skip to Main Content
31 de março de 2020 | 05:03 pm

MORADORES DO JAÇANÃ RECLAMAM DE ABANDONO DA PREFEITURA DE ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Moradores do Jaçanã sofrem com falta de saneamento básico

Moradores do Jaçanã se queixam que há anos lutam por investimentos públicos no bairro, mas sem nenhum resultado. Para eles, a situação está cada vez pior. Quem vive no bairro conta que as maiores dificuldades são a precariedade na rede esgoto, falta de pavimentação e limpeza do canal de macrodrenagem que transborda com facilidade.

Moradores dizem ainda que muitas ruas estão intransitáveis porque há muito tempo a Secretaria de Desenvolvimento Urbano não faz a manutenção. Eles citam, por exemplo, a 2ª Travessa Isaura Pinho, que está tomada pelos enormes buracos. Em alguns casos, os moradores têm que subir mais de 100 metros com as compras nas costas.

Outros se queixam encontrar dificuldade para receber o botijão de gás na porta de casa. Mas, os que mais sofrem são as pessoas idosas e deficientes físicos. Uma família teve que se mudar da 2ª Travessa Isaura Pinho porque o carro que transportava um cadeirante para hemodiálise não subia a ladeira por causa de uma cratera.

Outro deficiente físico resistiu, mas teve que investir do próprio bolso para amenizar o sofrimento ao sair de casa. Os moradores afirmam que os problemas de infraestrutura no bairro Jaçanã são antigos, e que todos os prefeitos prometeram resolvê-los, mas até agora só ficaram na promessa. Eles afirmam que, como paliativo, a prefeitura poderia pelo menos passar a máquina.

MORADORES DENUNCIAM DESCASO E TEMEM ACIDENTES EM PASSARELA EM ILHÉUS

Tempo de leitura: 2 minutos
Perigo em passarela em Ilhéus

Perigo em passarela em Ilhéus

Moradores de São Miguel e Barra estão preocupados com a falta de manutenção da passarela que liga os dois bairros.  Eles se queixam que há mais de um ano vêm cobrando ações da Prefeitura de Ilhéus e alertando para os riscos de tragédia, mas que até esta terça-feira (10) só ouviram promessas de investimentos em uma das principais vias de ligação entre os bairros.

Moradores relataram ao PIMENTA que o risco de acidente aumentou porque os dois guarda-corpos da passarela estão destruídos em vários pontos. São pelo menos oito trechos em situação muito crítica. Dois deles ficam a 10 metros de altura das águas do Rio Almada.

Moradores denunciam que os últimos reparos na passarela foram feitos em 2011

Moradores denunciam que os últimos reparos na passarela foram feitos em 2011

Moradores relatam que a última reforma no local foi realizada há mais de há mais de seis anos. Eles também se queixam da falta de lâmpadas em quase toda a extensão da passarela e da fiação exposta, o que aumenta o risco de acidentes à noite, principalmente com crianças e idosos.

O secretário de Infraestrutura, Transporte e Trânsito de Ilhéus (Seinfra), Hermano Fahning Ferreira, afirmou ao PIMENTA nesta terça-feira (10) que ainda neste mês serão feitas obras de melhoria na passarela para resolver o problema na estrutura do  guarda-corpos.

Back To Top