skip to Main Content
4 de julho de 2020 | 09:06 pm

PROTESTO CONTRA DEMISSÕES FECHA AGÊNCIA DO BRADESCO EM ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Bancários fecham agência do Bradesco contra demissões.

Bancários fecham agência do Bradesco contra demissões.

O Sindicato dos Bancários de Ilhéus fechou a agência do Bradesco localizada em frente ao Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC), no centro de Ilhéus, nesta segunda-feira (30).

A medida, de acordo com o presidente do sindicato, Rodrigo Cardoso, se deve à demissão, sem justa causa, de três funcionários, ocorrida na última sexta-feira (28).

A agência, prometem sindicalistas e funcionários do banco, seguirá fechada por 24 horas, não devendo, por isso, abrir aos clientes até a manhã de terça (31).

Os clientes que precisarem de serviços que podem ser executados fora da agência de origem tem a opção de usar a que está localizada no Edifício Cidade Ilhéus, também na região central.

TRABALHADORES FECHAM BR-101 EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

protestoSindicalistas e estudantes interditaram a BR-101, em Itabuna, nesta terça-feira (10), num  protesto contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff. A manifestação foi organizada pela Frente Brasil Popular, juntamente com a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), sindicatos e a União da Juventude Socialista (UJS). A rodovia ficou interditada por três horas: das 6 às 9 da manhã.

Além de protestar contra o impedimento da presidente, os trabalhadores atacaram o Projeto de Lei 257/2016, que estabelece o Plano de Auxílio aos Estados e ao Distrito Federal e medidas de estímulo ao reequilíbrio fiscal. A proposta impõe restrições aos Estados, principalmente a redução de gastos com pessoal.

Para o vereador e presidente do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, Jairo Araújo (PCdoB), está em curso um golpe contra os trabalhadores. “Querem acabar com os direitos da classe trabalhadora, não podemos permitir que Temer assuma e implemente seu projeto de ataque às conquistas trabalhistas”, disse ele.

As mobilizações de trabalhadores contra o impeachment acontecem hoje em cinco Estados e em Brasília.

DIA DO TRABALHADOR EM ITABUNA TERÁ TARGINO GONDIM

Tempo de leitura: < 1 minuto
Sanfoneiro anima o 1º de Maio em Itabuna (foto Divulgação)

Sanfoneiro anima o 1º de Maio em Itabuna (foto Divulgação)

A comemoração do Dia do Trabalhador em Itabuna será no ritmo do forró. A CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil) programou festa animada pelo sanfoneiro Targino Gondim para o 1º de maio. O evento está marcado para começar às 13 horas, no Recanto dos Comerciários (Bairro da Conceição).

Além de Targino, a festa do trabalhador terá ainda a presença da banda Via de Acesso. De acordo com a CTB, não haverá venda de ingresso para o evento. Quem quiser participar deve procurar um dos sindicatos filiados à Central para obter o convite. Além disso, será necessário levar um quilo de alimento perecível ao Recanto dos Comerciários.

Os alimentos serão doados ao Albergue Bezerra de Menezes e ao Núcleo Cuidar.

PROTESTO CONTRA PL DA TERCEIRIZAÇÃO

Tempo de leitura: 2 minutos
Manifestação da CTB e da CUT travou o trânsito no centro de Itabuna.

Manifestação da CTB e da CUT travou o trânsito no centro de Itabuna.

Sindicatos filiados à Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) e à Central Única dos Trabalhadores (CUT) de Itabuna realizaram uma série de manifestações, nesta sexta-feira (29), para marcar o Dia Nacional de Paralisação e Manifestações.  O principal foco dos protestos foi o Projeto de Lei da Terceirização, além da revogação as Medidas Provisórias 664 e 665.

Por volta de 4h, foram realizadas manifestações nas fábricas da Penalty e Trifil, seguido de atos na Adei (Administração dos Estádios de Itabuna) e Codeti (Central Operacional de Transporte), órgãos da Prefeitura Municipal de Itabuna.

Os protestos foram encerrados com uma grande manifestação no centro de Itabuna. Os trabalhadores fizeram barreiras humanas, bloqueando o acesso à Ponte do Marabá. O ato teve duração de duas horas.

Impedidos de trafegar, os motoristas dos ônibus desceram dos veículos e se juntaram aos manifestantes. O Sindicato dos Rodoviários é filiado à Força Sindical, que apoia o projeto de terceirização, e não participou das manifestações das centrais em Itabuna. Os bancos aderiram à paralisação e só retornaram as atividades às 13 horas.

Apesar de ligados à Força Sindical, Rodoviários aderiram à manifestação de outras centrais.

Apesar de ligados à Força Sindical, Rodoviários aderiram à manifestação de outras centrais.

PARALISAÇÃO NACIONAL

Leia Mais

PARA CTB, REAJUSTE DE PASSAGEM É ABUSIVO

Tempo de leitura: 2 minutos
Aumento de passagem deve entrar em vigor em maio (Foto Pedro Augusto).

Aumento de passagem deve entrar em vigor em maio (Foto Pedro Augusto).

O anúncio do aumento da tarifa de ônibus em Itabuna, de R$ 2,20 para R$ 2,50, levou a  Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) a emitir nota contestando o aumento. A entidade considera o valor “abusivo” e afetará os mais pobres.

A central sindical enfatiza, em nota, que ainda em 2013 apresentou pauta de movimentos sociais para melhorar o transporte coletivo. Nenhuma das propostas levadas ao prefeito Claudevane Leite, segundo a direção regional da CTB, foi atendida.

Dentre as reivindicações, renovação e aumento de frota, publicação dos itinerários, estação de transbordo, adequação dos veículos para atender usuários com deficiências especiais e licitação transparente. Ao divulgar a aprovação do reajuste, a prefeitura informou que fará audiências públicas em maio para discutir a licitação do transporte público. Confira a íntegra da nota em “leia mais”, abaixo.

Leia Mais

SINDICALISTA ITABUNENSE ELEITA PARA DIREÇÃO DA CONTRAMA

  • 8 de agosto de 2014
Tempo de leitura: < 1 minuto
Karla Lúcia, primeira à esquerda, foi eleita para direção do Contrama.

Karla Lúcia, primeira à esquerda, foi eleita para direção do Contrama.

A sindicalista itabunense Karla Lúcia de Oliveira foi escolhida uma das representantes brasileiras para a direção da Confederação dos Trabalhadores Municipais da América (Contrama). A eleição ocorreu durante o terceiro congresso da entidade, no México.
O evento começou na terça (5) e foi encerrado ontem (7). Membro da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Karla é diretora do Sindicato dos Servidores Municipais de Itabuna (Sindserv).

CLIMA DE PAZ

Tempo de leitura: < 1 minuto
Trabalhadores e familiares lotaram a Usemi ontem.

Trabalhadores e familiares lotaram a Usemi ontem.

Cerca de 4 mil pessoas assistiram aos shows de Pastilhas Coloridas, Lordão e de Armandinho, Dodô & Osmar, ontem (1º), na Festa do Trabalhador, na Usemi, em Itabuna. O evento, promovido pela Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), promoveu ainda reflexão sobre o 1º de Maio e a necessidade de mídia democrática no país.

PROTESTO INTERDITA A ILHÉUS-ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Sindicalistas ligados à CTB e à CUT interditam rodovia por uma hora (Foto Luiz Carlos Jr.).

Sindicalistas ligados à CTB e à CUT interditam rodovia por uma hora (Foto Luiz Carlos Jr.).

Sindicalistas ligados à Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB) e à CUT acabam de interditar a Rodovia Ilhéus-Itabuna (BR-415), no quilômetro 24, em frente ao Makro. Os manifestantes fecharam as duas pistas e atearam fogo em pneus e madeiras. A promessa é de que a rodovia será liberada por volta das 11h.

Ao PIMENTA, o comando dos protestos diz que a interdição da rodovia é parte das atividades do dia nacional de paralisações. Eles protestam contra projeto de lei da terceirização (PL 4330) e pedem a redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais, dentre outras reivindicações.

Hoje à tarde, a partir das 14h, está programada passeata de movimentos populares na Avenida do Cinquentenário, em Itabuna. Dentre as bandeiras, a redução da tarifa de ônibus no município sul-baiano.

SINDICATOS DEFENDEM REGULAÇÃO DA MÍDIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Sindicatos ligados à Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) agendaram manifestação para esta quinta-feira, 29, a partir das 10 horas, em Itabuna. O ato, que acontece na Praça Adami, marca posicionamento das entidades a favor da regulação da mídia.

Segundo os organizadores, durante a atividade os trabalhadores irão colher assinaturas em apoio ao Projeto de Lei de Iniciativa Popular proposto pelo Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação. O projeto visa a regulamentação de artigos da Constituição Federal que estabelecem a pluralidade e diversidade e vedam o monopólio ou o oligopólio dos meios de comunicação de massa.

 

PROTESTO CONTRA PL DA TERCEIRIZAÇÃO E PEDÁGIO INTERDITA BR-101 EM ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos
Protesto interdita BR-101 e causa congestionamento no trecho de Itabuna (Foto Luiz Carlos Jr.).

Protesto interdita BR-101 e causa congestionamento no trecho de Itabuna (Foto Macielle Matos).

Bombeiros foram acionados para debelar chamas.

Bombeiros foram acionados para debelar chamas.

Sindicalistas ligados à Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB) interditaram por uma hora o trecho da BR-101, em Itabuna, nesta manhã de terça (6). Para fechar a pista nos dois sentidos, os manifestantes colocaram barricada com madeira e pneus e atearam fogo. O congestionamento foi de mais de três quilômetros nos dois sentidos.

Segundo nota da CTB, o protesto é parte do Dia Nacional de Luta contra o projeto de lei que regulamenta a terceirização no país, o PL 4330, e a cobrança de pedágio na BR-101 no trecho que vai de Feira de Santana a Mucuri, no extremo-sul.

O protesto teve a participação de moradores do Bairro Santa Clara, que cobram do governo municipal investimentos em saúde e saneamento básico na localidade.

A pista foi liberada após negociação dos manifestantes com patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal. Uma guarnição do Corpo de Bombeiros debelou o fogo na rodovia.

O vereador e diretor do Sindicato dos Comerciários, Jairo Araújo, disse que o projeto de terceirização que tramita no congresso “rasga a CLT [Consolidação das Leis Trabalhistas], escancara a terceirização e retira direitos dos trabalhadores”, a exemplo de férias e décimo terceiro salário. “Não podemos admitir a aprovação de um projeto tão nefasto”.

Dirigente da CTB no sul da Bahia e presidente do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, Gilson Araújo disse que o projeto é um “não da CTB e dos trabalhadores do sul da Bahia” à privatização de estradas brasileiras. “Além do mais, já pagamos impostos específicos destinados à manutenção das estradas brasileiras.

O leilão da BR-101 está previsto para 25 de outubro. Serão 9 praças de pedágio no trecho de 772,3 quilômetros.

Back To Top