skip to Main Content
24 de janeiro de 2021 | 10:38 pm

O MERCADO DE TRABALHO E A CRISE

Tempo de leitura: 2 minutos

Jaciara CoachJaciara Santos | jaciarasantos@primoreconsultoria.com.br

Sugiro coragem e determinação. Sugiro evolução e empenho em recomeçar quantas vezes forem necessárias e, sobretudo, desejo sucesso para todos vocês!

O dicionário dedica várias definições para a palavra “trabalho”, e dois desses significados são: labutação, lida.  Esta definição poderia fazer entender que o trabalho durante muito tempo vem sendo considerado como um peso, um fardo, uma espécie de vilão da livre vontade do indivíduo.

Nos últimos meses, o tema crise tem sido muito abordado. E haveria uma variedade de crises, mas a crise que trataremos será a existencial. E esta atingiria todas as áreas da vida da pessoa.

A busca pelo “emprego dos sonhos” permeia a vida de muitos (ou da maioria) dos cidadãos quer estejam inseridos ou não no mercado de trabalho.

No entanto, há alguns espinhos que declaram dificuldades a todos aqueles que se embrenham na esfera do mundo do trabalho: falta de vagas, falta da vaga que pretendia, além de, durante o percurso, surgirem dúvidas com relação ao que, de fato, buscariam. Enfim…

Porém, há uma situação no mínimo controversa. Muitas das vagas que são disponibilizadas aqui em Itabuna e região ficam carentes por muitas semanas, às vezes, meses, fazendo com que os recrutadores encontrem elevada dificuldade em localizar algum profissional para preenchimento de tais oportunidades de emprego.

A crise existencial, que incidiria em várias frentes da vida em sociedade, incapacitaria o indivíduo de ir à busca dos seus objetivos. E, pior, o incapacitaria de saber, de fato, o que quer; quais seriam seus objetivos; o que pretende com relação ao trabalho; à vida… O que pretende com relação a si mesmo.

Infelizmente não existe fórmula mágica. E cada indivíduo tem de se perceber isoladamente. A caminhada do encontro de si mesmo e do que se pretende é, mesmo, uma escalada ímpar. No entanto, existem instrumentos que podem facilitar essa procura: capacitar-se e reavaliar a vida.

Timothy Gallwey diz que “Coaching é uma relação de parceria que revela, liberta o potencial das pessoas de forma a maximizar o desempenho delas”.

Nesse sentido, pode-se dizer que o processo de Coaching utiliza ferramentas que contribuem de forma significativa para o desenvolvimento  do ser humano.

Sugiro coragem e determinação. Sugiro evolução e empenho em recomeçar quantas vezes forem necessárias e, sobretudo, desejo sucesso para todos vocês!

Jaciara Santos é professional and self coach.

 

CURSO GRATUITO DE INFORMÁTICA OFERECE 180 VAGAS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Alunos concluintes em Itabuna exibem certificação  (Foto Divulgação).

Alunos concluintes em Itabuna exibem certificação (Foto Divulgação).

Tendo como alvo jovens e adultos que buscam o primeiro emprego, a LBV em Itabuna está oferecendo 180 vagas em curso gratuito de informática. O prazo de inscrição encerra-se na próxima sexta (28) e a matrícula deve ser feita na sede da entidade, na Rua Gileno Amado, 135, Bairro Caixa D´Água.
O curso ensina a operar editor de texto e planilha eletrônica (Word e Excel), navegador de internet e sistema operacional (Windows). O aluno também será orientado à elaboração do próprio currículo, segundo a instituição. O curso é realizado em parceria com o Governo da Bahia.
Para inscrever-se, o candidato deve apresentar original e cópia da carteira de identidade e do comprovante de residência. A matrícula de menores deve ser feita pelo responsável. O telefone para informações é o (73) 3212-6242.

ITABUNA GERA 40 EMPREGOS EM JANEIRO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Itabuna gerou 40 novos empregos com carteira assinada em janeiro, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). O saldo positivo, porém, está 42% abaixo do registrado em igual período do ano passado, quando foram abertas 70 novas vagas.
A queda ocorre, principalmente, no setor do comércio. Ao contrário de 2011, quando foram abertas 63 novas vagas, agora o setor cortou 87 vagas. A indústria abriu 108 novos postos de trabalho e a construção civil voltou a contratar e registrar saldo positivo de 47 vagas em janeiro.
Ilhéus teve saldo negativo quando computados todos os setores da economia. Corte de seis vagas. O comércio eliminou 76 vagas e a indústria, 16. Saldos positivos (diferença entre admissões e desligamentos) foram registrados em setores como serviços (40), agropecuária (38) e construção civil (6).

TORITAMA, DESEMPREGO ZERO

Tempo de leitura: 2 minutos

Cleisse, Cosme, Amara, Wedja, Daniel, Jae Ho Lee, Natália, Priscila, Eriky, Paulo, Niedja são novos moradores de Toritama, no agreste setentrional, a 173 quilômetros do Recife.
Atraídos pelo mercado de trabalho local, eles são microempresários, vendedores e prestadores de serviços que engrossam o contingente de pessoas responsáveis por um dado constatado na última pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): município com menor território do Estado – 34,6 quilômetros quadrados -, Toritama teve o maior aumento populacional no período de 2000 a 2010.
De 21.800 habitantes, em 2000, pulou para 35.631, em 2010 – um aumento de 63,4%.
O pleno emprego explica a migração de mão de obra de outros municípios de Pernambuco e de outros Estados brasileiros para a cidade batizada de “capital do jeans”. Responsável por 16% da produção de jeans do País, Toritama possui, de acordo com a prefeitura, 2.500 fábricas de confecção – a maioria doméstica – que geram 25 mil empregos diretos e produzem cerca de 60 milhões de peças em jeans por ano.
O Produto Interno Bruto (PIB) não é expressivo em termos absolutos (R$122,9 milhões em 2007), mas de 1999 a 2007 foi o município do agreste que mais subiu no ranking estadual – escalou 25 posições, saindo do 79.º lugar em 1999 para o 54.º em 2007.
O município é fonte de emprego em um raio de até 150 quilômetros, o que também o faz ter uma população flutuante – formada por pessoas que diariamente se deslocam de municípios vizinhos para trabalhar em Toritama – pelo menos duas vezes maior que sua população fixa, segundo estimativa do secretário municipal de Indústria e Comércio, Niéliton Martins.
“O desemprego aqui é zero”, assegura o prefeito Flávio de Souza Lima (DEM), entusiasmado com o início da concretização de um de seus sonhos, o projeto Rua do Jeans, que engloba a construção de três ruas cobertas no entorno do Parque das Feiras. Situado à margem da BR-104, o parque abriga cerca de 700 boxes e lojas e funciona como uma vitrine do que é fabricado e comercializado no município.
Leia na íntegra

INSTITUTO OFERECE VAGA DE ASSISTENTE ADMINISTRATIVO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Instituto Cabruca está selecionando profissional para vaga de assistente administrativo. O salário é de R$ 765,00 (um salario mínimo e meio) mais vale-alimentação de  R$ 200,00, por mês, com carteira assinada.
O interessado deve enviar currículo para o email cabruca@cabruca.org.br até o próximo dia 23. Como requisito, o instituto exige formação em nível médio na área de administração ou contabilidade.
O resultado da primeira fase da seleção será divulgado no dia 25, quando serão conhecidos os três candidatos pré-aprovados para entrevista na sede do instituto, às 9 horas do dia 26. Confira o edital aqui.

Back To Top