skip to Main Content
17 de janeiro de 2021 | 03:48 pm

JEQUIÉ TEM MAIS DOIS ÓBITOS E 79% DOS LEITOS PARA COVID-19 OCUPADOS

úmero de mortes pela Covid-19 sobe para 172 óbitos
Tempo de leitura: < 1 minuto

Jequié confirmou mais dois óbitos causados pelo novo coronavírus. As vítimas são um homem, de 71 anos, morador do bairro Joaquim Romão; e uma mulher, de 81 anos, residente da zona rural do município do sudoeste da Bahia. O idoso tinha histórico de diabetes, doença cardiovascular crônica e doença pulmonar crônica e estava internado em Vitória da Conquista.

A mulher também era portadora de comorbidades. Ela tinha histórico de diabetes, doença cardiovascular crônica e doença neurológica crônica. a idosa estava internada no Hospital Geral Prado Valadares (HGPV), em Jequié. O município registra 172 mortes causadas pelo novo coronavírus.

Nas últimas 24 horas, Jequié registrou mais 26 novos casos de Covid-19. Com isso, o município contabiliza 7.122 infectados desde o início da pandemia do novo coronavírus. Os que estão em quarentena somam 841 pessoas. Jequié tem 6.498 recuperados da doença e 452 casos ativos da doença.

De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI/adulto é de 79,31% no HGPV e Hospital São Vicente. Destes, oito leitos estão ocupados por moradores de Jequié e 15 leitos estão com pessoas de outros municípios.

SÃO PAULO APRESENTA PLANO DE VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19

Tempo de leitura: 3 minutos

O governo de São Paulo divulgou hoje (7) seu plano de vacinação contra a covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. O plano mostra como funcionará a vacinação no estado, caso a CoronaVac, que vem sendo desenvolvida pelo Instituto Butantan e a farmacêutica chinesa Sinovac, seja aprovada nos testes de eficácia, cujos resultados devem ser divulgados ainda na primeira quinzena deste mês.

A vacina será administrada em duas doses e, segundo o governador João Doria, aplicada gratuitamente no estado.

O plano prevê que, na primeira fase de aplicação da vacina, serão imunizados os profissionais da área da saúde, indígenas, quilombolas e idosos acima de 60 anos, público que soma 9 milhões de pessoas em São Paulo e que é responsável por até 77% das mortes provocadas pelo novo coronavírus.

A imunização deve ocorrer em uma escala por faixa etária, privilegiando, inicialmente, os profissionais de saúde, quilombolas e indígenas, público que, em São Paulo, é estimado em 1,5 milhão de pessoas. A previsão é de que esse grupo inicial tome a primeira dose no dia 25 de janeiro e, a segunda, no dia 15 de fevereiro.

Logo em seguida, o planejamento é imunizar idosos com mais de 75 anos, cuja vacinação está prevista para os dias 8 de fevereiro e 1º de março. Idosos com idade entre 70 e 74 anos devem ser atendidos nos dias 15 de fevereiro e 8 de março. Nos dias 22 de fevereiro e 15 de março, serão vacinados idosos com idade entre 65 e 69 anos e, nos dias 1º e 22 de março, os que estão na faixa de 60 a 64 anos.

O governador informou que, para receber a vacina, a pessoa não precisará apresentar comprovante de residência em São Paulo: serão vacinados os brasileiros que estiverem em solo paulista.

Caso o teste de eficácia da vacina tenha resultado positivo, a aplicação das doses começará no dia 25 de janeiro, data do aniversário da capital paulista. Para que a vacinação no estado seja feita de forma segura, o governo pretende ampliar o total de postos de vacinação, que hoje somam 5,2 mil espaços. A intenção é que a imunização ocorra também em quartéis, escolas, estações de trem, terminais de ônibus, farmácias e drive-thrus, o que pode somar até 10 mil locais de vacinação.

Os postos deverão funcionar em horário estendido, das 7h às 22h, de segunda a sexta-feira; e, das 7h às 17h, aos sábados, domingos e feriados. O horário, no entanto, vai depender das prefeituras dos 645 municípios do estado.

Nesta segunda-feira, Doria disse que governadores de oito estados já fizeram solicitação de doses da vacina para imunização. Segundo o governador, 4 milhões de doses da vacina serão destinados a esses estados para que sejam imunizados, inicialmente, os profissionais da área da saúde.

VACINA

Por intermédio do Instituto Butantan, o governo paulista tem uma parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac para produção da CoronaVac. Por meio desse acordo, São Paulo já vem recebendo doses da vacina. O acordo também prevê transferência de tecnologia para o Butantan.

Estudos das fases 1 e 2 da vacina, realizados na China, demonstraram que a vacina é segura, ou seja, não provoca efeitos colaterais graves. Também um estudo feito com voluntários no Brasil comprovou que a vacina é segura. Após a conclusão dos testes de eficácia, os resultados serão enviados por uma comissão internacional para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) analise o relatório para verificação da vacina.

Apesar de o teste de eficácia ainda estar sendo analisado pela comissão internacional, essa mesma vacina vem sendo aplicada em massa na China, com 60 mil pessoas já vacinadas. Na Indonésia e na Turquia, há previsão de que seja aplicada ainda este mês.

ITABUNA ATINGE 100% DE OCUPAÇÃO DOS LEITOS DE UTI COVID-19

Tempo de leitura: < 1 minuto

Situação volta a ficar crítica em Itabuna uma semana após eleições

O Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem), em Itabuna, que passou por muitas semanas com sua ocupação quase zerada, na manhã desta segunda-feira (23) registrou 100% de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19. São 20 leitos de UTI no hospital para pacientes com a doença. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, caso algum paciente do município necessite neste momento de um leito de UTI, deverá ser transferido, via Central de Regulação, para um hospital em Vitória da Conquista, Ilhéus ou Salvador.

Ainda de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, dos pacientes internados nos leitos clínicos do Hblem nesta segunda-feira, 56% são de Itabuna, e 44% são de outras cidades. Neste momento, dos 32 leitos clínicos, nove estão ocupados. São 20 leitos de UTI Covid-19 disponíveis no Hblem e três (pediátricos) no Hospital Manoel Novaes. Dos leitos clínicos, são 32 no Hblem e 10 no Manoel Novaes, além de quatro leitos semi-intensivos.

BAHIA REGISTRA DISPARADA DE CASOS ATIVOS DE COVID-19

Tempo de leitura: < 1 minuto

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 2.071 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,6%) e 1.423 recuperados (+0,4%), informa a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). Dos 377.445 casos confirmados desde o início da pandemia até esta quarta (18), 362.017 já são considerados recuperados e 7.415 ainda estão em recuperação, os chamados casos ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (25,33%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (9.019,07), Itabuna (6.756,31), Madre de Deus (6.741,57), Almadina (6.698,39), Aiquara (6.590,19).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 775.117 casos descartados e 91.757 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta quarta-feira (18).

Na Bahia, 30.255 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 24 óbitos. número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 8.013, representando uma letalidade de 2,12%. Dentre os óbitos, 56,18% ocorreram no sexo masculino e 43,82% no sexo feminino.

ITABUNA TEM QUASE 13 MIL CURADOS DA COVID-19 E 326 ÓBITOS

Itabuna registra 371 mortes por Covid-19.
Tempo de leitura: < 1 minuto

Quase 96% das pessoas infectadas pelo novo coronavírus em Itabuna estão curadas, segundo boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), na noite desta quinta-feira (29). O município do sul da Bahia contabiliza 12.947 pessoas que venceram a doença.

O boletim epidemiológico mostra ainda que a quantidade de pessoas em leitos hospitalares por causa da doença segue estável, com tendência de queda neste momento. Há 23 pacientes internados em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 19 em enfermaria e um em unidade semi-intensiva.

No acumulado, desde o início da pandemia, Itabuna registra  13.518 casos confirmados de novo coronavírus, sendo que 28 deles nas últimas 24 horas. Do total de infectados, 245 estão ativos (pessoas ainda doentes) e 326 pessoas perderam a batalha contra a doença.

ITABUNA SE APROXIMA DOS 13 MIL CASOS DE NOVO CORONAVÍRUS

Itabuna confirma 299 casos de Covid-19 em uma semana.
Tempo de leitura: < 1 minuto

Dados divulgados na noite desta quarta-feira (14), pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), indicam queda no número diário de casos de coronavírus neste mês. Os boletins epidemiológicos mostram que foram 27 casos da doença confirmados nas últimas 48 horas.

O número total de infectados pela Covid-19 passou de 12.897, na segunda-feira (12), para 12.924, nesta quarta. São 12.377 pessoas curadas desde o início da pandemia. O número de pessoas infectadas em recuperação chegou a 256. Eram 259 na segunda.

Na terça-feira não foi divulgado o boletim epidemiológico. A prefeitura informou que a companhia de eletricidade estava fazendo manutenção na rede elétrica nas imediações da sede Vigilância Epidemiológica do Município, na Avenida Manoel Chaves, no bairro São Caetano.

Itabuna tem 21 pacientes internados em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 26 em leitos de enfermaria e três em leitos de unidade semi-intensiva. O município do sul da Bahia tem 291 óbitos causados pelo novo coronavírus.

BAHIA REGISTRA 319,9 MIL CASOS DE COVID-19, MAS 306,3 MIL PACIENTES JÁ ESTÃO CURADOS, DIZ SESAB

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia acumulou mais 1.834 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,6%) e 1.633 curados (+0,5%) nas últimas 24 horas. Os dados foram divulgados neste final de tarde de quarta (7). Dos 319.981 casos confirmados desde o início da pandemia, 306.365 já são considerados curados e 6.595 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (27,49%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ibirataia (6.955,33), Almadina (6.551,98), Madre de Deus (6.167,92), Itabuna (6.167,25), São José da Vitória (5.532,97).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 641.241 casos descartados e 78.200 em investigação até as 17 horas desta quarta-feira (7). Na Bahia, 26.639 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 36 óbitos que ocorreram em diversas datas – de 11 de maio até ontem (6). O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.021, representando uma letalidade de 2,19%. Dentre os óbitos, 55,79% ocorreram no sexo masculino e 44,21% no sexo feminino.

BAHIA REGISTRA 729 CASOS DE COVID-19 EM 24H, COM 842 CURADOS E 35 ÓBITOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Com a tradicional queda de registros de casos aos domingos, hoje (4) a Bahia confirmou 729 novos casos de covid-19. O total é relativo às últimas 24 horas, período em que também foram registrados 842 casos de recuperação da doença e 35 óbitos – estes ocorridos num período de mais de 4 meses – 20 de maio a 3 de outubro.

Dos 315.440 casos confirmados desde o início da pandemia, 301.922 já são considerados curados e 6.593 encontram-se em recuperação, os chamados casos ativos.

Os casos confirmados ocorreram nos 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (27,67%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes até aqui são Ibirataia (6.792,06), Almadina (6.515,37), Madre de Deus (6.144,22), Itabuna (6.094,09), São José da Vitória (5.497,61).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 629.361 casos descartados e 76.838 em investigação até as 17 horas deste domingo (4). Na Bahia, 26.376 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 35 óbitos que ocorreram em diversas datas, no período de 20 de maio a 3 de outubro, conforme a Sesab. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 6.925, representando uma letalidade de 2,20%. Dentre os óbitos, 55,73% ocorreram no sexo masculino e 44,27% no sexo feminino.

BAHIA REGISTRA 693 NOVOS CASOS DE COVID-19 E 48 ÓBITOS EM 24H

Tempo de leitura: < 1 minuto

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 693 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,2%) e 784 curados (+0,3%). Dos 295.996 casos confirmados desde o início da pandemia, 282.229 já são considerados curados e 7.454 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 416 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (28,46%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ibirataia (6.387,15), Almadina (6.185,94), Itabuna (5.794,87), Madre de Deus (5.793,39), Dário Meira (5.051,35).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 583.455 casos descartados e 68.902 em investigação até as 17 horas desta segunda-feira (21). Na Bahia, 25.183 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 48 óbitos que ocorreram no período que vai de 24 de maio a 20 de setembro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 6.313, representando uma letalidade de 2,13%. Dentre os óbitos, 55,98% ocorreram no sexo masculino e 44,02% no sexo feminino.

ITABUNA REGISTRA MAIS QUATRO MORTES PELO NOVO CORONAVÍRUS

Itabuna registra aumento nos casos de Covid-19 .
Tempo de leitura: < 1 minuto

O número de óbitos pelo novo coronavírus em Itabuna subiu de 137, ontem, para 141 nesta sexta-feira (7). Desde o dia 1º deste mês foram confirmados mais 18 óbitos de pessoas infectadas pelo vírus, segundo dados divulgados há pouco.

Em sete dias, Itabuna registrou 558 novos casos de Covid-19. O município tem 19.677 casos suspeitos notificados do novo coronavírus, com 13.141 descartados, 3.256 pessoas com os sintomas da doença se recuperando e 2.776 curados.

Há também 3.479 pessoas sendo monitoradas e 213 esperando resultado do exame. Itabuna tem ainda 29 pessoas internadas em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 44 em leitos de enfermaria e quatro em leitos de unidade de semi-intensiva.

Back To Top