito.
Já se apelou para tudo. De reza braba a técnico vindo de São Paulo, cobrando diária de R$ 1 mil.
Como não houve jeito, parece que o apelo ao sobrenatural ganhou força no Alto dos Canecos. Mas a cabeça de jegue está bem enterrada e não vai ser qualquer despachozinho que vai resolver a pendenga.
A sugestão que deram a Barbosinha e companhia foi a de convocar 70 pastores daquela igreja rica e famosa e promover uma sessão de descarrego no parque de transmissão da Nacional.
Ah, e não podem esquecer de fazer um voto na “fogueira santa”. Essa parte é fundamental…

'LUZA' NÃO DESISTE

Tempo de leitura: < 1 minuto

As eleições em Itapé podem reservar surpresas de última hora. Amigos sustentam que a prefeita interina, Luzinete Miranda, a Luza, trabalha para que o seu partido, o PMDB, aprove o seu nome para a disputa pelo comando do município.
A eleição complementar está marcada para o dia 29 de março.
Exatamente a um mês do pleito, neste domingo ocorrerá convenção dos partidos. Luza é ligada ao também peemedebista Pedro Jackson Brandão, o Pedrão, que defende a candidatura do seu ex-vice, Jackson Resende, do PP.
Luza tenta fechar apoios a seu nome e conta com o reforço do ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, e do presidente estadual do PMDB, Lúcio Vieira Lima, que devem visitar o município neste domingo.
Se Luza ou Jackson Rezende, o nome aprovado deverá enfrentar o delegado Humberto Matos (PV).

DENGUE HEMORRÁGICA EM ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Surge o primeiro caso de dengue hemorrágica em Ilhéus. A vítima é a professora Maria da Glória Azevedo Moreno de Souza, que se encontra internada em estado grave no Hospital Ilhéus, na Cidade Nova.
Segundo informações, o quadro da paciente é preocupante e ela necessita urgentemente de doações de sangue. Pessoas com sangue de qualquer tipo, e que se disponham a doar, podem se dirigir ao banco de sangue do Hospital São José.

NOVIDADES NO CASO NAYA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A polícia poderá apresentar novidades no Caso Sérgio Naya, ainda nesta sexta-feira, quando serão tomados os depoimentos dos médicos Jorge Viana e Aldemir Almeida, que também é vereador em Ilhéus.
Uma interrogação que persiste até agora é por que os médicos trataram de embalsamar o corpo do ex-deputado e empresário Sérgio Naya, logo depois de descoberto morto, num apartamento do hotel Jardim Atlântico.
Quem vai interrogar os dois médicos (Viana era amigo de Naya e Aldemir se apresentou como legista) é a delegada Adriana Paternostro. Aldemir fez o levantamento cadavérico sem ter uma guia de autorização para remover o corpo do empresário do local.
O corpo foi embalsamado e, com isso, eliminou provas, por exemplo, de um hipotético envenenamento. A polícia conta com o auxílio até de familiares de Jorge Viana nas investigações.

NA MARCA DO PÊNALTI

Tempo de leitura: < 1 minuto

Segundo fonte do Centro Administrativo Firmino Alves, o veterinário José Carlos Cardoso continua ocupando (interinamente) a chefia da Vigilância Sanitária, mas a interinidade está mesmo próxima de se encerrar.
O cargo é reivindicado pela diretora do Departamento de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, Márcia Falcão, que deseja entregar o comando da Vigilância Sanitária a Valdemar da Fonseca.
A fonte nega que o nome de Valdemar conte com o apoio do secretário de Administração Gilson Nascimento. Afirma que Gilson nem morre de amores pelo indicado que, entre outros “desvios”, teria cometido o de militar contra a candidatura do Capitão Azevedo a prefeito.
Valdemar fez campanha aberta e declarada para o peemedebista Fábio Santana, o desistente.

DURMA COM ESSA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O folclórico radialista Villy Modesto produziu mais uma pérola para a antologia do rádio itabunense.
Em seu programa na manhã de hoje, Villy anunciou:
“Amanhã, você vai saber tudo sobre dengue. Vamos conversar com o responsável pela dengue em Itabuna, Sandovaldo Muniz”.
E a gente pensando que fosse Jesuíno. Quanta injustiça!

AH BOM…

Tempo de leitura: < 1 minuto

O excelentíssimo presidente do STF, Gilmar Mendes, acha inadmissível dar dinheiro público ao MST, uma vez que o movimento transgrediria sistematicamente as leis deste corretíssimo e justo país chamado Braziu.
No entender do ministro, entretanto, deve ser perfeitamente admissível ganhar dinheiro público para livrar a cara de figuras impolutas tipo Daniel Dantas e Marcos Valério…

O FRICOTE DE LUIZ

Tempo de leitura: < 1 minuto

O músico Luiz Caldas entrou em rota de colisão com a Secretaria de Cultura do Estado. Ele foi convidado a participar do projeto Carnaval Pipoca e faria duas apresentações no Trio Anos 80, por um cachê de R$ 90 mil.
Luiz pediu mais. Queria R$ 50 mil por apresentação, afirmando que esse valor ainda é “muito aquém” do que ele merece.
Não houve acordo e o artista acabou tocando apenas no domingo. Depois, divulgou um manifesto descendo o pau no secretário Márcio Meirelles.

TURISMO RESISTE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Coluna Tempo Presente (A Tarde):

A estratégia 2010

Diz o ministro do Turismo, Luiz Barreto, que a crise não atingiu tanto o setor. Os números do trade turístico de Salvador atestam: a taxa de ocupação foi de 84% e os 10 melhores chegaram a 100%. Um dos fatores do bom desempenho é o fato de que muitos compraram pacotes carnavalescos antes da crise estourar. Mas 2010 é uma incerteza, o que leva o trade a adotar novas estratégias. A principal delas é baixar os preços.
A média de diárias em Salvador vai de R$ 140 a R$ 180.
No Carnaval, alguns cobraram R$ 700, um estouro.

O ROMBO DEIXADO PELA FOLIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Tarde Online:
Fim do reinado de Momo, é hora de analisar as consequências da festa. A Prefeitura de Salvador fechou o balanço da folia no vermelho. Foram arrecadados diretamente com impostos de entidades carnavalescas cerca de R$ 5 milhões, de acordo com estimativa da Secretaria Municipal da Fazenda.
Segundo levantamento da prefeitura, foram investidos R$ 31 milhões do poder público municipal para garantir a infraestrutura do festejo popular. Contando com a arrecadação via cota de publicidade (R$ 5,55 milhões) e os R$ 3 milhões fornecidos pelo governo do Estado, o saldo negativo da prefeitura fecha em R$ 17,45 milhões.

Leia mais

CASA CHEIA PARA ITABUNA E VITÓRIA

Tempo de leitura: 2 minutos
Torcedores correm para trocar notas fiscais por ingresso (Foto Zeka/A Tarde)

Torcedores correm para trocar notas fiscais por ingresso (Foto Zeka/A Tarde)

Hoje pela manhã, torcedores se aglutinaram no portão 1 do estádio Luiz Viana Filho (Itabunão) para disputar a troca de notas fiscais por ingressos do Sua Nota é um Show para assistir ao jogo Itabuna e Vitória, nesta quinta, às 20h30min.
O Vitória é o vice-líder da competição, com 24 pontos. O Azulino joga com o apoio da torcida para vencer e tentar chegar até à terceira posição. O time sulbaiano tem 15 pontos e está em quinto lugar, atrás de Vitória da Conquista e Fluminense de Feira, ambos com 17 pontos.
O Itabuna deseja repetir a façanha de 2008, quando meteu 2×1 em cima do rubro-negro, no Itabunão. O jogo foi disputado no dia 18 de fevereiro. Lei e Jânio marcaram para o Azulino e o jogador Índio descontou para o Leão da Barra.
Berola é esperança de gol do Azulino.

Berola: esperança azulina.

Berola de volta

A partida válida pela 11ª rodada marca o retorno do artilheiro Neto Berola ao Azulino. Ele cumpriu suspensão automática e não atuou no jogo Itabuna 2×1 Fluminense. Quem também retorna é o zagueiro Cléverton, que terá a companhia de Wallace na defesa.
O jogo ainda terá um duelo particular pela artilharia do Baianão 2009. Berola anotou sete vezes neste campeonato. Do outro lado, Neto Baiano também tem sete gols. Quem se sairá melhor nesta quinta-feira?

Tigre pega o Bahia

Se o Itabuna tem uma parada mais do que duríssima, o que dizer do ilheense Colo Colo? O time pega o invicto e arrasador Bahia, também amanhã à noite. O vice-lanterna da competição, com 7 pontos, jogará no estádio de Pituaçu, em Salvador.
Por lá, o Bahia está imbatível e costuma imprimir goleadas nos seus adversários. O time é o líder do Baianão, com 25 pontos. O tricolor da capital tem um jogo a menos que as demais equipes, assim como o Madre de Deus.

AZEVEDO PEDE APOIO DA COMUNIDADE NO COMBATE À DENGUE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Cerca de 60 líderes comunitários de Itabuna se reuniram nesta quarta-feira (25) com o prefeito Capitão Azevedo. Ele pediu o apoio dos representantes de associações de moradores às ações de combate à dengue.
Em sua “preleção”, Azevedo citou números que atestam a gravidade do problema. Segundo ele, nos primeiros dois meses do ano, já são 1.200 casos de dengue investigados em Itabuna (a quantidade seria, na verdade, superior a 1.900).
O prefeito também afirmou que 52 crianças com dengue foram internadas somente no Hospital Manoel Novaes. Desse total, 85% seriam de Itabuna e as demais de municípios vizinhos. Duas dessas crianças morreram após desenvolver a forma mais grave da dengue, a hemorrágica.
A existência de muitas residências e imóveis comerciais com caixas d’água destampadas foi mencionada na reunião como grande aliada do Aedes aegypti. A proposta do governo é criar um Conselho Comunitário, que terá dez membros no Comitê de Defesa Civil para ajudar no controle da epidemia.