skip to Main Content
30 de novembro de 2020 | 04:46 pm

SEBRAE RETOMA EVENTOS PRESENCIAIS NO SUL DA BAHIA

Tempo de leitura: 2 minutos

Após sete meses o oferecendo capacitações somente a distância por conta da pandemia, o Sebrae em Ilhéus retoma a realização de eventos presenciais no sul da Bahia. A programação para os municípios de Ilhéus e Itabuna já está disponível e todas as atividades seguirão às recomendações de segurança sanitária estabelecidas pelos decretos municipais.

Entre os dias 16 e 22 de novembro, acontece o evento de maior destaque do mês, a Semana Global de Empreendedorismo (SGE). A organização do evento é feita pelo Sebrae e parceiros que são referência do ecossistema empreendedor brasileiro como Aliança Empreendedora, Anjos do Brasil, Anprotec, Artemisia, Brasil Júnior, Conaje, Endeavor, Junior Achievement e a Rede Mulher Empreendedora (RME).

Com o tema “Retomada da Economia e o Papel do Empreendedorismo”, a 13ª edição da SGE promete mobilizar todo o país. Ilhéus e Itabuna sediarão uma série de palestras gratuitas nas Agências de Atendimento do Sebrae. Serão oferecidas mais de 200 vagas em capacitações presenciais. A programação do evento pode ser acessada através do site www.empreendedorismo.org.br .

Também serão ofertadas oficinas para produtores rurais destinadas a quem deseja aprender a como gerenciar, negociar e calcular os custos de produção no campo. Essas atividades serão realizadas em parceria com os sindicatos de produtores rurais dos municípios da região. Para participar gratuitamente, basta acessar o Portal Sebrae ou entrar em contato pelos telefones (73) 3634-4068 ou 99974-2263 Ilhéus / (73) 3613-9734 ou 99974-2262 Itabuna.

Os empreendedores de Ilhéus poderão se inscrever para as capacitações Como funciona o MEI (16); Como iniciar seu próprio negócio (17); Como elaborar controles financeiros (18); Como criar um negócio utilizando as redes sociais (19); e Sexta da Oportunidade (20).

Já em Itabuna, a programação inclui as capacitações Como iniciar seu próprio negócio (16); Como funciona o MEI (17); Como criar um negócio utilizando as redes sociais (18); Como elaborar controles financeiros (19); e Sexta da Oportunidade (20). As atividades, nos dois municípios, acontecem sempre às 14h.

G20 VAI INJETAR US$ 5 TRILHÕES NA ECONOMIA PARA MINIMIZAR EFEITOS DO CORONAVÍRUS

Remessa recorde de dólares para o Brasil
Tempo de leitura: 2 minutos

Nesta quinta-feira (26), os líderes do G20 discutiram, por videoconferência, ações para atenuar os impactos sociais e econômicos causados da pandemia de covid-19. De acordo com comunicado conjunto, os países estão injetando mais de US$ 5 trilhões na economia global, em políticas fiscais direcionadas, medidas econômicas e esquemas de garantia.

A reunião foi organizada pela Arábia Saudita, que está na presidência rotativa do grupo dos 20 países mais ricos do mundo. O governo brasileiro também participou do debate.

O grupo informou que vai continuar realizando um apoio fiscal ousado e em larga escala. “Estamos adotando medidas imediatas e vigorosas para apoiar nossas economias; proteger trabalhadores, empresas – especialmente micro, pequenas e médias empresas – e os setores mais afetados; e amparar os vulneráveis por meio de uma proteção social adequada”, diz o comunicado.

Entre outras ações, os países do G20 vão acompanhar os riscos de dívida em países de baixa renda devido à pandemia e pedir que seus ministros de Finanças e os bancos centrais trabalhem com as organizações internacionais para fornecer a assistência financeira internacional apropriada. “Apoiamos as medidas extraordinárias adotadas pelos bancos centrais. Os bancos centrais agiram para apoiar o fluxo de crédito para as famílias e empresas, promover a estabilidade financeira e aumentar a liquidez nos mercados globais”, afirmam os líderes.

Os líderes do G20 lamentaram as mortes ocorridas, expressaram sua gratidão aos profissionais de saúde e comprometeram-se coletivamente no esforço de proteger vidas, os empregos e a renda das pessoas; restaurar a confiança, preservar a estabilidade do mercado e retomar o crescimento; minimizar as interrupções no comércio e nas cadeias de suprimentos globais; prestar ajuda a todos os países que precisam de assistência, e coordenar medidas financeiras e de saúde pública.

Leia Mais

EM ILHÉUS, EX-CAPITÃO DO BOPE FALA DE CONSTRUÇÃO DE EQUIPES DE ELITE

Tempo de leitura: 2 minutos
Storani fala sobre construção de equipes de elite no mundo corporativo || Foto Keiny Andrade

Storani fala sobre construção de equipes de elite no mundo corporativo || Foto Keiny Andrade

Palestra do ex-capitão do Batalhão de Operações Especiais (Bope) do Rio de Janeiro, Paulo Storani, abrirá a programa especial da Semana Sebrae em Ilhéus, hoje (2), das 19h às 21h, no Centro de Convenções de Ilhéus. “Construindo uma tropa de elite” busca despertar profissionais e equipes para superação de desafios no ambiente competitivo de trabalho e o exercício da liderança.

As inscrições gratuitas podem ser feitas na Loja Virtual do Sebrae (clique aqui). As vagas são limitadas. Mais informações estão disponíveis pelos telefones 73-3634.4068, em Ilhéus, ou ainda pela Central de Relacionamento do Sebrae (0800.570.0800).

Consultor do filme Tropa de Elite, Paulo Storani, coordenador do curso de Operações Especiais, retratado no longa-metragem, é um dos oficiais que serviu de inspiração para o personagem Capitão Nascimento, interpretado pelo ator Wagner Moura.

Ao utilizar suas experiências no Bope, o palestrante busca estabelecer a relação entre a realidade da equipe de alta performance da Polícia Militar e as equipes executivas do mundo corporativo. O foco da abordagem está no compromisso com a empresa, no resultado do trabalho em equipe, na superação de limites, nas metas, na liderança mútua e a na auto realização do cumprimento da missão tarefa.

Leia Mais

PRAZO PARA REGULARIZAR SITUAÇÃO E PERMANECER NO SIMPLES ESTÁ TERMINANDO

Tempo de leitura: 2 minutos
Prédio da Receita Federal em Itabuna.

Prédio da Receita Federal em Itabuna.

As micro e pequenas empresas optantes pelo Simples Nacional que foram excluídas desse regime de tributação em dezembro têm até o dia 31 de janeiro para parcelar os seus débitos e pedir a reinclusão. Dos 299 mil pequenos negócios que perderam o direito ao Simples, cerca de 78 mil já aderiram ao parcelamento de até 120 meses, mas precisam fazer a opção novamente.  Ainda faltam 221 mil para regularizarem sua situação.

– Os donos de pequenos negócios devem correr e pedir o parcelamento. Ainda faltam 40% dos que foram notificados pela Receita em 2016. O prazo está acabando. Sair do Simples pode ser o decreto de falência. O Simples é uma cápsula protetora dos pequenos negócios – alerta o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos.

Quase metade dos pequenos negócios que estavam com débitos no Simples Nacional, e que haviam sido notificados pela Receita Federal em setembro do ano passado, parcelou suas dívidas e permaneceu no sistema em dezembro. Das 584 mil micro e pequenas empresas que foram notificadas, 285 mil regularizaram a situação antes do final de 2016 para permanecer no Simples.

NOVA ADESÃO

Para voltar a ser optante, o empresário deve pagar ou parcelar suas dívidas e pedir uma nova adesão ao sistema até o final deste mês. O empresário que não se regularizar a tempo só poderá voltar a usufruir desse sistema de tributação em 2018.

A recomendação do Sebrae é que os donos de pequenos negócios com dívidas no Simples procurem seus contadores e peçam para eles aderirem ao parcelamento de até 120 meses, reincluindo a empresa no Simples. Para isso, o contador deve calcular o valor dos débitos e da parcela mais adequada. O pedido de parcelamento deve ser feito no Portal do Simples Nacional.

Leia Mais

CONGRESSO NA UESC DEBATE DESENVOLVIMENTO DE PEQUENOS NEGÓCIOS

Tempo de leitura: 3 minutos
Ribeiro preside a Ampesba.

Ribeiro preside a Ampesba.

Maurício Maron | Agência Sebrae
Incentivar espaços para articulação e promoção de políticas públicas favoráveis ao desenvolvimento das micro e pequenas empresas é o principal objetivo do V Congresso Norte e Nordeste da Pequena Empresa e do Empreendedor Individual, que acontece no auditório da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Ilhéus, nos dias 8 e 9 de maio.
O evento é promovido pela Ampesba e conta com o apoio do Sebrae. De acordo com estimativas da entidade, cerca 600 pessoas, entre estudantes, empreendedores, técnicos, consultores contabilistas e lideranças de diversas entidades representativas do segmento de pequenos negócios deverão participar do congresso.
– Apoiar eventos deste porte é a garantia de novas discussões que servirão para ampliar os horizontes dos nossos empreendedores, dando também voz aos seus anseios e reivindicações – explicou o gestor no projeto Território da Cidadania Litoral Sul do Sebrae, José Carlos Oliveira.
Na solenidade de abertura, às 19h, a técnica em Projetos e Consultora Associada ao Centro de Orientação e Dirigentes de Empresas (Code), Márcia Cardim, vai ministrar uma palestra sobre a Lei de Incentivo a Cultura e Faz Cultura. A legislação, que ficou mais conhecida como Lei Rouanet, tem como finalidade possibilitar que empresas (6%) e cidadãos (4%) apliquem parte do seu imposto de renda em ações culturais.
– O congresso permitirá a troca de conhecimentos, sobretudo, o entendimento acerca das políticas de incentivos fiscais que possibilitam as empresas e cidadãos aplicarem uma parte do IR (imposto de renda) devido em ações culturais – afirmou o presidente da Ampesba, Valdir Ribeiro.
PROGRAMAÇÃO
No dia 9, os trabalhos serão abertos às 8h30, com o painel sobre Linhas de Crédito, com a participação de representantes do Banco do Nordeste, Desenbahia, Caixa Econômica e Banco do Brasil. Às 9h30, será a vez da palestra de Gabriel Rizza Ferraz, especialista em Direito Empresarial e Analista da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae Nacional, que falará sobre “Desenvolvimento Municipal e Pequenos Negócios”. Às 11h30, o tema a ser debatido é “A importância do Marketing para o crescimento da empresa”, tendo como palestrante o gerente de Marketing dos Correios na Bahia, Agnaldo Gomes.

Leia Mais

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

Tempo de leitura: < 1 minuto

José Humberto Martins, secretário indicado para a Pasta da Indústria, Comércio e Turismo no Governo Vane, é o convidado da última reunião do ano da Associação das Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais da Bahia (Ampesba).

O encontro será nesta terça, 18, às 19h, no auditório do Príncipe Hotel. Na pauta, os planos do novo governo para o desenvolvimento econômico de Itabuna, além dos planos do município para as pequenas e microempresas.

Back To Top