skip to Main Content
6 de junho de 2020 | 11:32 pm

SHOPPINGS PREVEEM AUMENTO DE 6% NAS VENDAS PARA O DIA DAS CRIANÇAS

Tempo de leitura: 2 minutos

Shoppings esperam aumento de 6% nas vendas para o Dia das Crianças || Foto Ilheus24h

Pesquisa da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) aponta uma expectativa de crescimento de 6% nas vendas para o Dia das Crianças neste ano em relação ao apurado em 2018. O otimismo do setor durante a semana que antecede a data comemorativa é de 83%, o que demostra também a confiança dos lojistas.

Para a maioria dos shoppings, o fluxo de visitantes deverá aumentar até 10% no dia 12 de outubro. Os empreendimentos investirão em atrações de recreação infantil, brinquedos e apresentações musicais e teatrais.

Brinquedos, roupas e calçados continuam sendo os produtos com maior expectativa de venda. Por outro lado, em comparação com 2018, os empreendimentos também esperam alta em itens de informática (17 pontos percentuais a mais), de cultura, como livros, CDs e DVDs (9 p.p) e telefonia (8 p.p). Outro destaque é com relação ao ticket médio, que deve ser entre R$ 100 e R$ 200, o que confirma o otimismo do setor.

Para o presidente da Abrasce, Glauco Humai, a expectativa é positiva e acompanha o desempenho dos últimos meses. “A queda nos preços, que contribui para a melhora do poder de compra das famílias, ao lado do aumento, ainda que discreto, da geração de novas vagas de trabalho e um maior volume de crédito afetam positivamente a decisão de compra do consumidor”, apontando eventos de lazer e entretenimento para a data como atrativos para reforçar as vendas.

OPERAÇÃO DIA DAS CRIANÇAS APREENDE MAIS DE 3 MIL BRINQUEDOS IRREGULARES

Tempo de leitura: 2 minutos
O campeão de irregularidades

O hand spinner é o campeão de irregularidades na Bahia

O Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro) e a Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon) estão realizando a Operação Dia das Crianças com o objetivo de retirar do mercado brinquedos irregulares, sem o Selo de Certificação do Inmetro, que podem causar acidentes. A ação ocorre principalmente em municípios como Camaçari, Salvador, Itabuna, Ilhéus, Lauro de Freitas e Vitória da Conquista.

A fiscalização foi intensificada nesta semana que antecede as comemorações do Dia das Crianças (12). Além de apreensão, está alertando pais e responsáveis para a necessidade de comprar brinquedos seguros. Até o momento, já foram apreendidos mais 3 mil brinquedos irregulares. A operação especial prossegue até o dia 12, mas o Ibametro mantém a fiscalização de brinquedos ativa ao longo do ano.

Estão sendo visitados estabelecimentos como supermercados de ruas e de shoppings centers. As empresas flagradas até o momento foram autuadas e vão pagar multas que podem chegar até a R$ 1,5 milhão, se considerados fatores agravantes, como a reincidência.

O diretor-geral do Ibametro, Randerson Leal,  destaca que “quando o assunto é a segurança das crianças, nós, que somos pais, precisamos manter a vigilância redobrada. É importante exigir o Selo do Inmetro, pois indica que o produto passou por testes de segurança e está apto para o consumo de determinada faixa etária, sem riscos de acidentes”.

MUITO PERIGOSO

O hand spinner foi o campeão das apreensões, representando em torno de 70% dos brinquedos irregulares recolhidos . Nova sensação entre as crianças, o brinquedo é perigoso por conter diversas pontas e rolamentos. O Inmetro identificou acidentes envolvendo o produto, no exterior, relacionados ao engasgamento com a ingestão de partes pequenas, em especial, dos rolamentos.

A fiscalização apreendeu também armas de brinquedos que dão choque elétrico no contato com a pele e o ioiô bol, brinquedo proibido no Brasil devido ao risco de estrangulamento, entre outros. Os produtos irregulares serão incinerados de modo apropriado, conforme determina a legislação em vigor.

Denúncias da comercialização do brinquedo sem o Selo do Inmetro devem ser feitas à Ouvidoria do Ibametro pelo telefone 0800-071-1888.

Back To Top