DURMA COM ESSA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O folclórico radialista Villy Modesto produziu mais uma pérola para a antologia do rádio itabunense.
Em seu programa na manhã de hoje, Villy anunciou:
“Amanhã, você vai saber tudo sobre dengue. Vamos conversar com o responsável pela dengue em Itabuna, Sandovaldo Muniz”.
E a gente pensando que fosse Jesuíno. Quanta injustiça!

AH BOM…

Tempo de leitura: < 1 minuto

O excelentíssimo presidente do STF, Gilmar Mendes, acha inadmissível dar dinheiro público ao MST, uma vez que o movimento transgrediria sistematicamente as leis deste corretíssimo e justo país chamado Braziu.
No entender do ministro, entretanto, deve ser perfeitamente admissível ganhar dinheiro público para livrar a cara de figuras impolutas tipo Daniel Dantas e Marcos Valério…

O FRICOTE DE LUIZ

Tempo de leitura: < 1 minuto

O músico Luiz Caldas entrou em rota de colisão com a Secretaria de Cultura do Estado. Ele foi convidado a participar do projeto Carnaval Pipoca e faria duas apresentações no Trio Anos 80, por um cachê de R$ 90 mil.
Luiz pediu mais. Queria R$ 50 mil por apresentação, afirmando que esse valor ainda é “muito aquém” do que ele merece.
Não houve acordo e o artista acabou tocando apenas no domingo. Depois, divulgou um manifesto descendo o pau no secretário Márcio Meirelles.

TURISMO RESISTE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Coluna Tempo Presente (A Tarde):

A estratégia 2010

Diz o ministro do Turismo, Luiz Barreto, que a crise não atingiu tanto o setor. Os números do trade turístico de Salvador atestam: a taxa de ocupação foi de 84% e os 10 melhores chegaram a 100%. Um dos fatores do bom desempenho é o fato de que muitos compraram pacotes carnavalescos antes da crise estourar. Mas 2010 é uma incerteza, o que leva o trade a adotar novas estratégias. A principal delas é baixar os preços.
A média de diárias em Salvador vai de R$ 140 a R$ 180.
No Carnaval, alguns cobraram R$ 700, um estouro.

O ROMBO DEIXADO PELA FOLIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Tarde Online:
Fim do reinado de Momo, é hora de analisar as consequências da festa. A Prefeitura de Salvador fechou o balanço da folia no vermelho. Foram arrecadados diretamente com impostos de entidades carnavalescas cerca de R$ 5 milhões, de acordo com estimativa da Secretaria Municipal da Fazenda.
Segundo levantamento da prefeitura, foram investidos R$ 31 milhões do poder público municipal para garantir a infraestrutura do festejo popular. Contando com a arrecadação via cota de publicidade (R$ 5,55 milhões) e os R$ 3 milhões fornecidos pelo governo do Estado, o saldo negativo da prefeitura fecha em R$ 17,45 milhões.

Leia mais

CASA CHEIA PARA ITABUNA E VITÓRIA

Tempo de leitura: 2 minutos
Torcedores correm para trocar notas fiscais por ingresso (Foto Zeka/A Tarde)

Torcedores correm para trocar notas fiscais por ingresso (Foto Zeka/A Tarde)

Hoje pela manhã, torcedores se aglutinaram no portão 1 do estádio Luiz Viana Filho (Itabunão) para disputar a troca de notas fiscais por ingressos do Sua Nota é um Show para assistir ao jogo Itabuna e Vitória, nesta quinta, às 20h30min.
O Vitória é o vice-líder da competição, com 24 pontos. O Azulino joga com o apoio da torcida para vencer e tentar chegar até à terceira posição. O time sulbaiano tem 15 pontos e está em quinto lugar, atrás de Vitória da Conquista e Fluminense de Feira, ambos com 17 pontos.
O Itabuna deseja repetir a façanha de 2008, quando meteu 2×1 em cima do rubro-negro, no Itabunão. O jogo foi disputado no dia 18 de fevereiro. Lei e Jânio marcaram para o Azulino e o jogador Índio descontou para o Leão da Barra.
Berola é esperança de gol do Azulino.

Berola: esperança azulina.

Berola de volta

A partida válida pela 11ª rodada marca o retorno do artilheiro Neto Berola ao Azulino. Ele cumpriu suspensão automática e não atuou no jogo Itabuna 2×1 Fluminense. Quem também retorna é o zagueiro Cléverton, que terá a companhia de Wallace na defesa.
O jogo ainda terá um duelo particular pela artilharia do Baianão 2009. Berola anotou sete vezes neste campeonato. Do outro lado, Neto Baiano também tem sete gols. Quem se sairá melhor nesta quinta-feira?

Tigre pega o Bahia

Se o Itabuna tem uma parada mais do que duríssima, o que dizer do ilheense Colo Colo? O time pega o invicto e arrasador Bahia, também amanhã à noite. O vice-lanterna da competição, com 7 pontos, jogará no estádio de Pituaçu, em Salvador.
Por lá, o Bahia está imbatível e costuma imprimir goleadas nos seus adversários. O time é o líder do Baianão, com 25 pontos. O tricolor da capital tem um jogo a menos que as demais equipes, assim como o Madre de Deus.

AZEVEDO PEDE APOIO DA COMUNIDADE NO COMBATE À DENGUE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Cerca de 60 líderes comunitários de Itabuna se reuniram nesta quarta-feira (25) com o prefeito Capitão Azevedo. Ele pediu o apoio dos representantes de associações de moradores às ações de combate à dengue.
Em sua “preleção”, Azevedo citou números que atestam a gravidade do problema. Segundo ele, nos primeiros dois meses do ano, já são 1.200 casos de dengue investigados em Itabuna (a quantidade seria, na verdade, superior a 1.900).
O prefeito também afirmou que 52 crianças com dengue foram internadas somente no Hospital Manoel Novaes. Desse total, 85% seriam de Itabuna e as demais de municípios vizinhos. Duas dessas crianças morreram após desenvolver a forma mais grave da dengue, a hemorrágica.
A existência de muitas residências e imóveis comerciais com caixas d’água destampadas foi mencionada na reunião como grande aliada do Aedes aegypti. A proposta do governo é criar um Conselho Comunitário, que terá dez membros no Comitê de Defesa Civil para ajudar no controle da epidemia.

FG 'VETA' ALCÂNTARA NO GOVERNO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Amigos mais próximos a Fernando Gomes e Capitão Azevedo dizem que não há nenhum tipo de mistério sobre a situação de Alcântara Pellegrini na secretaria de esporte.
O que há é um veto de Fernando ao nome de Pellegrini no comando do esporte. Enquanto esse veto nao cai, o desportista fica como interino no cargo.

FEBRE DA SOLIDÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Para aquele fogo que dizem subir no prefeito Azevedo, quando está na cadeira oficial, Agulhão Afiado emite competente diagnóstico e prescreve tratamento.
Para abrandar o calor
que da cadeira lhe emana
não serve ventilador
nem técnica palaciana…
Essa quentura abrasante,
por falta de acompanhante,
só Maria Alice abana!…

GUARNIERI PEDE EXONERAÇÃO DA SAÚDE

Tempo de leitura: 2 minutos
Guarnieri pede exoneração por divergência de métodos (Foto Ascom)

Guarnieri: divergências.

O advogado Luiz Fernando Guarnieri pediu exoneração da secretaria municipal de saúde. Ele era considerado uma espécie de subsecretário da pasta comandada pelo vice-prefeito Antônio Vieira.
Segundo fontes da prefeitura, Guarnieri havia demonstrado descontentamento com os rumos tomados pelo governo na área de saúde, principalmente no que se refere a uma auditoria das contas das gestões dos ex-secretários Jesuíno Oliveira e José Henrique Carvalho.

Conhecido por sua seriedade e integridade, Guarnieri defendia uma auditoria completa. Com a resistência do governo, ele decidiu pedir exoneração. Mas o próprio prefeito Capitão Azevedo apela para que ele reconsidere a decisão.
Cardoso: briga com Gilson

Cardoso: briga com Gilson

Esta é a segunda exoneração na secretaria de saúde de Itabuna em menos de uma semana. Na sexta passada, quem pediu o ‘boné’ foi o médico José Carlos Cardoso, diretor interino da Vigilância Sanitária.
Ele teria brigado com o secretário de administração, Gilson Nascimento. Quem substitui José Carlos é Valdemar da Fonseca, que coordenava o departamento de Vigilância à Saúde da prefeitura no governo de Fernando Gomes.
Pelo visto, o clima de carnaval não fez bem ao governo de Azevedo, que ainda enfrenta uma epidemia de dengue.