skip to Main Content
24 de janeiro de 2021 | 09:34 pm

23 MUNICÍPIOS DO SUL DA BAHIA TÊM 270 INFECTADOS PELO NOVO CORONAVÍRUS

Sul da Bahia tem 270 casos de coronavírus confirmados
Tempo de leitura: 2 minutos

De acordo com dados das secretarias municipais e Estadual de Saúde da Bahia,  Itabuna (82) e Ilhéus (95) possuem o maior número de infectados pelo novo coronavírus no interior do estado, com quantidade de casos superior a localidades mais populosas, como Feira de Santana (61) e Vitória da Conquista (26). No estado, Salvador lidera com 1.034 ocorrências.

O número de casos confirmados em municípios menos populosos do sul da Bahia também assusta. Em Uruçuca, por exemplo, tem 19 infectados, com duas mortes confirmadas.  Em Itajuípe, são nove pessoas infectadas até o momento, sem registro de óbitos. Buerarema (5) e Canavieiras (5) também registram aumento de moradores infectados. Dos cinco casos de pessoas doentes no primeiro município, três foram confirmados nas últimas horas e ainda não constam do boletim epidemiológico da Sesab.

A lista com número significativo de infectados também inclui municípios como Ipiaú (18), Itagibá (5) e Ubatã (4). Nesta quarta-feira (22), mais um município do sul da Bahia entrou para a  relação dos que têm casos confirmados da doença. A nova ocorrência foi registrada em Ibicaraí. Trata-se de um profissional da saúde que trabalha em um hospital de Ilhéus e que está em isolamento domiciliar. Já são mais de 270 casos  da doença confirmados no sul da Bahia.

No geral, na Bahia são 1.645 casos confirmados do novo coronavírus, o que representa 15,35% do total de casos notificados no estado. Considerando o número de 405 pacientes recuperados e 53 óbitos, 1.187 pessoas permanecem monitoradas pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos.

No momento, 291 pacientes em toda a Bahia encontram-se internados, sendo 61 em UTI. O boletim epidemiológico registra 5.360 casos descartados e 10.719 notificações. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

MORTOS

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 53 mortes pelo coronavírus nos seguintes municípios: Adustina (1); Araci (1); Belmonte (1); Capim Grosso (1); Feira de Santana (1); Gongogi (2); Ilhéus (3); Ipiaú (1); Itabuna (1); Itagibá (1); Itapé (1); Itapetinga (1); Juazeiro (1); Lauro de Freitas (5), um dos óbitos era residente no Rio de Janeiro; Salvador (28); Uruçuca (2); Utinga (1); Vitória da Conquista (1). Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 17 horas desta quarta-feira (22). O óbito que anteriormente foi registrado no município de Água Fria, trata-se de uma pessoa que residia na cidade no interior, no entanto foi a óbito em Salvador.

O 51º óbito foi de uma mulher de 68 anos, residente em Salvador, com histórico de hipertensão, diabetes e asma. Ela estava internado em um hospital da rede privada a capital baiana, vindo a falecer hoje.

A 52ª morte foi de um homem de 48 anos, morador em Salvador, com histórico de hipertensão e diabetes. Ele estava internado em um hospital público na capital baiana, com óbito registrado nesta quarta-feira (22).

Já a 53ª morte foi de um homem de 64 anos, também residente na capital baiana, sendo que realizada tratamento para neoplasia. Foi atendido em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em 18 de abril, vindo a falecer no mesmo dia. O resultado laboratorial com o diagnóstico positivo foi divulgado ontem (21). Atualizado às 21h38min.

ITABUNA E ILHÉUS RECEBEM R$ 12 MILHÕES EXTRAS PARA ENFRENTAMENTO À COVID-19

Ilhéus e Itabuna têm 409 mortes pela Covid-19.
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Ministério da Saúde liberou mais R$ 4 bilhões extras para estados e municípios reforçarem suas ações de combate ao coronavírus. De acordo com portaria publicada na quinta-feira (9), no Diário Oficial da União, Itabuna recebeu R$ 8.909.188,80 para ações de enfrentamento à doença.

Para Ilhéus, foram repassados exatos R$ 3.268.956,97. Outros municípios do sul da Bahia  também receberam dinheiro extra para o combate à covid-19: Camacan (R$ 79.930,00), Ibicaraí (R$ 157.167,99), Ibirataia (R$ 340.457,35), Itacaré (R$ 115.761,80) e Una (R$ 81.430,00).

De acordo com a portaria, todos os municípios brasileiros receberam recursos extras para o enfrentamento da doença. O dinheiro pode ser usado para a aquisição de materiais e insumos, abertura de leitos, além do custeio de profissionais de saúde, ações e procedimentos nesse período de pandemia.

O valor destinado corresponde a uma parcela mensal do que cada estado ou município já recebe para ações de média e alta complexidade ou atenção primária. Os municípios que recebem recursos para média e alta complexidade terão direito a uma parcela mensal extra, em igual valor. Os que não recebem, terão direito ao valor repassado para a atenção primária, também em igual quantia. Acesse aqui o Diário Oficial da União.

UFSB ABRE INSCRIÇÕES PARA 800 VAGAS NOS COLÉGIOS UNIVERSITÁRIOS

UFSB abre inscrições para processo seletivo no segundo ciclo
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) está com inscrições abertas no Processo Seletivo para o ingresso de estudantes na Rede Anísio Teixeira de Colégios Universitários (CUNI). Os candidatos serão selecionados com base nos resultados obtidos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Pode participar quem fez o Exame em 2018 ou 2019.

São oferecidas 812 vagas em 10 colégios universitários nos municípios de Coaraci, Ibicaraí, Ilhéus, Itabuna, Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália, Teixeira de Freitas e Itamaraju, além de dois novos CUNIs em Eunápolis e Posto da Mata. O candidato tem até segunda-feira (23) para se inscrever pela internet. Acesse a qui a página de inscrições.

No bacharelado Interdisciplinar, os cursos ofertados são Ciências, Humanidades e Artes. Na licenciatura interdisciplinar as vagas são para Artes e Suas Tecnologia, Ciências da Natureza e suas tecnologias, Ciências Humanas e Sociais e suas tecnologias, Linguagens e suas tecnologias, Matemática e Computação e suas tecnologias. Acesse o edital.

CHOCOLATE FINO DO SUL DA BAHIA CONQUISTA TURISTAS E FOLIÕES NO CARNAVAL DE SALVADOR

Foliões e público que passou pelos camarotes aprovaram chocolate fino sul-baiano
Tempo de leitura: 2 minutos

Pela primeira vez no circuito do Carnaval 2020 da capital baiana, o chocolate fino da Bahia Cacau levou um sabor especial e revigorante aos foliões que foram curtir a maior festa de rua do país. A participação se deu nos camarotes Band Folia, em Ondina, e da TV Educativa e da Rádio Educadora FM, no Campo Grande, da última quinta (20) até a noite de ontem (25).

O público degustou as barras de chocolates de 20g com teor de cacau de 35%, 50%, 60% e 70%. Também pôde saborear bombons de chocolate com frutas, a exemplo de jaca, nibs, café, umbu, abacaxi e licuri. “Compartilhamos a alegria do Carnaval oferecendo aos foliões um chocolate especial e de excelente qualidade, tendo a origem o cacau cabruca do sul da Bahia”, frisou Osaná Crisóstomo do Nascimento, diretor-presidente da Bahia Cacau/Coopfesba.

Presente em diversos pontos comerciais da Região Metropolitana de Salvador, o chocolate Bahia Cacau tem conquistado o gosto e admiração do soteropolitano e de turistas. “Bahia Cacau 70% é show de bola, super aprovo, delícia”, comentou a personal trainer Rebeca Emily, de Recife, que pulou o Carnaval no circuito Barra/Ondina. “Adorei o Bahia Cacau 50%. Eu quero mais”, disse a cantora baiana Ju Moraes, também apresentadora da Band.

Bahia Cacau, de Ibicaraí, faz ação promocional na folia em Salvador || Foto Divulgação

A presença da Bahia Cacau nos camarotes Band Folia, TV Educativa e Educadora FM foi realizada com apoio do Governo do Estado, por meio dos projetos Bahia Produtiva e Pró-Semiárido, executados pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).

BAHIA CACAU

A Bahia Cacau é a primeira fábrica de chocolate da agricultura familiar do país. Localizada no município de Ibicaraí, no território Litoral Sul, é gerida pela Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidária da Bacia do Rio Salgado e Adjacências (Coopfesba). A compra do chocolate e de outros produtos com o selo da agricultura familiar na Bahia pelas empresas tem a vantagem do crédito tributário de ICMS pelo decreto do Governo da Bahia 13.780/12 que permite o benefício fiscal.

“QUADRILHA DA MARCHA À RÉ” ATACA MAIS UMA LOJA NO SUL DA BAHIA E É SURPREENDIDA PELA PM

Tempo de leitura: 2 minutos

Quadrilha da marcha ré atacada mais uma vez

Um homem foi preso e dois veículos que seriam usados na fuga de criminosos foram apreendidos, nesta quinta-feira (13), em Ibicaraí, que viveu uma madrugada de terror. Os marginais conseguiram fugir do cerco de policiais militares, acionados durante a ocorrência de um arrombamento de uma loja de eletrodomésticos, eletroeletrônicos e móveis em frente à praça Henrique Sampaio, no  centro da cidade.

Os bandidos foram surpreendidos pelos policiais militares depois de arrombarem o estabelecimento e encherem dois veículos com aparelhos celulares, televisores e notebooks. A polícia conseguiu recuperar o material retirado da loja pelos criminosos, que fugiram depois de uma intensa troca de tiros.

De acordo com os proprietários da loja, o prejuízo seria em torno de R$ 50 mil somente com equipamentos, mas a situação foi amenizada com a ação rápida da polícia. Durante a troca de tiros, além da loja arrombada, três estabelecimentos comerciais foram atingidos e tiveram as portas danificadas.

Segundo tenente Marçal, um dos envolvidos da ação criminosa estava bem vestido para não levantar suspeitas. Era esse bandido, de um ponto estratégico, que repassava as informações para os comparsas antes e durante o ataque à loja. A ação ocorreu por volta das 3h40min.  O tiroteio durou mais de 20 minutos, conforme relatos de moradores.

Um dos veículos usados pela quadrilha foi roubado no município de Itajuípe. Trata-se do Chevrolet Onix, de placa QUZ, licenciado em Belo Horizonte, Minas Gerais. A polícia suspeita que os criminosos são os mesmos que arrombaram  estabelecimentos comerciais em Itabuna, Mascote e Itapé. Eles são integrantes da chamada “Quadrilha da Marcha à ré”.

BAHIA: MAIS DE 900 MIL TÍTULOS PODEM SER CANCELADOS POR FALTA DE BIOMETRIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Prazo termina no dia 18 de fevereiro

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia pretende alcançar 100% de eleitores com biometria até o prazo final para a conclusão da última etapa para o procedimento no estado. Atualmente, 242 municípios estão em processo de cadastramento e têm até o dia 18 de fevereiro para a conclusão dos trabalhos.

De acordo com a Justiça Eleitoral, mais de 900 mil títulos podem ser cancelados, caso os eleitores não regularizem a situação. Para participar e votar nas Eleições 2020, todo o eleitorado baiano deve estar identificado por biometria. No sul da Bahia, o processo está em andamento em municípios como Almadina, Camacan, Ibicaraí, Floresta Azul, Santa Luzia, Coaraci e Itacaré.

O TRE-BA alerta que, além de não poder votar, com o título cancelado, o cidadão estará sujeito a uma série de implicações previstas no Código Eleitoral. Entre os prejuízos estão: impossibilidade de obter empréstimos em instituições públicas; dificuldade para tirar ou renovar passaporte; não tomar posse em concurso público ou ser impedido de renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo.

Para fazer a biometria ou regularizar a situação, o eleitor não precisa enfrentar filas. Basta agendar o serviço por site ou telefone e escolher hora e local que deseja ser atendido. O agendamento é feito no site agendamento.tre-ba.jus.br ou pelos números 0800 071 6505 ou (71) 3373-7223 (também whatsapp).

EMPREGO: IBGE ABRE VAGAS NO SUL DA BAHIA COM SALÁRIO QUE CHEGA A R$ 3,1 MIL

Tempo de leitura: 2 minutos

Processo seletivo oferece mais de R$ 2,6 mil vagas em todo o País

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) lançou, nesta quarta-feira (25), um novo edital para o Censo Demográfico 2020. São oferecidas 1.343 vagas para coordenador censitário subárea e outras 1.315 para agente censitário operacional, distribuídas por 1.031 municípios de todos os estados. Ambas as funções exigem nível médio completo.

No sul da Bahia, as vagas são para lotação nos municípios de Camacan, Ibicaraí, Ilhéus, Ipiaú, Itabuna, Itacaré e Uruçuca. As oportunidades nessas localidades são para a função de coordenador censitário subárea. No estado, o  maior número de vagas é para Salvador, com previsão de contratar 68 agentes censitários operacionais.

As inscrições estão abertas até 15 de outubro de 2019 e serão feitas pelo site da Fundação Getúlio Vargas, banca organizadora do processo seletivo. A taxa varia de R$ 42,50 a R$ 58,00. As provas estão previstas para 8 de dezembro e serão realizadas em todos os municípios onde há vagas.

SALÁRIO CHEGA A R$ 3,1 MIL MENSAIS

As remunerações mensais serão de R$ 3.100 para coordenador censitário subárea e de R$ 1.700 para agente censitário operacional. Além disso, os candidatos a coordenador censitário subárea devem ter carteira nacional de habilitação definitiva ou provisória, dentro do prazo de validade, no mínimo para categoria B.

Leia Mais

INTERMUNICIPAL: URUÇUCA SE CLASSIFICA EM 1º LUGAR E VAI ENFRENTAR ITAJU NA 2ª FASE

Tempo de leitura: 2 minutos

Seleção de Uruçuca avança em primeiro lugar e enfrentará Itaju do Colônia

Torcida lotou Ferreirão contra Aurelino Leal

A Seleção de Uruçuca bateu Aurelino Leal, por 3 a 0, no Estádio Ferreirão e avançou à segunda fase do Campeonato Intermunicipal de Futebol 2019 em primeiro lugar do Grupo 15. A equipe fechou a participação na primeira fase em casa e com o estádio municipal lotado.

A equipe encerrou a fase de classificação com 3 vitórias, 1 empate e duas derrotas e 55,56% de aproveitamento, num dos grupos mais fortes da competição.

No grupo, também avançaram Ibicaraí, na segunda posição, e Itajuípe, na terceira colocação. Na segunda fase, o confronto de Uruçuca será contra a Seleção de Itaju do Colônia, terceira do Grupo 16. O primeiro confronto será no domingo (22), na casa do adversário.

OBRAS NO FERREIRÃO

Durante o intervalo da partida, o prefeito Moacyr Leite Jr entregou os novos bancos de reservas. “Vamos continuar investindo no esporte e apoiando nossa seleção que só nos tem dado alegria”, disse o prefeito.

Moacyr, de branco, entrega benfeitorias do Ferreirão durante a partida

O deputado estadual Paulo Câmara (PSDB) acompanhou a partida, ao lado do prefeito e do vice-prefeito, Marcelo Dantas, além da presidente da Câmara de Vereadores, Magnólia Barreto. O parlamentar parabenizou a gestão do estádio municipal.

BANDIDOS USAM CARRO NO ARROMBAMENTO E FURTO DE MAIS UMA LOJA NO SUL DA BAHIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Mais uma loja arrombada no sul da Bahia

Bandidos usaram um carro para o arrombamento de mais um estabelecimento comercial no sul da Bahia. Desta vez, os marginais invadiram uma loja de eletrodomésticos na cidade de Ibicaraí, na madrugada desta sexta-feira (28). Pelo menos cinco ladrões participaram da ação criminosa, que durou pouco mais de um minuto. Um deles dirigia o veículo e outros quatro entraram no estabelecimento e carregaram os produtos.

A invasão ocorreu por volta das 3 da madrugada e os bandidos levaram televisores, aparelhos de som, celulares e ventiladores. A ação dos marginais foi flagrada por câmeras de segurança do estabelecimento, que pouco devem ajudar nas investigações da polícia porque três deles estavam encapuzados e um quarto usava capacete.

As imagens mostram que um dos criminosos pula o balcão do estabelecimento e vai até o caixa. Mostram ainda dois deles retirando até os aparelhos de televisores que estavam em suporte na parede da loja. Toda a ação dos bandidos dura um minuto e 10 segundos.

A polícia ainda não tem pista dos marginais, que usaram mesmo método de ataques registrados neste mês em municípios como Itabuna, Mascote e Itapé. Em nenhum dos casos, a polícia conseguiu prender os criminosos. O dono da loja em Ibicaraí não informou o valor do prejuízo.

http://157.230.186.12/2019/06/17/ladroes-arrombam-loja-no-centro-de-itabuna-de-novo-usaram-carro/

COM “NOITE NO VALE DA COTIA”, WALDENY LANÇA OBRA EM DEFESA DA BIODIVERSIDADE

Tempo de leitura: 2 minutos

Gasparetto, da Via Litterarum, e o escritor Waldeny Andrade || Foto Luiz Conceição

Luiz Conceição

Noite no Vale do Cotia é a mais nova incursão pelo mundo da ficção literária do escritor, jornalista e radialista aposentado Waldeny Andrade na luta pela preservação do que ainda resta da cobertura nativa no Sul da Bahia. A obra, baseada em fatos reais e que será lançada na Semana do Meio Ambiente, em junho, narra uma história de mistérios, usura, perseverança, crimes e traições tendo o homem como foco.

Neste seu quarto livro editado pela Via Litterarum, o irrequieto escritor narra história de uma família, proveniente do Nordeste brasileiro, que foge da seca e aporta em Itabuna, atraída pela fama do cacau numa época em que a economia cacaueira passa por mais uma de suas renitentes crises econômico-financeiras.

A saga dessa gente leva a construir uma fazenda de cacau, onde pretende manter em pé a densa floresta nativa, seus corpos d’água, a fauna e flora então abundantes. Contudo, tem contra si o desafio imposto por grandes fazendeiros com a alternativa pecuária avançando sobre a região de predominância cacaueira e a consequente a devastação da Mata Atlântica.

O thriller se passa na área rural de Palestina, hoje Ibicaraí, município de onde corre o imaginário Ribeirão Cotia, um dos tributários do Rio Salgado que, com o Rio Colônia, forma mais adiante o Rio Cachoeira. Este, atualmente recebe, do mesmo modo que nas cidades da bacia do Rio Almada, quase todo o esgotamento sanitário por falta de infraestrutura e omissão dos governos.

É certo que depois do sucesso editorial do seu terceiro livro, Serra do Padeiro – A saga dos Tupinambás, o escritor Waldeny Andrade tenha amadurecido ainda mais na arte de contar estórias e histórias, aprimorado a técnica literária e se apossado de uma narrativa rápida e eletrizante.

Na contracapa, embora o ficcionista diga que Noite no Vale do Cotia seja um painel real sobre a Região Cacaueira e que qualquer associação de nomes citados seja simples coincidência, o leitor certamente vai tirar suas próprias deduções pela riqueza de elementos trazidos nesta obra.

Back To Top