skip to Main Content
21 de junho de 2021 | 01:10 pm

DOIS MESES APÓS RECEBER ALTA DE UTI, PAI PERDE FILHO PARA COVID-19 EM ITABUNA

Ramon Júnior, ao lado pai, morreu nesta quinta-feira
Tempo de leitura: < 1 minuto

A esperança de mais uma vitória contra o novo coronavírus chegou ao fim, nesta quinta-feira (8), para a família do advogado  Ramon Nogueira, de 57 anos, que, entre o final de janeiro e início de fevereiro, esteve internado em um leito de Unidade de Terapia Intensiva Covid-19 do Hospital Calixto Midlej Filho. Ele deixou a unidade hospitalar sete dias depois de ser internado por causa da doença e foi recebido pelo filho,  Ramon Nogueira Júnior.

No papel inverso, agora, o pai mantinha a esperança de retornar ao hospital, dirigir-se a mesma saída da UTI, para recepcionar o filho, que estava internado ao ser diagnosticado com o novo coronavírus.  Ramon, o pai, vivia a expectativa de falar as mesmas palavras de incentivo para o jovem. Os dois mantinham admiração mútua e o filho formou-se em Direito e era serventuário da justiça.

Nesta quinta-feira, quando foi contatado pelo serviço social do HCMF, o advogado esperava a mesma notícia que o filho recebeu, no dia 4 de fevereiro, quando deixou o leito hospitalar para concluir o tratamento em casa.  Mas Ramon, o filho, não teve a mesma evolução de saúde que o pai. Júnior precisou ser intubado e não resistiu à doença.

Júnior foi a 480ª pessoa que morreu infectada pelo novo coronavírus no município do sul da Bahia, que registra 27.388  casos da doença desde o início da pandemia.  Desse total, 26.520 se recuperaram. Hoje, Itabuna tem 388 casos ativos, 44 pacientes internados em leitos de UTI e 27 em leitos clínicos.

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Subseção de Itabuna, divulgou nota lamentando o falecimento do jovem. Acesse aqui a matéria sobre a alta do pai de Júnior.

AOS 90 ANOS, MORRE PAI DO SECRETÁRIO DE SAÚDE DA BAHIA

Cícero Pinto, pai de Fábio Vilas-Boas, faleceu nesta terça
Tempo de leitura: < 1 minuto

Morreu nesta terça-feira (5), aos 90 anos, Cícero Pinto, pai do secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas. Cícero deixa a esposa, filhos e netos. A causa da morte não foi divulgada.

Vilas-Boas postou uma homenagem ao pai em uma rede social, destacando uma vida íntegra de um pai, avô, tio e sogro dedicado. Cícero foi advogado, poeta, escritor e membro da Academia de Letras e Artes do Salvador.

“A vida é feita de ciclos. Hoje meu pai, Cícero, cumpriu o seu. Foram 90 anos de uma vida exemplar. De família humilde, dedicou-se aos estudos, ao trabalho e à família. Foi amado por minha mãe que esteve ao seu lado até hoje. Com a saúde debilitada, resistiu a entregar-se para não deixar a sua Dilce só. Quis Deus que ela hoje, com a memória claudicante, já não venha a sofrer tanto com a sua partida. Para seus filhos e netos, genros e noras, deixa o exemplo de homem íntegro, probo, culto, gentil e cortês. Advogado, poeta e escritor, membro da Academia de Letras e Artes de Salvador. Pai, avô, tio e sogro. Estará sempre nas nossas memórias”, escreveu o secretário de Saúde. Informações do G1-BA.

ADVOGADOS SE MOBILIZAM EM DEFESA DE COLEGA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Anderson Sá está preso há 24 dias em Itabuna (Foto Reprodução).

Anderson Sá está preso há 24 dias em Itabuna (Foto Reprodução).

A situação do advogado Anderson Sá, acusado de associação ao tráfico e de ameaça a uma juíza carioca, complicou-se após a ordem de transferência dele para ser interrogado no Rio de Janeiro. Ontem (08), o presidente da subseção local da OAB, Edmilton Carneiro, e cerca de dez advogados fizeram manifestação em frente ao Conjunto Penal de Itabuna, onde Anderson está preso há 24 dias (confira).

O advogado foi alvo de mandado de prisão temporária, que expira em 30 dias, mas pode ser renovado pela justiça. É grande a possibilidade de que a ordem de transferência seja cumprida hoje.

Carneiro chegou a solicitar que o interrogatório do advogado ocorresse por meio de videoconferência, ressaltando a existência de uma sala equipada com essa finalidade no Conjunto Penal de Itabuna. Segundo informações, o pedido foi negado.

Diante dessa situação, advogados que se mobilizaram para defender o colega utilizam as redes sociais para reforçar os apelos em favor de Anderson Sá. A advogada Jurema Cintra, que faz parte dessa mobilização, divulga no Facebook uma conta bancária para recebimento de doações, que serão utilizadas com a finalidade de custear os gastos para acompanhamento jurídico do acusado.

CONCURSO DA PGFN OFERECE 150 VAGAS E R$ 17,3 MIL DE SALÁRIO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Procuradoria-Geral abre concurso com 150 vagas (Foto Reprodução).

Procuradoria-Geral abre concurso com 150 vagas (Foto Reprodução).

Profissionais formados em Direito com dois anos de prática forense podem disputar uma das 150 vagas de procurador-geral dois da Fazenda Nacional. O certame oferece R$ 17.330,33 de salário inicial, sendo que 5% das vagas são reservadas a pessoas com deficiência e 20% para negros.

Além do diploma de bacharel em direito, certificado de bacharel ou certificador de conclusão, o candidato deve estar inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

As inscrições começam em 20 de julho e encerram-se em 10 de agosto, no site da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (confira aqui). A taxa foi definida em R$ 195,00. O concurso será feito pela Escola de Administração Fazendária.

A seleção constará de prova objetiva, discursiva e provas oral e de títulos, além de sindicância de vida pregressa. A prova objetiva, de acordo com o edital, será realizada nas capitais brasileiras, mas as outras etapas ocorrerão somente em Brasília (DF). O concurso tem validade de 1 ano, podendo ser prorrogado. A prova objetiva está prevista para 20 de setembro.

PF SUSPEITA DE ARMAÇÃO EM EPISÓDIO QUE ENVOLVE DOLEIRO, ADVOGADO E "VEJA"

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Globo
A Polícia Federal abriu inquérito para investigar as circunstâncias do vazamento de trechos de um depoimento em que o doleiro Alberto Youssef cita a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula. Investigadores da Operação Lava-Jato suspeitam que Youssef foi estimulado a fazer declarações sobre Dilma e Lula, numa manobra que teria, como objetivo, influenciar o resultado das eleições presidenciais.
Trechos do depoimento foram divulgados pela revista “Veja”, quinta-feira passada. Dois dia antes, Youssef prestara um depoimento, como vinha fazendo desde o início da delação premiada. No dia seguinte, um de seus advogados pediu para fazer uma retificação no depoimento anterior. No interrogatório, perguntou quem mais, além das pessoas já citadas pelo doleiro, sabia das fraude na Petrobras.
Youssef disse, então, acreditar que, pela dimensão do caso, não teria como Lula e Dilma não saberem. A partir daí, concluiu-se a “retificação” do depoimento. No dia seguinte, trechos do depoimento foram publicados pela revista, com a informação de que o doleiro teria dito que Dilma e Lula sabiam das fraudes na Petrobras.
Youssef segue internado no hospital Santa Cruz, em Curitiba, onde está desde sábado. Segundo boletim médico divulgado ontem, Youssef iniciou tratamento de fisioterapia e reposição de nutrientes, por estar debilitado; seu quadro é estável, mas sem previsão de alta.
Confira mais

BAIANO ASSUME JURÍDICO DE PERILLO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Frederico MatosUm advogado baiano foi escolhido para atuar como delegado da coligação do candidato à reeleição em Goiás, Marconi Perillo (PSDB). Frederico Matos atua ao lado do renomado Ismerim Medina, coordenador jurídico da campanha.
Frederico milita na área eleitoral na Bahia há alguns anos, junto com o itabunense Marcos Alpoim e tem várias vitórias no portfólio. A batalha (jurídica) em Goiás é renhida. De um lado, Perillo, candidato à reeleição, do outro está o ex-governador Iris Rezende (PMDB). E Frederico tem tido muito trabalho, principalmente porque o tucano sempre é citado, na campanha, por suas supostas ligações com o bicheiro Carlinhos Cachoeira. O advogado baiano ressalta que nunca foi comprovada essa relação.

HAMILTON GOMES É PRESO POR PORTE ILEGAL DE ARMA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Hamilton Gomes alegou que arma foi colocada em sua sacola de compras, sem que ele percebesse (foto Lay Amorim / Brumado Notícias)

Hamilton Gomes alegou que arma foi colocada em sua sacola de compras, sem que ele percebesse (foto Lay Amorim / Brumado Notícias)

O advogado Hamilton Gomes, ex-vereador em Itabuna – onde também foi candidato a prefeito – foi preso neste fim de semana em Santo Antônio de Jesus. Segundo o blog Brumado Notícias, ele portava uma arma de fogo sem registro e acabou detido durante uma abordagem.

Gomes, que hoje atua em Salvador, defendeu-se alegando que a arma foi colocada dentro de sua sacola de compras, sem que ele percebesse. O advogado já se envolveu em confusões anteriormente, chegando a ser afastado do cargo de defensor público em Itabuna em um dos episódios. Ele também atuou em Brumado, onde há informações de que igualmente se envolveu em várias situações polêmicas.

O blog informa que Hamilton Gomes prestou depoimento e foi liberado após pagamento de fiança.

 

ADVOGADO SOFRE AGRESSÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Chaves (direita), ao lado do presidente da OAB/Itabuna, Andirlei Nascimento

O advogado José Henrique Chaves foi agredido fisicamente nesta quinta-feira, 29, quando se encontrava no Fórum Epaminondas Berbert de Castro, em Ilhéus. A violência foi cometida por um homem que move ação contra a administradora dos cartões Hipercard. Chaves é advogado da empresa.

O agressor do advogado foi detido no local por um soldado da Polícia Militar e levado para a sede da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Corpin). O caso foi comunicado à Ordem dos Advogados do Brasil.

Em novembro do ano passado, José Henrique Chaves disputou o comando da subseção da OAB de Itabuna, perdendo para Andirlei Nascimento, que foi reeleito para a presidência da entidade.

SAI RESULTADO DEFINITIVO DA 1ª FASE DE EXAME DA OAB

Tempo de leitura: < 1 minuto

O resultado definitivo relativo à primeira fase do 8º Exame de Unificado da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) foi divulgado nesta quinta-feira, 4. De acordo com a entidade,  51.246 bacharéis em Direito foram aprovados dentre os 114.520 inscritos, o que representa 44,75% de aprovação.

CONFIRA O RESULTADO

A OAB havia divulgado resultado preliminar em setembro, mas o definitivo saiu após julgamento de recursos de candidatos. A segunda fase do exame está prevista para o dia 21 deste mês. A aprovação em todas as fases do Exame de Ordem é necessária para que o bacharel obtenha a carteira de advogado, expedida pela OAB.

CAIXA ECONÔMICA ABRE CONCURSO COM SALÁRIO DE ATÉ R$ 7,7 MIL

Tempo de leitura: < 1 minuto

Hereda, presidente da Caixa, fala em 12 mil contratações neste ano.

A Caixa Econômica vai abrir, no próximo dia 27, o período de inscrições do concurso público para formação de cadastro reserva para técnico bancário, advogado, arquiteto e engenheiros (agrônomo, elétrico, mecânico e civil).
As provas do concurso serão elaboradas pela Cesgranrio. A inscrição para cargo de nível médio (técnico bancário) custará R$ 37,00. Para nível superior, a taxa será de R$ 73,00. A remuneração vai de R$ 1.744,00 (nível médio) a R$ 7.734,00 (superior).
As inscrições somente poderão ser feitas apenas pela internet, na página www.cesgranrio.org.br. O pedido de isenção da taxa deve ser feito de 27 a 28 (segunda e terça, pós-carnaval).
— CONFIRA EDITAIS NÍVEL MÉDIO E NÍVEL SUPERIOR
As provas do concurso da Caixa serão aplicadas em duas datas. Aqueles que se inscreverem para técnico bancário, responderão a questões objetivas e discursiva no dia 23 de abril. Já os inscritos para os demais cargos (todos de nível superior), farão a prova no dia 15 de abril.
A presidência do banco espera começar a chamar os aprovados neste concurso em junho, quando termina a validade do exame realizado em 2010. A previsão é de que 12 mil novos funcionários sejam contratados neste ano.

BURGOS: “VOU CONTINUAR ADVOGANDO”

Tempo de leitura: < 1 minuto

Burgos: decisão é administrativa (Pedro Augusto).

Atingido por uma medida da juíza da 2ª Vara Crime de Itabuna, Cláudia Panetta, o secretário da Fazenda de Itabuna, Carlos Burgos, disse que continuará advogando, independente da proibição da magistrada.

Ao repórter Fábio Luciano, do Pimenta, o secretário observou tratar-se “de uma decisão administrativa, da juíza”, mas que continuará advogando no caso do cafetão Jeferson Cabral, o Jefinho, “naturalmente”. Jeferson matou a ex-namorada Camila Vieira Santos, num motel de Itabuna (relembre aqui).

O secretário foi perguntado ainda se obteve, nessa questão, apoio da subseção da OAB-Itabuna. Ele voltou a enfatizar que se tratava de uma decisão administrativa da magistrada e complementou afirmou que não foi procurado por nenhum dos dirigentes da Ordem dos Advogados.

A questão que envolve Burgos é controversa. Há quase 10 anos, a OAB do Espírito Santo havia proibido Carlos Burgos de advogar. O hoje secretário conseguiu reverter a decisão. A juíza itabunense entendeu que, como secretário municipal, ele está proibido de exercer a profissão. No entendimento de alguns juristas, a atuação de Burgos só estaria vedada em questões relacionadas ao município.

Confira a decisão da juíza Cláudia Paneta (clique aqui).

Back To Top