skip to Main Content
24 de junho de 2021 | 04:36 pm

PENDÊNCIA DE TERCEIRIZADA COM O FISCO IMPEDE PAGAMENTO A FUNCIONÁRIOS DO CICOM, SEGUNDO SSP

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) responsabilizou a empresa terceirizada Forte pelos atrasos no pagamento aos funcionários do Centro Integrado de Comunicação (Cicom), da Polícia Militar, em Itabuna. De acordo com a assessoria de comunicação da SSP-BA, a empresa está em situação irregular com o Fisco e isso impede o estado de efetuar os pagamentos. Mais cedo, o blog informou que existem funcionários com até sete meses de salários atrasados.

Ainda conforme a SSP-BA, todas as faturas emitidas pela empresa foram pagas pelo governo baiano. A Forte, ainda segundo a assessoria da SSP, já foi notificada “várias vezes” para que regularize a sua situação, quitando os encargos devidos, e volte receber pagamento pelos serviços.

A SSP-BA também informa que a pendência com o Fisco foi observada há, pelo menos, dois meses, quando o Estado passou a ficar impedido de pagar a empresa. A Forte somente deve voltar a receber, após apresentar as certidões de quitação de encargos. Novos repasses à empresa somente poderão ocorre, conforme a secretaria, após a situação regularizada.

QUE É ISSO, RUI? – FUNCIONÁRIOS DO CICOM FICAM ATÉ 7 MESES SEM SALÁRIO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Central atende a 36 municípios do sul do Estado.

Central atende a 36 municípios do sul do Estado com funcionários militares e civis.

Os funcionários civis do Centro Integrado de Comunicação (Cicom) da Polícia Militar, em Itabuna, estão com até sete meses de salários atrasados. A maioria dos funcionários está com cinco salários em atraso, mas existem aqueles que estão sem receber há seis ou sete meses.

A situação tem afetado até mesmo a qualidade dos serviços de emergência. Os 17 trabalhadores são contratados por meio da empresa Forte, que não explica o porquê de tanto atraso, enquanto o Governo do Estado sempre alega que os repasses estão em dia.

O serviço prestado pelos terceirizados no Cicom é considerado essencial para o trabalho operacional tanto das polícias civil e militar como do Corpo de Bombeiros.

SSP INAUGURA CENTRO DE COMUNICAÇÃO EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Central de vai atender a população de 36 municípios do centro-sul.

Central vai atender a população de 36 municípios do centro-sul.

A Central de Telecomunicações das polícias Civil e Militar e dos Bombeiros no sul da Bahia vai ser inaugurada na próxima quarta, 24, pelo secretário estadual de Segurança Pública (SSP-BA), Maurício Barbosa, e o governador Jaques Wagner. O Centro Integrado de Comunicação (Cicom) vai atender a 36 municípios do centro-sul da Bahia e funcionará no 15º Batalhão da PM, em Itabuna.
O Cicom centraliza as chamadas para os três serviços do Sistema Estadual de Segurança Pública. Além de Wagner e o titular da SSP baiana, a solenidade terá a participação do comandante-geral da PM, Alfredo Castro, e do comandante do 15º BPM, Marcos Lemos.
O centro será o sexto inaugurado na Bahia. A previsão é de que outros 16 passem a funcionar em todo o estado, centralizando as chamadas do serviço de segurança, regionalmente, contando com o apoio de 10 pessoas.
O Cicom de Itabuna atenderá os municípios de Itabuna, Ilhéus, Canavieiras, Una, Camacã, Ibicaraí, Coaraci, Iguaí, Ubaitaba, Itajuípe,Ibirapitanga, Ubatã, Uruçuca, Buerarema, Maraú, Itacaré, Aurelino Leal,Mascote, Santa Luzia, Nova Canaã, Ibicuí, Itapé,  Potiraguá, Pau Brasil, Floresta Azul,Arataca, Gongogi, Itapitanga, Barro Preto, Itajú do Colônia, Barra do Rocha, Almadina, Jussari, Santa Cruz daVitória,  São José da Vitória e FirminoAlves.

Back To Top