skip to Main Content
24 de fevereiro de 2020 | 08:09 am

O SALÁRIO CAIU

Tempo de leitura: < 1 minuto

A provedoria da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna pagou nesta sexta (9) o salário de fevereiro dos 1.800 funcionários e eliminou risco de greve. A paralisação estava prometida para hoje e foi suspensa com a promessa da direção da instituição.
O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde de Itabuna (Sintesi), Raimundo Santana, destacou a grande participação dos funcionários nas assembleias ocorridas no sindicato e nos hospitais.

PRESSÃO NO CAPITÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Sindicato dos Servidores Municipais de Itabuna vai fazer zuada no pé do ouvido do prefeito Capitão Azevedo nesta sexta-feira, dia 9. A partir das 11 horas, a categoria estará em frente à Prefeitura, num protesto pelo cumprimento do acordo coletivo assinado com o governo em dezembro do ano passado.
A entidade lembra que o acordo resultou de intensa negociação e foi assinado pelo prefeito, além da procuradora-geral do município, Juliana Burgos, e o secretário de Administração, Maurício Athayde. De acordo com a presidente do sindicato, Karla Lúcia, o secretário de Governo, Carlos Burgos, opera para impedir que o combinado seja cumprido.
O ato para pressionar o prefeito leva o nome “Cumpre, Capitão!”. Para não perder a viagem, servidores da saúde também também vão participar da manifestação, já que seus salários estão atrasados. O grito destes será: “Paga, Magela!”.

PERITOS COBRAM SOLUÇÃO POLÍTICA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Sindicato dos Peritos Criminalísticos da Bahia divulgou nota, na qual aponta falta de habilidade do governo estadual para negociar politicamente uma saída para a crise instalada a partir da greve dos policiais militares. A entidade observa que “a sociedade baiana se encontra refém do caos”, mas discorda da “conotação marginal” que o governo dá ao movimento grevista.
Os representantes dos peritos criminais reconhecem que há exageros nas ações de alguns policiais e defende que os abusos sejam apurados, e seus responsáveis punidos pelos excessos cometidos. Mas reforça que a greve é justa e conclama o governo a sentar na mesa de negociação. De acordo com o sindicato, “as entidades de classe têm muita dificuldade de dialogar com este governo”.
A entidade avalia que a demora do governo em negociar gerou “o desfecho lamentável da greve”, que hoje completou sete dias e produziu uma situação de caos, mortes e milhões em prejuízos materiais na capital baiana e em cidades do interior.

SINDICATO PLANTA ÁRVORES

Tempo de leitura: < 1 minuto

Para compensar a derrubada de uma castanheira que havia em frente à sua sede, o Sindicato dos Bancários de Itabuna tomou uma iniciativa que merece ser louvada e servir de exemplo: mandou plantar dez mudas de ipê amarelo na Avenida Juracy Magalhães.
De acordo com o sindicato, a castanheira teve que ser retirada porque estava ameaçando a estrutura da sede. Além das mudas de ipê, que foram plantadas ontem, a diretoria da entidade já tinha mandado plantar uma palmeira imperial em frente ao imóvel onde funciona, na Rua Duque de Caxias.
O vice-presidente do sindicato, Luís Sena, diz que “essa é uma iniciativa cidadã, em prol da melhoria da qualidade de vida em Itabuna”.

SINDICATO FECHA LOJA DA INSINUANTE EM ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos

Protesto obrigou a loja a fechar as portas

Mesmo em meio a uma reforma, com poeira pra todo lado, funcionários da loja Insinuante situada na Praça Adami, em Itabuna, trabalhavam normalmente na manhã desta segunda-feira, 25. Quer dizer, normalmente é modo de falar…
Para evitar a inalação das partículas suspensas no ar, todos usavam máscaras, o que não evitava totalmente o incômodo causado pela nuvem de poeira. O Sindicato dos Comerciários considerou a situação absurda e fez um protesto que obrigou a gerência da loja a fechar as portas e dispensar o pessoal.

Funcionários trabalhavam com máscara para se proteger da poeira

Segundo o presidente do sindicato, Jairo Araújo, a loja funcionava sem a menor condição. “Não temos nada contra a Insinuante modernizar sua loja, mas que o faça de portas fechadas, sem a presença dos trabalhadores”, afirmou. Ele explicou que, no interior do estabelecimento, o gesso do teto estava sendo desmontado e partes do piso eram quebradas enquanto os funcionários tentavam se proteger com máscaras. Do lado de fora, uma grande quantidade de entulho se acumulava.
Araújo diz que vai exigir que a loja fique fechada até o término da reforma. Caso contrário, ele afirma que encaminhará denúncia ao Ministério Público do Trabalho.

CHAPA ÚNICA NA ELEIÇÃO DOS COMERCIÁRIOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

O atual vice-presidente do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, Gilson Costa, ligado ao PCdoB, encabeça chapa única na eleição da nova diretoria da entidade, programada para esta sexta-feira, 22. A votação acontece das 8 às 17 horas, na sede do Sindicato.
Na nova chapa, Jairo Araújo, o atual presidente, assumirá o cargo de tesoureiro. Araújo ocupou a presidência por dois mandatos, mas há 17 anos está na diretoria da entidade.

SEIS MESES DE IMPUNIDADE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Faz seis meses nesta quarta-feira, 29, que o dirigente do Sindicato dos Rodoviários da Bahia, Paulo Colombiano, e sua companheira Catarina Galindo foram assassinados. Eles foram alvos de dois bandidos, que estavam em uma moto e abordaram as vítimas quando estas chegavam em casa, no bairro de Brotas, em Salvador. Data do crime: 29 de junho de 2010.
Há indícios, segundo a própria Secretaria da Segurança Pública da Bahia, de que Colombiano e Catarina Galindo foram alvos de crime de mando. No entanto, seis meses depois o crime continua envolvido em mistério e sem autoria conhecida.
Familiares e amigos das vítimas mantêm a oferta de R$ 10 mil de recompensa para quem oferecer informações que levem à identificação dos assassinos.

EVENTO REUNIU TRABALHADORES DE INDÚSTRIAS MOAGEIRAS DO BRASIL E DA HOLANDA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Operários de indústrias moageiras de cacau do Brasil e da Holanda participaram de um encontro entre os dias 23 e 26, no Hotel Praia do Sol, em Ilhéus. Foi uma oportunidade para a troca de experiências e discussão de temas como automação industrial, precarização do trabalho, terceirização e negociação coletiva.
O encontro foi organizado pela TIE-Brasil, uma ONG criada em 1978 na Holanda, voltada ao acompanhamento de sindicatos e trabalhadores de empresas transnacionais. Da programação, constaram visitas à Ceplac e à indústria Barry Callebaut, a única do setor que permitiu a entrada dos participantes do evento.
Para o presidente do Sindicacau, Luiz Fernandes, a atividade foi proveitosa e permitiu um debate sobre a realidade das indústrias moageiras de cacau. “É importante unirmos forças e montarmos estratégias para a melhoria das condições de trabalho e de vida dos trabalhadores do mundo todo”, afirmou.

ELEIÇÃO DO SINSEPI

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os servidores públicos municipais de Ilhéus escolherão nesta segunda-feira, 13, a nova diretoria de seu sindicato. Luiz Cláudio Machado, o Lu, encabeça a chapa que tenta permanecer no comando da entidade pelo terceiro mandato consecutivo e quem enfrenta a hegemonia é o guarda municipal Alex de Aquino.
A eleição não será tranquila. Há notícias de manipulações e irregularidades, inclusive uma manobra para que pessoas estranhas ao quadro de servidores votem num dos candidatos.
Já tem gente de olho na maracutaia e a disputa tem tudo para ir parar na justiça.

COMERCIÁRIOS INICIAM CAMPANHA SALARIAL

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os trabalhadores do comércio de Itabuna definiram a pauta de sua campanha salarial, tendo como principal ponto a reivindicação de um reajuste de 12%. Em assembleia, a categoria também aprovou outros itens que serão negociados com a representação patronal.
A lista inclui auxílio-creche de R$ 75,00, redução da jornada de trabalho, participação nos lucros e a definição de percentuais para as comissões pagas aos comerciários.

Back To Top