skip to Main Content
13 de agosto de 2020 | 05:11 pm

ITABUNA: PT CONVIDA E LANNS ALMEIDA SERÁ PRÉ-CANDIDATO A VEREADOR PELO PARTIDO

Lanns Almeida, ao centro, acompanhado de Paulo César, Jackson, Geraldo e Flávio Barreto
Tempo de leitura: 2 minutos

O engenheiro agrônomo e diretor da Biofábrica de Cacau, Lanns Almeida, foi convidado pela direção do PT itabunense para disputar vaga à Câmara de Vereadores. E aceitou. O martelo foi batido na tarde desta terça (3) durante encontro com o presidente do PT de Itabuna, Jackson Moreira, o pré-candidato a prefeito Geraldo Simões e com o ex-presidente do PT Flávio Barreto, além do assessor Paulo Sérgio.

Para Jackson Moreira, a filiação de Lanns é “demonstração de que o PT pretende qualificar o debate político” no município. “O companheiro Lanns dispensa apresentações. Um profissional reconhecido, mas também um pensador, que muito tem a contribuir para a elevação do nível da Câmara de Vereadores, quando eleito. É daqueles quadros que qualificam o cargo”.

Jackson reafirma o compromisso do PT de “apresentar soluções para o enfrentamento da situação de caos observado em diversos setores da administração pública” de Itabuna. “Para isso apresentamos o nome do companheiro Geraldo Simões, para candidato a prefeito, porque já tem o currículo duas gestões extraordinárias no município, além da experiência parlamentar e de gestão de diversos órgãos, como uma secretaria estadual e a Codeba. Vamos mostrar à população, com Geraldo e com nosso time de candidatos a vereadores e vereadoras, que temos um grande compromisso com o desenvolvimento de Itabuna”.

LANNS ALMEIDA

Engenheiro Agrônomo formado em 2013 pela Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), Lanns Almeida é casado e pai de dois filhos. Já atuou como coordenador de projetos pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), como assessor técnico da diretoria executiva da CAR e secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Itabuna. Ele atua nas áreas de Planejamento e Gestão de Programa e Projetos, Geoprocessamento e Cacauicutura no Sistema Cabruca.

O presidente do PT de Itabuna, Jackson Moreira, afirma, ainda, que será realizado, nos próximos dias, um evento de filiação e lançamento da pré-candidatura a vereador. “Vamos marcar esse momento, que é muito importante, simbolicamente, para o PT e para o momento político em nossa cidade”.

“BUSCAREMOS UM NOME DE CONSENSO”, AFIRMA FLÁVIO BARRETO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Flávio Barreto diz que buscará a unidade do PT

O Partido dos Trabalhadores (PT) buscará um nome de consenso para a direção do partido nas eleições internas que ocorrerão no segundo semestre deste ano, segundo o presidente do diretório itabunense, Flávio Barreto. O nome deverá ser escolhido para as eleições até o final de julho, de acordo com ele. Flávio trabalhará para que não haja bate-chapa.

Também conhecido como Flávio da Comonte, o dirigente disse que, assim como o presidente estadual, Everaldo Anunciação, não poderá concorrer a um novo mandato. Isso, porque o partido não permite mais de uma reeleição dos seus dirigentes.

Mais cedo, o site publicou nota afirmando que uma ala do PT local, puxada pelo filiado Manoel Porfírio, defenderá o nome da professora Miralva Moitinho para o comando do partido (relembre aqui).

PORFÍRIO QUER MIRALVA NO COMANDO DO PT ITABUNENSE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Porfírio vai trabalhar nome de Miralva ao comando do PT itabunense

O assessor parlamentar Manoel Porfírio arregimentou nomes para filiação no PT de Itabuna. O movimento dele não foi à toa. Assessor dos deputados Osni (estadual) e Joseildo (federal), Porfírio está disposto a fortalecer grupo que rivalize com a ala geraldista do diretório local.

O nome que o assessor trabalha para levar à presidência do partido no município é o da professora Miralva Moitinho, que já presidiu o diretório quando era do grupo do ex-prefeito e ex-deputado Geraldo Simões.

Do outro lado da contenda, Flávio Barreto, que deve disputar a reeleição. As eleições no PT ocorrerão no segundo semestre deste ano, quando serão definidos os dirigentes para os diretórios municipais, estaduais e nacional.

REELEITO COM 69% DOS VOTOS, FLÁVIO FALA DE DESAFIOS DO PT EM ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos
 Flávio fala em união de partido e atração da juventude.

Flávio fala em união de partido e atração da juventude.

O presidente do Diretório do PT de Itabuna, Flávio Barreto, foi reeleito com 69% dos votos válidos, ontem (9), em disputa contra um dos nomes históricos do partido, o ceplaqueano Jackson Primo. Flávio obteve 369 votos ante 167 de Jackson. De acordo com a comissão eleitoral, 571 filiados votaram, sendo 36 votos em branco e 16 nulos.

O resultado na eleição para a estadual, ficou assim: Waldenor Pereira com 322 votos, Everaldo Anunciação, 155; e Fernanda Silva, 39. Waldenor teve apoio de Flávio e do ex-deputado Geraldo Simões. Everaldo foi apoiado por Jackson.

DENTRO DO ESPERADO

Flávio disse que o percentual de votos alcançado ficou dentro do esperado. “Na primeira, nós obtivemos 65%”, assinala, apontando crescimento. O dirigente fala em fazer uma gestão colegiada, não centrada na figura do presidente, procurar o outro lado da disputa. “Agora é unir o partido. Nosso foco são as lutas contra a reforma da Previdência e o ataque à CLT, além de reeleição de Rui Costa [a governador] e eleição do presidente Lula”.

O dirigente do PT também comentou a possibilidade de vitória do deputado federal Waldenor Pereira para o comando do diretório estadual do partido. “Temos mais de 50% dos delegados para a estadual [na apuração até aqui]”, assinalou. Para ele, as perdas do PT baiano nos últimos anos também contribuíram para a votação obtida por Waldenor. Em 2016, o partido perdeu dois terços das prefeituras no estado, mesmo com o governo estadual tendo boa aceitação, observou.

ATRAIR A JUVENTUDE

Falando de mandato, o presidente reeleito diz que um dos planos para o diretório local é atrair a juventude. “O partido vai fazer campanha para filiar jovens e também atrair a juventude. Muitos nasceram na gestão [nacional] do PT. Não sabiam o peso da mão da direita. Estão conhecendo agora. A juventude tem bandeiras comuns às do partido, a exemplo da Reforma da Previdência e questões de gênero”.

Flávio avalia que os resultados até aqui acabam fortalecendo o ex-deputado Geraldo Simões, “que trabalhou também para fazer essa aliança [com Waldenor Pereira], mantendo a liderança com o apoio da direção estadual”.

PETISTAS HISTÓRICOS RETORNAM AO PARTIDO

Tempo de leitura: < 1 minuto
 Flávio festeja retornos de nomes históricos.

Flávio festeja retornos de nomes históricos.

O PT terá evento significativo, em Itabuna, na próxima sexta (6), às 18h, na Câmara de Vereadores. Durante plenária, serão assinadas fichas de filiação de nomes históricos da legenda no município. São profissionais liberais, educadores e médicos que deixaram a legenda há anos e, agora, retornam ao partido.

Alguns dos nomes confirmados são os da educadora Raimunda Assis e do ex-secretário de Saúde de Itabuna Humberto Barreto, além dos advogados Jorge Almeida e Valdir Mesquita.

A negociação para o retorno da legenda começou faz tempo. “Foi muito diálogo e o entendimento de que precisamos fortalecer o partido no município”, disse, sorridente, Chico do PT a este blog.

O retorno é festejado pelo presidente do PT itabunense, Flávio Barreto. “São companheiros valorosos, que deram grande contribuição para a formação do partido em Itabuna”, disse ao Pimenta.

Segundo ele, o ato de refiliação terá parte da cúpula estadual da sigla presente (Everaldo Anunciação e Josias Gomes), do deputado federal Jorge Solla e do ex-deputado Geraldo Simões, que abonou a ficha dos refiliados.

O grupo de históricos petistas que retornam à legenda deverá lançar um nome para disputar vaga na Câmara de Vereadores em 2016.

PMDB, PT E O CONVITE PARA GERALDO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Flávio Barreto: convite foi para Geraldo...

Flávio Barreto: convite foi para Geraldo.

O PMDB baiano convidou o ex-deputado e ex-prefeito de Itabuna Geraldo Simões para filiar-se ao partido. Duas vezes prefeito de Itabuna, deputado estadual na década de 90 e federal por três mandatos, o fundador do PT em Itabuna terá, ainda, tempo razoável para se decidir. O prazo final de filiação para quem pretende disputar eleição em 2016 é outubro.

Este blog perguntou ao presidente do PT itabunense, Flávio Barreto, se ele também pode ir para o PMDB. Aliado do ex-deputado, Flávio não quis dar espaço para problemas internos:

– O convite [do PMDB] foi para Geraldo e [esses convites] é muito natural na política, principalmente neste período que antecede o prazo limite para filiação. Ainda que fosse para mim, tenho uma tarefa para cumprir, que termina em 2017. Temos muito a conquistar à frente do nosso partido – afirmou, descartando deixar o PT.

PT DISCUTE ESTRATÉGIA ELEITORAL EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

pt baO presidente estadual do PT, Everaldo Anunciação, terá reunião com a executiva municipal do partido, em Itabuna, até o início de abril para discutir possibilidade de a legenda ter candidatura própria a prefeito no município. A visita ficou definida em reunião do Diretório Estadual do partido, no último final de semana. Além de Itabuna, também serão visitados os municípios de Juazeiro, Camaçari e Vitória da Conquista.

Flávio Barreto, presidente do diretório itabunense, diz que a meta é “fortalecer o partido, elegendo o máximo de prefeitos e vereadores do PT no estado”.

Durante a reunião do final de semana, o partido analisou a conjuntura e definiu estratégia eleitoral para os 35 maiores municípios baianos, dentre eles Itabuna. Foi deliberado, por meio de resolução, que nestes municípios será mantido o diálogo com os partidos aliados, mas a definição das estratégias e candidaturas é dos diretórios municipais com acompanhamento da Comissão Executiva Estadual do PT.

– Aqui em Itabuna estamos nos organizando para o próximo período. Já temos uma Plenária de Formação para os novos filiados que acontecerá no próximo dia 28. Logo em seguida, abriremos o debate interno no partido para definirmos a nossa estratégia visando a sucessão de 2016.

EVERALDO DIZ QUE ALIADOS TERÃO PREFERÊNCIA, MAS NÃO PRIORIDADE

Tempo de leitura: 2 minutos
Everaldo reforça necessidade de diálogo e diz que aliados terão preferência, não prioridade.

Everaldo reforça necessidade de diálogo e diz que aliados terão preferência, não prioridade.

O presidente estadual do PT, Everaldo Anunciação, sabe bem das complicações que a legenda terá pela frente, caso o diretório estadual imponha nomes de partidos aliados em detrimento de candidaturas petistas nas 35 maiores cidades baianas em 2016. Ao PIMENTA, o dirigente afirmou que os “aliados terão preferência, não prioridade” nas candidaturas.

Ao defender a preferência dos gestores aliados que tentarão reeleição, o dirigente busca evitar maior tensão na base governista estadual e, ao mesmo tempo, construir nomes de consenso no enfrentamento contra candidaturas do espectro oposicionista, com sérias implicações no pleito estadual de 2018. Everaldo até admite que poderá haver duas candidaturas aliadas do governo disputando prefeituras, mas sem a tensão que isso pode provocar se o processo não for dialogado.

Ainda nesta semana, a Executiva Estadual se reúne e comunicará aos presidentes de diretórios municipais a decisão em relação a estes municípios. Itabuna, por exemplo, o prefeito é do PRB (Claudevane Leite), mas o diretório local trabalha para que o candidato seja o ex-deputado Geraldo Simões, que detém o controle do PT local.

No último sábado, o presidente do diretório municipal, Flávio Barreto, afirmou ao PIMENTA que pretende sacudir a reunião do próximo sábado (14), em Salvador, quando questionará a perda de espaço do PT nos governos estadual e federal – e o processo de definição de candidaturas petistas nos maiores municípios baianos. Para ele, o partido adota estratégia de enfraquecimento próprio no momento em que precisa ter forças para enfrentar questionamentos em várias frentes.

DIRIGENTE DO PT DIZ QUE É "NATURAL" SAÍDA DE NINÃO DO GRUPO DE GERALDO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Flávio Barreto diz que mudança é natural.

Flávio Barreto diz que mudança é natural.

O presidente do diretório do PT de Itabuna, Flávio Barreto, disse ao PIMENTA que considera “natural a mudança de agrupamento político” do ex-candidato a vereador Eduardo Almeida “Ninão”.
Nesta noite de quarta (26), Ninão anunciou neste blog que estava deixando o grupo do ex-prefeito e deputado federal Geraldo Simões. O rompimento político ocorre após 19 anos. Ele vai apoiar o deputado Valmir Assunção (confira entrevista concedida mais cedo).
Barreto ainda afirmou que a mudança do filiado é “movimentação cotidiana” no PT, “onde as forças se harmonizam e se movimentam democraticamente e, para tanto, são devidamente respeitadas seguindo a tradição petista”.
O deputado Geraldo Simões ainda não se posicionou quanto ao rompimento de um de seus mais antigos e até então fiéis aliados. Nos bastidores, houve tensão, pois Geraldo pensava que Ninão iria apoiar o deputado federal Josias Gomes, que tem base em Itabuna e virou algoz do ex-prefeito itabunense.

SEM MIRALVA, FLÁVIO BARRETO ASSUME PRESIDÊNCIA DO PT

Tempo de leitura: < 1 minuto
Flávio fala durante ato de posse na sede do PT (Foto Josivaldo Dias).

Flávio fala durante ato de posse na sede do PT (Foto Josivaldo Dias).

O empresário Flávio Barreto tomou posse, ontem à noite, como presidente do diretório municipal do PT de Itabuna. Num ato simples, na sede do partido, Flávio disse que “o PT está de portas abertas a todo itabunense”.

O evento contou com o deputado federal Geraldo Simões e o prefeito de Ibicaraí e presidente da Amurc, Lenildo Santana, além de políticos regionais.

Mas um dos fatos que marcaram a posse foi a ausência da professora Miralva Moitinho. Ela deveria transmitir o cargo ao novo dirigente.

A ausência, aliás, tem a ver com o clima da disputa pelo diretório. A ex-presidente foi “alvejada” por mover recurso contra a posse do novo dirigente, acusado de usar recursos externos na campanha do partido.

Back To Top