skip to Main Content
28 de outubro de 2020 | 11:05 pm

EX-PRESIDENTE DA FICC ASSUMIRÁ A SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Nilmecy Gonçalves assumirá Secretaria de Educação nesta segunda

Nilmecy Gonçalves, professora e ex-presidente da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), foi a escolhida pelo prefeito Fernando Gomes para substituir Anorina Smith Lima no comando da Secretaria de Educação.
A posse de Nilmecy está marcada para as 15 horas desta segunda (25), no gabinete do prefeito, no Centro Administrativo Firmino Alves.
A escolha para uma das mais importantes secretarias do governo surpreendeu até mesmo fernandistas. Elogiada por seu desempenho à frente da FICC no Governo Vane, a educadora sempre militou em campo oposto ao do prefeito. Houve ranger de dentes na base fernandista por causa da escolha.

RELAÇÃO TENSA E QUEDA DE ANORINA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Já em outubro, os professores foram para a rua pedir a saída de Anorina (no detalhe)

A professora e ex-vereadora Anorina Smith Lima travou uma tensa relação com os antigos colegas do Sindicato do Magistério Municipal de Itabuna (Simpi) no período em que esteve à frente da Secretaria de Educação de Itabuna. No segundo semestre, o governo retirou o adicional de quase um terço dos educadores. Centenas destes profissionais fizeram barulho nas ruas e dentro do Centro Administrativo Firmino Alves.
O que era ruim piorou, ainda mais, em março deste ano, quando os professores decidiram entrar em greve para cobrar o pagamento do terço de férias de 2017. Anorina disse que o movimento era um “exagero” e lançou suspeitas contra o Simpi, que ajudou a criar.
Anorina, para governistas, demonstrou pouca habilidade ao lidar, externamente, com questões delicadas da Pasta, a exemplo de estrutura física das escolas em maio, quando Itabuna voltou ao noticiário nacional devido à precariedade das escolas. Ontem (7), o prefeito Fernando Gomes decidiu exonerar Anorina. O ato ainda não foi publicado no Diário Oficial.

ADEUM SERÁ O SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO DE ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Adeum Sauer: sim ao convite para assumir a Educação

O professor Adeum Sauer deverá assumir a Secretaria de Educação de Itabuna na próxima semana. De acordo com fontes, ele aceitou o convite do prefeito Fernando Gomes para o cargo. A nomeação deverá ser publicada no Diário Oficial de terça. O cargo hoje é ocupado pela professora Anorina Smith Lima, que entrou em rota de colisão com o sindicato dos professores (Simpi).
Caso se confirme, será a terceira vez que Sauer ocupará o cargo. As últimas foram nas duas gestões do ex-prefeito e ex-deputado Geraldo Simões – 1993-1996 e 2001-2004. O professor também já comandou a Secretaria Estadual de Educação no primeiro governo de Jaques Wagner, no período de 2007 a 2009.

QUE SITUAÇÃO…

Tempo de leitura: < 1 minuto

dinheiroEstagiários que atuam como auxiliares em creches da rede municipal de ensino em Itabuna receberam hoje (15) o pagamento da bolsa-auxílio relativa a outubro. O problema é que a Secretaria de Educação de Itabuna transformou a obrigação numa espécie de “mega-sena”. O auxílio está sempre acumulando.

Nessa piada sem graça, os estagiários reclamam que, justamente nesta terça, completou-se mais um mês de auxílio em atraso. Ou seja, receberam outubro, mas faltam os pagamentos referentes a 15 de novembro e – agora – 15 de dezembro. A promessa é de que o relativo a novembro estava sendo encaminhado para quitação nos próximos dias.

São 300 estagiários nesta situação.

DINALVA E OS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Interessante a entrevista concedida ao jornal A Região pela futura secretária de Educação de Itabuna, Dinalva Melo. Ela fala dos desafios a serem enfrentados na Pasta, diz que buscará o diálogo (com alunos, pais e mestres) e defende a associação da educação com a ciência e a tecnologia.

Queremos uma escola em que o computador não seja apenas um objeto decorativo, mas que o professor se habilite cada vez mais a fazer uma docência online. São ações que motivam o estudante. Às vezes os métodos são medievais. É a escola em que se fala e se ouve, sem questionamento.

Confira a íntegra da entrevista

 

EU QUERO É PAZ…

Tempo de leitura: < 1 minuto

O projeto de “terceira via” maquinado pelo ex-prefeito Fernando Gomes para o secretário de Educação de Itabuna, Gustavo Lisboa, deu chabu. Ao contrário da impressão passada a assessores próximos momentos depois do almoço com Zé de Cuma, o secretário não quer nem saber de disputar a prefeitura… de Itabuna. No máximo, almejaria a prefeitura de sua terra natal e de familiares, Itajuípe.
E se o chefe político de ontem mantiver a pressão, ele larga tudo e pica a mula para fazer doutorado na “Zoropa”.
Ainda ao ex-prefeito – a quem atende sempre com respeito, deixou claro que pensar em disputar 2012 seria agir com deslealdade a quem hoje está na cadeira principal do centro administrativo Firmino Alves. Fernando entendeu. A versão é confirmada com quem esteve à mesa, no Palace Bistrô.
Na verdade, na verdade, Gustavo sabe que disputar a prefeitura exigiria participar de complexa operação da qual não estaria interessado em participar. E, segundo, conhece bem a realidade financeira dos cofres municipais e o que pode estourar ainda entre 2011 e as eleições vindouras.

PEDAGOGAS NA FAXINA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Estagiárias de pedagogia contratadas pela Secretaria de Educação de Itabuna denunciam que estão sendo submetidas a trabalho que nada tem a ver com a área de atuação para a qual foram selecionadas. Recebendo R$ 400,00 por mês, as futuras pedagogas são obrigadas pelos diretores de creches municipais ou conveniadas a trabalhar como faz-tudo. A rotina incluiria faxinaço completo e limpeza de banheiro.
Atualizado às 16h

INVESTIGAÇÃO DEFINIRÁ CAUSAS DE DESABAMENTO EM ESCOLA DE ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Teto desabou sobre móveis (Reprodução Bahia Online).

Ainda estão sendo apuradas as causas do desabamento do telhado de uma das salas de aula da escola municipal Juca Leão, em Itabuna. Parte do desabamento ocorreu no final da noite de ontem e o restante foi ao chão nesta segunda. Não havia ninguém no prédio que abriga 100 alunos.
As aulas da escola foram suspensas até que a Secretaria de Educação de Itabuna defina um espaço provisório. A escola comunitária está localizada no bairro Emanoel Leão, às margens da BR-101. O incidente chama a atenção para a falta de vistoria permanente de prédios públicos, principalmente aqueles que concentram grande número de pessoas.

Back To Top