skip to Main Content
22 de janeiro de 2021 | 06:04 am

ATLETAS DO SUL DA BAHIA CONQUISTAM 15 MEDALHAS DE OURO NO BRASILEIRO DE CANOAGEM

Tempo de leitura: 2 minutos

Atletas da canoagem dos municípios de Itacaré e Ubaitaba fizeram bonito nas águas do Rio Paraguai, região situada no paradisíaco pantanal sul-mato-grossense. Os canoístas conquistaram 15 medalhas de ouro, cinco de prata e quatro de bronze na 28ª edição do Campeonato Brasileiro de Canoagem Maratona, em Corumbá, no final de semana.

Ao todo, 15 atletas baianos participaram da competição – 13 de Itacaré e dois de Ubaitaba. Os atletas de Ubaitaba viajaram com apoio do transporte assegurado pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb).

Os garotos de Itacaré, que conquistaram 22 medalhas, integram o projeto Remando no Rio de Contas, mantido pelo Governo da Bahia.

Cidade do campeão Isaquías Queiroz, que nos Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro conquistou três medalhas (duas prata e um bronze), Ubaitaba abriga o moderno Centro de Canoagem, inaugurado no final de agosto pelo Governo da Bahia. Também funcionam turmas do projeto Remando no Rio de Contas, atendendo com aulas de iniciação esportiva, a cerca de 100 alunos de 7 a 17 anos.

CANOÍSTAS OLÍMPICOS

O certame em Corumbá contou com a presença de dois canoístas olímpicos: o brasileiro Roberto Maehler e o cubano, agora naturalizado brasileiro, Jorge García, que estiveram nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016, no Rio de Janeiro.

A prova teve a participação ainda de inúmeros campeões dos estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul e Distrito Federal, e também internacionais da canoagem em diversas modalidades (descida, velocidade, slalom e oceânica).

Os percursos estabelecidos foram de cinco, 10 e 20 quilômetros, disputados nas categorias infantil, menor, cadete, júnior, sênior, máster (A, B, C e D) e open, e na canoagem adaptada/paralímpica nas categorias L1, L2, L3 e open.

Os tipos de embarcação foram caiaque (classes K1 escola, K1/K2 e K1 (embarcação até 4,5 metros) e canoa (C1 – individual/C2 – dupla). Já na paracanoagem, caiaques foram remados nas classes K1 (individual), V1 e turismo.

RUI E ISAQUIAS QUEIROZ ENTREGAM CENTRO DE CANOAGEM EM UBAITABA

Tempo de leitura: 2 minutos

Conhecida como a Cidade das Canoas, Ubaitaba, no sul da Bahia, passa a contar com um Centro de Treinamento de Canoagem. O investimento de mais de R$ 1,6 milhão foi entregue pelo governador Rui Costa nesta sexta-feira (28) e atenderá os atletas de 8 a 18 anos da região. Em Ubaitaba figuram nomes importantes da canoagem brasileira, a exemplo dos atletas medalhistas Isaquias Queiroz e Erlon de Souza.

“Este é o segundo equipamento deste tipo que nós entregamos, o primeiro foi em Itacaré, e agora aqui em Ubaitaba, a partir de um compromisso que eu assumi quando encontrei o Isaquias depois que ele ganhou a medalha de ouro. Dialogando com os atletas e associações de canoagem a gente chegou ao melhor formato pra projetar e entregar três centros de canoagem no Estado”, afirmou o governador Rui Costa.

Rui com Luciana Costa, que vai comandar centro || Fotos Carol Garcia

A estrutura do centro contempla garagem dos barcos, sala de musculação, refeitório, copa, despensa, área de serviço, sala da administração, sala de professores, sala de aula e deck flutuante. O modelo segue o mesmo padrão adotado no primeiro centro de canoagem em Itacaré, também construído pelo Governo da Bahia e inaugurado em julho de 2018. O terceiro está em fase de construção em Ubatã.

TRADIÇÃO NA CANOAGEM

O atleta Isaquias Queiroz reconhece a importância da estrutura adequada para a prática de canoagem na região. “Eu saí cedo da Bahia pra me dedicar ao meu sonho no esporte, e o fato de eu ter conquistado a medalha chamou atenção e eu agradeço ao Governo do Estado por estar olhando para os atletas de canoagem que agora têm essa estrutura, porque aqui desse rio saíram muitos atletas de destaque no Brasil. Com certeza muitos jovens de hoje vão ter oportunidade de alcançar o ponto mais alto do pódio”, comemora o atleta.

De acordo com diretor-geral da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), Vicente Neto, o equipamento será um centro de excelência para formação de novos atletas. “Esse Centro será fundamental para os núcleos de iniciação esportiva e do alto rendimento dos atletas da região. É um centro que está entre os melhores do Brasil, integrado com natureza e às margens do Rio de Contas. O próximo passo agora é o convênio com Associação Cacaueira de Canoagem para garantir o funcionamento dos núcleos e a retomada das atividades no pós-pandemia”.

Leia Mais

TERRA DE ISAQUIAS QUEIROZ, UBAITABA GANHA CENTRO DE TREINAMENTO DE CANOAGEM

Centro de Canoagem será entregue pelo governador Rui Costa nesta sexta
Tempo de leitura: < 1 minuto

Terra natal do campeão mundial e medalhista olímpico Isaquias Queiroz, Ubaitaba, no sul da Bahia, finalmente ganhará um moderno centro de treinamento de canoagem, numa das margens do mágico Rio de Contas. O equipamento será inaugurado às 9 horas desta sexta-feira (28) pelo governador Rui Costa e a prefeita Suka Carneiro.

O Centro de Canoagem contempla garagem dos barcos, sala de musculação, refeitório, copa, despensa, área de serviço, sala da administração, sala de professores, sala de aula e deck flutuante. Devido à pandemia, o cerimonial do governo estadual diz que será feita apenas a entrega do equipamento para evitar aglomeração. A obra está sendo entregue mais de um ano depois do prazo previsto para inauguração e teve custo de aproximadamente R$ 1,1 milhão.

ERLON E ISAQUIAS ESTÃO NA FINAL DO MUNDIAL DE CANOAGEM E MAIS PERTO DE TÓQUIO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Erlon e Isaquias estão na final do Mundial de Canoagem|| Foto Helena Rebello/GloboEsporte.

Com o tempo de 3m27s34, os atletas Isaquias Queiroz e Erlon de Souza venceram a semifinal no C2 1000m, no final da manhã desta sexta-feira (23), e garantiram vaga na final do Campeonato Mundial de Canoagem de Velocidade de Szeged, na Hungria. A dupla do sul da Bahia volta a entrar na água para disputar medalha neste sábado (24), a partir das 7h04min (horário de Brasília).

Com a classificação de hoje, Isaquias Queiroz e Erlon de Souza ficaram bem perto de conseguir uma vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Para garantir o passaporte para o Japão, a dupla brasileira precisa terminar a prova de amanhã entre os oito primeiros colocados.

Na prova desta sexta-feira, os canoístas do sul da Bahia chegaram à frente dos atletas Serguey Torres Madrigal e Fernando Dayan Jorge Enriquez. Os cubanos conquistaram medalha de ouro nos Jogos  Pan-Americanos de Lima, no Peru, no mês passado. A dupla brasileira teve que abandonar a prova depois que Erlon de Souza passou mal.

ISAQUIAS QUEIROZ ASSINA CONTRATO COM O FLAMENGO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Contrato com rubro-negro carioca vai até 2020

O maior medalhista do Brasil numa edição de Olimpíada, com três conquistas, o canoísta Isaquias Queiroz assinou contratado com o Flamengo até os Jogos de Tóquio, em 2020. Nascido em Ubaitaba, no sul da Bahia, o atleta será a principal referência do Projeto Flamengo Náutico e poderá ter o contrato estendido até 2024. Além de destaque nos Jogos no Brasil, em 2016, o canoísta é dono de 10 medalhas em mundiais.

Isaquias Queiroz seguirá treinando e morando com a Seleção Brasileira de Canoagem, em Lagoa Santa, em Minas Gerais, e se deslocará para o Rio de Janeiro para treinamentos especiais.  O gerente de Remo e Canoagem do Flamengo, Marcello Varriale, explica que o clube está alinhado com o Comitê Olímpico do Brasil, já que o interesse é o mesmo, “dar suporte para que Isaquias conquiste medalhas olímpicas”.

Garantir vaga para os Jogos de Tóquio-2020, no Mundial da Hungria, em agosto, é uma das principais metas do atleta, que neste ano disputará o Pan-Americano e a Copa do Mundo de Canoagem. “Quero turbinar ainda mais minha carreira e ter meu nome entre os ídolos de um dos clubes mais importantes do país”, disse o canoísta baiano.

CANOÍSTAS DE UBAITABA CONQUISTAM 18 OUROS NO PARANÁ

Tempo de leitura: 2 minutos

Canoístas de Ubaitaba deram show em competições nacionais no Paraná

A delegação de canoístas de Ubaitaba que participou, no sábado e domingo (7 e 8), da Copa Brasil de Canoagem Velocidade, em Curitiba (PR), brilhou. Os atletas da Associação Cacaueira de Canoagem (ACC) conquistaram 18 medalhas de ouro, 3 pratas e 14 bronzes.
Ao todo 15 atletas viajaram numa Van, cedida pela Prefeitura de Ubaitaba, enquanto 2 atletas foram de avião também patrocinados pela Prefeitura. A competição serviu de seletiva para os atletas que representarão o Brasil nas competições internacionais em 2018 e nacionais.
A  delegação estará de volta à cidade nesta terça-feira trazendo na bagagem, além das medalhas, cinco barcos de carbono, legado das Olimpíadas Rio 2016, onde foi destaque o medalhista ubaitabense Isaquias Queiroz. Confira os resultados no “leia mais”, abaixo.

Leia Mais

MEDALHISTA DE OURO NA CANOAGEM MORRE NO SUL DA BAHIA

Tempo de leitura: 2 minutos

Canoagem brasileira perde medalhista de ouro

Faleceu nesta quarta-feira (21), no Hospital Regional da Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, o canoísta Ualef Silva Moreira, 14 anos. Um das grandes revelações do esporte na Bahia sofreu uma parada cardíaca em Ubaitaba, recebeu atendimento médico, mas não resistiu.
Nascido em Ubaitaba, Ualef foi multimedalhista da categoria Menor nos campeonatos brasileiros de Canoagem Velocidade em 2016 e 2017, o que o credenciou a participar do Campeonato Sul-americano de Canoagem Velocidade Menor, Cadete e Máster e SUP. Na competição realizada em Montevidéu, no Uruguai, no final do ano passado, Ualef conquistou duas medalhas de ouro, ao lado de Cauan dos Santos Alves, no C2 1000m e 2000m Menor e uma medalha de bronze no C1 1000m Menor.
CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA LAMENTA
Em nota, a Confederação Brasileira de Canoagem lamentou a morte do jovem revelação “é com pesar que recebemos a notícia do falecimento do atleta da Associação Cacaueira de Canoagem, Ualef Silva Moreira. O baiano de apenas 14 anos havia sido internado após sofrer uma parada cardíaca e não resistiu ao processo de reanimação”.
Sua partida entristece a todos que enxergavam o futuro brilhante que Ualef tinha pela frente. A Canoagem Brasileira estende seu profundo pesar à família e amigos do atleta. Companheiros, amigos e atletas baianos também lamentaram a morte precoce do canoísta do sul da Bahia.
Ualef Silva foi internado em estado grave no dia 15 deste mês, após realizar atividades físicas sem se alimentar. Além da parada cardíaca, o atleta sofreu uma convulsão e foi internado no hospital de Ubaitaba. Logo depois, já em estado gravíssimo, foi transferido para o Hospital Costa do Cacau. O velório está sendo realizado em uma igreja evangélica da Ruinha, naquele município, e o enterro está previsto para acontecer nesta quinta-feira, às 9h.
MOÇÃO DE PESAR
Ao tomar conhecimento do falecimento do atleta de Ubaitaba, a prefeita Suka Carneiro externou à família do atleta Moção de Pesar. A canoagem tem elevado o nome do Município no cenário esportivo nacional e internacional. “Ualef não deixa um vazio apenas no seio de seus familiares, mas sua partida entristece a todos nós, que vemos no esporte, como a canoagem, a saída digna de crianças e adolescentes como ele que buscam viver com dignidade”, disse a prefeita. Atualizado às 19h45min.

CANOÍSTAS DO SUL DA BAHIA GANHAM 36 MEDALHAS DE OURO NO BRASILEIRO

Tempo de leitura: 2 minutos
Equipe de Itacaté é campeã brasileira

Equipe de Itacaté é campeã brasileira

As delegações de Itacaré e Ubaitaba foram recebidas, ontem, com festa em seus municípios depois do destaque de seus atletas no Campeonato Brasileiro de Canoagem de Velocidade e Paracanoagem, que foi realizado no Parque Náutico Iguaçu, em Curitiba. A competição reuniu mais de 470 atletas  brasileiros, que duelaram nas provas de 1000m, 500m e 200m nas categorias Infantil, Menor, Cadete, Junior, Sênior, Master, além da Paracanoagem.

Com uma delegação com cerca de 30 canoístas, a Associação de Canoagem de Itacaré (ACI) foi campeã da edição deste ano, com 976 pontos. Os atletas de Itacaré conquistaram um total de 77 medalhas, sendo 22 de ouro, 23 de prata e 27 de bronze. O bom desempenho também valeu vagas para os Jogos Sul-americanos da Juventude, que será realizado no início de outubro, em Santiago, no Chile, e Campeonato Sul-americano, previsto para primeira quinzena de novembro, em Montevidéu, no Uruguai.

UBAITABA TAMBÉM FEZ BONITO

A vice-campeã nacional foi a Associação Cacaueira de Canoagem, de Ubaitaba, que conquistou 33 medalhas, sendo 14 de ouro, 12 prata e 7 bronze, que valeram 762 pontos no ranking nacional. A expectativa é que pelo menos oito atletas garantam classificação para os Jogos da Juventude e Campeonato Sul-americano. A relação oficial de classificados para as duas competições ainda será divulgada pela Confederação Brasileira de Canoagem.

Canoístas de Ubaitaba no Campeonato Brasileiro

Canoístas de Ubaitaba no Campeonato Brasileiro

A treinadora da Associação Cacaueira e atleta Luciana Costa afirmou que o desempenho poderia ter sido ainda melhor se não fossem as novas regras implantadas no brasileiro deste ano.  As mudanças impossibilitaram a participação de oito atletas em mais de uma prova.  “Mas ficamos felizes com o desempenho da nossa equipe”, afirmou ao PIMENTA.

Luciana está entre os atletas que se destacaram no Brasileiro. Em dupla com Camila Lima, ela conquistou duas medalhas de prata nas provas C2 500 metros e C2 200 metros, no feminino.  A expectativa é que nos próximos anos surjam, na terra de Isaquias Queiroz, novos campeões em competições internacionais.

Equipe conquistou 33 medalhas, sendo 14 de ouro

Equipe conquistou 33 medalhas, sendo 14 de ouro

São mais de 10 atletas com chance de brilharem já nos Jogos Sul-americanos no próximo mês. Entre as apostas estão Helton Santos, Andreia Oliveira, Sávio Santana, Diego Fontes e  Jonatan Coutinho, que foi um dos medalhistas no Campeonato Brasileiro deste ano, com ouro no C1 1000m masculino infantil. O menino de 11 anos venceu a prova com 18 segundos de vantagem para o segundo colocado.

EQUIPE DE ITACARÉ BUSCA MEDALHAS NO BRASILEIRO DE CANOAGEM EM CURITIBA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Equipe de Itacaré disputa o campeonato Brasileiro de Canoagem

Parte dos atletas da equipe de Itacaré que disputará o Campeonato Brasileiro de Canoagem

A delegação de Itacaré partiu na noite de domingo (27) com destino a Curitiba para representar o município do sul da Bahia no Campeonato Brasileiro de Canoagem de Velocidade e Paracanoagem, que acontecerá de 31 de agosto a 3 de setembro no Parque Náutico do Iguaçu, no Paraná. Cerca de 30 canoístas de diversas categorias disputarão a competição, que reunirá os melhores atletas do Brasil.

Durante o Campeonato Brasileiro de Canoagem ocorrerá a primeira seletiva para os Jogos Olímpicos da Juventude e a expectativa é que vários atletas de Itacaré garantam vaga. Nos últimos dias, os treinos foram intensificados com o objetivo de transformar em medalhas a vontade e sonho de muitas crianças, adolescentes e jovens.Para alguns canoístas do município é a primeira chance em uma grande competição.

A participação da delegação de Itacaré no Campeonato Brasileiro de Canoagem Velocidade contou com o apoio da Prefeitura e de comerciantes locais que acreditam nos atletas e no grande resultado que o esporte pode trazer para as novas e futuras gerações. “Somente juntos, vamos fazer crescer o esporte na nossa cidade”, afirmou o prefeito Antônio de Anízio desejando sorte aos competidores. A primeira classificatória começa às 8 horas de quinta-feira, com a prova K1 1000m na categoria sênior.

QUATRO CANOÍSTAS DO SUL DA BAHIA ESTÃO NAS SEMIFINAIS NO MUNDIAL

Tempo de leitura: < 1 minuto
Erlon de Souza e Isaquias se classificam.

Erlon de Souza e Isaquias se classificam para as semifinais|| Foto reprodução Facebook.

Nesta sexta-feira (25), a dupla de canoístas Isaquias Queiroz e Erlon de Souza avançou para as semifinais do Mundial de Canoagem de Velocidade, em Racice, na República Tcheca. Eles ficaram em 5º lugar na eliminatória, na modalidade C2 1.000m, com o tempo de 3m47s476. Além da vaga em dupla, Isaquias está garantido na final da C1 1.000m e disputa medalha neste sábado.

Erlon de Souza foi outro representante baiano que conseguiu mais de uma classificação na competição. Ele assegurou vaga nas semifinais em dupla na modalidade C2 200m, com o itacareense Maicon dos Santos. Quem também está garantida nas semifinais do Mundial de Canoagem de Velocidade é Valdenice Conceição. A itacareense se classificou na modalidade C1 200 m, feminino.

Back To Top