skip to Main Content
23 de abril de 2021 | 02:37 am

POLÍCIA E COELBA DESMONTAM “GATO” DE ENERGIA EM FAZENDA DE CANAVIEIRAS

Eletricidade furtada seria suficiente para abastecer 900 residências por mês, afirma Coelba
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Civil e a Coelba encontraram uma ligação clandestina de energia, nesta quinta-feira (22), numa fazenda no município de Canavieiras, usada para alimentar a rede elétrica de uma serraria e da sede da propriedade. A operação resultou no desmonte da rede irregular, que tinha três postes e 40 metros de fiação.

Os policiais apreenderam os equipamentos usados na rede clandestina. O proprietário do local, segundo a Coelba, vai responder pelo crime de furto.

Ainda de acordo com a concessionária, a energia era desviada há pelo menos dois anos e o volume recuperado, 96 mil quilowatts-hora (kWh), seria suficiente para abastecer 900 residências por mês.

COELBA E META PAGARÃO R$ 160 MIL POR MORTE DE ELETRICISTA EM ACIDENTE DE CARRO NO SUL DA BAHIA

Coelba , junto com a Meta, terá de pagar indenização a eletricista
Tempo de leitura: 3 minutos

O Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA) determinou que as empresas Meta e a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) indenizem em R$ 160 mil por danos morais a esposa e os três filhos de um eletricista que faleceu em um acidente de carro, durante o trabalho, ocorrido na BR-101 entre os municípios de Uruçuca e Itajuípe.

O veículo da empresa era conduzido por outro funcionário que também morreu. O acidente ocorreu em 2017 e as vítimas foram identificadas como Emerson Ribeiro Alves dos Santos e Edivaldo Nunes da Silva, que eram moradores de Itabuna.  O PIMENTA apurou que a indenização é para os herdeiros de Nunes.

De acordo com os autores da ação, herdeiros do eletricista morto no banco do carona, o acidente foi provocado pelas más condições do automóvel, cansaço do motorista e pelo fato de o veículo transportar material de trabalho em local inapropriado. Os desembargadores da 4ª Turma deferiram também uma pensão mensal à ex-companheira do trabalhador falecido, no percentual de 50% do último salário de contribuição do empregado. Ainda cabe recurso.

O processo teve início na 3ª Vara do Trabalho de Itabuna, que deferiu dano moral de R$ 120 mil e pensão mensal no percentual de 50% do último salário do trabalhador à ex-companheira. Inconformadas, as empresas entraram com recurso alegando que o único responsável pelo acidente foi o motorista do veículo.

A DEFESA

As empresas argumentaram que o motorista estava com poucas horas de condução, dirigia um veículo em perfeito estado de funcionamento, com a pista seca, em plena reta de uma estrada sem qualquer desnível e em ótimo estado de conservação e, ainda, tinha sido imprudente, ingerindo bebida alcoólica antes de iniciar o trajeto de retorno a Itabuna, local de destino.

Segundo a relatora do acórdão, desembargadora Margareth Costa, o laudo pericial confirmou que o motorista conduziu o veículo de forma imprópria, perdendo o controle do automóvel, e, ainda, estava com alto grau de alcoolemia quando da ocorrência do acidente. Apesar das conclusões periciais, a magistrada assinala que ficou demonstrado que o empregador também concorreu, em razão de negligência, para o trágico acontecimento.

Em depoimento, uma testemunha que trabalhou na Meta relatou que o veículo usado não era recomendável para o trabalho em estrada da zona rural, por se tratar de um Uno, que as equipes levavam muito material de trabalho durante as viagens, a exemplo de cabos, isoladores, ferramentas, escada, bastões de manobra.

VEÍCULO INADEQUADO

Os veículos principais e adequados ao desempenho do trabalho, uma Amarok e um Fiat Strada, ambos com carroceria e comunicação por rádio, conforme a testemunha, estavam quebrados, não sobrando alternativa a não ser utilizar o carro reserva, que tinha os pneus gastos e a direção estava folgada.

A relatora pontuou, ainda, que um Policial Rodoviário Federal, uma das primeiras pessoas a chegar ao local após o acidente, ouvido como testemunha no inquérito policial, disse que “o veículo ficou totalmente destruído com corpos presos às ferragens, observando que havia caixas metálicas, contendo muitas ferramentas (…)”.

As circunstâncias, segundo a magistrada, revelam que os trabalhadores foram obrigados a viajar em veículo de pequeno porte para o peso que transportava e, o que é mais grave, levando, na parte em que foi retirado o banco traseiro, caixas metálicas contendo equipamentos e ferramentas.

Com relação ao dano moral, a desembargadora Margareth ressaltou: “ diante do exame de fatores que permitem balizar a subjetividade para fixar valor, no que foi sendo pontuado, entendo que uma indenização no importe de R$ 160 mil, o equivalente a R$ 40 mil para cada herdeiro, consagraria os princípios de alguma razoabilidade e proporcionalidade, não se distanciando, também, do grau de culpa do ofensor, sua capacidade econômica, do caráter pedagógico da indenização e o injusto sofrimento das vítimas, atentando-se, ainda, para o nexo de causalidade configurado”.

PROCON SOLICITA EXPLICAÇÕES À COELBA SOBRE QUEDAS DE ENERGIA EM ILHÉUS

Quedas de energia ocorrem com frequência em bairros da cidade
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) enviou ofício à Coelba solicitando informações sobre as quedas de energia recorrentes nos bairros Banco da Vitória, Ilhéus II, Nelson Costa Teotônio Vilela e Esperança. A informação é da Prefeitura de Ilhéus.

O Procon também levou à concessionária estadual reclamação de moradores de locais onde a Coelba ainda não instalou rede para fornecimento de eletricidade.

O diretor do Procon, Ryan Kyrie, explica que “é muito importante que o consumidor formalize uma reclamação no Procon, que é o órgão público de defesa do consumidor, para ter sua necessidade atendida”.

Segundo o diretor, o programa está à disposição dos moradores da cidade “para atendimento e formalização de reclamações, denúncias relativas à falha na prestação de serviço, de segunda a sexta-feira, seja de forma presencial ou online pelo e-mail procon@ilheus.ba.gov.br”.

BANCO DO PEDRO SEM ENERGIA

Vista aérea do povoado de Banco do Pedro pelas lentes do fotógrafo e ex-vice-prefeito José Nazal
Tempo de leitura: < 1 minuto

A comunidade de Banco do Pedro está sem energia desde o início da manhã desta quarta-feira (31), informa um morador da vila da zona rural de Ilhéus que procurou o blog. Segundo ele, a Coelba deu prazo de até três dias para consertar a rede elétrica, o que preocupa a população local.

O problema prejudica o armazenamento de comida perecível num tempo de inflação alta, pouco dinheiro e pandemia descontrolada, lamenta a fonte.

Sem eletricidade, os moradores de Banco do Pedro também ficam incomunicáveis, já que as baterias dos celulares não podem ser recarregadas, algo ainda mais grave por causa da escassez de ônibus do transporte coletivo.

Ainda segundo o morador, as quedas de energia têm sido mais frequentes na Vila, localizada a 38 quilômetros da sede de Ilhéus, em região próxima a Uruçuca.

CHUVAS: FALTA DE ENERGIA ELÉTRICA EM RIO DO BRAÇO PODE DEIXAR ITABUNA SEM ÁGUA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A chuva que persiste em boa parte do sul da Bahia desde ontem (27), principalmente no eixo Ilhéus-Itabuna, comprometeu o fornecimento de energia elétrica nas estações de captação de água de Rio do Braço e da intermediária de Mutuns. Segundo a direção da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa), a interrupção no povoado ilheense pode provocar desabastecimento de água em alguns pontos de Itabuna.

– Por volta das 11h30min [deste domingo], o fornecimento de energia pela concessionária foi interrompido. Por isso, imediatamente entramos em contato com a Coelba em busca de uma solução – informou o gerente técnico da Emasa, João Bitencourt.

O sistema de captação de Rio do Braço e a intermediária de Mutuns são responsáveis por 80% do abastecimento de água de Itabuna. A Emasa, em conjunto com a Coelba, está trabalhando para solucionar o problema do fornecimento de energia elétrica com a maior brevidade, segundo o diretor técnico da Emasa, Bruno Mendonça, para evitar que o abastecimento também seja comprometido.

MANUTENÇÃO DA COELBA VAI SUSPENDER FORNECIMENTO DE ENERGIA PARA SANTO ANTÔNIO E CENTRO COMERCIAL

Empresa divulgou comunicado sobre a manutenção programada
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Coelba vai realizar manutenção da rede elétrica em ruas e avenidas de Itabuna, na próxima segunda-feira (8), das 9h às 14 horas. O serviço exigirá a interrupção do fornecimento de energia para áreas do bairro Santo Antônio e do Centro Comercial.

Segundo a Coelba, os locais que serão afetados são as avenidas Amélia Amado e Inácio Tosta Filho, além das ruas Adolfo Moura, Anchieta, Arueira, Rua C, Osvaldo Cruz, Pau Brasil e Piraja. As travessas José Coelho e Nogueira também estão na lista.

De acordo com a empresa, a manutenção é necessária para melhorar as condições de funcionamento da rede. Já o desligamento temporário garante a segurança dos técnicos responsáveis pelo serviço.

COELBA FLAGRA “GATO” DE ENERGIA EM 40 BARES, HOTÉIS E RESTAURANTES

Concessionária intensifica fiscalização em estabelecimentos do litoral baiano
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Coelba intensificou a fiscalização contra irregularidades em estabelecimentos que prestam serviço no litoral da Bahia, especialmente em bares, hospedarias, restaurantes e casas de veraneio. Intitulada de Operação Verão, a iniciativa conta com mais de 90 colaboradores, dentre técnicos, analistas e engenheiros, atuando em mais de 24 municípios, inspecionando as principais praias baianas, a exemplo de Conde, Imbassaí, Barra do Jacuípe, Itacimirim, Arraial D’Ajuda e Trancoso.

Nos últimos dias 23 e 24, a companhia inspecionou 400 unidades consumidoras e identificou mais de 70 situações irregulares, 40 delas caracterizadas como furto de energia, o “gato”. A empresa notificou os proprietários e cobra o pagamento da energia consumida de forma irregular.

Os alvos desta operação foram mapeados por softwares da concessionária e equipamentos inteligentes que controlam o fluxo de energia elétrica em suas redes de distribuição. Nos locais, foram retirados desvios de energia utilizados para adulterar a medição.

De acordo com a empresa, nos estabelecimentos localizados nas praias, as ligações clandestinas oferecem maior risco aos frequentadores por causa do uso comum de trajes de banho molhados, o que facilita a condução da eletricidade.

COELBA DÁ DESCONTO EM CONTA DE ENERGIA PAGA COM APLICATIVO

Consumidores têm direito a desconto de R$ 20 no primeiro pagamento feito pelo RecargaPay
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os clientes da Coelba podem ganhar R$ 20 de desconto no pagamento da conta de energia elétrica. A concessionária fechou uma parceria com o aplicativo RecargaPay, que vai oferecer o desconto, a partir desta sexta-feira (29), para quem pagar com o cartão de crédito utilizando a plataforma digital. O benefício será concedido a todos os consumidores que fizerem o download do aplicativo e quitarem a conta de energia pela primeira vez diretamente no RecargaPay.

A iniciativa tem como finalidade facilitar o pagamento por meio da plataforma digital. “A parceria com o RecargaPay vai proporcionar um grande benefício para os nossos clientes, que a cada dia estão migrando para o ambiente digital. O aplicativo é seguro, rápido, simples e o usuário poderá pagar por meio do cartão de crédito. O cliente pode escolher receber sua fatura de energia por e-mail, desta forma, promovemos a comodidade, o conforto e com a saúde das pessoas, que não vão precisar sair de casa para fazer o pagamento, evitando assim aglomeração”, afirmou o superintendente comercial da Neoenergia, Leonardo Moura.

Com o RecargaPay, a Coelba amplia as possibilidades de pagamento da conta de energia em todo o estado. Além dos meios tradicionais, como lotéricas e bancos, que neste momento devem ser evitados devido à pandemia, a concessionária ainda oferece a quitação por meio do débito automático e pelo PIX, que podem ser realizados a qualquer dia e hora, inclusive finais de semana e feriados.

MANUTENÇÃO EM REDE DA COELBA REDUZIRÁ OFERTA DE ÁGUA EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Coelba fará amanhã (28), das 9h às 16h, serviços de manutenção nas estações de captação de água bruta da Emasa nas localidades de Rio do Braço e Mutuns. Com isso, o fornecimento aos consumidores em Itabuna será reduzido, o que requer atenção para a necessidade de economizar água no consumo doméstico.

Segundo o diretor-técnico da Emasa, João Bitencourt, os serviços executados pela Coelba nesta quinta-feira não deixarão a população sem abastecimento de água. Porém, alerta que é importante economizar no consumo até que o sistema esteja integralmente restabelecido.

“Quando a Coelba realiza serviços de manutenção nas estações de captação, há redução na obtenção de água. Não haverá interrupção no fornecimento, mas pedimos a colaboração de todos no tocante a evitar o desperdício, até porque estamos no verão, época em que o consumo aumenta”, salienta Bitencourt.

O diretor-técnico da Emasa disse que numa reunião entre dirigentes das empresas ficou acertado a regularidade nos trabalhos de manutenção nas redes de energia elétrica que atendem as estações da Emasa.O objetivo será evitar interrupçõeso no fornecimento de energia e o consequentemente prejuízo à programação de abastecimento de água à população de Itabuna.

APÓS 30 HORAS, COELBA RESTABELECE ENERGIA E EMASA RETOMA ABASTECIMENTO

Abastecimento de água foi retomado no final da noite de ontem
Tempo de leitura: < 1 minuto

Depois de mais de 30 horas de serviço interrompido, a Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa) voltou a captar e tratar água no final da noite desta quinta (19). A captação, tratamento e distribuição de água em Itabuna estavam interrompidos por problemas na rede de fornecimento de energia elétrica da Coelba.

Segundo a direção da Emasa, caso não falte água, a cidade continuará sendo abastecida durante toda a sexta-feira. Por enquanto, a prioridade no abastecimento está sendo dada a regiões do município que possuem hospitais e bairros onde a situação é considerada mais crítica. Algumas regiões já estão sendo água há mais de 10 dias.

FALTA DE ENERGIA ELÉTRICA EM ESTAÇÕES DA EMASA DEIXA ITABUNA SEM ÁGUA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Itabuna está há mais de 30 horas sem água devido à falta de energia elétrica nas estações de captação e de tratamento de água, segundo informou a direção da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa). Na nota, a direção da empresa diz que os serviços estão paralisados em todo o município e a situação preocupa a todos e pode comprometer o abastecimento até de hospitais.

A Emasa ressalta que, “mesmo com a COELBA  trabalhando para resolver os problemas, seus técnicos  até este momento  não regularizaram a situação. “Já são mais de trinta horas sem fazer o bombeamento da água, o abastecimento está paralisado em todo o município o que deixa todos altamente preocupados, inclusive com os Hospitais  de Itabuna”, informa a empresa em nota oficial.

CONTAS DE LUZ NA BAHIA FICARÃO ATÉ 5,3% MAIS CARAS A PARTIR DE JULHO

Tempo de leitura: < 1 minuto

A conta de energia dos baianos ficará até 5% mais cara a partir de 1º de julho. Em abril deste ano, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) adiou o aumento a pedido da concessionária, em meio a ações para diminuir os impactos da pandemia do novo coronavírus.

A partir do próximo mês, as contas de luz de residências e pequenos comércios (baixa tensão) vão ter um aumento de 4,32% na tarifa, enquanto para fábricas (alta tensão), por exemplo, o reajuste será de 5,38%.

Porém, os efeitos desse adiamento devem ser sentidos nas contas dos clientes a partir de 2021. A Aneel afirmou que a perda de receita das distribuidoras durante estes meses será levada em consideração no cálculo de reajustes futuros.

A Coelba, assim como outras distribuidoras de energia que possuem alto volume de energia comprada por meio de leilões, terá um desafio frente a redução da demanda e o aumento da inadimplência. Por esse motivo, o Governo liberou no dia 18 de maio empréstimos de até R$ 14 milhões para socorrer o setor. Do Bahia Notícias.

UBAITABA: OBRAS DE ILUMINAÇÃO DA ESTRADA DE FAISQUEIRA SÃO RETOMADAS

Operários explicam fase da obra à prefeita Suka Carneiro
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Prefeitura de Ubaitaba informou que foram retomadas as obras de iluminação da estrada que liga a sede do município a Faisqueira. As obras são executadas pela Secretaria de Infraestrutura da Bahia e a Companhia de Eletricidade da Bahia (Coelba).

Depois da instalação da fiação, ocorrida no mês de fevereiro, agora estão sendo instalados transformadores. A Coelba pretende finalizar toda a instalação até amanhã (19). A estrada será totalmente iluminada, gerando mais segurança e tranquilidade para quem utiliza a via no período noturno. A prefeita Suka Carneiro acompanhou técnicos da Coelba na execução da nova fase da obra.

BAIANOS COM CADASTRO SOCIAL NA EMBASA NÃO VÃO PAGAR ÁGUA POR 90 DIAS

Embasa dará isenção na conta de água para famílias pobres
Tempo de leitura: < 1 minuto

Cerca de 860 mil consumidores ficarão isentos do pagamento da conta de água, na Bahia, pelos próximos 90 dias, conforme cálculos do governo baiano. No início da tarde, Rui Costa anunciou que a isenção valerá para residências que consomem até 25 metros cúbicos de água por mês não pagarão e que seus moradores integrem o cadastro social da Embasa. Ontem (1º), o governador já havia anunciado isenção da conta de luz para famílias que consomem até 80 kw por mês.

– Nós vamos enviar para a Assembleia um projeto de lei garantindo o pagamento das famílias que estão no cadastro social e que têm esse consumo. Terão a conta paga pelo governo por 90 dias. Isso significa recurso imediato nas mãos das pessoas. Estamos falando de 860 mil pessoas beneficiadas – acrescentou.

O custo da medida será de R$ 50 milhões para o governo baiano. A isenção valerá apenas para consumidores que são abastecidos pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Vários municípios no Estado são abastecidos por empresas autônomas ou de sociedade mista, a exemplo da Emasa, em Itabuna. Nestas, quem deverá anunciar o “perdão” são os prefeitos.

TEATRO POPULAR PODE SUSPENDER PROGRAMAÇÃO E VIVE SOB AMEAÇA DE CORTE DE ÁGUA E LUZ

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um dos mais importantes projetos culturais da Bahia, o Teatro Popular de Ilhéus (TPI) anunciou neste domingo (1º) que poderá ter que suspender a programação de março devido à falta de recursos. Pelo mesmo motivo, o TPI não teve programação em fevereiro. E está sob ameaça de corte de energia elétrica (Coelba) e de água (Embasa).

– A interrupção das atividades se dá por conta da falta de recursos que o grupo vem enfrentando desde o final do ano passado, o que tem impossibilitado o pagamento dos salários de seus funcionários e até mesmo das contas básicas quem mantém o funcionamento da Tenda – informou em nota.

Nesta segunda (2), deverá ocorrer reunião com amigos, parceiros, artistas e produtores para discutir alternativas que garantam o funcionamento do TPI em março. Em 2020, o Teatro Popular de Ilhéus completa 25 anos de existência, período em que garantiu ações, criou público para o teatro regional e circulou por várias cidades do Brasil, levando peças aqui produzidas e levando a arte regional para além da fronteira baiana e até do país, com apresentações na Europa.

As comemorações dos 25 anos contarão com a publicação do livro A vida é uma rima, um ensaio biográfico do Teatro Popular de Ilhéus, que está sendo escrito pelo crítico teatral e jornalista Valmir Santos. Além disso, o grupo vem se preparando para estrear o espetáculo Sonho de uma noite de verão: ópera brega rock para acordar do pesadelo. O espetáculo está em fase de ensaios e montagem de cenários e figurinos. “O espetáculo deveria ter estreado em dezembro, mas as dificuldades enfrentadas pelo grupo têm atrasado sua estreia”, observa a direção do TPI em nota.

Back To Top