skip to Main Content
31 de outubro de 2020 | 10:43 am

SERVIDORES DA JUSTIÇA BAIANA CRUZAM OS BRAÇOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

A ameaça de desconto salarial pelos dias parados em maio e início de junho, durante a greve da categoria, levou os serventuários da Justiça baiana a cruzar os braços nesta sexta, 30. Uma assembleia do Sinpojud em Salvador, nesta manhã, discute a resolução 04/2010, do Tribunal de Justiça da Bahia.
O tribunal determinou o desconto dos dias não-trabalhados durante a greve de mais de um mês. A garantia é de pelo menos 30% dos serviços de cartório e fóruns estarão disponíveis no Estado. Conforme comunicado do Tribunal de Justiça, funcionarão apenas os serviços de liminar de plano de saúde, guia de sepultamento, casamentos pré-agendados e habeas corpus.

Back To Top