skip to Main Content
29 de novembro de 2020 | 10:46 pm

BAHIA REGISTRA MAIS 4.200 CASOS DE COVID-19

Bahia registra mais 4,2 mil casos de Covid-19
Tempo de leitura: < 1 minuto

Nas últimas 24 horas, a Bahia registrou 4.204 casos do novo coronavírus e 2.858 recuperados da doença (+0,8%). Dos 398.504 casos confirmados desde o início da pandemia, 379.965 estão curados e há um novo recorde de 10.312 pacientes em isolamento ou em recuperação.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (24,85%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes são Ibirataia (9.214,99), Aiquara (6.882,59), Itabuna (6.868,40), Madre de Deus (6.826,91), Almadina (6.789,90).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 798.950 casos descartados e 108.492 em investigação até as 17 horas deste sábado (28). Na Bahia, 31.523 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui.

MAIS 20 ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje registra 20 óbitos. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 8.227, representando uma letalidade de 2,06%. Dentre os óbitos, 56,36% ocorreram no sexo masculino e 43,64% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,65% corresponderam a parda, seguidos por branca com 18,21%, preta com 14,87%, amarela com 0,72%, indígena com 0,11% e não há informação em 11,45% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 71,72%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,00%).

BAHIA REGISTRA 8,2 MIL PACIENTES EM ISOLAMENTO OU INTERNADO PELA COVID-19

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia registrou 1.870 novos casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) nas últimas 24 horas, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). No período, o número de curados saltou para 1.702 recuperados (+0,5%).

Dos 382.164 casos confirmados desde o início da pandemia, 365.848 já são considerados recuperados, 8.255 encontram-se internados ou em isolamento, informa a Sesab.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (25,22%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ibirataia (9.077,85), Itabuna (6.783,98), Madre de Deus (6.774,76), Almadina (6.698,39) e Aiquara (6.657,67).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 781.098 casos descartados e 94.688 em investigação até as 17 horas desta sexta-feira (20). Na Bahia, 30.577 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 23 óbitos. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 8.061, representando uma letalidade de 2,11%. Dentre os óbitos, 56,27% ocorreram no sexo masculino e 43,73% no sexo feminino.

BAHIA TEM NOVA ALTA DE CASOS ATIVOS DA COVID-19, SEGUNDO A SESAB

Itabuna volta a registrar aumento nos casos de Covid-19
Tempo de leitura: < 1 minuto

Itabuna está entre os municípios de maior incidência da covid-19

Hoje (11), subiu para 6.404 o número total de pacientes em isolamento ou internados por causa da covid-19 na Bahia, conforme a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). Nas últimas 24 horas, foram registrados 1.728 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 1.413 recuperados (+0,4%).

Dos 367.669 casos confirmados desde o início da pandemia, 353.406 já estão recuperados. Todos os 417 municípios baianos registraram casos da doença. Segundo a Sesab, 25,58% dos casos até a tarde desta quarta ocorreram em Salvador.

Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes permanecem sendo Ibirataia (8.973,35), Itabuna (6.677,52), Almadina (6.661,79), Aiquara (6.567,70) e Madre de Deus (6.566,16).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 757.126 casos descartados e 87.751 em investigação até as 17 horas desta quarta-feira (10/11). Na Bahia, 29.723 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

ÓBITOS

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 21 óbitos. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.859, representando uma letalidade de 2,14%. Dentre os óbitos, 56,06% ocorreram no sexo masculino e 43,94% no sexo feminino.

COM MAIS 22 MORTES, A BAHIA ATINGE 7.776 ÓBITOS PELA COVID-19

Bahia registra 362.563 mil casos de Covid-19
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 1.427 casos de novo coronavírus. Dos 362.563 casos confirmados desde o início da pandemia, 348.720 já são considerados curados e 6.067 encontram-se ativos.

A vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

Os casos confirmados de novo coronavírus ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (25,73%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (8.881,92), Almadina (6.661,79), Itabuna (6.636,24), Madre de Deus (6.522,72) e Aiquara (6.509,27).

O boletim epidemiológico estadual contabiliza ainda 744.571 casos descartados e 87.193 em investigação. Na Bahia, 29.459 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

MORTES

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 22 óbitos que ocorreram em diversas datas. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19.

Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.776, representando uma letalidade de 2,14%. Dentre os óbitos, 56,08% ocorreram no sexo masculino e 43,92% no sexo feminino.

PREFEITO DE MADRE DE DEUS É AFASTADO POR MAIS 45 DIAS

Jeferson Andrade continuará afastado por mais 45 dias || Foto JNews
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Justiça prorrogou em mais 45 dias o afastamento do prefeito de Madre de Deus, Jeferson Andrade Batista. Proferida no último dia 26, a decisão atendeu parcialmente a pedido do Ministério Público estadual, que pediu a manutenção do afastamento por mais 180 dias, mesmo prazo determinado pela Justiça em abril.

Na decisão, o juiz Rui Britto afirmou que a necessidade de manter o afastamento para que não haja interferência na produção da prova processual.

Segundo o magistrado, ficou mostrado que o prefeito agiu para não receber os ofícios de intimação, diversas vezes expedidos pela Justiça, com o objetivo de deixar transcorrer o prazo do afastamento, gerando atraso na conclusão do processo.

Conforme a decisão, “não atender ao pedido do MP causaria grave lesão a comunidade de Madre de Deus, considerando que o escrutínio eleitoral ocorrerá na primeira quinzena de novembro”.

BAHIA REGISTRA 335 MIL INFECTADOS PELA COVID-19 E 7.316 ÓBITOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 654 casos de Covid-19 e 829 curados. Dos 335.351 casos confirmados desde o início da pandemia, 321.266 já são considerados recuperados e 6.769 encontram-se ativos, segundo a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab).

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,80%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes são Ibirataia ((7.823,93), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.344,06), Madre de Deus (6.314,89), Apuarema (5.893,59).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 680.406 casos descartados e 77.139 em investigação. Os dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo (18).

Na Bahia, 27.815 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

MORTES

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 28 óbitos que ocorreram em diversas datas. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19.

Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.316, representando uma letalidade de 2,18%. Dentre os óbitos, 55,90% ocorreram no sexo masculino e 44,10% no sexo feminino. O percentual de casos com comorbidade foi de 72,16%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (75,18%).

BAHIA CONFIRMA 310 MIL CASOS DE COVID-19; MAIS DE 296 MIL JÁ ESTÃO RECUPERADOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia registrou 2.274 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,7%) e 1.317 curados (+0,4%) nas últimas 24 horas. Dos 310.526 casos confirmados desde o início da pandemia, 296.207 já são considerados curados e 6.744 encontram-se em recuperação (ativos).

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (28,01%). Já os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ibirataia (6.622,26), Almadina (6.387,26), Madre de Deus (6.049,40), Itabuna (6.025,62), São José da Vitória (5.151,75).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 616.533 casos descartados e 73.826 em investigação até as 17 horas de hoje. Na Bahia, 26.105 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 47 óbitos que ocorreram no período de 3 de junho a 29 de setembro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 6.744, representando uma letalidade de 2,17%. Dentre os óbitos, 55,87% ocorreram no sexo masculino e 44,13% no sexo feminino.

BAHIA REGISTRA 2.213 NOVOS CASOS DE COVID-19 E 41 ÓBITOS

Já são 272.127 curados da Covid-19 na Bahia
Tempo de leitura: < 1 minuto

Nas últimas 24 horas, a Bahia registrou 2.213 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,8%) e 2.237 curados (+0,8%). Dos 285.448 casos confirmados desde o início da pandemia, 272.127 estão curados e 7.281 encontram-se ativos. A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível no Business Intelligence.

Os casos confirmados ocorreram em 416 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (28,93%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes são Ibirataia (6.191,22), Almadina (6.131,04), Itabuna (5.493,78), Madre de Deus (5.082,25) e Dário Meira (5.023,34). São 24.568 profissionais da saúde infectados pela Covid-19.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 559.941 casos descartados e 68.741 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta terça-feira (15).

ÓBITOS

O boletim epidemiológico desta terça-feira (15) contabiliza 41 óbitos que ocorreram em diversas datas, conforme tabela abaixo. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19.

Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 6.040, representando uma letalidade de 2,12%. Dentre os óbitos, 55,83% ocorreram no sexo masculino e 44,17% no sexo feminino.

DECRETO SUSPENDE TRANSPORTE INTERMUNICIPAL EM 373 CIDADES BAIANAS

Transporte intermunicipal é suspenso em mais de 350 cidades no estado
Tempo de leitura: 3 minutos

Arataca e Contendas do Sincorá terão o transporte intermunicipal suspenso a partir de quarta-feira (15). A decisão, que tem o objetivo de conter o avanço do coronavírus na população baiana, foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (14).

Ficam proibidas nesses municípios a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de van. O decreto ainda mantém suspensas, até 31 de julho, a circulação, a saída e a chegada de ônibus interestaduais no território baiano.

O decreto também autoriza a retomada do transporte intermunicipal em Abaíra, Baianópolis, Baixa Grande, Barra da Estiva, Barra do Mendes, Boninal, Coribe, Feira da Mata, Ibiassucê, Ibipitanga, Jacaraci, Nova Redenção, Rodelas e Tabocas do Brejo Velho, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19. Confira a lista no “leia mais”, abaixo.

Leia Mais

NA BAHIA, 378 CIDADES FICAM SEM TRANSPORTE INTERMUNICIPAL

Foto Reprodução
Tempo de leitura: 3 minutos

Barra do Rocha, Caturama, Ituaçu e Novo Horizonte terão o transporte intermunicipal suspenso a partir de sábado (11). A decisão, que tem o objetivo de conter o avanço do coronavírus na população baiana, foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (10).

Ficam proibidas nesses municípios a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de van. O decreto ainda mantém suspensas, até 12 de julho, a circulação, a saída e a chegada de ônibus interestaduais no território baiano.

O decreto ainda autoriza a retomada do transporte intermunicipal em Lajedão e Malhada, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19. Confira, no “leia mais”, os 378 municípios com restrição.

Leia Mais
Back To Top