skip to Main Content
30 de setembro de 2020 | 10:14 pm

MUNICÍPIOS RECEBERÃO R$ 600 MILHÕES DO FUNDO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

Ministro anuncia liberação de recursos para municípios || Foto Marcello Casal Jr.
Tempo de leitura: 2 minutos

Recursos da ordem de R$ 600 milhões serão transferidos para a assistência social de todos os municípios, a partir desta sexta-feira (8). A transferência do dinheiro é referente aos meses de abril, maio e junho e será feita pelo Ministério da Cidadania, por meio do Fundo Nacional de Assistência Social, e tem por objetivo proteger a população vulnerável, que mais tem sofrido as consequências da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

“Vamos fazer o pagamento de uma parcela que vai englobar três meses, exatamente para dar condições para o Sistema Único de Assistência Social (Suas). É um exército que chamo ‘do bem’, próximo de 200 mil pessoas que estão em cada canto do Brasil, levando não apenas alimento e prevenção, mas carinho, conforto e estímulo para a população enfrentar este momento”, disse o ministro Onyx Lorenzoni,

Um segundo repasse será feito em 8 de junho, serão mais R$ 600 milhões, referentes aos meses de julho, agosto e setembro. Com isso, o total destinado para o fortalecimento da assistência social, via cofinanciamento do Suas, chegará a R$ 1,2 bilhão. Os recursos foram garantidos na Medida Provisória nº 953, publicada em 16 de abril, que abriu crédito extraordinário de R$ 2,5 bilhões.

Leia Mais

UBAITABA: MUNICÍPIO PROMOVE “DIA DE BELEZA” EM HOMENAGEM ÀS MULHERES

Mulheres foram atendidas no Dia de Beleza em Ubaitaba
Tempo de leitura: < 1 minuto

Numa homenagem às mulheres, a Prefeitura de Ubaitaba promoveu um dia de atividades de beleza para mulheres no Centro de Referência em Assistência Social (CRAS). O público feminino pode participar de atividades ligadas à beleza e autoestima feminina, com serviços de limpeza facial, massagens, corte de cabelo, design de sobrancelha e serviços de manicure nesta terça (10).

O evento contou com a presença da prefeita Suka Carneiro. “A mulher é aquela que se dedica por inteiro, seja nos afazeres domésticos, no cuidado com filho, marido e outras atribuições, a mulher é forte e tem seu grande valor”, afirmou a prefeita.

Para a secretária de Assistência Social, Elied Soares, o município teve a oportunidade de “oferecer às mulheres um momento para se embelezarem e reforçar a autoestima”, além de “conscientizá-las sobre o significado do Dia Internacional da Mulher, sensibilizando-as sobre a importância de lutarem pela garantia de seus direitos”.

ITABUNA DIVULGA RESULTADOS DAS SELEÇÕES PARA EDUCAÇÃO E ASSISTÊNCIA SOCIAL

Tempo de leitura: < 1 minuto

Prefeitura divulga resultados de seleções e convoca aprovados na Educação

A Prefeitura de Itabuna divulgou o resultado dos processos seletivos para contratação de profissionais nas áreas de Educação e de Assistência Social. As listas completas com ordem de classificação foram publicadas na edição desta quarta (14) do Diário Oficial do Município. O resultado para a área da Assistência Social ainda é preliminar e há prazo para que candidatos possam recorrer.
CONFIRA RESULTADOS AQUI
Já para a área da Educação, o resultado é o definitivo. Os aprovados devem ser apresentar, na área de Recursos Humanos, no Centro Administrativo Firmino Alves, na Avenida Princesa Isabel, a partir das 11h desta quinta (15/03). Os aprovados têm dez dias para apresentação e contratação. Quem passar do prazo, perde a vaga, conforme o edital.

“DOIDO DO PAU” É APREENDIDO POR AGREDIR CRIANÇA NO DESFILE DO 7 DE SETEMBRO

Tempo de leitura: 2 minutos
"Doido do Pau" é apreendido após agressões durante desfile

“Doido do Pau” foi levado pela PM para o Hospital de Base

Uma guarnição da Polícia Militar apreendeu o homem que ficou conhecido em Itabuna como o “Doido do Pau”, no final da manhã de hoje (7), após ele agredir uma criança durante o Desfile do 7 de Setembro.

A agressão ocorreu na Avenida do Cinquentenário e homens da PM apreenderam Roberto dos Santos Souza momentos depois, na Avenida Juracy Magalhães, também na região central de Itabuna. Uma idosa também foi vítima do homem nesta quinta.

O “Doido do Pau” foi levado para o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem). Ele deverá ser transferido, nos próximos dias, para tratamento psiquiátrico fora de Itabuna.

Homem é apreendido após agressões no 7 de Setembro.

Homem recebe atendimento após agressões durante desfile no centro

Após Roberto ser apreendido, a área de busca social da Secretaria de Assistência Social de Itabuna informou ter entrado em contato com os familiares dele. A família teria confirmado que o homem sofre problemas mentais.

"Doido do Pau" é detido na Juracy Magalhães

Momento em que o “Doido do Pau” é detido na Juracy Magalhães

“DOIDO DO PAU”

Desde o final do ano passado, Roberto era temido nas ruas de Itabuna pelo comportamento agressivo, principalmente contra mulheres, crianças e idosos.

Ele andava pelas ruas armado com pedaço de madeira ou barra de ferro. Comerciantes da região do Alto Maron, onde ele acabou apreendido hoje, relatam prejuízos por causa da depredação de imóveis.



RESTAURANTE POPULAR REABRE EM JUNHO; REFEIÇÃO É REAJUSTADA EM 50%

Tempo de leitura: < 1 minuto
Restaurantes serão reabertos em junho, segundo prefeitura (Foto Pedro Augusto).

Restaurantes serão reabertos em junho, segundo prefeitura (Foto Pedro Augusto/Arquivo).

Fechadas desde novembro passado, as duas unidades do Restaurante Popular em Itabuna serão reabertas na primeira quinzena de junho, de acordo com anúncio feito nesta manhã (4) pelo município.

A prefeitura terceirizou o serviço. As unidades do centro e do Fátima serão gerenciadas pela Pupo Restaurante e Cozinha Industrial. A mudança vai pesar no bolso dos beneficiados pelo restaurante. A refeição ficará 50% mais cara, saltando de R$ 2,00 para R$ 3,00.

Os restaurantes estão sendo reformados pela empresa, que venceu licitação. As obras são para adequar a estrutura das unidades às exigências da Divisão de Vigilância à Saúde de Itabuna.

A prefeitura informa ter optado por terceirizar os serviços, porque estudos apontavam uma economia de R$ 180 mil, por mês, com a mudança. Apesar da economia, a refeição será reajustada.

FUNCIONÁRIOS

Os antigos funcionários do Restaurante Popular ainda não sabem o que fazer após a terceirização do serviço. Eles mantêm contrato com a prefeitura. Porém a Pupo teria informado que fará seleção própria para todos os setores. “Poderemos ficar sem função no município”, acrescenta um funcionário contratado por meio de seleção pública.

ILHÉUS: PREFEITURA FAZ “HIGIENIZAÇÃO SOCIAL” NO CENTRO HISTÓRICO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Guardas municipais são flagrados fazendo a "higienização social" no centro (Fotos Jornal Bahia Online).

Guardas municipais são flagrados fazendo a “higienização social” (Fotos Jornal Bahia Online).

Imagens divulgadas pelo site Jornal Bahia Online revelam processo de “higienização social” promovido pela Prefeitura de Ilhéus. A ação da Guarda Municipal ilheense ocorreu na segunda-feira (26) pela manhã, período em que o prefeito Jabes Ribeiro anunciava o carnaval cultural para os dias 14 a 17 de fevereiro.

Os moradores de rua dormiam em uma área ao lado da Catedral de São Sebastião. A limpeza ocorreu nas primeiras horas da manhã, antes que turistas começassem a circular pelo Centro Histórico da cidade.

O município, assim como a maioria no país, não dispõe de políticas públicas para atender moradores de rua. As pessoas são expulsas do local e, como não contam com assistência, acabam retornando ou migrando para outras áreas do próprio centro.

Com a palavra, o prefeito Jabes Ribeiro e o secretário de Assistência Social, Jammil Ocké.

COPA 2014: PREFEITURA DE SALVADOR É DENUNCIADA POR FAZER "LIMPEZA HUMANA"

Tempo de leitura: 2 minutos

morador de rua 1A Defensoria Pública do Estado da Bahia propôs ação civil pública contra o município, por conta da retirada deliberada de moradores de rua do Centro da cidade e arredores da Arena Fonte Nova. O motivo para a “limpeza humana” seria a realização dos jogos da Copa do Mundo.
O titular da Secretaria de Promoção Social e de Combate à Pobreza (Semps), Henrique Trindade, afirmou que as denúncias não procedem.
O documento, assinado pelas defensoras públicas Fabiana Miranda, Alexandra Soares e Bethânia Ferreira, foi baseado em depoimentos de pessoas em situação de rua, colhidos durante o segundo semestre do ano passado e início deste ano.
Nos relatos apresentados na ação, os moradores de rua afirmam que estariam sendo retirados à força de viadutos e marquises desde março deste ano. Para tanto, os agentes municipais estariam utilizando caminhões da Empresa de Limpeza Urbana do Salvador (Limpurb) para recolher papelões e pertences dos moradores de rua.
Em caso de resistência, estariam soltando jatos de água ou acionando agentes da Guarda Municipal para a retirada das ruas, dizem os relatos. Depois, seriam levados em veículos do tipo Kombi, com a marca da Prefeitura. De acordo com a defensora pública Fabiana Miranda, responsável pela Equipe Multidisciplinar de Atendimento à População em Situação de Rua, o local onde essas pessoas são deixadas ainda é uma incógnita.
“Por meio dos relatos, conseguimos identificar que eles são levados para abrigos da prefeitura e, em alguns casos, são deixados em chácaras situadas em Simões Filho, Mata de São João e Candeias. Porém, não foi possível chegar a esses lugares, pois nem os denunciantes sabem ao certo a localização deles”, afirmou.
Confira reportagem completa de Luana Almeida n´A Tarde

GRUPO COM CRIANÇA DE 3 ANOS VIVE DEBAIXO DE PONTE

Tempo de leitura: < 1 minuto Branca Magalhães
Um grupo de mais de dez pessoas, dentre elas uma criança de três anos, vive em condições precárias, debaixo da Ponte Nova, às margens do Rio Cachoeira, em Itabuna. Segundo Jilvan Soares, de 30 anos, todos estão neste local há oito meses. Viraram moradores de rua, após desentendimento com familiares e o uso constante de drogas e bebidas.
Sem ter para onde ir, abrigaram-se debaixo da ponte, onde já serviu de moradia para outras pessoas que se encontravam nas mesmas condições. Improvisaram um barraco no local com algumas tábuas e dividem o lugar com porcos e ratos, e sofrem com esgoto a céu aberto, fome e frio, que tem sido cada vez mais intenso.
Jilvan diz, ainda, que passou um período com um parente próximo, mas, segundo ele, em um determinado dia, o mesmo vendeu a casa e desapareceu. Todos que dividem o espaço sobrevivem de doações e reciclagem, tirando uma média de R$ 30,00 por mês. O dinheiro é gasto com bebidas e drogas, que conseguem comprar a R$ 5,00 nos bairros Califórnia e Santa Inês.
A esposa de Jilvan, Ediléia Maria, disse que funcionários da Secretaria de Assistência Social de Itabuna já estiveram no lugar. Houve promessa de solucionar o problema. Porém, nunca mais retornaram, revelando o despreparo dos órgãos públicos para o enfrentamento de problemas sociais e urbanos.
Branca Magalhães é estudante de Jornalismo da Unime Itabuna.

FAMÍLIA É ASSALTADA E PEDE AJUDA PARA VOLTAR PARA SALVADOR

Tempo de leitura: < 1 minuto
Família vive dentro do leito do Cachoeira e próximo de estação de esgoto (Foto Branca Magalhães).

Família vive dentro do leito do Cachoeira e próximo de estação de esgoto (Foto Branca Magalhães).

Branca Magalhães
Uma família está se abrigando no leito do Rio Cachoeira, em Itabuna, após ter sido assaltada e ficar impedida de retornar para Salvador. O assalto ocorreu, segundo Josenei Santos, enquanto ele, a esposa e a filhinha dormiam na Praça Olinto Leone, centro. Segundo Josinei, a família veio a Itabuna para “resolver uma documentação” pendente. O local onde a família está fica próximo à ponte de pedestre do Bairro Conceição.
A família busca ajuda para comprar a passagem de retorno à capital baiana. O casal informou que procurou a Câmara de Vereadores pedindo ajuda, porém foi orientado a ir até a prefeitura. Até o momento, nada conseguiram.
Juliana fala da situação triste em que estão vivendo e diz sentir pela filha ter que passar por essa situação. A higiene é feita ali mesmo: banho na água poluída do Cachoeira, necessidades fisiológicas no “meio do mato”, dividindo o local com ratos, lixo e a gigantesca poluição do rio.
Segundo Juliana, a pouca alimentação que fazem durante o dia vem das doações nas ruas. Josenei lamenta não ter um lugar apropriado para ficar enquanto consegue a passagem. Ele afirmou que  é serralheiro e procura “bicos” para juntar a quantia necessária. Cada passagem custa, aproximadamente, R$ 70,00.

ITABUNA PERDE ARROZ DOADO PELA CONAB

Tempo de leitura: 2 minutos
Parte da carga foi perdida devido a condições inadequadas de estocagem (Foto Pimenta).

Parte da carta foi doada, mas estava estragada (Foto Pimenta).

Cerca de dez toneladas de arroz doadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) ao município de Itabuna estragaram em um área da Secretaria de Assistência Social de Itabuna, na Avenida Inácio Tosta Filho. Apesar disso, o produto está sendo doado a eleitores e entidades assistenciais.
De acordo com funcionários ouvidos, o arroz tinha como destino o Restaurante Popular, mas as condições inadequadas de armazenamento estragaram boa parte da carga.
“O arroz não presta. Está cheio de gorgulho, mofo”, constatou dirigente de uma das entidades atendidas. O destino do produto tem sido o lixo.
Tanto pessoas carentes como dirigentes de entidades anotam que, curiosamente, não podem levar o produto em sua embalagem original. “Eles ordenam que levemos sacolas ou vasilhames para retirar o arroz, mas o produto já está ruim”.
Na última sexta, o PIMENTA esteve na sede da Assistência Social e constatou as condições precárias de armazenagem do arroz. O local é o mesmo onde, há quase quatro anos, um servidor municipal contraiu leptospirose e faleceu (relembre aqui).
Carro oficial transporta arroz já fora da embalagem (Reprodução Pimenta).

Carro oficial transporta arroz já fora da embalagem (Reprodução Pimenta).

Back To Top