skip to Main Content
14 de julho de 2020 | 06:39 pm

AOS 20 ANOS, TEATRO POPULAR RELEMBRA MONTAGENS NO “3 ENCENA”

Tempo de leitura: < 1 minuto
20anos_tpi​As comemorações pelos 20 anos do grupo Teatro Popular de Ilhéus (TPI) prosseguem nesta semana com a apresentação, na próxima quinta-feira (20), às 19h, do “3 Encena”, na  tenda localizada na Avenida Soares Lopes. A proposta é que grupos de três atores relembrem, no palco da Tenda, cenas de montagens feitas pelo TPI ao longo desses anos.

Serão relembrados trechos das peças “O Fiscal e a Fateira” (2002), “Sgnarello, o Corno Imaginário (2002)”, “O Quadro” (2003), “Os Fuzis da Senhora Carrar” (2005), “Vida de Galileu” (2011), “O Inspector Geral” (2011) e “1789 – Ópera Afro-Rock” (2013).

A classificação indicativa é livre e o ingresso individual pode ser adquirido na bilheteria da Tenda ao valor de R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia)

Fundado em 1995, por Équio Reis, o grupo nasceu com o anseio de dialogar com as comunidades de Ilhéus, excluídas do processo de produção e consumo de bens culturais. Suas montagens já circularam pelo Brasil, caindo no gosto da crítica especializada.

Inaugurada há dois anos, a Tenda do TPI é administrada pelo Teatro Popular de Ilhéus. A programação (http://goo.gl/raAgxB) é mantida através do Programa de Apoio a Instituições Culturais de Ações Continuadas do Fundo de Cultura da Bahia.

CINECLUBE ÉQUIO REIS EXIBE “OS FILHOS DA MATA”

Tempo de leitura: < 1 minuto
Cineclube exibe "Os filhos da mata" nesta quinta.

Cineclube exibe “Os filhos da mata” nesta quinta.

A Tenda Teatro Popular de Ilhéus (localizada na Avenida Soares Lopes) recebe uma sessão especial do Cineclube Équio Reis, nesta quinta-feira (18), às 19h, com a exibição do documentário Konehõpe Upu Ibá – Os Filhos da Mata. O filme foi produzido pelo coletivo “En Cleta Vamos”, composto por jovens argentinos que viajam pela América do Sul de bicicleta, exibindo filmes gratuitamente.

O documentário teve as imagens gravadas entre os meses de fevereiro e março deste ano, quando os integrantes do coletivo moraram, por um mês, na Reserva Pataxó da Jaqueira, localizada a 13 km de Porto Seguro, no sul da Bahia. Trinta famílias da etnia Pataxó vivenciam a sua cultura e preservam 827 hectares de mata atlântica na localidade.
O documentário aborda assuntos como as consequências do massacre de 1951; o processo de homologação e demarcação do território indígena; a criação de uma escola com educação diferenciada; as tradições e costumes dos Pataxós, e o etnoturismo. Além disso, o filme também enfatiza a importância das mulheres na construção da história daquela comunidade.
Após a exibição, os integrantes do coletivo “En Cleta Vamos” vão falar um pouco sobre a produção deste documentário e responder possíveis questionamentos do público. A classificação é livre e a entrada é gratuita.

SHOW DE ROCK E MPB ABRE PROGRAMAÇÃO DE MARÇO DO TPI

Tempo de leitura: 2 minutos
Crime Organizado abre programação do TPI em março.

Crime Organizado abre programação do TPI em março (Foto Karoline Vital).

Karoline Vital

Com letras autorais questionando as contradições da vida, a banda Crime Organizado e Ayam Ubraus Barco se unem em um show único de rock and roll e Música Brasileira Progressiva (MBP). A apresentação acontece às 19 horas do próximo domingo (15), na Tenda Teatro Popular de Ilhéus (TPI). As entradas custam R$ 20 inteira e R$ 10 meia para estudantes, idosos, titulares do Cartão TPI ou na compra antecipada. O show, com classificação 14 anos, será a primeira atração do mês realizada no espaço cultural, que segue com apresentações teatrais, música, cinema e debates.

Depois de circular por bairros ilheenses, o Cineclube Équio Reis segue vinculado ao projeto Cine Incidental levando curtas-metragens de Chaplin, com trilha sonora executada ao vivo pelos músicos Elielton Cabeça e Pablo Lisboa. No dia 16, fará apresentação na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), às 19 horas. No mesmo horário, nos dias 17 e 24, a atração acontece em frente à Tenda TPI, com entrada franca e classificação livre.

As bandas independentes da região trazem  rap, hip hop e reggae, na terceira edição do Consciência Alternativa. Já estão confirmadas a poesia de Favela, Ogiva MC, Coletivo Rap de Rua, Grupo Kgonbola. O encontro será no dia 21, às 19 horas, com ingressos a R$ 10 e R$ 5. A classificação indicativa é 12 anos.

Leia Mais

CULTURA NEGRA É TEMA DO CINECLUBE EM NOVEMBRO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Cineclube Équio Reis retorna à Tenda do Teatro Popular de Ilhéus (TPI) e dedicará as terças-feiras a curtas-metragens relacionados à consciência negra em novembro. Amanhã (4), a partir das 18 horas, será exibido o documentário Pro Filho que Precisar, que conta a história do Terreiro Matamba Tombenci Neto, narrada por Mãe Hilsa Mukalê. O curta-metragem foi montado por Jaco Galdino, Marinho Rodrigues, Márcio Goldman e Maíra Bühler.
A seleção dos vídeos que serão exibidos ao longo do mês de novembro no Cineclube Équio Reis contou com a colaboração do Grupo de Preservação da Cultura Negra Dilazenze. Foram escolhidos curtas-metragens nacionais e internacionais que trazem diferentes perspectivas sobre a cultura negra e suas colaborações para a sociedade. As exibições serão gratuitas e abertas ao público em geral.
O Cineclube Équio Reis ganhou caráter itinerante, exibindo filmes em praças, escolas, igrejas e entidades de vários bairros de Ilhéus. No último mês, o projeto prestou homenagem às crianças e, além dos curtas-metragens, levou um show de palhaços à Associação Centro Educacional de Ação Integrada (ACEAI) Nossa Senhora da Vitória.

FINAL DE SEMANA RECHEADO NO TPI

Tempo de leitura: < 1 minuto
Casa de Farinha é atração desta sexta na Tenda do TPI.

Casa de Farinha é atração desta sexta na Tenda do TPI.

A Tenda Teatro Popular de Ilhéus (TPI) terá duas atrações neste final de semana. Hoje (22), a Cia de Dança Sôanne Marry apresenta Casa de Farinha, às 20h. Neste sábado (23), MCs e DJs participam do encontro Consciência Alternativa, a partir das 17h.
O espetáculo de dança Casa de Farinha é inspirado nos livros Farinha, Madeiras e Cabotagem: a capitania de Ilhéus no antigo sistema colonial, do historiador Marcelo Henrique Dias, e Tambores de Angola, de Robson Pinheiro.
O encontro Consciência Alternativa terá dez apresentações de grupos de jovens talentos sul-baianos. Para cada espetáculo, o ingresso custa R$ 20,00 e R$ 10 para estudantes e idosos. A meia vale também para titulares do cartão fidelidade TPI.

CULTURA: CARTÃO TPI OFERECERÁ ATÉ 15% DE DESCONTO EM LIVRARIA ILHEENSE

Tempo de leitura: 2 minutos
Karoline Vital, do TPI, e Bruno Vita, da Papirus, exibem termo de parceria.

Karoline Vital, do TPI, e Bruno Vita, da Papirus, exibem termo de parceria.

Quem possui Cartão do Teatro Popular de Ilhéus (TPI) terá 10% de descontos em livros e 15% de descontos nos demais produtos da Papirus Livraria, em Ilhéus, que se tornou a mais nova parceira do programa de descontos e de incentivo à cultura.
– Nossa intenção é aumentar a rede de parceiros para oferecer ainda mais benefícios aos nossos associados, que já têm direito a pagar meia-entrada durante um ano em todos os espetáculos da Tenda, além de abatimento nas mensalidades de cursos e oficinas – disse o coordenador administrativo do TPI, Antônio Melo.
O Cartão TPI tem, ainda, como parceiros a Pizzaria Pinocchio e a Lanchonete Praça do Mestre, que concedem desconto de 5% em refeições e lanches a titulares do cartão. O benefício é garantido com a apresentação do cartão e de documento de identidade com foto.
O termo de parceria do Teatro Popular de Ilhéus com a Papirus foi assinado pelo gerente da loja, Bruno Vita, e a coordenadora de comunicação do TPI, Karoline Vital. A loja fica no Shopping It´Art, no calçadão da Dom Pedro II, no centro histórico de Ilhéus.
Para ter direito ao benefício, o associado deverá apresentar o Cartão TPI e um documento de identidade com foto. Para se associar, é preciso preencher um cadastro e pagar a taxa anual de R$ 25,00.
Karoline explica que as empresas parceiras do Cartão TPI ganham espaço para expor suas marcas no espaço cultural, além do nome do estabelecimento ser incluído na mensagem de serviço, antes dos espetáculos. Em contrapartida, podem oferecer descontos ou brindes para os titulares do Cartão TPI. Informações pelo telefone (73) 4102-0580.

TPI LANÇA CAMPANHA QUE MOSTRA COMO DOAR E RECEBER RESTITUIÇÃO DO IR

Tempo de leitura: 2 minutos
lll

Tenda do Teatro Popular de Ilhéus, na Avenida Soares Lopes (Foto TPI).

O Teatro Popular de Ilhéus (TPI) lançou campanha para captar doações e patrocínios para manutenção do grupo e da tenda cultural na Avenida Soares Lopes. Sou Parceiro busca captar doadores pessoas físicas que optam pelo modelo completo de declaração do Imposto de Renda.
Os doadores podem aplicar até 6% do valor pago e recebê-lo, integralmente, na próxima declaração. Sendo pessoa jurídica, se a empresa for tributada em lucro real, o limite do percentual é de 4% do imposto devido e o investimento pode ser abatido ou deduzido.
LEI ROUANET
A campanha do TPI foi aprovada pela Secretaria de Fomento à Cultura do Ministério da Cultura, por meio da Lei Rouanet, autorizando a captação de R$ 1,9 milhão para dinamização do grupo e apresentações de cinco espetáculos do seu repertório em Ilhéus.
O valor a ser captado também financiará remontagem, ensaios abertos e apresentação de A estória engraça e singela de Fuscão – o quase capão – e o cabo eleitoral, de Équio Reis;  turnê da ópera afro-rock 1789 em Salvador e no Rio de Janeiro; além de cursos e oficinas. Ao todo, serão 66 apresentações para um público estimado de mais de 13 mil pessoas.
– Qualquer valor pode ser depositado. A pessoa escolhe o destino do seu imposto e ainda colabora com a cultura brasileira – afirma  o diretor artístico do TPI, Romualdo Lisboa.
Os interessados devem efetuar depósito identificado com o valor desejado na conta bancária do projeto, aberta e supervisionada pelo Ministério da Cultura. O doador receberá comprovante de renúncia e será ressarcido no ano seguinte, seja como restituição ou abatimento no valor do IR a ser pago.
BRINDES A DOADORES
As pessoas físicas que doarem a partir de R$ 15 receberão brindes do Teatro Popular de Ilhéus. Há um kit de presentes diferenciados para cada valor, que podem incluir cartão postal, livros, Cartão TPI, DVDs e entradas gratuitas.
No caso de pessoas jurídicas, a empresa patrocinadora do projeto terá sua logomarca divulgada em material gráfico, releases, mídias digitais, CDs e DVDs. Para mais informações, os interessados podem ir à Tenda Teatro Popular de Ilhéus, na Avenida Soares Lopes, ou ligar para (73) 4102-0580, em horário comercial.

CINEMA E DANÇA NO TPI

Tempo de leitura: < 1 minuto
Filmes de Charles Chaplin são atração na Quarta do Cinema

Filmes de Charles Chaplin são atração na Quarta do Cinema

A Tenda do Teatro Popular de Ilhéus, na Avenida Soares Lopes, segue com sua programação de janeiro, com atrações para todos os públicos.
Amanhã é dia da Quarta do Cinema, com exibição gratuita do Cine Incidental a partir das 19 horas. Nesse projeto, os músicos Elielton Cabeça e Pablo Lisboa executam ao vivo efeitos e trilha sonora de clássicos de Charles Chaplin. O filme em cartaz será o curta Dia de Pagamento.
Na Quinta da Dança, a Tenda do TPI recebe, a partir das 20 horas, o espetáculo Casa de Farinha, da Cia. de Dança Sôanne Marry e Ballet Folclórico do Ifba. Ingressos a R$ 20,00, com direito a meia-entrada para estudantes, idosos e titulares do cartão de fidelidade do TPI.

PROGRAMAÇÃO VARIADA NA TENDA DO TPI

Tempo de leitura: < 1 minuto

tenda tpi

A Tenda Teatro Popular de Ilhéus (TPI) inicia 2014 com um leque variado de atrações. A programação inclui cinema, teatro, dança e música para plateias de gostos e idades diferentes.
Sábado Sim Verão abre a programação de janeiro neste sábado (04), a partir das 20 horas, com shows das bandas Enttropia e IOS. Este evento é realizado em parceria com o Coletivo Chocolate Groove, trazendo o melhor da música independente da região. As entradas custam R$ 20 a inteira e R$ 10 para estudantes, idosos e titulares do Cartão TPI.
Ao longo deste mês, a Tenda oferece a Quarta do Cinema, com o Cine Incidental, no qual serão exibidos filmes mudos de Charles Chaplin, sonorizados pelos músicos Elielton Cabeça e Pablo Lisboa. Na Quinta da Dança, a Cia. de Dança Sôanne Marry, A-RRISCA, Núcleo da Dança, Balé Afro Dilazenze, Grupo de Dança do Disk Emoções e Rafaela Canabrava trazem variados estilos de expressão corporal.
Para a Sexta do Teatro, estão programados os espetáculos Auto do Boi da Cara Preta (dia 10), 1789 (dia 17), Teodorico Majestade – as últimas horas de um prefeito ( dia 24) e Lendas da Lagoa Encantada (31).
A agenda traz ainda o projeto Conto e Cantigas, com atividades exclusivas de incentivo à leitura e musicalização para crianças. Para participar, basta pagar uma taxa de adesão de R$ 15, que vale por um ano. O próximo encontro será no dia 25, a partir das 16 horas.

TENDA DO TEATRO POPULAR FICA DENTRO D’ÁGUA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Tenda foi invadida pela água

Tenda foi invadida pela água

Prejuízos estimados em mais de R$ 100 mil são a triste consequência das chuvas para o Teatro Popular de Ilhéus, hoje o único espaço cultural da cidade com uma programação regular de eventos. A tenda do TPI, situada na Avenida Soares Lopes, foi invadida pela água, que atingiu equipamentos de informática, som, iluminação, cenários, figurinos, livros e documentos.

Segundo a assessoria do Teatro, o levantamento dos danos ainda é parcial, o que significa que o prejuízo estimado pode aumentar. A inundação afetou o Núcleo de Produção Audiovisual e a Biblioteca Jorge de Souza Araújo, implantada recentemente.

“Só depois que o tempo melhorar, poderemos avaliar as avarias com exatidão”, explica o diretor artístico do TPI, Romualdo Lisboa. Por causa dessa situação, o grupo foi obrigado a adiar o espetáculo Casa de Farinha, que estrearia neste fim de semana.

Água tomou conta da área interna da tenda do TPI (fotos Karoline Vital)

Água tomou conta da área interna da tenda do TPI (fotos Karoline Vital)

Back To Top