skip to Main Content
6 de julho de 2020 | 02:21 am

ITABUNA: PACIENTE BATE O SINO E COMEMORA FIM DO TRATAMENTO CONTRA O CÂNCER

Tempo de leitura: < 1 minuto

Gildo e a esposa comemoram o fim do tratamento contra o câncer || Foto Karina Lins

Após seis meses de tratamento, o paciente Gildo do Sacramento Cunha pôde bater o sino no setor de Quimioterapia da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. O soar do sino significa o fim do tratamento contra o câncer.

Gildo iniciou o tratamento de colo retal em 8 de janeiro e foi liberado em 16 de julho. Ao lado da esposa, o paciente agradece a toda a equipe no período em que ficou em tratamento.

– A fé em Deus foi muito grande. Fui muito bem recebido e quero agradecer a toda equipe do hospital que me acolheu – disse Gildo, emocionado.

Logo após bater o sino, Gildo recebeu o abraço coletivo de toda a equipe da Quimioterapia. Os profissionais ressaltam que são histórias com a de Gildo que levam a instituição a cumprir a missão de servir, com excelência, a experiência do cuidar.

AS AGRURAS DE UMA PACIENTE COM CÂNCER

Tempo de leitura: < 1 minuto

via-crúcis2Uma paciente de Ilhéus que faz tratamento do câncer em Salvador reclama de dificuldades enfrentadas para a viagem à capital baiana.
Fala a paciente:
– Todos os meses tenho que ficar me humilhando, correndo atrás da minha passagem. Esse mês não foi diferente. Só que, infelizmente, eles não me deram a passagem e ficam empurrando [de] um para o outro – disse A.A.
A paciente é atendida pelo programa Tratamento Fora de Domicílio (TFD), financiado pelo Ministério da Saúde. Ela até conseguiu trocar o horário da quimioterapia em Salvador, na esperança de obter a passagem. Em vão.
A.A. enfrenta metástase em vários órgãos, o que aumenta ainda mais os riscos. Mas nem isso sensibilizou dois dos funcionários da Central de Regulação. “Minha quimio estava marcada para 27 de maio.
Resta à secretária da Saúde, Ledívia Espinheira, se posicionar. Agora, se fazem isso com pacientes que enfrentam quadro delicado de saúde, imagine…

Back To Top