skip to Main Content
11 de maio de 2021 | 02:15 am

DENGUE CHEGA AOS 103 MIL CASOS NA BAHIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O último boletim epidemiológico da Sesab aponta que até o último dia 22 de agosto foram notificados 103.788 casos de dengue na Bahia. Somente na última semana antes da finalização dos números, houve a notificação de 152 casos. Esse número – da última semana – correspondeu a um aumento de 204% em relação ao mesmo período de 2008, que foi de 34.125.

Um mês atrás, no dia 25 de julho, eram 94.924 casos. Até a data do boletim, 402 municípios (96,7%) apresentam casos da dengue. Quanto às formas graves da doença, 1.028 casos foram confirmados em 120 municípios, com 60 mortes confirmadas.

Itabuna ainda é um dos mais atingidos, e somente nas formas mais graves da doença foram 299 casos até 22 de agosto. O município ainda enfrenta sério risco de epidemia, principalmente porque vários bairros aparecem com infestação do mosquito Aedes aegypti superior a 20% das casas. O último boletim no município apontava a notificação de 150 casos, em agosto.

Estão nessa situação os bairros Pedro Jerônimo, Carlos Silva, Novo Horizonte, Sinval Palmeira e Nova Ferradas. Para trabalhar exclusivamente nesses locais, foram escalados 60 agentes de controle de endemias, que receberam treinamento especial da Funasa e da 7ª Diretoria Regional de Saúde (Dires).

AZEVEDO NA PARADA

Tempo de leitura: < 1 minuto
O prefeito Capitão Azevedo prestigiou a Parada LGBT em Itabuna, no último domingo, e recebeu homenagem como parceiro na luta pela inclusão e contra a homofobia. Na foto, o prefeito posa ao lado da "mulher-samambaia" (Foto Waldir Gomes)

O prefeito Capitão Azevedo prestigiou a Parada LGBT em Itabuna, no último domingo, e recebeu homenagem como parceiro na luta pela inclusão e contra a homofobia. Na foto, o prefeito posa ao lado da "mulher-samambaia" (Foto Waldir Gomes)

ITAÚ MUDA ATENDIMENTO E ‘CASTIGA’ VELHINHOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Foi grande a insatisfação de aposentados e pensionistas essa manhã no banco Itaú, na praça Jornalista Manuel Leal, no centro de Itabuna. Uma mudança na forma de atendimento pegou centenas de idosos de surpresa, e a grita foi geral.

Em vez de atendê-los nos vários caixas, como era feito até o mês passado, hoje, que foi o primeiro dia de pagamento dos benefícios de agosto, todos foram encaminhados para as máquinas de auto-atendimento. Dois funcionários ajudavam os idosos, que eram obrigados a percorrer duas ou três máquinas para conseguir retirar o valor integral do benefício.

A gerência informou que a mudança era para beneficiar os clientes. Mas, pelo volume de reclamações, ninguém se sentiu melhor naquele imenso caracol que transformou o saguão do banco.

Teve gente que saiu de lá prometendo ir ao Ministério Público. Sem falar que muitos ainda reclamam da dificuldade que é subir as escadas para ter acesso a estabelecimento.

CONVERSA FOI INSTITUCIONAL, DIZ AZEVEDO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito Capitão Azevedo esclareceu ao Pimenta que a conversa reservada que manteve com o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, em Ilhéus, não incluiu as eleições de 2010. Segundo ele, a conversa foi institucional.

– Fui ao coquetel atendendo ao convite do ministro da Integração Nacional, ministro do presidente Lula.

A conversa reservada aos dois políticos foi para tratar de obras para Itabuna, como a prometida cobertura do canal Lava-pés (avenida Amélia Amado).

O secretário de Assuntos Governamentais e Comunicação Social, Walmir Rosário, também acompanhou o prefeito no coquetel. Ele disse que a disposição do prefeito é conversar com todos que assegurem obras para o município.

Walmir ainda informou que Azevedo viajará a Brasília, às 16h desta segunda, para tratar de obras e projetos para Itabuna. Um dos primeiros compromissos será com Márcio Fortes (PP), do Ministério das Cidades.

NEM TE LIGO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Como diria aqule personagem do humorístico global Zorra total, "não foi dessa vez, lady

Como diria aqule personagem do humorístico global Zorra total, "não foi dessa vez, lady"

Não logrou êxito a tentativa da ex-candidata a vice-prefeita de Itabuna, Acácia Pinho, de se aproximar de Geddel no palanque para ser citada no discurso do ministro, durante o encontro do PMDB hoje, em Itabuna. Ela bem que tentou, se esforçou ao máximo, mas não conseguiu sequer um olhar de soslaio.

Nesses momentos, pesam mais as declarações de apoio a Juçara e, logo depois, a Azevedo, no fatídico episódio da desistência dela e do capitão Fábio em favor da então candidata petista, em 2008, do que as atuais juras de amor peemedebistas.

Antenadíssima com as últimas tendências da moda em Paris, Rio e São Paulo, um dia, quem sabe, ela se encontra politicamente.

ENCONTRO EM ITABUNA DEIXA GEDDEL IRRITADO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Às vésperas de reunião ministerial com o presidente Lula, Geddel Vieira Lima demonstrou irritação e nervosismo no encontro regional do PMDB em Itabuna. E decidiu partir para o ataque contra a imprensa baiana, chamando os profissionais de “equivocados”. Ele ainda negou que esteja fazendo campanha eleitoral antecipada e se irritou com a imprensa (e com o Pimenta) durante a entrevista coletiva ao ser questionado sobre a natureza (eleitoral) do encontro.

Profissionais consultados pelo Pimenta e que estiveram em outros encontros regionais do partido disseram que eventos como o de Jequié foram melhores em participação dos filiados do que o de Itabuna. Mais detalhes e flagrantes do encontro você confere em instantes aqui no blog.

EXCLUSIVO: PRTB COM UM PÉ (E MEIO) NA OPOSIÇÃO A AZEVEDO

Tempo de leitura: 3 minutos
zé raimundo

A direção estadual do PRTB não está nada satisfeita com os rumos do partido em Itabuna. O presidente da legenda na Bahia, José Raimundo (foto), declarou há pouco ao Pimenta que a situação local não é nada confortável, com o PRTB na bancada de Azevedo e, ainda por cima, tendo a liderança de um governo do DEM.

O dirigente se refere ao vereador Milton Gramacho, que é o presidente local do partido. “Não podemos seguir nessa situação”, define Raimundo. A seguir, veja outros trechos da conversa.

Pimenta – O senhor se mostra insatisfeito com o posicionamento político do PRTB em Itabuna. Mas o vereador que representa seu partido aqui é o líder do governo. O que pode ser feito quanto a isso?

José Raimundo – A direção estadual do PRTB não tinha conhecimento dessa ligação de liderança do nosso vereador, Milton Gramacho, com o atual governo. Isso foi feito à nossa revelia. Quero antecipar que estamos com um pé na oposição, e vamos resolver essa situação.

Se não foi orientação do partido, qual será a posição da direção estadual?

Estamos analisando a destituição dessa diretoria, vamos trocar a presidência. Porque este, assim como o governo que passou, é um governo com que as orientações estatutárias do PRTB não coadunam.

O presidente do diretório municipal é o vereador Milton Gramacho, que sempre se posicionou junto ao fernandismo e à direita. Por que em Itabuna o PRTB sempre marchou com a direita?

Nossa insatisfação com esse posicionamento vinha desde a administração passada. Tínhamos um deputado como líder do governo na Assembléia e um vereador ligado ao DEM em Itabuna. Sabemos da amizade pessoal do nosso presidente com Fernando Gomes e com o Capitão Azevedo, mas o município de Itabuna é estratégico para nós. Não podemos continuar nessa situação.

O senhor reconhece a condição de amizade de Milton Gramacho com os dois últimos governantes e, além disso, seu posicionamento político alinhado ao destes. Ele pode não querer se desligar dessa forma, porque estaria traindo suas convicções. Se isso acontecer, cabe expulsão?

Não chegaremos a isso. O vereador sabe que deve seguir as orientações estatutárias do partido. Acredito que seguiremos, com ele, na oposição ao atual governo, em conformidade com o nosso estatuto.

Essa decisão sai em um momento em que o vereador Milton Gramacho tem seu mandato muito ameaçado, por conta do episódio da compra de votos na eleição em 2008 (leia aqui). Isso não estaria motivando toda essa revolução por parte da direção estadual?

Não, isso independe da situação do processo contra ele. Na verdade a gente torce pela manutenção do mandato, até ajudamos nesse sentido. Repito: o que nos prejudicou em Itabuna foi ele se manter na liderança do governo desastroso de Fernando Gomes e agora no atual, do capitão Azevedo.

O senhor falou que vai mudar a direção do partido em Itabuna. Já tem nomes?

Temos três ou quatro nomes, mas ainda não vamos divulgar. Mas adianto que são pessoas idôneas, que nunca militaram na política, mas que desejam ingressar nesse campo. Nunca disputaram eleição, até porque viam um partido amarrado ideologicamente às forças do atraso.

Qual a estratégia do PRTB para sair dessa?

Renovando os quadros. Arejando o pensamento, atraindo filiados de qualidade. E estamos fazendo isso em toda a Bahia, onde o PRTB está constituído. Estamos aí com uma cláusula de barreira que não foi totalmente extinta e que ainda nos assombra. Precisamos crescer e você sabe que nenhum partido cresce se mantendo à sombra de outros, com a marca de outros partidos, de outros pensamentos. Isso até assusta as pessoas que pudessem querer militar conosco. Queremos nossa própria identidade.

ÚLTIMOS RETOQUES PARA A EXPOFENITA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O ritmo de trabalho é intenso no Parque de Exposições Antônio Setenta, em Itabuna, onde será realizada, de 26 de setembro a 4 de outubro, a Exposição Agropecuária e Feira de Negócios de Itabuna (Expofenita).

As equipes estão concluindo a montagem dos estandes, pintura de baias e recuperação das redes elétrica e hidraulica. De acordo com a comissão organizadora, tudo estará pronto bem antes do dia 30 de setembro.

A Expofenita está atraindo empresas ligadas ao agronegócio e terá a participação de órgãos como a Secretaria de Agricultura da Bahia. Durante nove dias, os visitantes poderão conhecer o que há de melhor na produção agropecuária da região, incluindo feiras de flores e a Expo-Cachaça.

A Expofenita é coordenada pelo Sindicato Rural de Itabuna, em parceria com a Associação Brasileira de Apoio aos Recursos Ambientais (Abará).

RECADASTRAMENTO DO BOLSA FAMÍLIA ATÉ HOJE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Termina hoje o prazo para os beneficiários atualizem seus cadastros no Programa Bolsa Família. O chamado vale para quem não atualizou os dados nos últimos dois anos, e serve para prevenir que haja distorções, como a de pessoas que não precisam receberem o benefício, a exemplo do vereador Alex Lopes Sousa (leia aqui).

Em Itabuna, a prefeitura está fazendo o atendimento no estádio Luiz  Viana  Filho (Itabunão. Quem não comparecer para  fazer o recadastramento terá o seu  beneficio bloqueado no mês de  setembro e no final  do ano ele será extinto. Das 20.635 famílias que recebem o benefício em Itabuna, cerca de 2 mil estavam com pendências nos últimos dois anos.

Para efetuar o recadastramento, é necessário a apresentação dos originais de todos os documentos das pessoas que residem no endereço do beneficiário. Para os maiores de idade são exigidos o CPF, Identidade, Carteira de Trabalho e comprovante de residência.

ESCÂNDALO NA SAÚDE DE ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos
– AZEVEDO QUER EMPRÉSTIMO DE R$ 9 MILHÕES PARA TAPAR ROMBO NA SAÚDE
– DÉBITO FOI DEIXADO PELA GESTÃO DO EX-PREFEITO FERNANDO GOMES
– PROJETO AUTORIZATIVO SERÁ ENVIADO À CÂMARA EM ATÉ 30 DIAS

O contribuinte itabunense está prestes a arcar com o rombo de R$ 9 milhões provocado pela gestão temerária dos ex-secretário de saúde José Henrique Carvalho e Jesuíno Oliveira, entre janeiro de 2005 e dezembro de 2008, no último mandato do ex-prefeito Fernando Gomes.

A proposta apresentada pela equipe do atual prefeito Capitão Azevedo (DEM) é que o município tome empréstimo na rede bancária para tapar o rombo deixado pelos ex-gestores. Ela foi aceita pelos prestadores de serviço, que esperam receber pelos procedimentos de média e alta complexidade que deixaram de ser pagos em outubro.

A reunião que definiu pela tomada de empréstimo ocorreu na quarta (26), no auditório de uma clínica de olhos da Beira-Rio. Dela, participaram o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde (Sintesi), Raimundo Santana, e os secretários municipais Antônio Vieira (saúde), Maurício Athayde (planejamento) e Carlos Burgos (Fazenda), além do promotor público Clodoaldo Anunciação.

Para tomar o empréstimo de R$ 9 milhões, a prefeitura encaminhará um projeto à Câmara, pedindo autorização para efetuar a transação financeira. A tomada de empréstimo na rede bancária foi sugerida após os secretários municipais afirmarem que a prefeitura não dispõe de receita para sanar a dívida.

VACILANTE

A dívida com os prestadores de serviço se refere ao faturamento da saúde no mês de outubro de 2008. O dinheiro sumiu da conta da prefeitura, segundo denunciou o atual secretário de Saúde, Antônio Vieira, numa entrevista coletiva em 9 de maio deste ano, quando explodiram os casos de dengue em Itabuna (confira nota e vídeo).

Apesar de denunciar o desvio, Vieira depois negou ter afirmado que o montante do desvio era superior a R$ 9 milhões. Agora, aparece com a proposta de tomar empréstimo para tapar o rombo deixado pelo ex-prefeito Fernando Gomes e os ex-secretários Jesuíno Oliveira e José Henrique Carvalho.

Na administração de FG e dos dois secretários, a saúde de Itabuna enfrentou a sua maior crise e foi descredenciada da gestão plena. Desde novembro do ano passado, o governo do estado gere os serviços de média e alta complexidade (laboratórios, hospitais, clínicas).

Então, vamos as contas de quanto o contribuinte pagará: o governo federal enviou para Itabuna R$ 9,5 milhões em outubro. O dinheiro, segundo Antônio Vieira, sumiu. Agora, o município propõe tomar empréstimo de R$ 9 milhões. Somou? Ao final, a conta para o itabunense sairá por não menos que R$ 18,5 milhões, fora os juros do empréstimo.

Você quer pagar essa conta?

Alterado às 12h09min

MARQUISE AUMENTA A MORDIDA: MAIS DE R$ 1,5 MILHÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

A licitação para a contratação da empresa que vai terceirizar o serviço de limpeza urbana em Itabuna tornou o serviço mais caro. De R$ 1,2 milhão, de janeiro até agora, quando era em regime de emergência, o valor, agora licitado, subiu para R$ 1.509.919,38 por mês. É quanto a vencedora Marquise vai levar para fazer o mesmo serviço.

Mas é interessante ver também a evolução dos valores cobrados pelas prestadoras desse serviço nos três últimos governos. De 2001 a 2004, na Gestão do petista Geraldo Simões, a Torre recebia em torno de R$ 400 mil/mês. Com a entrada do sucessor, Fernando Gomes (2005 a 2008), a Ecolimp passou a embolsar cerca de R$ 600 mil. Agora, com o Capitão Azevedo, a Marquise o valor ficará, na média, três vezes mais caro.

Quer saber quanto será pago até o fim desse governo? Exatos R$ 60.396.775,20, se contados os 40 meses restantes para o final do mandato do Capitão Azevedo.

MORTO NO ZIZO TINHA SAÍDO DO XADREZ

Tempo de leitura: < 1 minuto

Hoje pela manhã surgiu a informação de que o corpo encontrado ontem à noite no Zizo, uma possível vítima da guerra entre traficantes daquele bairro com os concorrentes do São Pedro (leia aqui), seria do bandido conhecido como Barriga Azul. Não é verdade.

Trata-se de um  elemento de prenome Avonaldo, que acabara de sair do presídio, na segunda-feira (24) e morreu dois dias depois. “Foi alarme falso”, atesta um policial civil que investiga o crime.

Ele disse que a vítima estava na Cadeia Pública do Complexo Policial até a quinta-feira da semana passada, quando foi transferido para a penitenciária. “Na segunda-feira ele foi solto, pela justiça. Morreu com o alvará de soltura no bolso, dois dias depois”. Ainda não há informações sobre a autoria do crime.

E Barriga Azul continua solto.

SEM APOIO, AGP PROMETE RADICALIZAR

Tempo de leitura: < 1 minuto
Da esq. p/ dir., Luís Rogério (presidente da AGP), Ricardo de Santana (responsável social) e José Raimundo da Silva (vice-presidente)

Da esq. p/ dir., Luís Rogério (presidente da AGP), Ricardo de Santana (responsável social) e José Raimundo da Silva (vice-presidente)

Sentindo-se desprestigiados em Itabuna, os representantes da Associação Grapiúna dos Paraplégicos (AGP) prometem fazer barulho. A principal reivindicação da entidade é uma sede própria, o que facilitaria seu trabalho de apoio aos deficientes.

Apesar das visitas diárias à Prefeitura, a direção da AGP não tem conseguido respostas positivas aos seus pedidos. Hoje, a entidade cumpre o papel de provocar a ação de órgãos como o Ministério Público, buscando assegurar direitos dos portadores de deficiência, sobretudo no que se refere à mobilidade.

O presidente da AGP, Luís Rogério Sousa Luz, que foi acometido de paralisia infantil aos seis meses de idade, diz que está sendo articulada uma ocupação da Prefeitura e da Câmara de Vereadores de Itabuna. Segundo ele, há cerca de 11 mil deficientes físicos na cidade e a AGP promete mobilizar 3 mil deles nos protestos.

ZIZO E SÃO PEDRO: TERRA SEM LEI

Tempo de leitura: < 1 minuto

Moradores dos bairros de Zizo e do São Pedro vivem sob fogo cruzado. Uma absurda e aparentemente eterna guerra entre bandidos dos dois bairros faz refém todas as pessoas de bem daquelas localidades, mas parece que não chega a incomodar as autoridades.

Ontem, mais um homicídio para as estatísticas macabras daquele território sem paz. Um rapaz foi morto, por volta das 21 horas, na rua Bela Vista, no Zizo. Quando chegou no local, o Samu apenas constatou o óbito. Um tiro na nuca, típico de uma execução. Independente de que lado estava nessa guerra, a vítima foi mais uma vida perdida.

As autoridades parecem se limitarem a fazer os levantamentos e preencher a papelada. É preciso olhar para toda a cidade, mas aquela localidade, por motivos óbvios, merece uma atenção especial. Jovens estão abandonando as escolas, pais de família estão sendo obrigados a se trancarem em casa à noite, a liberdade de ir e vir foi aprisionada.

E Barriga Azul está solto.

Back To Top