skip to Main Content
22 de fevereiro de 2020 | 02:57 am

ISAAC DIZ TER SIDO SURPREENDIDO COM REPROVAÇÃO DE CONTAS NO TCE

Tempo de leitura: < 1 minuto
Isaac diz ter sido surpreendido pelo TCE.

Isaac: surpreendido pelo TCE.

O ex-presidente da Bahia Pesca Isaac Albagli disse ter ficado surpreso com a rejeição de suas contas relativas ao exercício de 2010. O ex-gestor disse ter comparecido ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) para fazer a sustentação oral da sua defesa na terça (25), mas o processo foi retirado de pauta pelo conselheiro-relator Pedro Lino.

Ao PIMENTA, Isaac disse ter buscado fazer a sua sustentação oral por acreditar que a auditoria do TCE que levou à rejeição de suas contas “apresentava equívocos” e citou, por exemplo, a responsabilização quanto ao pagamento de jetons aos membros do Conselho de Administração.

Certamente os senhores conselheiros acatariam meus argumentos, pois esse procedimento existe há mais de 30 anos e nunca foi contestado pelo TCE. Ademais, o gestor não tem interferência alguma sobre o referido conselho. No dia 25, como dito, eu estava presente no plenário para a sustentação oral, mas o conselheiro-relator Pedro Lino, retirou o processo de pauta.

DEFESA CERCEADA

Albagli informou que irá apresentar pedido de reconsideração do processo por ter sido cerceado o seu direito à defesa. “De forma surpreendente o levou à julgamento na data de hoje, sem que o interessado tomasse conhecimento, cerceando assim o direto do contraditório e ampla defesa”

TCE REPROVA CONTAS DA BAHIAPESCA E MULTA ISAAC ALBAGLI EM R$ 283 MIL

Tempo de leitura: < 1 minuto
Gestão de Isaac teve contas reprovadas pelo TCE.

Gestão de Isaac teve contas reprovadas pelo TCE.

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE) desaprovou as contas da Bahia Pesca referentes ao exercício de 2010, durante sessão desta quinta (27). Ao gestor da empresa, Isaac Albagli de Almeida, foi imputada responsabilidade financeira e multa com valores de R$ 270 mil e R$ 13.361,36, respectivamente.

A decisão considera a existência de ilegalidades relacionadas a procedimentos licitatórios, contratações, execução de despesas, falta de um controle adequado e outras irregularidades evidenciadas pela auditoria realizada pelo TCE.

As contas da Bahia Pesca referentes aos exercícios de 2008, 2009 e 2011 já haviam sido desaprovadas pelo TCE. O plenário decidiu também encaminhar os fatos ao governador, à Procuradoria-Geral do Estado e ao Ministério Público do Estado da Bahia devido à reincidência nos últimos quatro anos.

A Superintendência Técnica do TCE deverá elaborar um parecer em relação à responsabilização dos conselhos fiscal e de administração da Bahia Pesca, tendo em vista que a auditoria detectou pagamento irregular de jeton aos membros dos referidos conselhos.

TCE REPROVA CONTAS DE ISAAC ALBAGLI NA BAHIAPESCA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Isaac tem contas reprovadas pelo TCE.

Isaac tem contas reprovadas pelo TCE.

Devido a várias irregularidades, o plenário do Tribunal de Contas do Estado da Bahia(TCE) decidiu, em sessão na tarde desta terça-feira (9), pela desaprovação da prestação de contas da Bahia Pesca S/A, relativas ao ano de 2011, além de aplicar duas multas, no valor total de R$ 10 mil, ao então diretor-presidente Isaac Albagli de Almeida.

Os conselheiros acompanharam o voto do conselheiro relator, Pedro Henrique Lino, que, por sua vez, acatou a posição dos auditores da Terceira Coordenadoria de Controle Externo do TCE e do Ministério Público de Contas.

No relatório da auditoria foram constatadas várias irregularidades nas contas da Bahia Pesca, que é vinculada à Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária.

Dentre as irregularidades detectadas, estão a a falta de acompanhamento e controle dos convênios firmados pela Bahia Pesca e falhas em processos licitatórios. Além do diretor-presidente, também consta da prestação de contas desaprovada o nome do diretor técnico Jorge Luiz Rocha Figueiredo.

MAGAL COBRA DE ISAAC INFORMAÇÕES DO CONTRATO E TAXAS DE GUINCHO EM ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Magal questiona Isaac sobre contrato com empresa de guincho em Ilhéus (Fotomontagem).

Magal questiona Isaac sobre contrato com empresa de guincho em Ilhéus (Fotomontagem).

O secretário de Desenvolvimento Urbano de Ilhéus, Isaac Albagli, deverá prestar informações à Câmara de Vereadores sobre o contrato celebrado entre município e a empresa que presta serviço de guincho à Superintendência Municipal de Trânsito e Transportes (SUTRAN). O pedido de informações foi apresentado pelo vereador Fábio Magal (PSC) e aprovado em plenário.

Magal o procedimento adotado pelo governo para escolher a empresa e qual é o gasto mensal com o serviço. Segundo o vereador, proprietários de veículos têm reclamado de cobranças abusivas. Ele quer saber dos critérios utilizados para fixar os preços cobrados pelos serviços de guincho e estadia dos veículos apreendidos.

Magal lembra que se viu forçado a recorrer à justiça para tentar obter respostas sobre questões cotidianas da gestão municipal. Segundo ele, o governo deve esclarecimentos aos cidadãos, pois “falta transparência” aos critérios que estabeleceram os valores das taxas cobradas.

OS PODEROSOS NÃO VÃO DE BIKE…

Tempo de leitura: 5 minutos

Ciclofaixa-em-Ilhéus-foto-mario-shneiderNa semana passada, jovens ligados ao movimento Reúne Ilhéus decidiram não mais esperar o Poder Público e – munidos de tintas e acessórios – criaram a primeira ciclofaixa do município sul-baiano.
Poder ocupado por políticos cansados, mas visivelmente agéis em vinditas, o Executivo Municipal informou ter acionado o movimento para que seus membros removam a pintura. Mais que isso, um dos secretários informou que quem não teve participação no negócio, mas é referência do movimento (Mário Schneider), será multado em dez salários mínimos.
A reação do governo Jabes Ribeiro era esperada. A ação inovadora dos meninos e meninas do Reúne Ilhéus – desde o acampamento em frente ao Palácio Paranaguá – vem tirando o sono do prefeito e dos seus secretários.
O secretário Isaac Albagli, por exemplo, aparece em um portal, o G1, anunciando que a ciclofaixa é imprópria para o local onde está instalada, a Avenida Lomanto Júnior, no Pontal, por ter ali várias transversais e ser uma via de grande movimento.
Mário Schneider, alvo preferencial do governo, recorreu à lei para demonstrar que o secretário está enganado e faz confusão sobre o que são ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas.
Apontou, por exemplo, que a ciclofaixa foi criada apenas no sentido Centro-Pontal. E rebate o secretário respaldado em leis, regulamentações, regras de mobilidade urbana. Seus argumentos podem ser lidos no “leia mais”.
Triste a cidade onde seus gestores não acolhem a força, a inventividade e a energia dos seus jovens. Preferem a vindita, a panelinha de sempre, as “ideias” de sempre.
Eles não vão de bike.

Leia Mais

SECRETÁRIO É INTIMADO A DEVOLVER OBJETOS E DINHEIRO DO REÚNE ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Movimento deu queixa contra operação feita pela Prefeitura.

Movimento deu queixa contra operação feita pela Prefeitura.

A delegada titular da Furtos e Roubos em Ilhéus, Rita de Cássia Oliveira, intimou o secretário de Obras e Trânsito, Isaac Algabli, para que devolva, “com a maior brevidade possível”, objetos e dinheiro subtraído pelo município na desocupação do Reúne Ilhéus em outubro. A intimação entregue estabeleceu como data para entrega a quarta (6), às 9 horas, na própria delegacia.

De acordo com membros do Reúne Ilhéus, barracas, mesas, máquina fotográfica, notebook e mais de R$ 400,00 foram levados pelos servidores que atuaram na desocupação em frente ao Palácio Paranaguá. A desocupação ocorreu enquanto parte dos integrantes do movimento dormia.

As barracas e os pertences foram levados em um caminhão, supostamente, para uma área da Secretaria de Obras. O Reúne Ilhéus ocupou a área em frente ao Paranaguá por 97 dias, sendo expulso do local em uma ordem de reintegração obtida pelo município.

PERSEGUIÇÃO

Além da subtração dos objetos e dinheiro do movimento, há outra queixa contra a gestão municipal. O prefeito Jabes Ribeiro é acusado de perseguir Mário Schneider, integrante do Reúne Ilhéus e servidor público. O gestor municipal teria ordenado o corte de salário de Mário como retaliação ao movimento.

SECRETÁRIO DIZ QUE MINITRIO APREENDIDO “ESTÁ TOTALMENTE IRREGULAR”

Tempo de leitura: < 1 minuto

Isaac5 (1)Isaac Albagli, secretário de Desenvolvimento Urbano (Sedur), disse ter sido de rotina a abordagem que resultou em apreensão, ontem (24), de um minitrio utilizado pelo movimento sindical para manifestações contra o prefeito Jabes Ribeiro. “A abordagem é de rotina. A Sutran [Superintendência de Trânsito] tem agido com rigor”, afirmou.

Segundo Albagli, na abordagem constatou-se que o veículo não tinha certificado de regularidade (CRV) nem alvará para circular como minitrio e o motorista não estava com habilitação, apresentando-a depois.

De acordo com ele, a apreensão ocorreu na Avenida Osvaldo Cruz e não em um posto de combustível. “No trajeto para o Detran, o motorista tentou entrar no posto”, ressalta. No Detran, afirma, descobriu-se que o caminhão está registrado como veículo de carroceria e não minitrio, além de ter cor original verde, mas usa o preto. “O minitrio está totalmente irregular”.

ALBAGLI DIZ QUE COLETA DE LIXO SERÁ REGULARIZADA EM ATÉ 2 DIAS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Pagamento hoje e coleta regularizada em dois dias.

Pagamento hoje e coleta regularizada em dois dias.

O secretário de Desenvolvimento Urbano de Ilhéus, Isaac Albagli, espera regularizar em até dois dias o serviço de coleta de lixo nas regiões central e norte do município. Para isso, a coleta será feita em mais um turno pela Solar Ambiental.
Há pouco, o secretário reconheceu, em contato com o PIMENTA, os problemas com a coleta nos últimos dias e afirmou que o pagamento às empresas EWA e Solar Ambiental será efetuado ainda nesta segunda, 13.
Albagli negou que o município esteja devendo dois meses à Solar Ambiental. “Temos apenas um mês [março], mas, legalmente, temos 90 dias para pagar”. A coleta nas regiões central e norte do município, feita pela Solar, foi interrompida na quinta, 9.
Para o secretário, a opção da gestão em terceirizar a coleta de lixo, apesar de “sair mais caro”, assegura “mais qualidade ao serviço”. Albagli lamentou o fato de a Solar não ter fluxo [de caixa] para manter o serviço. A nova licitação prevê, segundo ele, o prazo de 90 dias para pagamento, o que evitaria dificuldades como a enfrentada agora pelo município.

JOSIAS CONTRA-ATACA APÓS 'ALFINETADAS' DE ISAAC ALBAGLI E JOSÉ CARLOS ARAÚJO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Josias responde à cutucada de Isaac Albagli.

Josias responde à cutucada de Isaac Albagli.

O deputado federal Josias Gomes (PT-BA) entrou em contato com o PIMENTA para responder à provocação do ex-presidente da Bahiapesca, hoje secretário de Desenvolvimento Urbano de Ilhéus, Isaac Albagli, que comentou seu artigo defendendo a candidatura do vice-governador Otto Alencar ao Senado Federal (relembre aqui).
Albagli desconfiou da defesa feita por Josias e enxergou desejo do petista de “fritar” a candidatura de Otto. O parlamentar petista contra-atacou. Segundo ele, a ideia do artigo surgiu após conversa com o próprio vice-governador, que lhe pediu apoio na empreitada. A conversa de Josias e Otto, segundo o petista, ocorreu quando ambos retornaram para Salvador depois de evento da Bahiagas, em Ilhéus, no último dia 24.
“Ele disse que queria meu apoio para o Senado e eu respondi: vou escrever um artigo de apoio. E ele concordou”, afirmou em contato por telefone com este blog.
Respondendo também ao deputado José Carlos Araújo, Josias disse que nunca atravessou samba nem colocou carro à frente dos bois. Araújo também fez críticas a Josias em artigo-resposta ao petista. Quanto a Isaac Albagli, Josias disse que o ex-presidente da Bahiapesca deixou claro, na resposta, “sua dificuldade de alinhamento político [com o PT e o governo]”. E fechou, alfinetando os dois aliados do governo de Wagner: “na política, até a raiva tem que ser combinada”.
 

ALBAGLI CUTUCA JOSIAS E DIZ QUE INTENÇÃO DO PETISTA É "FRITAR" CANDIDATURA DE OTTO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Josias elogia Otto e Isaac (à direita) ironiza "escolha" ao Senado.

Josias elogia Otto e Isaac (à direita) ironiza “escolha” ao Senado.

Após artigo em que o deputado federal Josias Gomes defende o nome do vice-governador Otto Alencar para o Senado (veja aqui), o ex-presidente da Bahiapesca Isaac Albagli resolveu cutucar o petista. Albagli vê outro interesse no artigo: “A intenção de Josias não é lançar Otto ao Senado, e sim excluí-lo da disputa da cabeça da chapa”, disse em comentário no PIMENTA.
Atualmente ocupando a Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Ilhéus, Albagli acredita que Otto “reúne as melhores condições eleitorais” para ser o sucessor de Jaques Wagner. “Evidente que Otto só não será candidato único (da ala governista) ao Senado se não quiser”. E recorre a trocadilho para encerrar a alfinetada: “[A candidatura] Independe de lançamento feito por A, B ou Jota”.

Back To Top