skip to Main Content
24 de setembro de 2020 | 04:44 am

SHOPPING JEQUITIBÁ REFORÇA PROTOCOLOS DE SEGURANÇA DA OMS

Praça de Alimentação tem espaçamento seguindo protocolos da OMS
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Shopping Jequitibá, de Itabuna, adotou série de medidas para garantir a segurança dos clientes, parceiros e colaboradores durante a pandemia, atendendo normas determinadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em função da pandemia da Covid 19. Dentre as ações está o espaçamento de áreas de uso coletivo, para evitar aglomeração de pessoas. A utilização de máscara facial é obrigatória durante todo o tempo de permanência no shopping, assim como a aferição da temperatura de todos os clientes.

Nas principais entradas e praça de alimentação, estão disponíveis pias, com orientação sobre lavagem correta das mãos. Também foram instalados totens e dispensers com álcool gel 70% em pontos de fácil alcance e em locais estratégicos. Os procedimentos de desinfecção de superfícies frequentemente tocadas pelas mãos foram reforçados, segundo o centro de compras, lazer e serviços.

O shopping vem realizando treinamento permanente de seus colaboradores e disseminando medidas de prevenção e segurança, procedimentos de higiene e uso de EPIs e orientações. Além de implementar campanhas de prevenção e reforçar a divulgação de informações sobre a Covid 19 em diversas mídias.

HORÁRIOS DE FUNCIONAMENTO

LOJAS E PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO
Segunda a Sábado – 11h às 19h
Domingos e Feriados – 12h às 18h

SUPERMERCADO
Todos os dias – 8h às 20h

LOTÉRICA
Segunda a Sexta – 8h às 19
Sábado – 11h às 19h

DIREÇÃO DO JEQUITIBÁ REVELA COMO SHOPPING VAI FUNCIONAR NA REABERTURA; CONFIRA

Shopping instala totens com álcool em gel para clientes
Tempo de leitura: 2 minutos

Nesta terça (23), a direção do Shopping Jequitibá informou que, enquanto aguarda a liberação para a reabertura por parte do município, o empreendimento vem adotando “série de medidas de segurança e promovendo a capacitação de seus colaboradores”.

De acordo com o cronograma estabelecido pela direção do shopping, durante as primeiras semanas de abertura, o horário de funcionamento de lojas e praça de alimentação será das 12h às 20h. O hipermercado e a farmácia, das 8h às 22h. Já a lotérica, das 8h às 20h.

Os novos canais de serviço, como drive thru e o delivery, serão mantidos. Continuarão suspensos temporariamente cinema, lojas de entretenimento, recreação infantil, eventos e promoções, inclusive no interior das lojas.

Uso de escada rolante também terá regras de distanciamento

DISTANCIAMENTO SOCIAL

Entre as ações, está o isolamento dos espaços de uso coletivo, para evitar aglomeração de pessoas. O uso de máscara facial é obrigatório durante todo o tempo de permanência no shopping, estando ele aberto ou fechado, conforme decreto municipal. Como medida preventiva, o shopping diz já ter adotado a aferição da temperatura dos clientes que estão frequentando os espaços de serviços essenciais – supermercado, farmácia e lotérica.

Nas principais entradas e praça de alimentação, pias, com orientação sobre lavagem correta das mãos, já estão prontas para atender às novas normas de higiene e de segurança. Assim, também, já instalou álcool gel 70% em totens e dispensers em pontos de fácil alcance e em locais estratégicos do equipamento.

Os procedimentos de desinfecção de superfícies frequentemente tocadas pelas mãos foram reforçadas com treinamento da equipe da limpeza que, afirma a direção do shopping, está preparada para as novas demandas do combate ao Coronavírus.

Profissionais passam por capacitação para quando centro de compras reabrir

CAPACITAÇÃO E ORIENTAÇÃO

O piso do shopping foi demarcado em locais com possibilidade de formação de filas a fim de garantir o distanciamento de 2 metros entre os clientes e o piso do mall foi demarcado, com sentido de direção para facilitar o distanciamento entre as pessoas.

Outra medida adotada é em relação aos sanitários, que possuirão limite de ocupação máximo e placas informativas. As pias são intercaladas para garantir o distanciamento mínimo de 2 metros. Já as escadas rolantes do shopping possuem demarcação informando que só será permitido um cliente a cada 3 degraus.

A disposição das mesas e cadeiras da praça de alimentação e refeitório, foi reorganizado, observando o distanciamento entre as pessoas. O shopping informa que está realizando “treinamento regular de todos colaboradores e disseminando medidas de prevenção e segurança, procedimentos de higiene, uso de EPIs e orientações; além de implementar campanhas de prevenção e reforçar a divulgação de informações em diversas mídias”.

DIRETOR DIZ QUE SHOPPING JEQUITIBÁ ADOTA PROTOCOLOS E AGUARDA REABERTURA

Neto diz que shopping se prepara para quando reabertura for autorizada
Tempo de leitura: 2 minutos

O diretor do Shopping Jequitibá, Manoel Chaves Neto, diz que o empreendimento está adotando todas as medidas necessárias para cumprir os protocolos determinados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para “reabrir com total segurança, assim que a flexibilização da atividade comercial for liberada”.

Atualmente, o shopping em Itabuna está funcionando no sistema drive thru e delivery e mantém em funcionamento setores considerados essenciais, como supermercado, farmácia e lotérica. O Drive Thru e Delivery, com relação das lojas, pode ser acessado no site do shopping. A seguir, Neto fala sobre a expectativa para a reabertura do empreendimento e os impactos da pandemia.

Dos 577 shoppings Centers no Brasil, 411, equivalente a 71% do total, estão abertos e em operação. Como tem sido este retorno?

Manoel Chaves Neto – O protocolo de abertura tem sido parecido em todos os Shoppings Centers no Brasil, com pequenas mudanças regionais: horários reduzidos, maior frequência da higienização, uso obrigatório de mascaras por frequentadores e funcionários, verificação de temperatura na entrada, disponibilização de álcool em gel, acesso ao estacionamento eletronicamente e suspensão de atividades promocionais que tragam aglomeração.

Quantos Shoppings na Bahia estão abertos e em plena operação?

Dos 21 shoppings centers existentes no estado, 3 deles, equivalentes a 14% do total do estado estão reabertos e em operação.

Qual a perspectiva para abertura do Shopping Jequitibá?

O Shopping Jequitibá está 100% pronto para reabertura em plena segurança, com todas recomendações feitas pela OMS, implementadas e todo o time de colaboradores treinado e adaptados para o convívio no novo normal. Diante de todos os investimentos e adequações feitas, o shopping será um ambiente educativo em relação à Covid-19. Mas, para que isso ocorra, dependemos de um entendimento conjunto da Prefeitura Municipal, Governo do Estado e Ministério Público.

O que significa passar as celebrações da Páscoa, Dias das mães, Dia dos Namorados e São João, datas com forte apelo comercial, com o shopping fechado?

Está sendo um período bem difícil para o varejo, pois todas nossas 137 operações se encontram paralisadas, com uma queda vertiginosa nas vendas. O impacto econômico em datas tão importantes e no próprio dia a dia normal é muito grande. Por isso, aguardamos a reabertura do shopping para iniciarmos o processo de recuperação.

_______________

Criamos as alternativas paliativas para impulsionar as vendas com a implantação do Delivery e Drive Thru, iniciativas que serão incrementadas, melhoradas e ficarão em definitivo como um canal de vendas dos lojistas do Shopping Jequitibá.

_________

Quais as alternativas de vendas que o Shopping Jequitibá proporcionou aos seus lojistas?

Criamos as alternativas paliativas para impulsionar as vendas com a implantação do Delivery e Drive Thru, iniciativas que serão incrementadas, melhoradas e ficarão em definitivo como um canal de vendas dos lojistas do Shopping Jequitibá.

SHOPPING DIVULGA NOVOS HORÁRIOS DE DRIVE THRU, HIPER, LOTÉRICA E FARMÁCIA

Shopping Jequitibá reabre na próxima segunda-feira
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Shopping Jequitibá está operando em sistema de drive thru, delivery e mantendo abertos os serviços essenciais. Com o fim do toque de recolher em Itabuna, o shopping center divulgou novos horários de funcionamento, que passaram a valer nesta terça (16).

O Hiper Bompreço e as Drogarias Velanes funcionarão das 8h às 22h. Já a lotérica, das 8h às 16h. As lojas que atendem pelo sistema drive thru, funcionarão das 10h às 19h, com exceção das Casas Bahia que operam das 13h às 17h. Já o delivery alimentação pode ser acessado mediante consulta aos próprios estabelecimentos.

O Shopping Jequitibá informa ter adotado todas as normas determinadas pelos órgãos de saúde, como utilização de álcool gel, máscaras e distanciamento, para garantir a segurança de trabalhadores e clientes que utilizam os serviços disponibilizados durante a pandemia do Covid 19.

MUNICÍPIOS ABAIXO DE 15 MIL HABITANTES DEVEM USAR PREGÃO ELETRÔNICO A PARTIR DE HOJE (1º)

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os municípios com menos de 15 mil habitantes terão de utilizar o pregão eletrônico em todas as aquisições de bens e serviços comuns, realizadas com recursos decorrentes de Transferências Voluntárias da União, a partir de hoje (1º). Estão nesta situação 3.165 cidades, espalhadas por todas as regiões do Brasil. Segundo levantamento do Ministério da Economia, os convênios com esses municípios movimentaram mais de R$ 2,2 bilhões em 2019.

“Este é um movimento para tornar as contratações públicas mais eficientes, aumentando a concorrência nas licitações e gerando economia para o município. É também uma forma de ampliar a transparência sobre a utilização dos recursos das transferências voluntárias, pois o andamento de um pregão eletrônico pode ser acompanhado por qualquer cidadão interessado no controle social”, explica o secretário de Gestão do Ministério da Economia, Cristiano Heckert.

De acordo com a secretaria, o Sistema de Compras do Governo Federal (Comprasnet) está disponível de forma gratuita para todos os municípios. Para usar o sistema, é necessário celebrar um acordo com o Ministério da Economia. Até o momento, 1.808 cidades utilizam a ferramenta.

O uso obrigatório do pregão eletrônico nessas contratações foi estabelecido pelo Decreto nº 10.024/19 e também pela Instrução Normativa nº 206/2019.

As cidades com menos de 15 mil habitantes são o último grupo a ter de utilizar essa modalidade em suas aquisições de bens e serviços realizadas com recursos de transferências voluntárias. Com isso, a medida passa a valer para todos os estados e municípios.

ITABUNA: JAIRO PEDE CÓPIAS DE DOCUMENTOS E TODOS OS GASTOS DA SAÚDE EM 2020

Jairo cobra documentos e comprovantes de gastos na saúde
Tempo de leitura: < 1 minuto

O vereador Jairo Araújo (PCdoB) enviou requerimentos para ter acesso aos comprovantes do que já foi até aqui adquirido sem licitação durante a pandemia. Uma das solicitações, endereçada ao secretário municipal de Saúde, Uildson Nascimento, é para envio de cópias dos extratos bancários de todas as contas da Secretaria Municipal de Saúde entre 1º de janeiro até o dia 10 deste mês. Ele também solicita cópia de contratos e processos firmados com clínicas, institutos de medicina e laboratórios, assim com os respectivos termos de inexibilidade.

Para o presidente da Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (Fasi), Roberto Gama Pacheco, o vereador requer “cópias de todas as contas bancárias de titularidade da Fasi no período de 1º de janeiro a 10 de maio de 2020”. Da mesma forma, exige “cópia de todos os procedimentos e contratos administrativos referentes à contratação de empresas para a adequação do Hospital de Base para o atendimento aos pacientes acometidos pela Covid-19”.

O nome completo de cada estabelecimento está disposto nos documentos endereçados aos representantes da secretaria e do presidente da entidade gestora do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, onde foi inaugurada inaugurada uma “Unidade Covid” em duas enfermarias, com 38 leitos clínicos e, inicialmente, cinco de UTI.

FISCALIZAÇÃO

Jairo diz que os requerimentos visam permitir a fiscalização constitucionalmente expressa aos vereadores. “Principalmente neste momento crítico em que estamos vivendo uma pandemia e vários permissivos legais possibilitaram a realização de vultosas despesas sem a realização de procedimento licitatório”, justificou.

PREFEITURA AUTORIZA VENDAS EM SISTEMA DRIVE THRU NO SHOPPING JEQUITIBÁ

Lojas poderão funcionar, mas apenas em sistema drive thru
Tempo de leitura: < 1 minuto

Num decreto publicado no Diário Oficial do Município nesta segunda-feira (18), a Prefeitura de Itabuna estabeleceu regras para o funcionamento de shopping center no município. De acordo com a publicação, o município autorizou o funcionamento em sistema de venda eletrônica, com a possibilidade de pagamento e entrega do produto em guichê instalado no estacionamento (drive thru).

Para poder funcionar neste sistema, o Shopping Jequitibá deverá cumprir uma série de exigências para evitar aglomerações e garantir a segurança aos funcionários e clientes.

Com essa possibilidade, o shopping poderá ter até 15 guichês de, no máximo 3 metros quadrados, distanciando-se, pelo menos, por dois metros um do outro. De acordo com o decreto, só será permitido um funcionário em cada guichê, e o mesmo deverá usar máscaras, luvas e álcool em gel, além de não poder ser do grupo considerado de risco à Covid-19. Os pontos de coleta não poderão ter exposição, estocagem ou armazenamento de produtos, nem oferta de outros itens, além dos previamente ajustados pelos consumidores.

Ainda segundo o decreto, somente veículos automotores terão acesso ao estacionamento, sem a permissão de desembarque dos veículos. Cada cliente deverá utilizar máscara de proteção facial e não poderá permanecer mais que 15 minutos dentro do estacionamento. O decreto está disponível no site da Prefeitura.

DIA DAS MÃES: CONSUMIDOR PODERÁ COMPRAR PELO WHATSAPP EM 25 LOJAS DO SHOPPING JEQUITIBÁ

Compras serão feitas apenas pelo Whatsapp
Tempo de leitura: < 1 minuto

Com o isolamento imposto pela Covid-19, o Dia das Mães será diferente em 2020. Com as vendas físicas proibidas em alguns segmentos do comércio, o Shopping Jequitibá, em Itabuna, preparou ação específica para a data. O consumidor poderá fazer compra do presente do Dia das Mães em 25 lojas de calçados, vestuário e eletrônicos, dentre outros.

O delivery do Jequitibá garante a compra de presentes com segurança sem sair de casa. A compra poderá ser feita no site do Shopping Jequitibá, onde o cliente encontrará lista das lojas participantes. Aí, basta clicar no ícone (nome) da loja, que será encaminhado ao Whatsapp da empresa escolhida. Lá, basta escolher o presente e confirmar o local da entrega.

A campanha “Seja presente sem sair de casa” tem a participação da Arezzo, Luz da Lua, Cacau Show, Anacapri, Lupo, Traços e Formas, Samsung, Bernard Joias, Grelhados e Cia, Mersan, FioLaser, Kopenhagen, Melissa, O Boticário, Hope, CS Club, Carmen Steffens, Le Biscuit, Chilli Beans, Detalhes, Zayra, Colcci, Imaginarium, Piticas e C&A.

BANCOS PASSAM A COBRAR DÓLAR DO DIA DA COMPRA COM CARTÃO

Novas regras para compra em dólar no cartão de crédito
Tempo de leitura: 2 minutos

A partir de março, compras feitas em moeda estrangeira com cartão de crédito devem vir na fatura com o valor equivalente em reais do dia em que foram realizadas. Os bancos podiam oferecer essa forma de cobrança se quisessem, mas a maioria das instituições preferia cobrar o valor referente à data do fechamento da fatura.

Com entrada em vigor da Circular nº 3918, os bancos serão obrigados a oferecer a opção de utilizar a taxa de câmbio do dia de cada gasto. Caso não queira optar por essa sistemática, o cliente poderá pagar com base na taxa de câmbio do dia de fechamento da fatura.

Quando anunciou a mudança na regra, em novembro de 2018, o Banco Central (BC) argumentou que a sistemática de pagamento pela data de fechamento da fatura deixa os clientes expostos a flutuações das taxas de conversão no período entre o dia do gasto e o pagamento. Isso porque a variação cambial ocorrida entre a data do gasto e o efetivo pagamento é atualmente ajustada na fatura do mês posterior, podendo gerar crédito ou débito para o cliente.

Assim um único gasto pode resultar em duas obrigações em momentos distintos. Com a nova regra, o cliente ficará sabendo já no dia seguinte quanto vai desembolsar em reais, eliminando a necessidade de eventual ajuste na fatura subsequente. O BC também destacou, na época, que apesar de ser possível oferecer aos clientes a taxa de câmbio do dia de cada gasto, a maioria dos bancos preferia o fechamento da fatura.

“A situação atual para a maioria dos clientes é de: dificuldade para prever o valor em reais a ser desembolsado no dia do pagamento da fatura; fatura sem uniformidade nas informações e de difícil compreensão; e reduzida possibilidade de comparação das taxas de conversão praticadas pelos emissores de cartão, o que desestimula a competição”, informou o BC em documento de exposição de motivos para a edição da circular com as novas regras.

A partir de 1º de março deste ano, cada fatura deve ter a discriminação de cada gasto, com no mínimo sua data, a identificação da moeda estrangeira e o valor na referida moeda; o valor equivalente em dólar na data de cada gasto; a taxa de conversão do dólar para reais na data de cada gasto; e o valor em reais a ser pago pelo cliente.

Leia Mais

CADASTRO POSITIVO COMPULSÓRIO ENTRA EM VIGOR NESTA TERÇA

Tempo de leitura: 3 minutos

Consumidores terão agora o cadastro positivo compulsório || Foto Tânia Rêgo/Agência Brasil

Entra em vigor amanhã (9) o cadastro positivo compulsório. O sistema, instituído na Lei Complementar 166, de abril deste ano, prevê a adesão automática no repasse, sem consentimento, de informações de histórico de pagamento de cidadãos a birôs de crédito (como Serasa e SPC – Centralização de Serviços dos Bancos e Serviço de Proteção ao Crédito).

Eles servirão de base para atribuição de notas de crédito a cada cidadão, que serão utilizadas como referência na tomada de empréstimos e realização de crediários, entre outras operações. O cadastro positivo já existe no país. Contudo, dependia da autorização do indivíduo para que fosse incluído na lista.

A diferença da nova modalidade consiste na adesão automática, sem que a pessoa tenha de dar qualquer permissão para que informações de histórico de pagamento possam ser avaliadas pelos bureaus de crédito para formar as notas.

Serão avaliados os “dados financeiros e de pagamentos, relativos a operações de crédito e obrigações de pagamento adimplidas ou em andamento”, conforme descrito na lei.

Entram aí, por exemplo, o quanto uma pessoa atrasou pagamentos de contas ou de cartão de crédito, que dívidas ela tem, com que empresas e sua capacidade financeira de arcar com compromissos adquiridos. Podem, inclusive, ser consideradas informações de desempenho também dos familiares de primeiro grau.

A lei vetou o uso de algumas informações pessoais dos cidadãos para a formação da nota, como as que “não estiverem vinculadas à análise de risco de crédito e aquelas relacionadas à origem social e étnica, à saúde, à informação genética, ao sexo e às convicções políticas, religiosas e filosóficas”.

Essas notas (ou score, no termo em inglês utilizado entre as empresas) podem ser empregadas por empresas e instituições financeiras para determinados tipos de transação.

Cada empresa vai definir a forma de adotar as notas e que tipo de restrição determinados índices podem trazer, como na diferenciação de condições, taxas de juros ou de acesso a serviços.

RECUSA

Os consumidores que não quiserem ter seus dados incluídos no cadastro positivo podem solicitar a retirada. Essa requisição deve ser feita juntamente aos bureaus de crédito, como Serasa, SPC e Boa Vista Serviços.

Caso a pessoa desista da saída do sistema, pode pedir o retorno ao cadastro. Esses procedimentos podem ser realizados presencialmente ou por meio dos sites dessas empresas.

A diretora de Operação de Dados da Serasa Experian, Leila Martins, disse que o consumidor também pode requisitar aos bureaus a disponibilização das informações sobre ele e cobrar a correção em caso de dados errados.

“Se ele entende que tem algum dado que não considera correto, pode contestar. A fonte que deu origem tem que responder”, explicou.

BENEFÍCIOS

Para o presidente da Associação Nacional dos Bureaus de Crédito (ANBC), Elias Sfeir, o novo sistema pode gerar benefícios aos consumidores. “Com o cadastro positivo você tem uma pontuação mais próxima realmente do seu comportamento. Tendo essa pontuação mais próxima, os agentes de crédito podem fazer melhor avaliação e dar uma taxa melhor de juros, considerando o seu perfil”.

A promessa do novo cadastro positivo é que com tais informações, bancos, fintechs e outras instituições reduzam taxas e juros. Segundo Sfeir, em países que adotaram esse modelo houve queda de 45% da inadimplência, o que causou impacto na redução de spreads bancários. Com isso, haverá espaço para incluir pessoas no sistema de crédito, beneficiar micro e pequenas empresas e aumentar a arrecadação.

RISCOS

Na avaliação do coordenador de direito digital do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), Diogo Moyses, além do cadastro positivo violar a privacidade dos consumidores, há problemas a serem resolvidos na sua implementação.

O primeiro é o fato de a legislação apontar a possibilidade de uso de alguns dados não expressos, o que abriria espaço para abusos. Por isso, acrescenta, é importante que o Banco Central e a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (aprovada em lei neste ano, mas ainda não criada pelo governo) regulamentem de forma detalhada os registros dos consumidores que podem ser utilizados para a formação da nota.

Leia Mais
Back To Top