skip to Main Content
21 de junho de 2021 | 02:28 pm

LG DEIXARÁ DE PRODUZIR SMARTPHONES; DECISÃO ATINGIRÁ FÁBRICAS NO BRASIL

Decisão da LG atinge unidades da empresa no Brasil.
Tempo de leitura: 2 minutos

A LG informou, nesta segunda-feira (5), que deixará de fabricar celulares. A decisão do fechamento da divisão global de produção de smartphones foi tomada pela sede da empresa, na Coreia do Sul.

“Desde o segundo semestre de 2015, o nosso negócio global de celulares tem sofrido uma perda operacional por 23 trimestres consecutivos, resultando em um acumulado de cerca de 4,1 bilhões de dólares (US) até o final de 2020”, destacou a LG em comunicado à imprensa.

“Depois de avaliar todas as possibilidades para o futuro do nosso negócio de celulares, o Headquarter Global [sede global da empresa] decidiu por fechar esta divisão a fim de fortalecer sua competitividade futura por meio de seleção e foco estratégico”, acrescentou a gigante de tecnologia.

BRASIL

A LG é uma das maiores empresas de eletrônicos no Brasil. Presente no país há mais de 15 anos, a empresa conta com três subsidiárias próprias: um escritório em São Paulo e duas unidades produtivas, em Manaus e outra em Taubaté (SP). Procurada pela reportagem, a empresa não informou os impactos que o fim da produção global de smartphones terá nas fábricas no Brasil.

“[A LG Electronics do Brasil] irá se concentrar fortemente em seus negócios de modo a continuar a fornecer produtos e serviços inovadores que tornarão a vida melhor”, diz nota da empresa.

GREVE

Os funcionários da LG em Taubaté estão em estado de greve desde o último dia 26. De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté e Região, a planta da empresa, no interior paulista, tem cerca mil empregados, sendo 400 no setor de celulares.

Os funcionários de três empresas fornecedoras da LG, também no interior paulista, – Sun Tech, em São José dos Campos (SP), Blue Tech e 3C, em Caçapava (SP) – anunciaram hoje (5) que vão entrar em greve para pressionar a empresa sul-coreana a preservar os empregos no Brasil. As três fábricas produzem exclusivamente celulares para a LG.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos (SP), o fim da produção de celulares da LG deverá levar ao fechamento de 430 postos de trabalho nas fornecedoras.  Veja em leia que o Procon cobra esclarecimentos da empresa.

Leia Mais

BANDIDOS INVADEM ESCOLA EM ILHÉUS E LEVAM FARDOS DE ALIMENTOS DAS CRIANÇAS

Escola em Ilhéus é alvo de bandidos pela terceira vez neste ano
Tempo de leitura: < 1 minuto

A  Escola Municipal de Vila Nazaré, da rede municipal de Ilhéus,  foi furtada pela terceira vez este ano. De acordo com a Secretaria de Educação de Ilhéus, 90 alunos de 6 a 12 anos serão diretamente prejudicados com o ato criminoso, que contou ainda com ações de vandalismo. A escola está situada no Teotônio Vilela.

“Nesta sexta-feira quebraram a grade lateral da Escola, levaram o único televisor que os alunos usavam, de quarenta e duas polegadas, uma tela de computador, um teclado, um mouse, dois micro systems, os fardos de arroz e feijão e inclusive pratos da alimentação escolar”, explicou a diretora da  Escola Municipal de Vila Nazaré, Janaína Sacramento.

A professora informa que esta é a terceira vez que furtam equipamentos de educação dos alunos, tendo sido esta a vez em que houve mais estragos. “Como eles deixaram a escola, é de uma tristeza muito grande. Quebraram e destruíram tudo”, lamentou.

Nas outras ocasiões, sendo a primeira no mês de fevereiro, e a outra no último dia 3 de abril, os criminosos furtaram o roteador e equipamentos eletrônicos como três telas de computador, três teclados e três mouses foram furtados. “A escola está sem internet e equipamentos”, disse a professora.

“Pedimos às pessoas da comunidade do Teotônio Vilela, que sabem da importância da educação para os seus filhos, que denunciem para possamos proteger a nossa escola. Fazemos tudo com tanto amor, para uma situação dessa estar acontecendo. Os maiores prejudicados são os alunos, que ficam sem uma estrutura escolar adequada”, disse a secretária Eliane Oliveira.

TEMPORAL PROVOCA ALAGAMENTOS E GERA PREJUÍZOS NO SUL E EXTREMO-SUL DA BAHIA

Tempo de leitura: 2 minutos

Ruas alagadas no centro de Coaraci|| Fotos redes socais

Moradores de municípios do sul e extremo-sul da Bahia contabilizam os prejuízos com o temporal que cai neste quarta-feira (22).Em Coaraci, entre os pontos mais atingidos estão a rua J.J. Seabra e Avenida Itapitanga, que tiveram centenas de casas e estabelecimentos comerciais alagados no meio da tarde de hoje.

Vendaval derrubou árvore em Salvador

Em Itabuna, houve vários pontos de alagamento nas avenidas J.S. Pinheiro, Ilhéus,   Cinquentenário, Amélia Amado, Manoel Chaves, além de ruas em bairros como Fátima, Santo Antônio, Sarinha, Califórnia, São Caetano, Pontalzinho, Carlos Silva e Morumbi. Em Ipiaú,foram registrados alagamentos em localidades como Rua do Sapo, Manoel Souza Chaves, Praça do Cinquentenário e Avenida Getúlio.

Leia Mais

LOJISTA ESTIMA EM R$ 1,2 MILHÃO PREJUÍZO CAUSADO POR INCÊNDIO EM ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos

Incêndio destruiu lojas na Cinquentenário e no Calçadão

O empresário Antônio Carlos estima que o prejuízo com comprometimento da estrutura da loja e a perda de mercadorias e máquinas destruídas durante um incêndio na tarde de domingo (11), no centro de Itabuna, pode chegar a R$ 1,2 milhão. O proprietário da loja de produtos infantis, no Calçadão da Ruy Barbosa, contou que perdeu quase toda a mercadoria, incluindo as peças compradas para reforçar o estoque neste final de ano.
Há suspeitas de que o fogo tenha começado no depósito de uma loja de materiais de construção e ferragens, na Avenida do Cinquentenário, e se espalhado para o Calçadão da Ruy Barbosa. Mas somente a perícia que será feita nesta segunda-feira pelo  Departamento de Polícia Técnica poderá indicar onde o fogo começou e quais as causas do incêndio, que também atingiu parcialmente outras duas lojas na Ruy Barbosa.
HIDRANTE NÃO FUNCIONOU
As equipes do 5º Grupamento do Corpo de Bombeiros chegaram aos imóveis 20 minutos depois do início do incêndio, mas tiveram o trabalho dificultado porque o hidrante mais próximo das ocorrências não funcionou. O problema teria ocorrido por falta de manutenção do equipamento de segurança. O incêndio foi controlado 3 horas depois do início, por volta das 17 horas.
A Emasa informou que vai iniciar ainda nesta semana a manutenção de todos os hidrantes instalados na Avenida do Cinquentenário. Disse ainda que assim que foi acionada enviou carros-pipa para abastecer os caminhões do Corpo de Bombeiros.

MORADORES SOFREM COM ALAGAMENTOS PERTO DA FEIRA DO SÃO CAETANO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Moradores de ruas e travessas próximas a feira do São Caetano sofrem com alagamentos|| Foto Paulo  Vicente

Moradores e comerciantes do São Caetano reclamam que a falta de regularidade na limpeza das bocas de lobos pela Prefeitura de Itabuna tem gerado alagamentos nas ruas e travessas próximas à feira livre do bairro.  Eles se queixam que as chuvas que caíram ontem e nesta quarta-feira (10), por exemplo, deixaram vários pontos intransitáveis e causaram prejuízos, com inundações de alguns imóveis pela água suja.
Os moradores querem que a Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna promova a desobstrução da rede pluvial, principalmente nas travessas Floresta e São Pedro. Pedem também que a prefeitura promova uma campanha de conscientização junto aos feirantes do São Caetano para que eles não abandonem produtos estragados no meio da rua. Os moradores afirmam que esses produtos são levados pela água da chuva para dentro da rede pluvial.

ONDAS DE 3 METROS DERRUBAM MURO DE CASA E BARRACA EM ILHÉUS

Tempo de leitura: 2 minutos
Ressaca destrói cabana na praia de Ilhéus

Ressaca destrói cabana em praia de Ilhéus

Com ondas de até três metros de altura, uma ressaca no mar de Ilhéus, no sul da Bahia, derrubou o muro de uma casa de praia e parte de uma barraca na madrugada deste sábado (7). A situação não deixou feridos.

Ondas derrubam muro em Ilhéus

Ondas derrubam muro de casa

Segundo a Defesa Civil, o longo histórico de queimadas e poluição tem contribuído com o aquecimento global e elevado o nível do mar. Diante de ventos mais fortes, a maré acaba atingindo as cabanas e imóveis que ficam mais próximos da praia.

Ondas geram prejuízos em Ilhéus

Ondas geram prejuízos em Ilhéus

O problema tem acontecido em todo o litoral sul da Bahia, a exemplo dos municípios de Mucuri, Porto Seguro, Caravelas e Belmonte. Do G1/Bahia.

Back To Top