skip to Main Content
23 de novembro de 2020 | 01:48 pm

TEMPO BOM PARA PRODUZIR

Tempo de leitura: < 1 minuto
Governo lança plano e assume dívida dos produtores.

Governo lança plano e quitação de dívida.

Cerca de 2,5 milhões de agricultores baianos receberam do governador Jaques Wagner, nesta quinta, 1º, a garantia de que o estado vai pagar dívida de aproximadamente R$ 1 milhão dos pequenos agricultores junto a instituições financeiras.

A medida foi comemorada e, mais que isso, tornará os agricultores familiares adimplentes e em condições de receber novos financiamentos para produzir. O anúncio de Wagner ocorreu durante o lançamento do Plano Tamanho Família, no auditório do Instituto Anísio Teixeira, em Salvador.

O pacote de ações do plano também prevê ações estruturantes e de fortalecimento da agricultura familiar. A Bahia é o estado que possui o maior número de agricultores familiares. De acordo com o governo, são 662 mil famílias.

O BAHIA E A CAMADA PRÉ-SAL

Tempo de leitura: < 1 minuto
.

.

Se é bem verdade que a Petrobras encontrou gás natural e leves camadas de óleo na costa baiana, mais precisamente na bacia do Rio Jequitinhonha, entre os municípios de Una e Canavieiras, não se surpreeenda se – lá na camada pré-sal – a companhia petrolífera prospectar fósseis de um time que imaginava voltar para a Série A em 2009. Sim, o Bahia.

A equipe do técnico Sérgio Guedes conseguiu o que parecia improvável: perdeu por 1×2 para o Duque de Caxias. O resultado deixou o tricolor-de-aço na ‘seleta’ zona de rebaixamento, o grupo dos quatro times que descem para a Série C do Brasileirão.

O jogo foi disputado no estádio Pituaçu. Os três gols aconteceram no segundo tempo. O Duque de Caxias, que brigava diretamente com o Bahia para sair do Z-4, enfiou dois gols. O tricolor fez o de honra no finalzinho da partida. E ainda se deu ao luxo de perder um pênalti quando a parada estava 0x1 para o time adversário.

RÚBIA AGORA É DO PSC

Tempo de leitura: < 1 minuto

Em sua carreira política, Rúbia Carvalho já experimentou diversos partidos e algumas decepções. A mais recente delas já data de algum tempo e foi com o ex-aliado Raymundo Veloso, que exerce mandato de deputado federal pelo PMDB.

Rúbia, que  já foi tucana, pedetista e pessebista, ingressou no PMDB e apoiou Veloso. Depois, acabaram se desentendendo, mas ela se segurou no cargo de coordenadora do Programa de Inclusão Sociodigital do governo baiano. Como saiu do PMDB, sobreviveu à degola subsequente à briga entre Geddel e Wagner (o ex-secretário Ildes Ferreira, a quem Rúbia era subordinada, deixou o cargo por ser da cota do PMDB).

Nova mudança: Rúbia acaba de desembarcar de mala e cuia no PSC do pastor Eliel Santana e, em Ilhéus, da deputada estadual Ângela Sousa. Chega com a intenção de lançar candidatura a deputada federal.

Como a nova militante social-cristã também é de Ilhéus, surgiu dúvida se Ângela diria “Deus abençoe” à nova filiação. A deputada, segundo informações, não se opôs, mas afirmou que seu palanque já está cheio, os compromissos já estão firmados.

Nesse cenário, ainda resta saber de que lado ficará o PSC, já que o presidente Eliel Santana faz opção declarada por Geddel, mas não abre mão dos cargos que detém na administração estadual…

EDMUNDO QUERIA A VICE; WAGNER NÃO GARANTIU…

Tempo de leitura: < 1 minuto

.

.

Segundo a edição deste sábado do jornal A Tarde, o vice-governador Edmundo Pereira decidiu ficar onde estava. Apesar das negociações intensas com o PCdoB (confira aqui), Edmundo optou em permanecer no PMDB de Geddel Vieira Lima, pré-candidato à sucessão do governador Jaques Wagner.

Ainda de acordo com o jornal, Edmundo queria de Wagner a garantia de que o petista repetiria a dose de 2006, deixando-o como vice na chapa à reeleição. O governador não assegurou o ‘replay’ e o vice-governador decidiu marchar com Geddel Vieira Lima.

WAGNER VISITA ITAGI NESTE SÁBADO

Tempo de leitura: < 1 minuto
wagner visita

O governador Jaques Wagner visita nesta manhã de sábado, 26, o município de Itagi, no limite entre as regiões sul e sudoeste do estado. Ele vistoria a construção de 100 casas populares do programa Dias Melhores, executado pelos governos estadual e federal. Ainda na visita, ele entrega a obra de reforma e ampliação da praça São José, onde foram investidos R$ 274 mil, segundo o governo.

Jaques Wagner comemora a marca de mais de 15 mil moradias já entregues em seu governo e outras 30 mil em execução. De acordo com o governo, outras 23 mil estão em fase de contratação. Na construção das casas em Itagi, são investidos R$ 850 mil, sendo R$ 250 mil do estado e R$ 600 mil da União.

GUARDAS DE TRÂNSITO MULTAM VIATURAS DA POLÍCIA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Carlos Lima denuncia multas apoliciais civis (foto: reprodução Xilindró Web)

Carlos Lima denuncia multas apoliciais civis (foto: reprodução Xilindró Web)

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc), denuncia o que poderia ser classificado como absurdo: os guardas municipais de trânsito de Salvador estão multando os carros da polícia que avançam sinais em perseguições a bandidos.

Segundo o presidente do Sindpoc, Carlos Lima, há 90 dias essa vem sendo a rotina nas unidades policiais de Salvador e região metropolitana. “Cada delegacia recebeu uma média de 50 multas nos últimos três meses”.

O pior é que essas multas são direcionadas aos policiais. “São eles que estão recebendo notificações da Superintendência de Trânsito e Transportes de Salvador (Transalvador) para se responsabilizar pelo pagamento das multas”.

A luta do sindicato agora é fazer com que, pelo menos, as notificações sejam direcionadas à Secretaria de Segurança Pública (SSP). Os policiais são orientados a não pagar nem assinar nenhuma notificação enviada pelo órgão municipal. O código de trânsito brasileiro não excetua nenhum tipo de veículo. Todo condutor que cometer infração será autuado.

Segundo o Departamento Nacional de Trânsito, caso o policial ou bombeiro comprove que estava em situação de urgência ou emergência, a multa poderá ser cancelada. As informações são do Correio.

VITÓRIA É GOLEADO; BAHIA EMPATA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A noite de terça-feira não foi das melhores para os dois principais times baianos. No Uruguai, o Vitória levou uma sacolada do River Plate, do Uruguai: 4×1. Era o jogo de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana. O rubro-negro precisa vencer por 3×0, no Barradão, para avançar na competição internacional. O jogo de volta está marcado para o dia 30.

O Bahia não conseguiu passar de um empate em 0x0 com o mineiro Ipatinga, em partida disputada na casa do adversário. Pior que isso, é a ameaça de terminar na zona de rebaixamento ao final desta rodada que será concluída no próximo sábado. O tricolor-de-aço disputa a Série B, está na 15ª colocação.

GOVERNO ANUNCIA INDENIZAÇÃO À FAMÍLIA DE LEAL

Tempo de leitura: 2 minutos
Governador enviará projeto indenizatório à Assembleia.

Governador enviará projeto indenizatório à Assembleia.

O governador Jaques Wagner prometeu enviar à Assembleia Legislativa da Bahia nos próximos dias, projeto de lei pedindo indenização governamental de R$ 100 mil, em parcela única, (de acordo com informações da Secretaria de Relações Institucionais)  à família do jornalista Manoel Leal, assassinado em 14 de janeiro de 1998.

O projeto cumpre recomendação do Comitê Interamericano de Direitos Humanos (CIDH) da Organização dos Estados Americanos (OEA), na responsabilização do Estado pela omissão na garantia de segurança e nas investigações no caso.

O anúncio foi feito nesta segunda, em cerimônia de reconhecimento da responsabilidade do Estado sobre este assassinato, parte das homenagens que marcaram  um  café da manhã em comemoração ao Dia do Radialista.  “A discussão sobre a culpa do Estado em atos de violência é um tema controverso, mas neste caso, é um gesto que demonstra um pouco da nossa preocupação com o dano causado pela perseguição política na Bahia”, afirmou Wagner.

Reconhecimento

O filho da vítima, Marcel Leal, presente na cerimônia, destacou a importância do reconhecimento da responsabilidade do Estado na continuidade das investigações. “Um dos executores do crime está preso, mas é preciso identificar os mandantes”, disse. Ele acredita que a partir do reconhecimento da responsabilidade do Estado, o caso seja reaberto para que os responsáveis sejam punidos.

O secretário da Justiça da Bahia, Nelson Pelegrino, disse que pretende recuperar o procedimento iniciado pela Polícia Federal na época do assassinato para a reabertura do caso. “De 1991 a 1998, dez jornalistas foram assassinados na Bahia impunemente e o caso de Leal foi emblemático porque ganhou notoriedade e serviu para estancar a onda de violência na Bahia”, lembrou.

Se o Estado pedir a reabertura do caso  o Tribunal de Justiça da Bahia é que deve decidir. “Este inquérito foi manipulado e precisamos investigar. Enquanto os mandantes não forem penalizados, o caso permanece em aberto”,  diz.

Leia mais em A Tarde (clique aqui).

PROMESSA É DÍVIDA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Dia desses, o apresentador Raimundo Varela lembrava em seu programa, na Tudo FM (Salvador), que uma das promessas de Paulo Carneiro era acabar com o Bahia. A promessa foi feita quando Carneiro presidia o Vitória, arqui-inimigo do tricolor baiano.

Para isso, não falta muito. Como bem lembrou o leitor Renato Vasconcelos, hoje, o ex-presidente do rubro-negro é diretor de futebol do Bahia, time que faz uma campanha para lá de duvidosa na Série B do Campeonato Brasileiro e ‘periga’ ser rebaixado para o fundo do poço (as opções são as séries C e D do Brasileirão).

Será que o plano de Paulo Carneiro está a pleno vapor?

“JOGUEI A TOALHA”

Tempo de leitura: < 1 minuto

Renato Vasconcelos

Como tricolor baiano, joguei a toalha desde a semana passada.

Inexplicável! O segundo elenco mais caro da série B, o ingresso mais caro da série B, um bom estádio ( talvez o mais moderno da série B), renda, e o time não faz nada em campo.

Será conspiração dos jogadores?

Paulo carneiro?

O técnico ( não acredito)?

Salários? Pode até ser, mas a maioria dos times atrasa até mais e, pelo que sei, não deve ter atraso assim.

Só recorrrendo a Freud.

A torcida é de Série A , as instalações e estrutura de Série A ou B, time e diretoria de Série C. Sou um torcedor do Bahia, mas sou realista e lúcido. Entendo que o time não presta e a única palavra que traduz isso tudo é INCOMPETÊNCIA!

Presidente ausente (Deputado Federal), diretor rubro-negro doente e time com folha de 1 milhão de reais de perna de pau.

Back To Top