skip to Main Content
22 de outubro de 2020 | 11:26 pm

COM 162 MORTES PELA COVID-19, ILHÉUS ADIA ÚLTIMA FASE DE LIBERAÇÃO DO COMÉRCIO

Ilhéus registra quase 200 casos de Covid-19 em 24 horas || Foto José Nazal
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Prefeitura de Ilhéus anunciou, nesta quinta-feira (6), o adiamento da quarta etapa de reabertura do comércio. Para esta fase estava previsto o funcionamento de salões de beleza, academias e cabanas de praia. O novo decreto deveria ser publicado até esta sexta-feira.

A Prefeitura informou que a decisão de recuar da quarta etapa ocorreu por causa da recente mudança no cenário da Covid-19 na Bahia. A média móvel de mortes saiu da faixa de estabilidade e passou a ser considerada alta, segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau). Porém, justamente nesta quinta-feira, a média dos óbitos em 14 dias voltou à estabilidade no estado, cenário diferente do registrado no município sul-baiano.

O número de mortes pelo novo coronavírus em Ilhéus não para de crescer. Entre o dia 1º deste mês e esta quinta-feira (6) foram 21 óbitos no município. Somente nas últimas 24 horas, ocorreram seis mortes, chegando a 162 desde o início da pandemia. Em seis dias, o número de infectados pelo novo coronavírus passou de 3.334 para 3.696.

Ilhéus tem 57 pacientes internados em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 352 pessoas esperam o resultado do exame. Há 370 pessoas com os sintomas da doença em isolamento e 3.107 curados.

MP-BA QUER A SUSPENSÃO DE DECRETO DE REABERTURA DO COMÉRCIO DE VALENÇA

MP-BA emite parecer contra decreto que autorizou a reabertura de comércio
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Ministério Público da Bahia emitiu parecer favorável à suspensão de decreto municipal que flexibilizou o isolamento social no município de Valença e permitiu o funcionamento dos estabelecimentos comerciais, de serviços e similares não essenciais . A manifestação foi pela promotora de Justiça Andréa Ariadna em razão de pedido de liminar em ação civil pública da Defensoria Pública do Estado da Bahia.

Na ação, foi solicitado à Justiça também que o município não autorize o retorno de atividades não essenciais durante o estado de emergência de saúde pública decorrente da pandemia, sem prévia apresentação de justificativa técnica fundamentada. O decreto municipal foi editado no dia 25 de junho.

No parecer favorável à concessão da liminar, a promotora de Justiça Andréa Ariadna afirma que o distanciamento ou isolamento social, com a suspensão de atividades não essenciais, apresenta-se indispensável não apenas para proteger a saúde dos valencianos, mas também preservar e possibilitar que a rede de saúde, em quantidade e qualidade.

Ela destacou também que a Superintendência de Vigilância e Proteção de Saúde (Suvisa), da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), apontou, em resposta ao MP-BA, que a flexibilização das atividades comerciais não essenciais poderia levar a um aumento de casos da Covid-19 no município, com base nos dados epidemiológicos locais.

MP-BA PEDE REAVALIAÇÃO SOBRE DECISÃO DA REABERTURA DE COMÉRCIO EM GANDU

Comércio de Gandu, município que registrou 3 óbitos pela covid-19 nos últimos dias
Tempo de leitura: 2 minutos

A Prefeitura de Gandu deverá reavaliar o decreto que autorizou a reabertura do comércio local. A orientação é do Ministério Público da Bahia, que encaminhou recomendação ao prefeito Leonardo Barbosa, o Leo de Neco, nesta sexta-feira (19).

No documento, a promotora de Justiça Maria Anita Corrêa destaca que o número de casos de pessoas com a Covid-19 apresenta um crescimento considerável, já são 312 contaminados, e recomenda que seja permitido apenas o funcionamento dos serviços considerados essenciais

A promotora de Justiça destaca que, caso o município entenda que o funcionamento de serviços não essenciais possa continuar, apresente justificativa técnica fundamentada, embasada em evidências científicas e análises calcadas em indicadores de vigilância e assistência acerca de informações estratégicas em saúde na localidade, em especial decorrentes de projeções baseadas em estudos de cenário.

Leia Mais

MP-BA QUER EXPLICAÇÕES PARA FLEXIBILIZAÇÃO DA ABERTURA DO COMÉRCIO EM FEIRA DE SANTANA

Ministério Público cobra explicações sobre reabertura do comércio de Feira
Tempo de leitura: 2 minutos

O Ministério Público da Bahia solicitou ao prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, que informe tecnicamente o que motivou a flexibilização das medidas restritivas ao comércio local.

Na quarta-feira (17), o promotor de Justiça Audo Rodrigues encaminhou ofício ao prefeito pedindo que, no prazo de 72 horas, seja enviado  relatório, laudo técnico ou estudo equivalente, que tenha sido usado como base para a flexibilização prevista em decreto publicado na segunda-feira (15).

“Em que pese o avanço de todos os índices relativos à Covid-19 no município – inclusive aqueles utilizados pelo Poder Público como norteadores das decisões de políticas públicas – as restrições de abertura do comércio foram flexibilizadas”, registra Audo Rodrigues.

Ele solicitou ainda que seja informada a taxa semanal do aumento do número de casos registrados no município, nos últimos 30 dias; a taxa semanal do número de mortes por COVID-19 nos últimos 30 dias; a taxa de letalidade da doença na cidade; a prevalência da Covid-19 na população local.

Cobra informações também sobre o grau de isolamento social no município, organizado semanalmente, desde março de 2020; a taxa de aumento dos casos suspeitos, organizada semanalmente, desde março de 2020; e a taxa de ocupação de leitos de UTI destinados à Covid-19 no município.

Leia Mais

COMÉRCIO DE EUNÁPOLIS SERÁ REABERTO NESTA QUARTA-FEIRA

Comércio de Eunápolis será reaberto nesta quarta-feira
Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito de Eunápolis, Robério Oliveira, anunciou, nesta terça-feira (16), a reabertura gradativa do comércio do município do extremo-sul da Bahia. Com validade até 6 de julho, o decreto publicado no Diário Oficial do Município autoriza as lojas a funcionar a partir desta quarta-feira (16).

O decreto traz restrições sobre os funcionários dos estabelecimentos comerciais. Os trabalhadores com mais de 60 anos, hipertensos, diabéticos, gestantes, com histórico de doenças respiratórias ou crônicas devem trabalhar somente em home office (de casa). Os estabelecimentos devem disponibilizar álcool gel.

Não será permitida a entrada de clientes sem máscaras nos estabelecimentos e deve ser evitado que as pessoas circulem a menos de um metro e meio de distância. O decreto também mantém o toque de recolher, das 20h às 5h.

De acordo com o boletim epidemiológico, Eunápolis tem 437 casos confirmados do novo coronavírus, com 10 óbitos e 23 infectados pelo vírus internados. Além disso, há 198 pessoas sendo monitoradas e outras 227 com sintomas da doença em isolamento. Acesse aqui o  decreto.

PARA MP-BA, NÃO HÁ CONDIÇÕES DE REABERTURA DO COMÉRCIO DE ITABUNA

Confiança do comércio volta a crescer, aponta pesquisa
Tempo de leitura: < 1 minuto

A promotoria local do Ministério Público Estadual (MP-BA) posicionou-se contrário à reabertura do comércio de Itabuna, prevista para a próxima segunda-feira (8). O posicionamento ocorreu durante reunião com os procuradores do município, nesta quinta (4), informa o Ipolítica. A reabertura foi anunciada pelo prefeito Fernando Gomes há dois dias.

O MP aponta também a ausência de análise técnica que respalde a reabertura do comércio, ausência de vagas regulares de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes Covid-19.

A reunião, além de procuradores do município e da promotoria, teve participação de representantes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Desde o final de março, apenas os serviços considerados essenciais do comércio local estão funcionando, como forma de reduzir o espalhamento da covid-19 no município.

JEQUIÉ ATINGE 440 CASOS DO NOVO CORONAVÍRUS E 16 MORTES

Jequié registra 83 óbitos por Covid-19
Tempo de leitura: < 1 minuto

O número de infectados pelo novo coronavírus em Jequié disparou em um mês. No dia 3 de maio eram 68 casos confirmados de Covid-19. Nesta quarta-feira (3), chegou a marca de 440 pessoas contaminadas pela doença no município do sudoeste baiano. Nos últimos 30 dias foram contabilizados 362 casos novos.

De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde, em 3 de maio eram 333 notificações, com 212 descartados e 25 esperando resultado de exames.  Naquela data, o município tinha 15 pessoas recuperadas e uma morte. Eram 640 pessoas com sintomas da doença em quarentena.

Nesta quarta-feira, o número de pessoas em quarentena chegou a 1.533, com 662 casos da doença descartados. 23 pessoas esperam o resultado de exame e 157 estão curadas da doença. Hoje, são 16 mortos em Jequié, dois a mais que ontem. Mesmo com o número de casos subindo rapidamente, a prefeitura e os empresários discutem a reabertura do comércio, o que deve ocorrer na próxima semana.

ILHÉUS REGISTRA 5 ÓBITOS CAUSADOS PELA COVID-19 NA VÉSPERA DA REABERTURA DO COMÉRCIO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O comércio de Ilhéus vai reabrir, gradualmente, a partir desta quarta-feira (3), conforme anúncio do prefeito Mário Alexandre. Na véspera, hoje (2), a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) acaba de confirmar cinco mortes causadas pelo novo coronavírus (Covid-19) no município sul-baiano.  As vítimas tinham entre 36 e 96 anos.

As mortes ocorreram no período que vai da quinta (28) ao último domingo (31), porém somente no início desta noite foram confirmadas pela Sesab. O boletim de Ilhéus também não registrava estas mortes.

Segundo a Sesab, uma das vítimas, um homem de 74 anos, faleceu no Hospital Costa do Cacau, no dia 28, após 24 dias internado. Ele não apresentava comorbidades.

A segunda vítima, de 96 anos, mulher, era portadora de doença cardiovascular e faleceu no Costa do Cacau no dia 28, três dias após a internação.  Outra mulher, esta de 64 anos, faleceu também no dia 28 e tinha problemas cardiovasculares.

Mais jovem das cinco vítimas, um homem de 36 anos faleceu no sábado (30), momentos depois de dar entrada no Hospital Costa do Cacau. Ele também tinha problemas cardíacos, conforme a Sesab.

Das cinco vítimas, o último óbito ocorreu no domingo (31), quando um homem de 75 anos faleceu, após 7 dias internado. Ele era diabético e tinha doença cardiovascular.

SESAB: 623 CASOS CONFIRMADOS

Desde o início da pandemia, Ilhéus apresenta um total de 623 casos confirmados da doença, segundo a Sesab. Já de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), são apenas 569 casos, dos quais 367 estão curados e há 168 pacientes em recuperação, seja em casa ou internado. O município dispõe de 36 leitos de UTI. Destes, 31 estão com pacientes, segundo a Sesau.

VITÓRIA DA CONQUISTA REABRE COMÉRCIO A PARTIR DA PRÓXIMA SEMANA

Vitória da Conquista divulga perfil de infectados pela Covid-19
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Prefeitura de Vitória da Conquista anunciou, nesta quarta-feira (27), a reabertura do comércio. O protocolo para o reinício das atividades no município do sudoeste da Bahia foi apresentado pelo secretário de Administração, Kairan Rocha, aos representantes do Comitê de Representação Civil e Institucional.

A prefeitura informou que, após três meses de trabalho de prevenção, controle e combate à Covid-19, com a estruturação para o atendimento médico e com as medidas restritivas de circulação, Vitória da Conquista possui o número de casos confirmados menor do que outros municípios baianos de mesmo porte. Disse ainda que, atualmente, a taxa de ocupação de leitos clínicos é de 7,8% e de leitos de UTI 38%.

A reabertura do comércio será iniciada a partir do dia 1º de junho. “As atividades econômicas de Vitória da Conquista vão ser retomadas de forma gradual, organizada e coordenada, seguindo critérios de segurança máxima”, explica o secretário, Kairan Rocha.

O secretário informou ainda que a manutenção do funcionamento do comércio está vinculada diretamente ao monitoramento do crescimento dos casos de coronavírus no município. A reabertura avança ou retrocede de acordo a taxa de incidência/crescimento de novos casos de coronavírus e a taxa de Ocupação de UTI e/ou Leito Clínico.

Ele informou que, caso haja aumento fora dos parâmetros de segurança, imediatamente a Prefeitura vai revogar a decisão e definir pelo fechamento do comércio não essencial mais uma vez. O município tem 117 infectados e cinco mortos pelo novo coronavírus.

COM QUATRO CASOS DE COVID-19, ITAPETINGA REABRE COMÉRCIO NESTA SEGUNDA-FEIRA

Itapetinga, no sudoeste da Bahia, está entre municípios com registro de óbito hoje pela Sesab
Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito de Itapetinga, no sudoeste da Bahia, Rodrigo Hagge, assinou decreto autorizando a reabertura do comércio local a partir desta segunda-feira (13). A decisão foi publicada numa edição extra do Diário Oficial do Município, no início da noite deste domingo (12).

De acordo com o decreto, as empresas deverão obedecer certas regras. Cada estabelecimento só poderá receber uma pessoa a cada 5m². Ou seja, uma loja de 50m² poderá ter em seu interior, ao mesmo tempo, 10 pessoas, contando com os funcionários.

Academias devem restringir o seu funcionamento a uma pessoa a cada 10m². As aulas coletivas permanecem suspensas. Bares e restaurantes poderão funcionar limitando a 50% da sua capacidade de atender clientes sentados e respeitando a distância de 2 metros entre as cadeiras de uma mesa e outra.

Profissionais liberais, barbearias e salões de beleza só poderão atender com hora marcada, sendo vedada fila presencial. Os templos religiosos devem restringir seu público a um terço da sua capacidade, retirando ou isolando bancos e cadeiras.

Os trabalhadores devem usar máscaras e o estabelecimento comercial deve disponibilizar álcool 70% ou local com água e sabão para higienização de clientes e funcionários.

NOVOS CASOS E PRORROGAÇÃO DA SUSPENSÃO DAS AULAS

Já a suspensão das aulas de escolas particulares e da rede pública municipal foi prorrogada até o dia 1º de maio.

Neste domingo, Itapetinga teve o quarto quase confirmado da Covid-19. Trata-se de uma mulher, de 40 anos, que, desde o início do mês, é monitorada pela Vigilância Epidemiológica do Município. Ela teve contato direto com outro caso positivado. A paciente passa bem, está assintomática, respeitando o isolamento domiciliar, segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde.

Back To Top