ALUNOS SEM AULAS POR FALTA DE CARTEIRAS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Não é à toa que às vezes a gente fica pensando que existe um complô para que Brasil não dê certo, para que os serviços públicos essenciais não funcionem, para que a pobreza perdure.
O nome disso que o blogueiro acabou de escrever, no jargão jornalístico, é “nariz de cera” (quando se inicia o texto com rodeios, sem ir direto ao assunto), mas é um desabafo que não se conteve diante de mais uma denúncia de descaso, irresponsabilidade, safadeza com o dinheiro público e com o povo.
A história é que 3 mil crianças estão fora da sala de aula ou frequentando a escola em condições precárias, no município de Eunápolis, porque faltam carteiras. Aparententemente, a Prefeitura não tem a menor preocupação com o fato, pois encomendou os móveis apenas em fevereiro, no mesmo mês em que as aulas tiveram início!
Mais: a Prefeitura de Eunápolis, mesmo sabendo que a carência é de 3 mil carteiras, encomendou apenas 1.200. Houve pressão de pais, professores e alunos e aí os salafrários fizeram a “gentileza” de mandar reformar mais 1.000. Ou seja, ainda haverá um déficit de 800 no final da novela.
E pelo ritmo tartaruga que as carteiras estão sendo entregues, é provável que a novela ainda dure muito.

Matéria do jornal A Tarde denuncia o absurdo em Eunápolis

Matéria do jornal A Tarde denuncia o absurdo em Eunápolis

DENÚNCIA DE DESVIO DE FUNÇÃO DOS AGENTES DA DENGUE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Em Feira de Santana, há informação de que 60 dos 350 agentes de combate à dengue foram desviados para funções administrativas dentro da Prefeitura. Quem divulgou o dado foi o secretário estadual da Saúde, Jorge Solla, ontem, durante encontro com os diretores das Dires.
Segundo Solla, a situação não ocorre apenas em Feira. Está sendo apurada a existência da mesma irregularidade em outros municípios do interior.

CASAMENTO EM CRISE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Da coluna Tempo Presente (A TARDE):
Quem aposta num rompimento entre PT (leia-se Wagner) e PMDB (leia-se Geddel) tem boas chances de acertar, pelo menos a julgar pelos atos e fatos praticados pelos dois na Assembleia. Terça, será votado o projeto que amplia o número de integrantes das comissões técnicas de oito para nove, expediente pelo qual o governo passa a ter o controle da engrenagem legislativa sem precisar do PMDB, que é contra.
Em suma, a cada dia mais os dois lados ligam menos para o que o outro pensa.

DECISÃO TORNA INDISPONÍVEIS BENS DE ALISSON MENDONÇA

Tempo de leitura: < 1 minuto

alissonOs bens do vereador reeleito e ex-presidente da Câmara de Vereadores de Ilheús (2007-08)  foram bloqueados pela Justiça, a pedido do Ministério Público Estadual. Alisson Mendonça descumpriu um termo de ajustamento de conduta (TAC) que obrigava a Câmara dar publicidade à Lei Orgânica Municipal (LOM) no site do legislativo e também imprimir 500 exemplares.
Ele deixou de responder a ofícios do MPE, que pedia informações sobre o cumprimento do TAC. A ação corre na Segunda Vara Cível e Comercial de Ilhéus. A decisão sobre a indisponibilidade dos bens do vereador é da juíza Luciana Carinhanha Setubal.
A decisão, no entanto, não tem cumprimento imediato, já que Alisson tem prazo de 15 dias para apresentação de defesa.

JUSTIÇA CASSA MANDATO DO PREFEITO DE IBICUÍ

Tempo de leitura: < 1 minuto

A juíza Ailze Rodrigues cassou o mandato do prefeito reeleito de Ibicuí, Cláudio Dourado (PTB). A decisão foi divulgada na manhã deste sábado. Ele é acusado de irregularidades na última campanha.
As denúncias foram encaminhadas à Justiça no período eleitoral. O presidente da Câmara de Vereadores, Silvano de Jesus Santana (PMDB) é quem deve assumir o cargo. Ele convocou uma sessão extraordinária para a próxima terça-feira, às 9h.A decisão ainda cabe recurso no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).(Correio)

VIEIRA, O VACILANTE

Tempo de leitura: < 1 minuto

O secretário Antônio Vieira não deixa de surpreender. Desta vez, e depois de denunciar os ex-gestores da saúde, tenta desdizer o dito. Ele garante que em nenhum momento teria afirmado que quem passou por lá deu sumiço em R$ 9,5 milhões.
No mínimo, o secretário deve ter sido pressionado pelo ex-prefeito Fernando Gomes e pelo seu antecessor, Jesuíno Oliveira. Se ele afirmou ou não que o dinheiro de outubro sumiu, basta conferir um vídeo, logo abaixo (confira), em que ele relata o peso deixado pelos seus antecessores e, mais que isso, o auxílio do Ministério Público Estadual, tanto para denunciar os antigos gestores como para pagar os credores.
Ah, esse Vieira…

ENCONTRO DO PCdoB

Tempo de leitura: < 1 minuto

Prefeitos e vereadores eleitos pelo PCdoB no sul da Bahia estão reunidos hoje, na Câmara de Vereadores de Itabuna, num encontro promovido pelo Núcleo Regional do partido.
Participam da atividade os prefeitos de Gandu, Ubatã, Itacaré e Prado, além de vereadores de diversos municípios. Estão presentes ainda o secretário do Trabalho e Esporte da Bahia, Nilton Vasconcelos, a deputada federal Alice Portugal e o presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães, além do presidente do Instituto Mundos, Luiz Gavazza.
De acordo com o vereador Wenceslau Júnior, coordenador regional do PCdoB, o objetivo do encontro é fazer um balanço dos primeiros meses das gestões comunistas, além de debater medidas capazes de otimizar as políticas públicas nos municípios governados pelo partido.

BANDIDOS QUE ASSALTARAM NA REGIÃO SÃO DO PCC

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os seis delinquentes que assaltaram um caixa eletrônico em Floresta Azul, no dia 4 deste mês, são bandidos extremamente perigosos e integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC), facção criminosa do estado de São Paulo.
Juraci Matias de Brito, Ademir Reino (chefe do bando), Felipe Brasílio dos Santos, José Emerson Souza Ferreira, um homem que usava a identidade falsa em nome de Luiz Eduardo Moura Giordano Sampaio Sarti e Denilson Moreira Dias carregam nas costas acusações pelas mortes de um PM, três policiais civis e ferimentos em 12 pessoas, tudo isso na Grande São Paulo.
Um advogado teria sido tentado pelo bando, com a oferta de R$ 5 mil para introduzir um celular na cela em que eles se encontravam.
Hoje, policiais paulistas transferiram os meliantes para seu estado de origem.

STJ REVOGA PRISÃO DE LULA ALMEIDA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A sexta turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) revogou hoje a ordem de prisão temporária do ex-secretário de administração de Imperatriz (MA), Lula Almeida.
A ministra Maria Tereza de Assis Moura, relatora do processo, disse que havia “desnecessidade da prisão”, do ex-secretário, apontado pela Polícia Federal como um dos envolvidos num esquema que teria desviado R$ 15 milhões de duas prefeituras maranhenses, Senador La Rocque e Ribamar Fiquene.
Na semana passada, Lula Almeida deixou o cargo de secretário de administração, em Imperatriz, para responder ao processo. Ele alega inocência e desconhece as razões do seu envolvimento na operação Rapina III, semelhante à que foi deflagrada pela PF aqui no sul da Bahia, a Vassoura-de-Bruxa, em dezembro passado. O advogado é baiano, de Itororó.