skip to Main Content
1 de março de 2021 | 10:24 am

ITABUNA: CENTRAL DE REGULAÇÃO SUSPENDE EXPEDIENTE EXTERNO NA SEGUNDA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Secretaria Municipal de Saúde de Itabuna informa aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), tanto locais como de municípios pactuados, que não haverá atendimento ao público na Centro de Regulação, na Avenida Inácio Tosta Filho, Centro, na próxima segunda (8).

A unidade funcionará apenas internamente devido a manutenção programada a ser feita pela Coelba na região da Inácio Tosta, Amélia Amado e ruas do Santo Antônio, dentre elas trecho do Centro Comercial.

A Coelba anunciou que vai interromper o fornecimento de energia elétrica, temporariamente, das 9h às 14h, em partes do Bairro Santo Antônio atingindo as avenidas Amélia Amado e Inácio Tosta Filho, Ruas 4, Adolfo Moura, Anchieta, Arueira, C, Osvaldo Cruz, Pau Brasil, Pirajá, e travessas 2, José Coelho e Nogueira.

ITABUNA: AUTOR DE TÍTULO DE CIDADANIA A RUI COSTA É BLOQUEADO PELO GOVERNADOR

Jairo Araújo: do título de cidadania ao bloqueio nas redes do governador || Foto Chaparraus
Tempo de leitura: 2 minutos

O vereador Jairo Araújo (PCdoB) foi bloqueado nas redes sociais do governador Rui Costa, ontem (8), após cobrar do gestor medidas contra o novo coronavírus (covid-19) e a manutenção da Central de Regulação de Leitos do SUS em Itabuna. Jairo foi o autor da proposta de concessão de título de cidadania a Rui. A honraria foi entregue em mãos numa AABB lotada em julho de 2017.

O vereador levou “toco” em, pelo menos, uma das redes sociais do governador, o Instagram. O bloqueio ocorreu após uma postagem de Jairo em que cobrava atenção de Rui Costa para dois assuntos.

“Chamo atenção do governador @ruicostaoficial , que tenha sensibilidade com o itabunense. Sem regulação e sem atendimento para o Covid-19, nosso povo vai sofrer ainda mais o efeitos dessa crise sanitária”, diz a postagem.

O bloqueio ocorreu logo na sequência. Ao repórter Andreyver Lima, Jairo se disse surpreso com a reação do governador:

– Ele usa muito as redes sociais. Era de se esperar que permitisse que o debate político fosse feito através delas, mas preferiu ignorar quem quis ajudar.

A postagem em que vereador cobrava o governador Rui Costa

E a reação de Rui Costa foi o bloqueio para Jairo

OUTRO LADO

Até o momento, a assessoria do governador não se pronunciou quanto ao bloqueio contra Jairo. O fato repercute, negativamente, nas redes sociais no sul da Bahia.

PP DE ITABUNA PEDE QUE RUI REVEJA FECHAMENTO DA CENTRAL DE REGULAÇÃO DO SUS

Minas Aço vê desmonte de estrutura do SUS na região
Tempo de leitura: 2 minutos

A presidência do Diretório do PP de Itabuna emitiu nota pública, nesta quarta (8), em que se posiciona contra o fechamento da Central de Regulação de Leitos do SUS no município sul-baiano. Numa nota assinada pelo presidente do diretório, o empresário Roberto Minas Aço, disse que o partido se solidariza com a equipe de regulação. Sediada em Itabuna, a CRSul abrange 89 municípios do Litoral Sul e parte das regiões extremo-sul, sudoeste e baixo-sul.

– Fomos surpreendidos com a informação do seu fechamento pela Secretaria Estadual de Saúde. Conhecendo o seu funcionamento e o comprometimento do seu corpo funcional, pedimos ao governador Rui Costa que mude essa decisão. A mudança se faz necessária diante do respeito aos territórios e à manutenção da vida dos residentes do interior – diz Minas Aço, que alerta para o desmonte da estrutura e pede fortalecimento da estrutura de combate à covid-19 no sul da Bahia.

Confira a íntegra da nota abaixo.

NOTA PÚBLICA

O diretório do Progressistas, por entender a gravidade por que a Bahia e todo o mundo passam no enfrentamento ao novo coronavírus, se posiciona contrário ao fechamento da CRSul e se solidariza à equipe de regulação de urgência e emergência estadual que responde pelos fluxos regulatórios em 89 cidades, situadas nas regiões Litoral Sul, Extremo Sul e em parte do Sudoeste e do Baixo Sul, sediadas em Itabuna.

Fomos surpreendidos com a informação do seu fechamento pela Secretaria Estadual de Saúde. Conhecendo o seu funcionamento e o comprometimento do seu corpo funcional, pedimos ao governador Rui Costa que mude essa decisão. A mudança se faz necessária diante do respeito aos territórios e à manutenção da vida dos residentes do interior.

O momento exige o fortalecimento dessa importante estrutura de saúde pública e não o seu desmonte. Exige também a melhoria da nossa rede de acolhimento aos pacientes da Covid-19 com investimentos em UTIs e respiradores, uma vez que Salvador e o seu entorno concentram 60% da estrutura disponível para todo o estado, demonstrando que existe necessisade de descentralização dessa realidade e não concentrá-la ainda mais na capital.

De público e com os devidos respeitos institucionais, o Progressistas pede cautela e discernimento ao senhor Governador e ao secretário de Saúde, certos de termos nossas vozes ouvidas e respeitadas.

Roberto Minas Aço Presidente do Progressistas Itabuna

SESAB DEVE EXTINGUIR CENTRAIS DE REGULAÇÃO EM ITABUNA E CONQUISTA E DEMITIR 80

Sesab manteve central de Juazeiro, porque é interestadual || Foto Divulgação
Tempo de leitura: 2 minutos

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, teria decidido pelo fechamento das centrais de regulação de leitos do SUS no interior do Estado. Somente em Itabuna e em Vitória da Conquista, a estimativa é de que a decisão resulte em desemprego de quase 80 funcionários, entre pessoal de apoio, enfermeiros e médicos que atuam na regulação de vagas e procedimentos de alta complexidade na rede pública de saúde.

Além do flagelo social em tempo de pandemia do novo coronavírus, a decisão também afetará a qualidade do serviço prestado pela Sesab na área de alta complexidade.

Por decisão de Vilas-Boas, conforme fontes, todo o atendimento às regiões atendidas pelas centrais (sul e sudoeste) será feito por médicos em Salvador.  A decisão de centralizar a regulação na capital baiana mostra desconhecimento do fluxo regulatório do SUS por parte do comando da secretaria, na avaliação de fonte consultado pelo site. “É o SUS ainda mais distante do cidadão”.

PREJUÍZO 

Conforme uma outra fonte, a decisão de acabar com as regionais de regulação era projeto de Fábio Vilas-Boas desde o início do primeiro governo de Rui Costa, mas deputados e o ex-secretário de Saúde do Estado, Jorge Solla, reagiram, abortando a ação.

Na semana passada, um erro de comunicação entre Salvador e a central de regulação em Vitória da Conquista teria feito Vilas-Boas tomar a decisão de, agora, num dos momentos mais críticos da saúde no país – em plena pandemia da covid-19, acabar com as centrais. “Quem conhece a rede de saúde na Bahia, sabe que essa decisão será prejudicial ao sistema, algo que só adota quem pouco conhece de saúde pública”.

Por meio de uma rede social, o PIMENTA perguntou ao secretário Fábio Vilas-Boas, por volta das 19h50min, se procedia a informação de que ele havia decidido pelo fim das centrais de regulação regionais. Até as 21h34min, ele não havia respondido.

Antes, o site manteve contato com a Assessoria de Comunicação da Sesab. Um dos profissionais informou que se existia projeto de centralização da Regulação em Salvador, o secretário não havia informado ao setor, o que poderá ocorrer amanhã.

DEMISSÕES NESTA TERÇA

Os profissionais de saúde contratados para as centrais regionais de regulação foram informados que as demissões serão oficializadas nesta terça (7). A comunicação será enviada aos profissionais por email.

HOSPITAL ILHEENSE, COSTA DO CACAU REFORÇA “DIA ESTADUAL DE REGULAÇÃO”

Tempo de leitura: 2 minutos

O Núcleo Interno de Regulação (NIR) do Hospital Regional Costa do Cacau, em Ilhéus, reforçou o Dia Estadual de Regulação. A unidade hospitalar sul-baiana autoriza o acolhimento de pacientes com diversas demandas dos serviços de saúde.

Referência em média e alta complexidade do interior baiano, o HRCC, dentro da sua capacidade instalada, ajuda a diminuição da fila de espera do Sistema de Regulação da Sesab, atendendo usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) de uma área que engloba 89 municípios e população média 2,5 milhões de habitantes.

Pacientes regulados e atendidos na unidade chegam principalmente das regiões sul, baixo-sul e extremo-sul da Bahia, até mesmo, em algumas demandas, da Central Sudoeste (Vitória da Conquista e municípios vizinhos), no sudoeste. O HRCC oferta a esses usuários procedimentos em ortopedia, cardiologia e hemodinâmica, entre outros.

Atendendo a solicitação da Central Estadual de Regulação Sul (CRSul), o HRCC intensificou o seu apoio na diminuição da fila de espera no estado, participando do planejamento estratégico do “Dia Estadual de Regulação”. Nos dias 14 e 15 de fevereiro, considerados os dias “D” da ação, o hospital autorizou o acolhimento de 22 pacientes nas especialidades de ortopedia, cardiologia e cirurgia cardíaca.

Nesse período específico foram regulados pacientes que estavam na tela do Sistema de Regulação de Urgência e Emergência (SUREM), principalmente aqueles casos com tempo de permanência acima de cinco dias.

Leia Mais

REZADEIRA DESCEU A LADEIRA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Maria Rezadeira deixa Central de Regulação do SUS

Maria Rezadeira deixa Central de Regulação do SUS || Foto Aline Barreto/Portal Sul Bahia

Maria José Gama, batizada politicamente como Maria Rezadeira, foi exonerada do cargo de diretora da Central de Regulação do SUS em Itabuna.

O prefeito Fernando Gomes comunicou a decisão à antiga auxiliar durante reunião nesta segunda (25).

O trabalho de Rezadeira sofreu contestações e tornou-se alvo de auditoria, informa o site Políticos do Sul da Bahia. Ela deverá ser remanejada para outra área do governo.

Geralmente, a central de regulação é comandada por profissionais da área de saúde. Fernando “inovou” para atender à cabo eleitoral.

Atualização às 21h – Após comunicar decisão a Maria Rezadeira, Fenando recuou e manteve a auxiliar à frente da Central de Regulação.

ITABUNA: COELBA CORTA ENERGIA ELÉTRICA DA CENTRAL DE REGULAÇÃO DO SUS

Tempo de leitura: 2 minutos
Central de Regulação fica sem energia elétrica.

Central de Regulação fica sem energia elétrica.

A Central de Regulação do SUS, na Avenida Inácio Tosta Filho, em Itabuna, amanheceu sem energia elétrica nesta segunda (8). A central somente deve voltar a funcionar na próxima quarta (10). Ou, na melhor das hipóteses, amanhã.

O corte no fornecimento ocorreu porque a conta de luz do prédio onde funcionava a extinta unidade modelo do Sinebahia era paga pela Secretaria Estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esportes (Setre). A secretaria solicitou o desligamento definitivo à Coelba, mas comunicando o município. O serviço foi interrompido no último final de semana. E, neste caso, medidores de consumo também são retirados.

Ofício Coelba

Coelba justificou corte: a pedido!

A diretora da Central de Regulação, Maria José Gama, e a secretária de Saúde de Itabuna, Lísias Miranda, solicitaram o restabelecimento do serviço no prédio. Porém, o prazo para atendimento ao pedido é de, no mínimo, 24 horas, devido à troca de titularidade. A Central de Regulação realiza até 3 mil atendimentos diários a cada início de mês, segundo informações obtidas pelo PIMENTA.

O Sinebahia deixou de funcionar há mais de 30 dias e, no local, a Secretaria de Saúde de Itabuna inaugurou a central de regulação, porém sem assumir a titularidade da conta de energia. O ofício comunicando do desligamento definitivo é datado de 28 de abril.

O contrato entre a Setre e o município era gerenciado, na prefeitura, pela Secretaria de Assistência Social. Segundo informações, o preposto da área social não comunicou da interrupção dos contratos relativos ao Sinebahia. A falha de comunicação prejudica milhares de usuários do SUS.

PACIENTE CORRE RISCO DE FICAR PARAPLÉGICO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Jurandir aguarda por cirurgia há quase um mês.

Jurandir aguarda por cirurgia há quase um mês.

O publicitário e radialista Carlos Santiago publicou um desabafo que é, ao mesmo tempo, um pedido de ajuda ao seu irmão Jurandir Santiago. Há quase um mês, o irmão do publicitário está internado no Hospital de Base de Itabuna à espera de uma cirurgia. Jurandir caiu de uma laje e sofreu lesão na coluna.

Carlos diz ter sido informado que médicos especialistas do hospital em Itabuna não fazem a cirurgia por não receberem do estado pelo procedimento. E, assim, preferem empurrar o problema para Salvador, a fim de que a cirurgia seja feita na capital baiana. Porém, a Central de Regulação do Estado se nega a transferir o paciente por que Itabuna, no entendimento da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), tem capacidade para realizar o procedimento.

O jogo de empurra já dura semanas e, com o passar do tempo, aumenta ainda mais o risco de Jurandir ficar paraplégico. Carlos questiona: “Se meu irmão não andar mais, a culpa é de quem?

A situação é desumana, desalentadora. O desabafo de Carlos foi publicado por ele mesmo em uma rede social. Por lá, muita gente revela sua indignação e solidariza-se com o radialista e o irmão dele que sofreu acidente. Até quando essa situação vai perdurar?

Com a palavra, o secretário de Saúde de Itabuna, Eric Ettinger.

 

SAÚDE?

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os funcionários da Central de Regulação do SUS em Itabuna ameaçam parar as suas atividades a qualquer momento para protestar contra o abandono do prédio, situado à avenida Inácio Tosta Filho, no centro. Os servidores municipais trabalham em condições insalubres.

Há menos de 20 dias, o funcionário público Dermival Campos, “Tonho Careca”, morreu com suspeita de ter contraído leptospirose no prédio da Central de Regulação. O prédio sofre com a infestação de ratos e umidade excessiva, por conta das constantes infiltrações. O local é utilizado também como almoxarifado da Secretaria de Educação.

Prédio sofre com infiltrações e constantes alagamentos. E se chove...

Cena comum: ratos mortos encontrados no prédio.

Back To Top