skip to Main Content
20 de fevereiro de 2020 | 05:13 pm

PEDALADA AZUL TERÁ APOIO DAS ÓTICAS DINIZ; EVENTO ABRE O NOVEMBRO AZUL

Tempo de leitura: < 1 minuto

Valdino, da Diniz, ao centro, fecha apoio à Pedalada Azul de 2019

A Óticas Diniz é a nova parceira da Pedalada Azul, uma das ações do Mutirão do Diabetes, promovido pela ONG Unidos pelo Diabetes, de Itabuna. A pedalada deverá reunir cerca de 1,5 mil ciclistas em 3 de novembro. O empresário das Óticas Diniz em Itabuna, Valdino Cunha, se reuniu com o presidente da ONG, o médico Rafael Andrade, e o diretor do Hospital de Olhos Beira Rio, médico Vável Andrade.

No encontro, foi firmada a parceria para a pedalada. O evento, além de incentivar a prática de atividades saudáveis, também mobiliza para a 15ª edição do Mutirão do Diabetes de Itabuna. Rafael Andrade agradeceu a parceria firmada. “O envolvimento de toda a sociedade é fundamental nesse trabalho permanente de orientação sobre os cuidados na prevenção e tratamento do diabetes”, afirmou.

A Pedalada Azul terá saída da Praça Rio Cachoeira, em frente ao Hospital Beira Rio, na Beira-Rio, por volta das 8h do dia 3 de novembro, percorrendo as principais avenidas de Itabuna, retornando ao ponto de origem. Na Praça, haverá confraternização entre os participantes. A atividade contará com o apoio e coordenação de grupos de ciclismo, como Pedal Bom, Amigos das Trilhas, Pedal Livre, Ciclo Bike Grapiúna, Pé de Cana e Selva no Pedal.

PEDALADA AZUL REÚNE MIL CICLISTAS EM ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos

Pedalada Azul reuniu mil ciclistas em Itabuna no feriado || Foto Pedro Augusto Benevides

A chuva que vem caindo nos últimos dias deu uma trégua no feriado de 15 de novembro e as ruas do centro de Itabuna e dos bairros São Caetano e Pontalzinho foram tomados pela cor azul. Evento de mobilização para o Mutirão do Diabetes, a Pedalada Azul reuniu cerca de mil ciclistas, conciliando atividade física com ações de prevenção da doença. O mutirão será realizado no dia 25, na Praça Rio Cachoeira.

“É importante estar aqui, mostrando que a cidade está unida em torno de uma causa que resulta em qualidade de vida para milhares de pessoas”, disse o bioquímico Erick Ettinger. Para Antonio Marques Oliveira, morador da Califórnia, que convive com o diabetes, as atividades mostram como é importante praticar exercícios e levar uma vida saudável. Já a estudante Karina Macedo, ressalta a necessidade de seguir as orientações. “Venho todos os anos e faço questão de seguir as orientações para prevenir o diabetes”, afirmou a estudante Karina Macedo.

A  Pedalada Azul teve  o apoio de grupos de ciclismo como  Pedal Bom, Ciclo Bike Grapiúna, Amigos das Trilhas, Pé de Cana e Pedal Livre, com suporte do Corpo de Bombeiros, Samu e da Águia Branca. Durante todo o trajeto, um minitrio forneceu orientações sobre a prevenção à doença, com distribuição de material informativo à população. A pedalada  foi encerrada com atividades culturais na Praça Rio Cachoeira.

Ciclista levou filho e um guarda-chuva para protegê-lo em dia que São Pedro colaborou para o sucesso da Pedalada Azul || Foto Pimenta

O coordenador e idealizador do Mutirão do Diabetes, Rafael Andrade, destacou o engajamento cada vez maior da comunidade em todas ações de mobilização. “Itabuna está dando um exemplo para todo o Brasil, já que o modelo do mutirão está sendo replicado em várias cidades”, disse ele. “Temos orgulho de ver essa iniciativa consolidada e ampliando cada vez mais o atendimento a portadores de diabetes de toda a região”, ressaltou.

O Mutirão do Diabetes de Itabuna  é promovido pelo Hospital de Olhos Beira Rio,  Asdita e ONG Unidos pelo Diabetes.

PEDALADA AZUL REÚNE CENTENAS DE CICLISTAS

Tempo de leitura: 2 minutos
"Pedalada" reuniu centenas de ciclistas em Itabuna, ontem (Foto Pedro Augusto).

“Pedalada” reuniu centenas de ciclistas em Itabuna, ontem (Foto Pedro Augusto).

Num domingo de céu nublado, Itabuna ficou azul com a pedalada de mobilização para o Mutirão do Diabético. O evento reuniu centenas de ciclistas e percorreu ruas do centro da cidade e dos bairros. Já o mutirão, ocorre no próximo sábado (26), na Praça Rio Cachoeira (Beira-Rio).

Durante o trajeto da pedalada, voluntários em um minitrio passavam orientações sobre os cuidados com a saúde. Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna, Jorge Braga, a Pedalada Azul desperta na comunidade a preocupação com a prevenção do diabetes, “tornando Itabuna uma referência nacional através do Mutirão”. “O Mutirão do Diabético é um evento de grande alcance social e estamos muito felizes em poder participar dessa grande mobilização, que beneficia milhares de pessoas”, diz Gilmar Abreu, diretor regional da Águia Branca.

O coordenador do Mutirão do Diabético, Rafael Andrade, lembra que o mutirão visa tratar e educar as pessoas, mas também incentiva as pessoas a fazerem atividades físicas. “A Caminhada Azul e a Pedalada Azul demonstram que a cidade está mobilizada em torno da prevenção do diabetes”. A Pedalada foi promovida pelo Hospital de Olhos Beira Rio, Asdita e a TV Cabrália, com apoio de grupos de ciclistas Pedal Bom, Pé de Cana e Amigos das Trilhas.

Durante o mutirão, no sábado, haverá atividades de prevenção, aferição de pressão arterial e teste de glicemia, na Praça Rio Cachoeira. Já no Hospital de Olhos Beira Rio, será concentrado o atendimento médico do pé, rim e olho dos portadores de diabetes.

MÉDICO ITABUNENSE É O MAIS JOVEM A RECEBER PRÊMIO INTERNACIONAL DA UNIFESP

Tempo de leitura: < 1 minuto
Rafael Andrade é o idealizador do Mutirão do Diabético.

Rafael Andrade é o idealizador do Mutirão do Diabético.

O médico oftalmologista itabunense Rafael Andrade recebe, nesta quinta-feira (25), a Medalha de Ouro Moacyr Álvaro, concedida pelo Centro de Estudos em Oftalmologia Professor Moacyr Álvaro, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

A comenda mais importante da  América Latina na área oftalmológica e será entregue no Centro de Convenções do Hotel Maksoud Plaza, em São Paulo, com a presença de dirigentes das principais instituições de oftalmologia do país.

Aos 42 anos, o médico Rafael Andrade, diretor do Centro Avançado em Retina e Vítreo do Hospital de Olhos Beira Rio e idealizador e coordenador do Mutirão do Diabético de Itabuna, é o segundo baiano e o mais jovem médico a receber a Medalha de Ouro, instituída há 60 anos pela Unifesp.

O Mutirão do Diabético de Itabuna é considerado um dos principais eventos de prevenção e tratamento do Diabetes e foi apresentado no Congresso Mundial no Canadá como exemplo a ser seguido por outros países. “Esse prêmio é motivo de orgulho, que faço questão de compartilhar com toda a nossa equipe e com os centenas de voluntários do Mutirão”, afirma Rafael Andrade.

 

ITABUNA FICA AZUL EM NOVEMBRO EM AÇÃO CONTRA O DIABETES

Tempo de leitura: 2 minutos
Novembro Azul é alusão às ações de combate e controle do diabetes (Foto Pedro Augusto).

Novembro Azul é alusão às ações de combate e controle do diabetes (Foto Pedro Augusto).

Organizadores do Mutirão do Diabético de Itabuna, empresas e órgãos públicos abraçaram a campanha da Federação Internacional do Diabetes e da Organização Mundial de Saúde (ONU), iluminando de luz azul prédios e monumentos públicos, empresas e residências durante todo o mês de novembro. Em anos anteriores, Itabuna foi uma das cidades mais iluminadas em azul do país e em 2015 a meta é ampliar a adesão à campanha.

A Prefeitura de Itabuna já se comprometeu a iluminar pontes, praças e outros espaços públicos com a cor azul. A TV Cabrália/Rede Record, o Hospital de Olhos Beira Rio, que promove o Mutirão juntamente com a Associação dos Diabéticos de Itabuna, e outras empresas também receberão a iluminação azul a partir de hoje, 1º de novembro.

– Vamos mostrar que a comunidade está engajada nessa campanha importante e ser a cidade mais iluminada do Brasil, mostrando que todos estão juntos nessa campanha de prevenção do diabetes – afirma o médico Rafael Andrade, coordenador e idealizador do Mutirão.

A TV Cabrália terá a Blitz Azul, que vai visitar e premiar residências que estiverem iluminadas com a cor da campanha. Todas as imagens da cidade iluminada serão exibidas no site do Mutirão do Diabético (www.mutiraododiabetico.com.br) e no site da Federação Internacional do Diabetes, juntamente com fotos de todo o mundo, colocando Itabuna como exemplo no combate e prevenção do diabetes.

Além da campanha Itabuna Azul, outros eventos fazem parte da campanha do Mutirão do Diabético de Itabuna. A Pedalada Azul, que além de mobilizar a comunidade incentiva a prática de atividades físicas, será dia 14 de novembro em Itabuna e Ilhéus, percorrendo as principais ruas e avenidas das duas maiores cidades do sul da Bahia.

FACULDADE TERÁ AÇÕES NO MUTIRÃO DO DIABÉTICO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Os médicos Wandick Rosa e Rafael Andrade e, ao centro, Odília e João Victor Andrade, ambos da Unime (Foto Daniel Thame).

Wandick Rosa com os diretores da Unime, Odília e João Victor, e o idealizar Rafael Andrade.

A Unime está entre as empresas parceiras da edição 2015 do Mutirão do Diabético de Itabuna, que será realizado no próximo dia 21 de novembro. A manutenção da parceria foi confirmada durante um encontro com a participação do idealizador e coordenador do Mutirão, médico Rafael Andrade, o diretor do Hospital de Olhos Beira Rio, Wandick Rosa, e a diretora da Unime em Itabuna, Odília Moliterno.

A faculdade terá estandes no Mutirão do Diabético de Itabuna com a participação de professores e alunos dos cursos de Enfermagem, Psicologia Serviço Social, Educação Física, Farmácia e Fisioterapia. Entre os serviços prestados, estão a aferição da hipertensão arterial, psicologia, saúde bucal, direito do diabético, oficina do pé, atividade física, diabetes em casa e conhecendo a insulina.

“O apoio da Unime, com o entusiasmo de seus professores e alunos, valoriza o Mutirão, que se consolida graças ao envolvimento da sociedade organizada”, afirma Rafael Andrade. “Para nós, é motivo de orgulho participar de um evento com grande alcance social, além de integrar os alunos à comunidade”, destaca Odília Moliterno.

EMPRESAS APOIAM MUTIRÃO DO DIABÉTICO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Mutirão realizado em Itabuna é maior do Brasil (Foto Divulgação).

Mutirão realizado em Itabuna é maior do Brasil (Foto Divulgação).

O maior evento de prevenção e tratamento do diabetes no Brasil ganhou o apoio da Águia Branca e das Lojas Buriti. O Mutirão do Diabético será realizado no próximo sábado (15), a partir das 7h, na Praça Rio Cachoeira (Beira-Rio).
Durante toda a manhã, serão prestados atendimentos como exames do olho, rim e pé diabético, pressão arterial e glicemia e informações sobre nutrição, uso da insulina, noções de higiene, saúde bucal e acompanhamento psicológico.
Idealizador do Mutirão do Diabético, o médico Rafael Andrade elogiou a preocupação das empresas em apoiar o evento e levar informações da doença para os seus funcionários. “É mais uma corrente do bem que se forma, tornando o mutirão ainda mais forte nos últimos anos. Quanto mais empresas estiverem envolvidas nessa causa, melhor será o resultado”.
Além da Águia Branca e das Lojas Buriti, também apoiam o evento a Bahiagás, Aetu, Unimed, Prefeitura de Itabuna, Lap, Lidi, Cidadelle, Óticas Carol e BioSaúde. O evento é promovido, anualmente, pelo Hospital de Olhos Beira Rio e a Associação de Diabéticos de Itabuna (Asdita).

APOIO AO MUTIRÃO DO DIABÉTICO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Rafael Andrade, do HOBR, e Marcelo Oliveira, da Cabrália (Foto Divulgação).

Rafael Andrade, do HOBR, e Marcelo Oliveira, da Cabrália (Foto Divulgação).

A TV Cabrália renovou a parceria com o Hospital de Olhos Beira-Rio (HORB) para a realização do Mutirão do Diabético, promovido anualmente em Itabuna. A emissora, além de apoiar, também fará transmissão ao vivo do evento programado para 15 de novembro. A transmissão ocorrerá em edição especial do Balanço Geral, com Tom Ribeiro.
Artistas da Rede Record também participarão, de forma voluntária, do evento itabunense que é considerado um dos maiores do gênero no mundo. Segundo o diretor da Cabrália, Marcelo Almeida, os artistas da emissora vão participar de ações visando mobilizar o público para o mutirão.
Idealizador do mutirão, o médico Rafael Andrade diz que as campanhas educativas que serão veiculadas pela emissora permitirão às pessoas ter conhecimento maior da doença, além dos cuidados que devem ser observados na prevenção e tratamento do diabetes.

MUTIRÃO DO DIABÉTICO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Participantes praticam exercícios físicos na abertura do mutirão.

O Mutirão do Diabético deste ano conseguiu superar a marca de 2011 ao prestar 14 mil atendimentos na Praça Rio Cachoeira, em Itabuna, ontem. No ano passado, foram 13 mil, conforme a organização.

Dentre os atendimentos prestados, serviços como exames do olho, rim e pé diabético, pressão arterial, glicemia e informações sobre nutrição, uso da insulina, noções de higiene, saúde bucal e acompanhamento psicológico.

800 voluntários participaram do mutirão, que teve parceiros como a TV Cabrália/Rede Record News. Médico do Hospital de Olhos Beira Rio (HOBR) e idealizador do evento, Rafael Andrade lembra que a primeira edição do evento ocorre há oito anos, quando foram prestados 400 atendimentos.

O crescimento do mutirão transformou Itabuna em referência na prevenção ao diabetes. “Esse projeto é fruto de uma grande mobilização e hoje é o maior evento do gênero na América Latina, um exemplo de como uma cidade pode se unir em torno de uma causa”, diz Rafael.

Artistas como Kocó, da Banda Lordão, e Mari Antunes, vocalista da Babado Novo, participaram do mutirão. O senador Walter Pinheiro, o chefe de gabinete do governador Jaques Wagner, o médico Edmon Lucas, e o presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães, foram recebido pelos médicos Carlos Ernane e Ronaldo Netto, dirigentes do Hospital de Olhos Beira Rio.

MUTIRÃO CONTRA O DIABETES MOBILIZA ITABUNENSES

Tempo de leitura: < 1 minuto

Cidadãos de várias faixas etárias fazem exercícios no mutirão.

Maior evento de tratamento e detecção precoce do diabetes no Brasil, o Mutirão do Diabético de Itabuna será realizado neste sábado, 10, a partir das 7h30min, na Praça Rio Cachoeira (Beira-Rio), em frente ao Hospital de Olhos Beira-Rio (HOBR).

A programação será aberta com atividades físicas para todas as idades. Serão oferecidos procedimentos gratuitos como dilatação de pupila e exames de mapeamento de retina e do “pé diabético”.

No espaçao, o cidadão poderá participar da Feira da Saúde, que disponibilizará serviços como exames de glicemia, hipertensão arterial, avaliação da saúde, orientação jurídica e previdenciária, automonitorização do diabetes e orientação a bestantes.

O médico Rafael Andrade, do HOBR, diz que o Mutirão do Diabético “é uma maneira de levar a um número cada vez maior de pessoas a maneira de conviver com o diabetes, uma das doenças que mais vítimas fazem em todo o mundo”. No ano passado, o evento prestou cerca de 13 mil atendimentos.

Back To Top