skip to Main Content
26 de maio de 2020 | 03:25 am

MAIS VISITANTES NO SUL E EXTREMO-SUL: 14 NOVOS VOOS DE SALVADOR PARA ILHÉUS E PORTO SEGURO

Voos entre terminais da Bahia e São Paulo e Rio de Janeiro deverão ser suspensos
Tempo de leitura: 2 minutos

A partir deste mês de março, a Bahia deve receber 62 novos voos semanais. São 37 da Gol; 12, da VoePass Linhas Aéreas (antiga Passaredo); sete, da Latam; e seis da Azul.  A partir do dia 18, a Gol aumentará sua atuação regional no Salvador Bahia Airport.

Além de incorporar destinos atualmente operados pela VoePass (Barreiras, Petrolina e Vitória da Conquista), serão inaugurados novos voos entre a capital e Maceió, Aracaju, Porto Seguro e Ilhéus. De Salvador para Ilhéus serão sete frequências semanais; sete também para Porto Seguro; cinco a mais para Petrolina; seis para Aracaju; e 12 para Maceió.

A Latam também está ampliando o volume de voos no estado, com o aumento de quatro para 18 voos semanais na rota Porto Seguro-São Paulo (Congonhas) a partir de 29 de março, passando a operação a ser diária entre os destinos. Atualmente, a Latam já opera cerca de 450 voos semanais na Bahia, além dos internacionais, como o Salvador-Miami e Salvador-Buenos Aires.

“O investimento reflete a atenção permanente da Latam com as oportunidades na Bahia, onde a companhia mantém contrapartidas em acordo para a redução do ICMS sobre o combustível de aviação”, afirma a diretora de Relações Institucionais e Regulatório da companhia, Gislaine Rossetti.

Também a partir deste mês a VoePass vai interligar Teixeira de Freitas , no extremo-sul da Bahia, a Salvador e a São Paulo (Congonhas), ambas as rotas com seis frequências semanais.  Já a partir de abril, a novidade será a rota Salvador-Aracaju operada pela Azul, com seis frequências semanais.

Leia Mais

NOVO AEROPORTO DE VITÓRIA DA CONQUISTA ENTRA EM OPERAÇÃO NO DIA 25

Tempo de leitura: 2 minutos

Novo aeroporto de Conquista começa a operar no próximo dia 25 || Foto Bahia.ba

O novo aeroporto de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, será entregue no próximo dia 23. A construção do equipamento, que contou com recursos estaduais e da União, foi coordenada pela Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra) e integralmente executada pelo governo do Estado. Com estrutura moderna, projetada para receber aeronaves de grande porte, o novo aeroporto leva o nome do cineasta baiano Glauber Rocha e entra em operação na quinta (25). O governador Rui Costa e o presidente da República, Jair Bolsonaro, vão inaugurar o novo terminal conquistense.

O novo equipamento vai ter o dobro de capacidade do antigo aeroporto, podendo ampliar  sua movimentação para 500 mil passageiros até 2020. Outra novidade é que o Glauber Rocha também vai receber grandes aeronaves (Boeing 737-800) e minimizar as interferências climáticas nos pousos e decolagens por ter equipamentos mais avançados de navegação aérea.

Foram investidos cerca de R$ 106 milhões na obra, com mais de R$ 31 milhões do orçamento do Governo da Bahia. Os recursos do Governo Federal foram assegurados durante a gestão da ex-presidente Dilma Rousseff e repassados até o ano de 2018, quando foram transferidos os últimos valores ao Governo do Estado para conclusão das intervenções.

Os investimentos foram aplicados em desapropriações, elaboração de projetos, obras das pistas de pouso e terminal de passageiros, além de intervenções complementares como as vias de acesso até o novo equipamento.

A OBRA

O processo para implantação do novo aeroporto teve início em 2011, quando o Governo do Estado pagou as indenizações que garantiram o terreno onde o aeroporto seria construído. No ano seguinte, Estado e União assinaram convênio assegurando os recursos para viabilizar a obra. Com projetos já totalmente finalizados, a ordem de serviço para a primeira fase obra foi autorizada pelo governo baiano, em 2014. A liberação pela União para construção do terminal de passageiros ocorreu em 2015. A última parcela do governo federal para conclusão da obra saiu em R$ 2018.

Leia Mais

DONO DA HAVAN VOLTA A AVALIAR ABERTURA DE FILIAL EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Havan possui loja em municípios baianos, como em Vitória da Conquista || Foto Divulgação

O empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas de departamento Havan, deverá visitar Itabuna em julho para avaliar a possibilidade de abertura de uma filial da empresa no município. Hang, que se tornou conhecido em todo o país como dos principais cabos eleitorais do então candidato a presidente Jair Bolsonaro, já havia sinalizado interesse no município baiano.

A visita de Hang a Itabuna é articulada pelo diretor de Expansão da Havan, Nilton Hang, e o vereador de Brusque (SC) Jean Pirolla, informa o site Políticos do Sul da Bahia. No ano passado, o empresário disse ter obrigação de abrir filial no município (relembre aqui), mas o aeroporto fechado seria empecilho colocado por Hang para abrir filial aqui, segundo disse o prefeito Fernando Gomes na última semana. O aeródromo foi reaberto nesta semana para pequenas aeronaves e UTIs aéreas (reveja).

AEROPORTO DE SALVADOR É 2º PIOR ENTRE OS PRINCIPAIS DO PAÍS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Aeroporto baiano entre os piores.

Aeroporto baiano está entre os piores.

Uma pesquisa de satisfação feita com passageiros apontou o aeroporto de Salvador como um dos piores dentre os 15 principais do país. Numa escala de 0 a 5, o terminal baiano alcançou nota 3,71, superando apenas o aeroporto de Cuiabá (MT), que ficou com 3,29.

A pesquisa foi feita, pela Secretaria de Aviação Civil, com 13.830 passageiros nos três primeiros meses deste ano. Ainda de acordo com os critérios da pesquisa, o melhor aeroporto dentre os 15 mais movimentados do país é Viracopos, em Campinas (SP), que obteve nota 4,64.

Dentre as melhores notas, aparecem os terminais de Curitiba (4,51), Guarulhos (4,44), Fortaleza (4,37), Recife (4,35), Natal (4,33) e Manaus (4,33). Na sequência, aparecem Brasília (4,22), Santos Dumont, no Rio (4,18), Porto Alegre (4,17), Confins (Belo Horizonte), Congonhas-São Paulo (4,12) e Galeão, no Rio (3,92).

CONSÓRCIO DA QUEIROZ GALVÃO DISPUTA NOVO AEROPORTO ILHEENSE

Tempo de leitura: < 1 minuto
Novo aeroporto terá pista de 3 mil metros, segundo projeto.

Novo aeroporto é projetado com pista de 3 mil metros.

A Construtora Queiroz Galvão foi a primeira empresa a manifestar interesse em construir, em regime de parceria público-privada (PPP), o novo aeroporto internacional de Ilhéus.
O governo baiano abriu prazo de 20 dias, a contar de hoje, para que outras empresas possam também manifestar interesse em participar do projeto que inclui a concessão do futuro terminal.
A Queiroz Galvão se manifestou por meio de consórcio com a Socicam Administração, Projetos e Representações Ltda.
O novo aeroporto de Ilhéus será construído numa área de mais de 979 hectares, entre a Ceplac e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), às margens da Rodovia Ilhéus-Itabuna (BR-415).
A previsão é de investimentos de, pelo menos, R$ 270 milhões no novo aeroporto, que terá pista com 3 mil metros de comprimento, conforme projeto.
Aeroporto será construído na margem onde estão Ceplac e Uesc.

Aeroporto será construído na margem onde estão Ceplac e Uesc.

GOVERNO BAIANO RECEBE AUTORIZAÇÃO PARA CONSTRUIR NOVO AEROPORTO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Dauster e Moreira Franco em ato em Brasília (Foto Divulgação).

Dauster e Moreira Franco em ato em Brasília (Foto Divulgação).

Como este blog havia antecipado na semana passada (confira aqui), o governo baiano recebeu nesta semana a autorização para construir o novo aeroporto de Ilhéus. A delegação de transferência de poderes foi assinada pelo ministro da Aviação Civil, Moreira Franco, durante ato do qual participou o subsecretário da Casa Civil baian, Bruno Dauster.
A obra será licitada por meio de uma Parceria Público-Privada (PPP). De acordo com Dauster, a licitação deve sair ainda este ano. O terminal aeroportuário, com duas pistas de 3 mil metros, será construído na região entre a Ceplac e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), à margem direita da Rodovia Ilhéus-Itabuna (BR-415).
Se a obra começar no início de 2015, o novo aeroporto poderá ser concluído em 2017. O prazo de conclusão é de 30 meses. O investimento total já é orçado em R$ 220 milhões. O prazo para início da construção do terminal também depende dos estudos de impacto ambiental e de licenciamento.

SUJOU, VAI TER QUE LIMPAR

Tempo de leitura: < 1 minuto
Empresa terá que retirar entulho despejado na pista do aeroporto (foto Wilson Oliveira / Ascom)

Empresa terá que retirar entulho despejado na pista do aeroporto (foto Wilson Oliveira / Ascom)

Fiscais da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) confirmaram a denúncia de que uma empresa de construção estava descartando entulho na pista do aeroporto de Itabuna. A informação foi publicada no sábado (1º), pelo PIMENTA.
A empresa responsável pela irregularidade se comprometeu a fazer a limpeza da pista e o nivelamento do entulho que foi colocado nas laterais. O compromisso foi firmado com a prefeitura e representes do Aeroculube de Itabuna. Segundo nota do governo municipal, o nivelamento atende a uma necessidade do aeroclube, que já havia reivindicado a terraplenagem da área.
Segundo o presidente do aeroclube, Francisco de Assis Lima Menezes, nenhuma empresa está autorizada a descartar material naquela área. O descarte de material em qualquer área de Itabuna só pode ser feito mediante autorização do poder público e seguindo as diretrizes do Código de Obras e de Posturas e da Lei nº 2.195/2011, que estabelece a Política Ambiental do Município. Os dispositivos preveem multa e outras punições contra o descarte irregular de entulho.

A LOCALIZAÇÃO DO NOVO AEROPORTO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Aeroporto será construído à margem direita da Rodovia Ilhéus-Itabuna.

Aeroporto será construído à margem direita da Rodovia Ilhéus-Itabuna (em destaque).

Há dez dias, o governo estadual publicou decreto no qual declara como de utilidade pública uma área de 979 hectares entre a Ceplac e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Ilhéus.
Com base nas coordenadas presentes no decreto, o analista Wallace Anderson de Souza e o engenheiro agrimensor Pablo Cardoso, ambos do Incra, elaboraram em especial para o PIMENTA a plotagem que permite visualizar a área que será impactada pelo decreto.
O novo aeroporto faz parte do plano de investimentos logísticos Complexo Intermodal Porto Sul, executado pelos governos federal e estadual com a participação da iniciativa privada. O projeto prevê construção de porto e aeroporto em Ilhéus, além da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol). O aeroporto ainda não tem previsão de início de construção. A obra demandará, segundo o secretário da Casa Civil da Bahia, Rui Costa, investimentos da ordem de R$ 270 milhões.

DECRETO DEFINE ÁREA DO NOVO AEROPORTO DE ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Diário Oficial do Estado publica em sua edição desta quarta-feira (8) o decreto que define a área onde será construído o futuro aeroporto regional do Sul da Bahia. O documento declara de utilidade pública, para fins de desapropriação, uma faixa de terra de 979 hectares, à margem da rodovia Ilhéus – Itabuna. O levantamento do sítio aeroportuário foi realizado pelo Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (Derba).
O mesmo decreto, assinado pelo governador Jaques Wagner, autoriza o Derba a promover os atos administrativos e judiciais, “se necessário em caráter de urgência”, para executar a desapropriação dos imóveis existentes na área.

A MALA DE RAIMUNDO DO BASÍLIO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Raimundo do Basílio: desespero.

Raimundo do Basílio: desespero no aeroporto.

Mais experientes em viagens de avião, dois vereadores de Ilhéus resolveram tirar sarro dos passageiros de “primeira viagem” que seguiram para a Marcha em Brasília. Sobrou para o vereador Raimundo do Basílio.

Ao tentar retirar a mala da esteira, no desembarque na capital federal, Raimundo foi avisado que, se caso a mala dele passasse pela esteira uma única vez, sem ser pega, ela iria direto a um triturador, instalado nos fundos do aeroporto.

Resultado: desesperado com a mala que acabara de passar bem às suas vistas, Raimundo do Basílio não contou conversa… Saiu em desespero em direção à esteira e, nos últimos segundos ante a “tragédia” anunciada por um colega, conseguiu pegar a mala. Aí veio a grande surpresa. De nada adiantou o esforço. Ele pegou a mala… errada.

O dono da bagagem apareceu e provou que os pertences eram seus. Basílio rodou a baiana no aeroporto mesmo diante de uma mala que sobrara na esteira. Funcionário do aeroporto e da empresa aérea perguntavam e ele nada. Até que, tíquete conferido e que tinha o nome do vereador, resolveram abrir a mala. Era dele. O vereador apenas não havia lembrado o modelo e a cor de uma que lhe foi emprestada pelo sobrinho para chegar até a capital federal.

Back To Top