skip to Main Content
12 de abril de 2021 | 02:09 pm

COVID-19: ITABUNA REGISTRA MAIS DOIS ÓBITOS E TOTALIZA 15.700 CASOS DA DOENÇA

Itabuna tem mais dois óbitos pela Covid-19|| Foto José Nazal
Tempo de leitura: < 1 minuto

Itabuna registrou, ontem, mais óbitos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Com isso, o número de pessoas que não resistiram à doença, desde o início da pandemia, chegou ao total de 355, segundo dados divulgados na noite de terça-feira (22), pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Itabuna tem 15.700 casos confirmados de novo coronavírus, sendo 592 casos ativos. Existem 42 pessoas internadas nos hospitais Calixto Midlej Filho, Luís Eduardo Magalhães e Manoel Novaes, que é o único pediátrico no sul da Bahia com unidades exclusivas para pacientes infectados pela Covid-19.

Do total de internados, 23 pacientes estão em estado mais grave, em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e 19 em leitos clínicos (enfermaria). O município contabiliza ainda 14.753 de pessoas recuperadas da doença.

SANTA CASA COBRA R$ 67 MILHÕES DO MUNICÍPIO DE ITABUNA

Provedor cobra R$ 67 milhões do município de Itabuna
Tempo de leitura: < 1 minuto

O provedor da Santa Casa de Misericórdia, Francisco Valdece, afirmou, nesta sexta-feira (31), em entrevista ao Balanço Geral, da TV Cabrália/Record, que o município de Itabuna deve R$ 67 milhões para a instituição. Ele se queixou da dificuldade para receber os pagamentos.

Francisco Valdece disse que, ao deixar o cargo de secretário de saúde, Uildson Nascimento anunciou que estava deixando R$ 64 milhões em caixa. “Não se sabe em que esses recursos foram aplicados. Agora, ele (Uildson) esqueceu-se de dizer que o município tem prejudicado a Santa Casa, porque deveria usar esses recursos para pagar a nossa instituição”.

O provedor reclamou que, quando a Santa Casa conseguia recursos, via emenda parlamentar, por exemplo, o município não repassava a verba. “O então secretário de saúde travou o dinheiro, dizendo que era dele. Somente nos últimos 60 dias ajuizamos 14 ações judiciais contra o município de Itabuna”.

NOVO CORONAVÍRUS

O provedor afirmou que o Hospital Calixto Midlej Filho (HCMF) está praticamente reservado para atender pacientes suspeitos ou positivados para o novo coronavírus. Com isso, disse ele, as receitas caíram drasticamente, porque outros serviços, que poderiam ser prestados, deixaram de ser realizados.

Hoje, a Santa Casa disponibiliza no HCMF, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), via convênio com a Secretaria Estadual de Saúde, 30 leitos clínicos e 10 leitos em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes adultos.

Outros 13 leitos pediátricos estão disponíveis no Hospital Manoel Novaes – 10 em enfermaria e três em UTI. “Estamos com 100% dos leitos de UTI Covid adultos ocupados”, afirmou. O ex-secretário de saúde e prefeitura ainda não se pronunciaram sobre a cobrança da Santa Casa.

Back To Top