skip to Main Content
29 de março de 2020 | 02:22 am

PRÉ-SAL: BAHIA PODERÁ RECEBER R$ 1 BILHÃO DE RECURSOS DA CESSÃO ONEROSA

Tempo de leitura: 2 minutos

Pinheiro diz que Bahia poderá receber R$ 1 bi da cessão onerosa do pré-sal

O Estado da Bahia deverá receber recursos da ordem de R$ 1 bilhão, a partir dos recursos arrecadados nos leilões do pré-sal, informou o secretário do Planejamento do Estado, Walter Pinheiro. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 98/2019, aprovada por unanimidade nesta semana, no Senado Federal, estabelece que estados e municípios recebam 30% dos recursos arrecadados. O texto também estabelece 67% para a União e 3% para os estados produtores.

Segundo os termos da proposta, R$ 10,5 bilhões (15% da arrecadação com a cessão onerosa) serão destinados aos municípios, e outros R$ 10,5 bilhões, aos estados e ao Distrito Federal. Essas fatias serão distribuídas entre os entes federativos a partir dos critérios que regem os fundos de participação (FPM e FPE). Dessa forma, serão privilegiados os estados e municípios com as menores rendas per capita.

Pinheiro, quando senador da República, em 2018, defendeu a partilha dos recursos para os estados e municípios, e atuou para que os critérios que regem os fundos de participação fossem adotados na PEC. “Essa é uma batalha sem igual. É a salvação da lavoura de 5.570 municípios em 27 unidades da federação, tanto é que uniu todo mundo”, disse Pinheiro, que também foi relator da proposta que estabeleceu novas regras para a partilha dos recursos do Fundo de Participação dos Estados (FPE). “O Estado da Bahia poderá receber recursos da ordem de R$ 1 bilhão a partir dos recursos arrecadados”, completou.

A PEC é referente à Cessão Onerosa, Lei 12.276, de 2010, por meio da qual a Petrobras adquiriu o direito de explorar por 40 anos uma área do pré-sal por contratação direta, sem licitação, com a contrapartida de antecipar o pagamento de R$70 bilhões ao governo. A PEC ainda retornará à Câmara dos Deputados para confirmação das alterações realizadas no texto.

PETROBRAS REAJUSTA GÁS DE COZINHA EM 3,43%

Tempo de leitura: < 1 minuto

Petrobras reajusta gás de cozinha em mais de 3% neste domingo

A Petrobras vai reajustar em 3,43%, em média, a partir do próximo domingo (5), o preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP Residencial), o gás de cozinha, para botijão de 13 quilos às distribuidoras sem a cobrança de tributos. O botijão vai custar R$ 26,20 sem tributos para as distribuidoras.

O último reajuste ocorreu no dia 5 de fevereiro, exatamente há três meses, quando o valor do gás de cozinha subiu para R$ 25,33 para as distribuidoras.

Em nota, o Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informou que as empresas distribuidoras associadas à entidade foram comunicadas na tarde de sexta (3) pela Petrobras que o GLP residencial para embalagens de até de 13kg ficará mais caro a partir do próximo domingo. De acordo com o Sindigás, o reajuste oscilará entre 3,3% e 3,6%, de acordo com o polo de suprimento. Com informações da Agência Brasil.

ECONOMISTA DEVE ASSUMIR A PETROBRAS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Castello Branco deve assumir presidência da Petrobras

O economista Roberto Castello Branco deve assumir o comando da Petrobras por indicação de Paulo Guedes, confirmado para o Ministério da Economia (que deve englobar Fazenda, Planejamento, Indústria e Comércio Exterior). A informação foi divulgada hoje (19) pela equipe de Guedes.
Castello Branco é economista, com pós-doutorado pela Universidade de Chicago e “extensa experiência nos setores público e privado”.
Já ocupou cargos de direção no Banco Central e na mineradora Vale, fez parte do Conselho de Administração da Petrobras e desenvolveu projetos de pesquisa na área de petróleo e gás.
O futuro presidente da Petrobras é diretor do Centro de Estudos em Crescimento e Desenvolvimento Econômico da Fundação Getulio Vargas. O atual presidente da estatal, Ivan Monteiro, permanece no comando até a nomeação de Castello Branco.

FECHAR A FAFEN É ATO CRIMINOSO DE TEMER E DA PETROBRAS, DIZ BEBETO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Bebeto: Fechar a Fafen é ato criminoso || Foto Divulgação

O fechamento da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados da Bahia (Fafen-BA) vai provocar mais de 700 demissões na empresa pertencente à Petrobras, na Bahia. A petrolífera brasileira alega que a unidade vem gerando prejuízos anuais. O deputado federal Bebeto Galvão (PSB-BA) reagiu contra o fechamento da Fafen durante discurso na Câmara Federal, nesta semana.
Para o parlamentar, o fechamento da unidade é resultado de uma grande perseguição promovida pelo presidente da República, Michel Temer, e pelo presidente da Petrobras, Pedro Parente, aos interesses do Nordeste, em especial aos estados da Bahia e Sergipe.
– Esta atitude não vai comprometer apenas a economia dos estados e resultar no desemprego de centenas de trabalhadores petroquímicos, mas vai também incidir diretamente sobre a produção de fertilizantes brasileiros o que irá afetar a economia nacional. Isto é um ato criminoso – lamentou o deputado Bebeto.
Com o encerramento das atividades da Fafen, aumentará o número de desempregados e diminuirá a arrecadação de tributos que contribuem para a realização de políticas públicas dos estados envolvidos, na análise do parlamentar. A fábrica está, ainda, entre as principais clientes da Bahiagás, companhia de gás natural de capital misto.

TRANSPETRO ABRE CONCURSO COM 321 VAGAS E ATÉ R$ 6,6 MIL DE SALÁRIO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Concurso oferece 321 vagas, além de outras 3,2 mil para cadastro reserva

A Petrobras Transportes S.A (Transpetro) abrirá, no próximo dia 9, inscrições em processo seletivo com 321 vagas e até R$ 6.619,90 de salário. O processo seletivo será organizado pela Cesgranrio.
CONFIRA EDITAL
A Transpetro contratará auxiliar de saúde, condutor bombeador, condutor mecânico, cozinheiro, eletricista, moço de convés, moço de máquinas e taifeiro, além de 3.210 vagas para formação de cadastro reserva.
As provas deverão ser aplicadas em março (dias 11 e 25, a depender da função).
De acordo com o edital, o salário varia de R$ 1.419,12 a R$ 6.619,90 e prevê apenas provas objetivas. A inscrição deverá ser feita por meio do site da Cesgranrio. O prazo encerra-se em 31 de janeiro.

ÀS VÉSPERAS DO NATAL, PETROBRAS ANUNCIA NOVO REAJUSTE DO DIESEL E DA GASOLINA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Petrobras reajusta preço da gasolina e do diesel nesta sexta || Imagem Google

A gasolina e o diesel sofrerão novo reajuste de preços comercializados nas refinarias. De acordo com a Petrobras, em anúncio feito hoje (21) na sua página na internet, a gasolina sobe 1,1% e o diesel 0,4%, a partir de amanhã (22), informa a Agência Brasil.

Nessa quarta-feira (20), a empresa já havia informado um aumento de 0,7% para o diesel e 1,4% no preço da gasolina, com validade a partir desta quinta-feira.

Desde julho que a Petrobras adota este modelo de reajustes frequentes dos preços da gasolina e do diesel. Segunda a estatal, “em busca de convergência no curto prazo com a paridade do mercado internacional”.

“Analisamos nossa participação no mercado interno e avaliamos frequentemente se haverá manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias. Sendo assim, os ajustes nos preços podem ser realizados a qualquer momento, inclusive diariamente”, acrescenta.

LAVA JATO: PF CUMPRE MANDADO CONTRA FILHO DE MINISTRO DO TCU

Tempo de leitura: < 1 minuto
Tiago é alvo de nova fase da Lava Jato

Tiago é alvo de nova fase da Lava Jato

A Polícia Federal cumpre mandados judiciais de busca e apreensão em Brasília, Salvador e Cotia (SP) em uma nova fase da Operação Lava Jato, a 45ª, chamada de Abate 2. Conforme a TV Globo, um dos alvos é o advogado baiano Tiago Cedraz, filho do ministro Aroldo Cedraz, do Tibunal de Contas da União (TCU).

Os mandados contra Tiago ocorrem baseados em delação do empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC Engenharia. O empresário diz ter desembolsado total de R$ 1,050 milhão em propina para que o filho do ministro ajudasse a empresa na análise do TCU sobre o processo de licitação de Angra 3.

Tiago também foi citado como intermediário, junto com outro advogado, em processo de contratação da Sargent Marine pela Petrobras. Outra citação foi pela suspeita de que o advogado também cobrava propina da Odebrecht para ajudar a empreiteira em processos no TCU. A defesa de Tiago Cedraz ainda não havia se pronunciado quanto aos mandados desta quarta.

PETROBRAS AUMENTA PREÇO DA GASOLINA EM 8,1%

Tempo de leitura: < 1 minuto
Petrobras reajusta preço da gasolina (Foto Google).

Petrobras reajusta preço da gasolina (Foto Google).

A Petrobras reajustou hoje (6) em 8,1% o preço da gasolina em suas refinarias. Também foi aumentado hoje o preço do diesel em 9,5%. A decisão foi tomada ontem (5) durante reunião do Grupo Executivo de Mercado e Preços da estatal, com base na nova política de preços da empresa, que prevê pelo menos uma revisão a cada 30 dias.

O aumento de preços afeta diretamente as distribuidoras de combustível, que podem repassar ou não o valor aos consumidores finais. Segundo a Petrobras, caso o reajuste nas refinarias seja repassado integralmente ao consumidor, o preço da gasolina nas bombas deve aumentar 3,4% ou R$ 0,12 por litro, em média. Já no diesel, o aumento do preço final pode chegar a 5,5%, ou 0,17% por litro.

O reajuste dos combustíveis nas refinarias foi decidido, de acordo com a Petrobras, devido ao aumento observado nos preços do petróleo e derivados e a desvalorização da taxa de câmbio. Da Agência Brasil.

ESTELIONATÁRIA VENDIA “PRESTÍGIO” E FALSAS VAGAS DE EMPREGO NA PETROBRAS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Olívia já foi presa outras vezes pelo golpe do falso emprego.

Olívia já foi presa outras vezes pelo golpe do falso emprego.

A estelionatária Olívia Santos de Souza foi presa, novamente, acusada de enganar centenas de pessoas oferecendo falsas vagas de emprego na Petrobras, em Salvador. Investigadores da Polícia Civil em Abrantes prenderam a falsa dona de agência de empregos. No escritório que ela usava para aplicar os golpes, localizado em Abrantes, foram apreendidas 600 fichas de inscrições de candidatos interessados nas supostas vagas.

Os policiais chegaram até ela ao apurar denúncias de mais de 100 vítimas, registradas na 26ª DT/Abrantes. Olívia costumava dizer às vítimas que tinha parentes influentes trabalhando na estatal. A mulher cobrava uma taxa de R$ 10,00 de cada candidato, valor que ela dizia ser referente aos custos com a parte burocrática.

Olívia já fora presa outras duas vezes por aplicar o mesmo golpe. Para não ser descoberta, ela usava documentos falsos. A criminosa também é acusada de colocar a venda brinquedos, eletrodomésticos e celulares, receber o dinheiro e não entregar os produtos aos compradores.

A delegada Danielle Monteiro, titular da 26ª Delegacia Territorial (Abrantes), informou ter conhecimento que Olívia lesou pessoas em Camaçari e também e outros municípios da Região Metropolitana de Salvador (RMS). Autuada em flagrante por estelionato, ela já foi encaminhada ao sistema prisional.

PETROBRAS BATE RECORDE DE PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL

Tempo de leitura: 2 minutos
Companhia brasileira bate recorde de produção em junho (Foto Divulgação).

Companhia brasileira bate recorde de produção em junho (Foto Divulgação).

A Petrobras fechou o mês de junho com uma produção média de 2,9 milhões de barris de óleo equivalente por dia (petróleo e gás natural), novo recorde médio mensal. O recorde anterior havia sido alcançado em agosto de 2015 quando a produção média diária de petróleo e gás natural foi de 2,88 milhões de óleo equivalente.

Segundo dados divulgados hoje (9) pela Petrobras, a produção de junho último supera em 2% os 2,83 milhões de óleo equivalente/dia relativos à produção de maio deste ano. Dos 2,83 milhões relativos à produção de junho, 2,7 milhões de óleo foram produzidos nos campos do país e outros 200 mil nos campos da estatal no exterior.

Os dados indicam que a produção total de 2,7 milhões de petróleo e gás natural nos campos do Brasil também representa um novo recorde mensal, ultrapassando o recorde anterior de 2,69 milhões de barris diários, ocorrido em agosto do ano passado.

Números

A produção média de petróleo em junho foi de 2,3 milhões de barris por dia, resultado 2% acima do volume produzido no mês anterior, de 2,24 milhões barris/dia. Desse total, 2,20 milhões barris/diários foram produzidos no Brasil e 100 mil no exterior. A Petrobras ressalta, ainda, o fato de que o volume de petróleo produzido em junho no Brasil é a terceira maior média mensal de produção já registrada pela companhia. Da Agência Brasil.

Back To Top