skip to Main Content
14 de julho de 2020 | 06:59 pm

SUPERMERCADOS TÊM AUMENTO DE 2,24% NAS VENDAS

Tempo de leitura: 2 minutos
Supermercados esperam aumento de 2% nas vendas em 2015.

Supermercados esperam aumento de 2% nas vendas em 2015.

As vendas em supermercados cresceram 2,24% em 2014 em comparação com 2013, de acordo com balanço divulgado pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras). Conforme os números, foi o desempenho mais fraco desde 2006, quando o setor enfrentou retração de 1,59%. Em dezembro, as vendas tiveram alta de 2,94% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Na comparação com novembro, o movimento no último mês de 2014 registrou crescimento de 20,62%.

Para o presidente da Abras, Fernando Yamada, o crescimento foi possível pelos baixos níveis de desemprego. O desempenho foi um pouco abaixo das projeções iniciais da entidade, que esperava uma expansão de 3% no ano. “Embora tenha crescido menos que 2013, o resultado das vendas em 2014 foi positivo, principalmente pelo desempenho geral da economia brasileira”, analisou.

A estimativa da Abras é de crescimento de 2% para 2015. Yamada ponderou que a estimativa é otimista e pode ser revista, caso haja queda significativa dos indicadores econômicos. “Pelos indicadores, o desemprego ainda vai se manter dentro da faixa que achamos positiva, de 5,7%. Se o nível de renda não cair mais, manteremos a perspectiva”, ressaltou.

A expectativa é que os supermercados continuem com resultados satisfatórias em segmentos como alimentos, bebidas, higiene e beleza. “Há um forte apelos para produtos que tragam satisfação pessoal”, destacou Fábio Gomes da Silva, diretor de Atendimento da Nielsen, empresa que presta serviços de consultoria à Abras.

Segundo ele, há uma tendência de parte da população em continuar comprando em supermercados como forma de compensar a redução de padrão em outras formas de consumo. “No momento em que as pessoas estão endividadas, pressão inflacionária e taxa de juros crescente, se elas têm de abrir mão de algumas coisas, cortam parte do consumo fora do lar. Isto leva o consumidor aos supermercados”. O setor faturou R$ 272,2 bilhões em 2013. Os 84 mil supermercados brasileiros empregam aproximadamente 1,7 milhão de pessoas em todo o país.

ITÃO ENCERRA MAIOR CAMPANHA DE NATAL E ANO NOVO COM ENTREGA DE 3 CARROS

Tempo de leitura: 2 minutos
Maurício, Adriana e Patrick foram os ganhadores dos 3 maiores prêmios da campanha.

Maurício, Adriana e Patrick foram os ganhadores dos 3 maiores prêmios da campanha.

A Rede de Supermercados Itão encerrou hoje (6) a maior campanha de natal e ano novo do Sul da Bahia com a entrega de 3 carros Fiat Pálio zero aos ganhadores Adriana Rigoni e Maurício Martins, de Ilhéus, e Patrick Viana, de Itabuna. O Itão investiu R$ 109 mil em premiação com o sorteio de 50 vales-compras de R$ 400,00 e os três carros zero.
Adriana Rigoni praticamente ganhou presente de aniversário na promoção. Ela foi a vencedora do sorteio do Pálio do dia 30 de janeiro, dois dias após o seu aniversário. “Quando me ligaram informando que eu era ganhadora, nem acreditei. Falei para o gerente: deixe de trote, moço!“.
O perito criminal Maurício Martins também comprou na loja do Itão em Ilhéus, que fica pertinho de onde mora, no Pacheco. Maurício faturou o primeiro carro da promoção, no sorteio do dia 19 de dezembro. “Não esperava nunca por isso. Eu não ganhava nem em par ou ímpar”, diverte-se.
Outro contemplado, Patrick Viana, comemorava a conquista, mas vai esperar, pelo menos, até setembro, quando atinge a maioridade e parte para tirar a carteira de habilitação. Ele foi com a mãe, Lucimeire Viana, para retirar o carro.
NOVA CAMPANHA SORTEARÁ 3 CARROS VW GOL
A rede de supermercados prepara outra grande campanha. Em maio, o Itão lança a campanha junina, que terá a Copa 2014 como mote e vai sortear 3 VW Gol zero. Somente nesta campanha, elaborada pela agência E-10, foram mais de 1,2 milhão de cupons participantes nas lojas de Ilhéus e Itabuna, segundo o gerente de marketing da rede de supermercados, Iran Santos.
Iran e os gerentes Elvores Xavier (loja do centro comercial), Rodinei Marikson (Hiper Itão São Caetano) e Ednildo Sacerdote (loja de Ilhéus) entregaram os maiores prêmios da campanha, hoje, em evento em Itabuna.

PROJETO EXIGE EMPACOTADORES EM SUPERMERCADOS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Brandão quer debate amplo sobre a violência nas escolas

Júnior Brandão é o autor da proposta

Foi aprovado na tarde desta segunda-feira (11) na sessão das comissões técnicas da Câmara de Vereadores de Itabuna  projeto de lei de autoria do vereador Júnior Brandão (PT), dispondo sobre a obrigatoriedade da presença de empacotadores em supermercados e hipermercados. A matéria alcança também as empresas que operam no sistema de “atacarejo”.

Caso a lei seja aprovada em plenário e sancionada pelo executivo, os supermercados que a descumprirem estarão sujeitos a multa equivalente a 100 Unidades Fiscais do Município (UFM) a cada caixa sem empacotador. A fiscalização ficará por conta da Secretaria de Indústria e Comércio e do Procon.

O relator do projeto nas comissões foi o vereador Paulinho do INSS (PT). A previsão é de que a matéria seja votada em plenário na próxima semana.

DONOS DE SUPERMERCADOS E COMERCIÁRIOS TÊM NOVA RODADA DE NEGOCIAÇÕES

Tempo de leitura: < 1 minuto
Gilson Costa, dirigente do Sindicato dos Comerciários.

Gilson Costa, dirigente do Sindicato dos Comerciários.

Patrões e empregados terão nova rodada de negociações para definir percentual de reajuste e piso salarial para trabalhadores em supermercados em Itabuna. A nova rodada está marcada para amanhã, 2, às 17h. Os trabalhadores pedem reajuste de 8,5% para quem recebe entre R$ 734,00 e R$ 1.371,00 de salário. Os representantes dos supermercados oferecem 6,5%.
Além do percentual de reajuste e manutenção de direitos, o presidente do Sindicato dos Comerciários de Itabuna, Gilson Costa, diz que a pauta inclui compensação por jornada de trabalho, adicional para dia de feriado trabalhado e R$ 75,00 de cesta básica no perído de junho a dezembro.
Segundo ele, a pauta é a mais enxuta dos últimos anos. As negociações também são conduzidas pelo delegado em Itabuna do Sindicato dos Supermercados e Atacados de Auto Serviço do Estado da Bahia (SindSuper), Jorge de Castro Mesquita Dantas. Vereador e diretor do Sindicato dos Comerciários, Jairo Araújo participa da mesa de negociações.

O MÍNIMO COMO PISO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Comerciários protestam em frente a supermercado no Centro Comercial de Itabuna.

Comerciários protestam em frente a supermercado no Centro Comercial de Itabuna.

Comerciários e donos de supermercados em Itabuna estão diante de impasse nas negociações para definir o piso salarial específico. Para os empregados, o segmento patronal quer o fim do piso, pagando o salário mínimo. A pendenga pode ser resolvida ainda nesta terça, 26, quando os dois lados sentam-se à mesa para mais uma rodada de negociações.
O Sindicato dos Comerciários promete radicalizar caso não haja acordo. A promessa é de intensificar as manifestações às vésperas da Semana Santa nas portas dos supermercados. Nos últimos dias, os sindicalistas têm feito protestos em que o ator Jaffet Ornelas, simbolizando o piso salarial, se apresenta como um quase-defunto. Quase porque ele – o piso salarial – ainda espera ser ressuscitado, mas a peleja está dificílima…

SUPERMERCADOS COMEMORAM ALTA NAS VENDAS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Do Valor Econômico
O crescimento das vendas no setor supermercadista em 2012, de 5,30% sobre 2011, foi o melhor resultado desde 2009, quando o avanço do setor foi de 5,51%, segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras) divulgados nesta quarta-feira.
A perspectiva da entidade é que as vendas cresçam 3,5% em 2013. “A venda dos supermercados é muito sensível ao efeito renda do trabalhador, mais que a mudança na taxa de juros”, disse em entrevista coletiva Flávio Tayra, economista da Abras.
Segundo ele, a correção do salário mínimo, para R$ 678 em 2013, será menor que no ano passado e, por isso, as perspectivas de aumento nas vendas também são menores.
“A nossa projeção inicial está em 3,5%. Em 2012, revisamos a previsão no meio do ano”, disse Tayra, lembrando que a entidade fica atenta a fatores econômicos que afetem os preços dos produtos.
Leia a íntegra

SACOLAS EM EXTINÇÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

A partir de hoje, supermercados de São Paulo deixam de utilizar sacolas plásticas para empacotar as compras dos clientes. A medida é fruto de acordo com o Governo do Estado e tem adesão de 80% das empresas, sob a justificativa de que as sacolas degradam o meio ambiente.
Do outro lado, indústrias que produzem as sacolas plásticas alegam que o interesse de preservar a natureza não tem nada a ver com a motivação da proposta, que estaria mais relacionada ao interesse dos supermercados de cortar despesas. Estima-se que as empresas farão uma economia de R$ 500 milhões por ano. As indústrias também argumentam que as sacolas são reutilizáveis, como sacos de lixo.
Mesmo com a polêmica, o Governo Federal pretende reproduzir o exemplo de São Paulo no resto do País. O que o cidadão pensa disso? Ninguém perguntou, já que os donos das decisões acham esse negócio de ouvir o povo… um saco!

ITÃO INAUGURA HIPER SÃO CAETANO NESTA SEGUNDA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Nome da embarcação que no passado transportava passageiros entre as regiões Norte e Sul do Brasil, “Ita” foi também a primeira denominação do pequeno mercado surgido em 1961, na cidade de Itororó, e que chegou em 1974 à mineira Montes Claros. Já bem maior e com a marca “Itão”.

A empresa, cujo nome foi inspirado na música “Peguei um Ita no Norte”, de Dorival Caymmi, chegou a Itabuna no ano de 1977 e, na próxima segunda-feira, 28, inicia uma nova fase, inaugurando o Hiper Itão, no bairro São Caetano. Um projeto de R$ 5 milhões, que vai gerar 410 empregos diretos.

O Itão passará a ter duas lojas em Itabuna, além da que funciona na vizinha Ilhéus. A empresa é também dona da bandeira Barateiro, de perfil popular.

Com o Hiper São Caetano, a estratégia será acirrar a concorrência com o Bompreço. Para isso, o Itão pretende investir pesado na agilidade do atendimento, já que a filas demoradas são a principal queixa de quem compra no adversário.

JUSTIÇA PROÍBE ABERTURA DE SUPERMERCADOS NO DIA 1º

Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma liminar da Justiça do Trabalho em Itabuna proibiu a abertura dos supermercados no próximo sábado, 1º, Dia do Trabalhador. A ação foi movida pelo Sindicato dos Comerciários de Itabuna contra os estabelecimentos “de bairro” que insistiam em desrespeitar a convenção coletiva que previa o fechamento em seis datas do ano, inclusive o 1º de Maio.

Segundo o presidente do Sindicato dos Comerciários, Jairo Araújo, “os supermercados de bairro vinham desrespeitando, constantemente, o acordo trabalhista”. A ação judicial, reforça, foi o único caminho para garantir o cumprimento do acordado na convenção. A liminar atinge, pelo menos, 20 pequenos supermercados.

Leia Mais

FILAS COM OS DIAS CONTADOS?

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Procon resolveu abrir guerra às filas abusivas nos supermercados de Itabuna. O órgao já agendou uma reunião com representantes das quatro maiores empresas do ramo para a próxima sexta-feira, 12, para avisar que a partir da próxima segunda-feira (15) vai fazer cumprir a lei municipal 2.122/2009.

O cliente não pode esperar por mais de 20 minutos nas filas, diz a lei (apenas nos feriados, vésperas de feriados e finais de semana esse tempo sobe para 30 minutos). Mas em Itabuna, o que se vê são filas que ultrapassam esses limites brincando.

O diretor do órgão, José Sidenilton, afirma que a fiscalização será primeiro para notificar os infratores. Depois, caso reincidam, o Procon vai aplicar as sanções previstas (25 UFMs – Unidade Fiscal do Município -, 50 UFMs e suspensão do alvará de funcionamento pelo período de 60 dias).

Depois dos supermercados, a ofensiva será contra empresas de telefonia, de energia e de eletroeletrônicos. O que não falta é trabalho.

O telefone do Procon para denúncias é 3613-5210

5 UFM (Unidade Fiscal do Município), 50 UFM e suspensão do alvará de funcionamento pelo período de 60 dias
Back To Top