skip to Main Content
5 de julho de 2020 | 10:54 pm

OPERAÇÃO DA PF PRENDE TRAFICANTES DE DROGAS NA BAHIA E SP

Tempo de leitura: < 1 minuto
PF deflagram operação contra o tráfico de drogas no sul da Bahia (Foto Arquivo).

PF deflagram operação contra o tráfico de drogas no sul da Bahia (Foto Arquivo).

O tráfico de drogas no sul da Bahia é o alvo da Operação Patente, da Polícia Federal. Nesta quinta (26), a PF e a Cipe Cacaueira (pelotão especializado da PM no sul da Bahia) cumprem 22 mandados de prisão preventiva e 27 de busca e apreensão em Itabuna, Ilhéus, Itacaré, Jequié, Salvador e São Paulo (SP).

De acordo com a superintendência da PF, a operação visa apreender drogas, armas, dinheiro e veículos adquiridos pelos traficantes no sul e no sudoeste baiano, além das capitais da Bahia e de São Paulo. A operação também detecta bens imóveis em poder do tráfico.

Os presos na operação ficarão à disposição da Justiça e serão indiciados por tráfico. Às 11 horas desta quinta, a PF faz um balanço na Operação Patente, na sede do órgão em Ilhéus.

HYUNDAI EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

hyundaiUma disputa judicial envolvendo cliente e a Ville levou à suspensão das atividades da concessionária Peugeuot em Itabuna, no final de 2014. O grupo que trouxe a marca francesa para o sul da Bahia abrirá, no local da Ville, uma revendedora da Hyundai.

A Hyundai está entre as marcas que mais crescem no país, puxada pelo sucesso HB20.

MODA: CARRO BRANCO PODE CUSTAR MAIS ATÉ COM PINTURA SIMPLES

Tempo de leitura: 2 minutos

cruzeAndré Paixão | G1
O carro branco caiu no gosto do consumidor nos últimos anos. Em levantamento da fabricante de tintas automotivas PPG do ano passado, a cor aparece como a mais popular em todo o mundo, escolhida por 25% dos entrevistados, contra 18% do prata. Na pesquisa de outra fornecedora, a DuPont, em 2012, o branco já possuía 20% da preferência do público, e ocupava, junto com o preto, a segunda colocação, perdendo apenas para o prata, com 29%.
Aproveitando a alta procura, algumas marcas cobram a mais por carros nessa cor, mesmo sólida – geralmente, as montadoras elevam os preços de cores metálicas e perolizadas. Três entre as dez marcas que mais vendem carros no Brasil adotam a prática.
Na Chevrolet, a pintura sólida branca é cobrada como opcional em dez dos 16 modelos da linha. A taxa varia de R$ 250 a R$ 375.
Em modelos menores, como Onix e Prisma, a cor custa R$ 260 e R$ 280, respectivamente. Já em carros maiores, como Cruze, Cruze Sport6, Tracker, S10 e Trailblazer, a cobrança varia entre R$ 325 e R$ 375. Segundo a Chevrolet, a taxa extra é uma questão comercial, estabelecida pela empresa.
Na Hyundai Caoa, que comercializa os veículos importados da montadora sul-coreana no Brasil, o carro branco é mais caro. A marca explica que o custo envolve negociações com a matriz: como a demanda global é grande e o volume de vendas do país é baixo em relação a outros mercados, é mais difícil trazer veículos nessa tonalidade para o Brasil.
Leia mais

IPI DOS AUTOMÓVEIS SOBE A PARTIR DE 1º DE JANEIRO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Diário Oficial da União publicou nesta terça-feira (24) decreto que estabelece o aumento das alíquotas do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos automóveis. Na semana passada, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, havia antecipado que o IPI para os veículos voltaria a subir em 2014, apesar dos pedidos das montadoras e do impacto sobre os preços.

O reajuste gradual foi publicado sem o abatimento do Programa Inovar-Auto, criado pelo governo para estimular a produção doméstica de automóveis. A empresa que aderir poderá reduzir em 30 pontos percentuais a alíquota conforme o programa, que tem prazo de encerramento em 2017.

Foram anunciados mudanças nas alíquotas de automóveis de IPI que passam a vigorar a partir de 1º de janeiro até 30 de junho do próximo ano, e ainda outro reajuste para o período entre 1º de julho de 2014 a 31 de dezembro de 2017. Informações da Agência Brasil

RENAULT INAUGURA CONCESSIONÁRIA EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Renault 1A primeira concessionária da Renault no sul da Bahia será inaugurada, oficialmente, na próxima quinta-feira (21), às 19 horas, na Avenida J.S. Pinheiro, em Itabuna, próximo ao viaduto das BRs 415 e 101.

A Rubi Renault se tornará a terceira revenda de veículos do Grupo Itadil no município sul-baiano. As demais são Itadil (Mercedes-Benz) e Cristal (Volkswagen). A inauguração da concessionária em Itabuna era aguardada para outubro.

Quinta principal montadora do país, a Renault possui revendas em outros quatro municípios baianos, dentre eles, Feira de Santana e Vitória da Conquista.

A Renault possui dentre os seus principais sucessos, no mercado brasileiro, os modelos Clio, Sandero, Sandero Stepway e o Duster.

SUL DA BAHIA É CENÁRIO PARA LANÇAMENTO DA FIAT

Tempo de leitura: < 1 minuto
Nova Strada 2014 apresenta novidades

Nova Strada 2014 foi lançada em Comandatuba e usou cenários como o Vesúvio.

Um ano após a Hyundai ter escolhido o sul da Bahia para lançar o carro brasileiro HB20, a Fiat apresentou à imprensa nacional, em Ilha de Comandatuba, a versão 2014 da picape compacta Strada, além de utilizar Ilhéus e Canavieiras como cenários para o lançamento.

Nesta sexta (18), às 19h, o modelo será exibido em um estande da concessionária Brione, em Itabuna, no Parque de Exposições Antônio Setenta, onde ocorre a 35ª Expoita. O modelo traz novidades como a “porta suicida”, na parte traseira do veículo, e uma terceira porta na lateral direita para versões cabine dupla.

Em Itabuna, Os preços dos novos lançamentos devem variar de R$ 36.750,00 – versão de entrada, cabine simples – a aproximadamente R$ 58 mil, versão Adventure cabine dupla. A montadora espera consolidar a posição de picape mais vendida do país e a única a figurar na lista dos 10 carros mais vendidos do pais.

"Picapinha" vem com terceira porta lateral (Fotos Divulgação).

“Picapinha” vem com terceira porta lateral (Fotos Divulgação).

VENDA DE VEÍCULOS CAI 5,2% EM MAIO

Tempo de leitura: 2 minutos
Ônix colocou GM na vice-liderança.

Ônix colocou GM na vice-liderança.

A venda de veículos no Brasil caiu 5,2% em maio quando comparada ao mês anterior, segundo a associação nacional de fabricantes, a Anfavea. A queda é justificada pelo fato de maio ter, neste ano, um dia útil a menos que abril devido aos feriados. Os números do quinto mês do ano são melhores quando a comparação é feita com igual período do ano passado: alta de 10%.
No total, foram vendidos 316,2 mil veículos, quando computados carros de passeio, comerciais leves, ônibus e caminhões. Ainda de acordo com os números da Anfavea, houve crescimento de 8,6% nas vendas em relação aos cinco primeiros meses do ano passado. A expectativa é de novo recorde de vendas, superando a casa dos 3,9 milhões de veículos novos nas ruas.
OS MAIS VENDIDOS
A Federação dos Distribuidores de Veículos Automotores (Fenabrave) divulgou o ranking dos carros mais vendidos em maio. O Gol, da Volkswagen, continua liderando nesse quesito: 19.955 unidades ante 18.352 do Fiat Uno e 15.474 do Fiat Pálio. Na quarta colocação, aparece o Ford Fiesta, com 11.395, seguido do utilitário Fiat Strada, com 11.083 comercializadas.
No ranking das montadoras, liderança da Fiat, com 23,35% dos carros vendidos em maio. A GM surpreendeu ao arrancar da Volkswagen a segunda colocação: 18,22% contra 17,92%, obtida com a boa vendagem do Ônix.
O carro da montadora americana teve 10.184 unidades comercializadas em maio, ficando entre os dez mais vendidos, junto com o Fiat Siena (10.748) e o brasileiro da Hyundai, o HB20 (9.632). O ranking das principais montadoras em vendas, no último mês, é complementado por Ford (8,58%) e Hyundai (6,25%).

VILLE PEUGEOT INVESTE PARA AMPLIAR PARTICIPAÇÃO NO MERCADO EM ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos

Concessionária recebeu investimentos em tecnologia e na estrutura física (Foto Pimenta).

Edmundo Neto, Ramiro Aquino, Edmundo Cardoso Filho, Kátia Farias e Carlos Leahy na reinauguração da Ville (Foto Pimenta).

A Ville Peugeot espera aumentar para 6,2% a sua participação no mercado de automóveis zero em Itabuna com os investimentos em ampliação do espaço físico e em tecnologia. Edmundo Cardoso Filho disse ao PIMENTA que a Ville investiu R$ 600 mil na ampliação.

O empresário comanda o grupo que possui mais de uma dezenas de concessionárias no sudoeste baiana, reunindo marcas como Honda, Peugeot, Nissan, Hyundai, Fiat e Volkswagen.

Edmundo considera “virgem” o mercado itabunense de carro zero. O município vende 700 veículos por mês, enquanto Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, comercializa quase o dobro.

Confira na entrevista:

Edmundo: investimento em mercados virgens (Foto Pimenta).

PIMENTA – Qual é a participação da Peugeot no mercado de Itabuna?

EDMUNDO CARDOSO FILHO – No plano nacional, temos market share (participação de mercardo) de 2,23%. Em Itabuna, 5,5% dos carros vendidos são da marca da Peugeot.

Quanto o grupo investe na ampliação da concessionária em Itabuna?

A empresa está, fisicamente, dobrando todas as áreas – pátio, oficina, show room. O investimento fica em torno de R$ 600 mil, fora a parte tecnológica.

Qual o retorno que a empresa espera com estes investimentos em estrutura física e tecnologia?

Com os 5,5% de participação no mercado, a gente está vendendo uma média de 35 veículos por mês. Eu tenho a impressão que [com os investimentos] a gente vai fácil para 50 veículos por mês. Isso vai nos levar a 6,2% de market share.

A origem do grupo é o sudoeste baiano. Como está o mercado de Itabuna em comparação com Vitória da Conquista? 

O mercado de Conquista vende em torno de 1,3 mil carros por mês. Aqui, está girando em torno de 700 carros.

Por que a decisão de mais investimento em Itabuna?

Examente pelo mercado virgem que temos aqui. Se formos fazer um comparativo entre Vitória da Conquista com Itabuna, lá existem 16 marcas representativas. Acho que em Itabuna existem sete marcas representativas. Então, tem que chegar, investir…

CHEVROLET LIDERA VENDA DE CARROS EM JANEIRO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Celta foi modelo mais vendido da GM em janeiro.

A montadora Chevrolet encerrou o primeiro mês do ano na liderança em vendas de automóveis e comerciais leves no Brasil, conforme apurou a agência de notícias Reuters. É algo que ocorre pela primeira vez em vários anos.
A montadora vendeu 52.863 veículos no país em janeiro deste ano ante 41.159 unidades emplacadas um ano antes.
Pelo ranking, a empresa pulou da terceira para a primeira posição, mas tendo na cola a vice-líder Fiat, com 51.909 unidades contra 46.625 no ano passado. A Volkswagen vem em terceiro lugar, quando registrou 51.061 agora e 54.511 em janeiro do ano passado.
Ainda de acordo com a Reuters, a Ford e a Renault vêm em quarta e quinta posições, respectivamente, com 22.205 e 16.613 unidades comercializadas. Em janeiro de 2011, a Ford vendeu 22.951 automóveis e comerciais leves contra 11.241 unidades da Renault. A estimativa é de que o mercado de automóveis cresça entre 4% e 5% em 2012.
CARROS MAIS VENDIDOS
Um levantamento do PIMENTA junto à federação que reúne os revendedores de veículos, a Fenabrave, aponta que VW Gol foi o carro zero mais vendido em janeiro, sendo comercializadas 19.050 unidades ante 17.718 do Fiat Uno e 12.857 do GM Celta. Quando considerados todos os tipos de veículos, a moto Honda CG 150 liderou as vendas, quando 32.521 saíram das concessionárias da fabricante de motocicletas.

Back To Top