skip to Main Content
5 de junho de 2020 | 03:51 pm

HOMEM É MORTO NO BAIRRO SÃO LOURENÇO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Rafael Gomes de Jesus, 22 anos, foi assassinado na manhã desta terça-feira (29), às margens da BR-101, no bairro São Lourenço. Segundo o Plantão Itabuna, o rapaz foi atingido por tiros disparados por dois homens, que estavam em uma moto de placa não informada.

A vítima andava pelo acostamento da pista em companhia do irmão, Antônio de Jesus, 32, que nada sofreu. Com eles, a polícia encontrou uma faca tipo peixeira, um facão e um cachimbo usado para o consumo de crack.

Antônio de Jesus foi levado para o Complexo Policial de Itabuna para prestar esclarecimentos.

CONCURSO PROBLEMA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O concurso público da polícia civil da Bahia ainda vai dar muito o que falar e é aguardada uma chuva de mandados de segurança contra o resultado final dos exames biomédicos dos candidatos, divulgado nesta quarta-feira (24) no Diário Oficial do Estado.

Há casos absurdos, como a estipulação de prazo insuficiente para a realização do exame toxicológico e a situação de um candidato que foi considerado inapto porque fez o exame parasitológico por um método diferente do estabelecido.

O edital solicitou o exame de fezes pelo método de Baermann-Moraes, mas o laboratório, inadvertidamente, realizou a análise pelo método de Hoffman. Um bioquímico diz que a diferença não é significativa, mas o Cespe/UnB, responsável pelo concurso, não aceitou o exame e reprovou o candidato.

Isso mesmo: o sujeito perdeu por m…

TROCA DE COMANDO NO 15º BATALHÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Será realizada nesta quarta-feira (23), às 16 horas, na sede do 15º Batalhão da Polícia Militar, em Itabuna, a troca de comando desta unidade da PM. O tenente-coronel Marcos Antônio Lemos deixa o cargo, que passa a ser ocupado pelo oficial Ubiraci Barbosa da Silva, de mesma patente, que antes respondia pela Polícia Rodoviária Estadual em Itabuna.

Lemos assumirá o comando do Batalhão da Mata Escura, em Salvador.

FURTO NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O furto de um notebook foi cometido no último fim de semana no gabinete do deputado estadual Augusto Castro (PSDB), na Assembleia Legislativa da Bahia. O equipamento pertencia a uma funcionária.

A assessoria de imprensa do deputado informou ao site Bahia Notícias que o caso foi levado à assistência militar da casa, que tentará identificar o ladrão por meio de imagens das câmeras do sistema de vigilância.

A Assembleia tem adotado medidas para reforçar a segurança, como a instalação de catracas, e em breve o acesso ao prédio somente será permitido com a apresentação de crachá. No caso do gabinete tucano, a providência irá chegar após a porta ter sido arrombada.

ARBITRARIEDADE

Tempo de leitura: < 1 minuto

O advogado Adylson Machado, que também é professor universitário e escritor, foi vítima de uma ação no mínimo pouco razoável por parte da Polícia Militar e de agentes da Secretaria de Trânsito de Itabuna.

Há poucos instantes, Machado saía com seu automóvel da Rua Paulo de Souza, no bairro de Fátima, quando se envolveu em um acidente de trânsito banal, atingindo de leve outro veículo. O advogado foi falar com o outro motorista, mas este não quis conversa. Simplesmente entrou no carro de Machado e arrancou a chave da ignição.

A atitude do sujeito indignou o advogado e a coisa descambou para o bate-boca. Ato contínuo, o motorista nervosinho acionou a Settran e a PM, onde – tudo leva a crer  – possui amigos prestativos. Para resumir a história, o advogado foi detido pela polícia e teve seu carro rebocado, uma consequência totalmente desproporcional diante da banalidade do fato.

Quem viu o exagero classificou a cena como abuso de poder.

DELEGADA CURTE O SONO DOS JUSTOS E SE NEGA A REGISTRAR OCORRÊNCIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Josenildes-Baeta-recusou-atender-ocorrencia_ACRIMA20131022_0032_15Essa notícia vem lá de Manaus, capital do estado do Amazonas.

Segundo o site “A Crítica”, a delegada plantonista do 3º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Josenildes Baeta, dormia tranquilamente em seu plantão, na madrugada de sexta para sábado, quando teve seu merecido descanso interrompido por policiais militares da 2ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). Os homens traziam consigo um suposto traficante, identificado como João Bosco.

Ao ser avisada de que teria que levantar para lavrar o flagrante, a delegada nem quis saber. “Ela nem se levantou para ouvir nossa versão, foi logo dizendo que não ia receber o preso”, declarou um dos PMs, que não quis se identificar.

Para conseguir formalizar o flagrante, os policiais tiveram que ir até outro distrito policial, onde sequer havia delegado de plantão. Eles esperaram até o dia amanhecer para apresentar o preso.

QUADRILHA ATUAVA DENTRO DA CIRETRAN

Tempo de leitura: 2 minutos
Jorge Ribeiro, Zelito Monteiro e José Ferreira, o "Zé Galinha", estão entre os presos na operação

Jorge Ribeiro, Zelito Monteiro e José Ferreira, o “Zé Galinha”, estão entre os presos na operação (foto Divulgação)

A polícia desarticulou nesta terça-feira, 15, uma quadrilha que atuava dentro da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) de Brumado, sudoeste baiano. O bando, comandado por um homem identificado como José Ferreira – o “Zé Galinha” -, tinha a participação de três servidores da Ciretran e um escrivão de polícia.

Na Operação BR-030, como foi batizada a ação deflagrada ontem após 14 meses de investigações, foram presos os servidores públicos Leda Cristina Brito dos Santos e Saulo Miranda Silva dos Santos, da Ciretran de Brumado; Ivan da Silva Santos, da Retran de Paramirim; e o escrivão Ivan Silveira, que já foi encaminhado para a Corregedoria de Polícia em Salvador. Todos responderão por crime de corrupção.

Os outros presos são Zé Galinha, líder da quadrilha; Zelito Monteiro Sobrinho; Laudinei Marinho Souza; Daniel Marinho Souza; e Jorge Ribeiro Rocha. Um menor de 17 anos foi apreendido.

Participaram da operação 100 policiais civis e 41 militares, lotados em Brumado, Salvador, Itapetinga, Bom Jesus da Lapa, Jequié, Guanambi e Vitória da Conquista. Ao todo, foram cumpridos nove mandados de prisão e 19 de busca e apreensão.

ESQUEMA – Segundo o delegado Romilson Dourado, da Delegacia Territorial de Brumado, os servidores públicos envolvidos mantinham um esquema para desvio e venda de motocicletas apreendidas, inclusive com a falsificação de documentos. As motos eram roubadas por homens sob o comando de Zé Galinha e revendidas na zona rural por valores entre R$ 600 e R$ 700,00.

Com o bando, a polícia apreendeu 15 motocicletas, 10 carros, R$ 20,8 mil em espécie, R$ 116,5 mil em cheques, R$ 70,4 mil em notas promissórias, além de processos de transferência e documentos de veículos. A quadrilha de Zé Galinha também é suspeita de atacar fazendas à noite para roubar gado.

QUANDO O JUDICIÁRIO TRAVA, A BANDIDAGEM AGRADECE

Tempo de leitura: < 1 minuto

A falta de juízes titulares na comarca de Itabuna tem gerado inúmeros problemas para a população local e acaba contribuindo com a criminalidade, conforme ficou claro nas últimas semanas.

Em setembro, a cidade voltou a enfrentar crescimento da violência, materializada em sua pior modalidade: os homicídios. Houve casos em que a polícia tinha indícios suficientes para prender suspeitos, mas não havia juízes para expedir os mandados.

A situação na comarca continua a mesma, mas nesta semana, segundo o Plantão Itabuna, o delegado Evy Paternostro, titular da 6ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Corpin), finalmente conseguiu 30 ordens judiciais, que viabilizaram a Operação Plutão. Resultado: 17 prisões de bandidos envolvidos com o tráfico de drogas e homicídios.

A operação também identificou, mais uma vez, internos do Conjunto Penal de Itabuna que, com o uso de celulares, coordenavam o tráfico e mandavam matar pessoas do lado de fora.

POLÍCIA PRENDE 17 SUSPEITOS DE TRÁFICO E HOMICÍDIOS EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Operação envolveu cerca de 100 policiais (foto Plantão Itabuna)

Delegado Evy Paternostro comandou a operação (foto Plantão Itabuna)

Cerca de 100 policiais civis e militares participaram na manhã desta sexta-feira, 11, em Itabuna, da Operação Plutão, deflagrada para tirar de circulação elementos suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas e homicídios cometidos na cidade. O saldo da ação foi de 17 prisões, além da apreensão de armas e uma moto que seria usada para entrega de entorpecentes.

Segundo o Plantão Itabuna, as prisões ocorreram nos bairros Nova Itabuna, Lomanto e Jorge Amado. Entre os presos, está o bandido conhecido como “Pica-Pau”, apontado como autor de homicídios.

A operação foi comandada pelo coordenador da 6ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Corpin), delegado Evy Paternostro.

COMERCIANTE EXECUTADO EM JUSSARI

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um comerciante conhecido como Vanzinho Ribeiro, foi executado na manhã deste sábado, 28, em Jussari, a 63 quilômetros de Itabuna. Segundo o Radar, a vítima, que atuava no ramo de material de construção, morreu quando fazia uma entrega de produtos em uma casa próxima ao Hospital Gileno Amado.

Testemunhas disseram que o assassino estava em uma moto e disparou cinco tiros contra o comerciante, todos na cabeça. Após o crime, o bandido fugiu em direção ao distrito de Areia Branca. Há informações de que nenhum objeto ou dinheiro foi levado da vítima.

Vanzinho já atuou como jogador de futebol amador. Em razão do crime, o prefeito de Jussari, Valnio Muniz (PT), determinou a suspensão da final de um campeonato que seria realizada neste domingo, 29.

Back To Top