skip to Main Content
10 de abril de 2020 | 04:57 pm

SENADO PRESTARÁ HOMENAGEM AO EX-GOVERNADOR LOMANTO JÚNIOR

Tempo de leitura: < 1 minuto
Lomanto Júnior será homenageado em Brasília (Foto Divulgação ).

Lomanto Júnior será homenageado em Brasília (Foto Divulgação ).

O Senado Federal prestará homenagem aos 49 anos de vida pública do ex-governador da Bahia Antônio Lomanto Júnior, em sessão especial, na próxima quinta-feira (4), às 9h, no plenário da Casa.

A sessão, proposta pelo senador Otto Alencar (PSD), é um reconhecimento do legislativo federal ao político baiano que passou por quase todos os cargos eletivos. A sessão deverá reunir políticos, amigos e familiares do ex-governador, falecido em 23 de novembro de 2015.

Lomanto Júnior nasceu em Jequié, no sudoeste da Bahia, em 29 de novembro de 1924. Desde a infância revelava o sonho de se tornar governador do estado. Formou-se em Odontologia pela Universidade Federal da Bahia e, dentro do Movimento Estudantil mostrava a vocação para a política.

Aos 23 anos foi eleito vereador de Jequié, cargo que exerceu até 1950. Esse foi o primeiro passo de uma longa trajetória: Lomanto foi prefeito de sua cidade três vezes, governador da Bahia, deputado estadual, deputado federal e senador da República.

RUI LAMENTA MORTE DE LOMANTO JÚNIOR

Tempo de leitura: < 1 minuto
Rui lamenta morte de Lomanto Júnior.

Rui lamenta morte de Lomanto Júnior.

O governador da Bahia, Rui Costa, lamentou a morte de uma das mais importantes figuras da política estadual, o ex-governador e ex-senador Lomanto Júnior, que faleceu ontem à noite (23), no Hospital Português, em Salvador.

Rui emitiu nota de pesar em que lembra trajetória do homem público que também foi prefeito de Jequié, vereador do município do sudoeste e deputado estadual e federal por vários mandatos.

O corpo de Lomanto Júnior será velado durante todo o dia de hoje no Palácio da Aclamação, em Salvador. Amanhã, o velório será na Catedral de Santo Antônio, em Jequié, onde também o corpo será enterrado, às 17h.

Abaixo, a íntegra da nota de pesar do governador Rui Costa:

“A política baiana se despede do ex-governador Lomanto Jr, que morreu na noite de ontem [segunda, 23] aos 90 anos. Expresso o meu respeito e meu pesar. Filho de Jequié, foi um homem público que atuou nos mais variados cargos políticos pela escolha do povo da Bahia, atuando sempre como defensor do municipalismo. Que os familiares e amigos sejam confortados nesse momento de despedida e de dor”.

MORRE EX-GOVERNADOR LOMANTO JÚNIOR

Tempo de leitura: < 1 minuto
Lomanto Júnior faleceu nesta segunda, em Salvador.

Lomanto Júnior faleceu nesta segunda, em Salvador.

O ex-governador Lomanto Júnior faleceu nesta noite de segunda (23), no Hospital Português, em Salvador, de insuficiência renal,  aos 90 anos. Ele governou a Bahia no período de 1963 a 1967.

Lomanto Júnior iniciou na política como vereador de Jequié, em 1947. Quatro anos depois, acabou eleito prefeito do município do sudoeste baiano. Em 1955, foi eleito deputado estadual e em 59 cumpriu novo mandato como prefeito de Jequié, saindo de lá para comandar o Estado em 63.

O político jequieense cumpriu dois mandatos como deputado federal, na década de 70, e foi senador pela Bahia no período de 79 a 87. Em 1993, novamente assumiu a prefeitura de Jequié, encerrando a sua carreira política. Uma das obras inauguradas por Lomanto Júnior quando governava a Bahia foi a Ponte do Pontal, em Ilhéus.

De acordo com familiares, o corpo de Lomanto Júnior será velado no Palácio da Aclamação, em Salvador, durante todo o dia de terça (24). Na quarta (25), o corpo será velado na Catedral de Santo Antônio, em Jequié. O corpo será enterrado às 17 horas de quarta, no Cemitério São João Batista, na sua cidade natal.

MUDANÇA DE FOCO…

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa) parece ter mudado o foco de sua atuação. Só isso pode explicar o acontecido lá pelas bandas do bairro Lomanto Júnior: o cidadão, indignado com o esgoto correndo “a céu aberto” na rua que leva o nome do escritor Ciro de Matos (o endereço foi grafado assim…), acionou a empresa.

Foi ao escritório central, montou acampamento e avisou que de lá sairia quando uma equipe fosse designada para reparar a indecência que era o esgoto correndo por toda a rua – e com aquele odor insuportável que espanta cliente da Itadil e fiel de uma igreja.

A equipe deu uma passadinha por lá, mas aí veio a surpresa: os operários disseram que a Emasa lida apenas com água. E orientaram a vítima do infortúnio a bater em outra porta.

E o pobre do cidadão pensava que o S de Emasa tinha algo a ver com… saneamento. Talvez seja S de Sadia – só pra sacanear…

Back To Top