skip to Main Content
26 de outubro de 2020 | 06:10 pm

DE PÊNALTI, BAHIA EMPATA NO FINALZINHO CONTRA O INTER NO RS

Nino Paraíba, do Bahia, e Patrick, do Inter, em lance de hoje || Foto Divulgação Internacional/RS
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Bahia empatou em 2 a 2 com o Internacional de Porto Alegre, neste domingo (6), em jogo que foi decidido pelo árbitro de vídeo (VAR). O gol de empate veio aos 51 minutos do segundo tempo, de pênalti.

O tricolor saiu na frente com Rodriguinho, mas Patrick e Thiago Galhardo marcaram os gols do time gaúcho. Já no finalzinho, Clayson, cobrando pênalti, deixou tudo igual para o tricolor.

Com o resultado, o Bahia chegou aos nove pontos no Brasileirão e permaneceu na 11ª colocação. Já o Internacional somou 17 e segue na ponta na Série A.

O tricolor volta aos gramados na próxima quinta-feira (10), quando recebe o Grêmio, às 19h15min, no estádio de Pituaçu, pela 9ª rodada do Brasileirão. Com Correio24h.

VACINA CONTRA A DENGUE É TESTADA EM VOLUNTÁRIOS EM PORTO ALEGRE

Tempo de leitura: 2 minutos
Doença transmitida por mosquito já provocou mais de 10 mortes em Itabuna nos últimos anos.

Doença transmitida por mosquito já provocou mais de 10 mortes em Itabuna.

A vacina brasileira contra a dengue desenvolvida pelo Instituto Butantan será testada em voluntários da cidade de Porto Alegre (RS). Esta é a última etapa de testes antes de ser submetida à aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para ser produzida em larga escala e usada em campanhas de imunização.

Participam mil voluntários, com idade entre 18 a 59 anos. Uma equipe médica vai acompanhar os efeitos da vacina durante cinco anos. Os pesquisadores vão comparar a consistência da resposta imune entre os diferentes lotes da vacina.

Durante os testes, dois terços dos voluntários recebem a vacina e, no restante, é aplicado um placebo. A vacina foi produzida para proteger contra os quatro sorotipos da dengue com uma única dose.

TESTES

Outros testes também estão em andamento em Manaus (AM), Fortaleza (CE), Boa Vista (RR), Porto Velho (RO), São José do Rio Preto (SP) e São Paulo (SP). No total, os testes envolverão 17 mil voluntários em 13 cidades brasileiras.

Leia Mais

GOVERNO OFICIALIZA PLANO DE PRIVATIZAR MAIS 4 AEROPORTOS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Salvador está entre terminais a serem privatizados.

Salvador está entre terminais a serem privatizados.

Os aeroportos de Salvador, Florianópolis (SC), Fortaleza (CE) e Porto Alegre (RS) serão privatizados. A decisão está publicada na edição desta sexta (11), no Diário Oficial da União.

De acordo com o decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff, a Secretaria da Aviação Civil executará o plano de desnacionalização e o acompanhamento do processo de “desestatização”.

A secretaria, que tem status de ministério, também, segundo o decreto, deverá “conduzir e aprovar estudos, projetos, levantamentos ou investigações que subsidiarão a modelagem da desestatização”.

BAHIA LANÇA MASCOTE CONTRA RACISMO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Bahia lançou a Lindona do Bahêa, hoje, em resposta a mais um caso de racismo no futebol brasileiro. Ontem (28), o goleiro Aranha, do Santos, foi chamado de “macaco” por torcedores do Grêmio em jogo válido pela Copa do Brasil, em Porto Alegre.
O time de Aranha venceu o jogo por 2 a 0, na Arena do Grêmio, mas parece que está cada vez mais difícil vencer o racismo nos campos brasileiros. Confira a mulher-maravilha Lindona do Bahêa, que fará par com o super-homem tricolor.

Lindona do Bahêa é mascote contra racismo (Reprodução).

Lindona do Bahêa é mascote contra racismo (Reprodução).

ELEIÇÕES 2012: JABES COMETE PLÁGIO EM PROGRAMA DE GOVERNO

Tempo de leitura: 3 minutos

Jabes: programa de governo copiado do gaúcho Fogaça.

O início da campanha eleitoral oficial deste ano em Ilhéus ganha ingrediente novo. Uma lupa no programa de governo do candidato a prefeito Jabes Ribeiro (PP) mostra que o mesmo é um genérico de um outro plano elaborado em 2008 para a Prefeitura de Porto Alegre pelo então prefeito e candidato à reeleição José Fogaça (confira trechos comparativos mais abaixo).

Registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o plano de governo de Jabes foi apresentado neste início de campanha como resultado de análises de “cabeças pensantes” de Ilhéus, a exemplo de figuras como o ex-reitor da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), Joaquim Bastos. Não passa de plágio.

As semelhanças entre os dois planos são “muito grandes”, embora Ilhéus e Porto Alegre apresentem realidades socioeconômicas bastante distintas. Quem descobriu a pérola foi um professor da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), que usou a experiência em rastrear plágio de estudantes. O “detetive” pediu para que seu nome seja mantido no anonimato. Teme represálias.

Diz o professor:

– Não se trata de um só trecho copiado. Em vários momentos, podemos perceber semelhanças muito grandes entre um plano e outro, sem que, no caso de Ilhéus, tenha sido citada a fonte criadora do conteúdo – revela o responsável pela descoberta.

O documento fala de um Jabes Ribeiro “muito mais amadurecido, experiente e preparado técnica e politicamente, preenchendo as condições e capacidade de articulação dialógica, exigida pela moderna cultura política democrática e republicana, suprapartidária, dos tempos atuais”. E fecha citando um “rigor na preservação de valores éticos”.

O professor que identificou o plágio no programa de governo alerta. “Resta saber se as propostas de Fogaça para Porto Alegre, uma das cidades mais desenvolvidas do Brasil, cabem para uma cidade do porte de Ilhéus, situada no nordeste e com condições sociais e econômicas completamente distantes das do sul do País”.

Confira íntegras dos dois programas de governo.

Programa de governo Fogaça, 2008

Programa de governo Jabes, 2012.

O PLÁGIO

Confira algumas dos trechos copiados, sem referência, por Jabes (clique para ampliar):

Fogaça, Porto Alegre (RS), eleição de 2008.

Jabes, Ilhéus (BA), eleição 2012.

Controle Social

Fogaça, 2008: Controle Social.

Jabes plagia na íntegra, eleição 2012.

 No fim, o começo de tudo…

Fogaça, 2008, introdução do Programa de Governo.

Jabes, 2012, introdução do Programa de Governo.

Back To Top